domingo, 28 de setembro de 2008

A União Soviética é aqui e agora. Até quando?

Edição de Artigos de Domingo do Alerta Total http://www.alertatotal.blogspot.com

Adicione nosso blog e podcast aos seus favoritos.

Por Jorge Serrão


A dita-dura não é mole! O espectro do totalitarismo toma conta do Brasil. Sua marca evidente é a ação ostensiva do Governo Ideológico do Crime Organizado. Suas manifestações objetivas são os seguidos atentados terroristas praticados pelos três poderes contra a Segurança do Direito Natural. A Democracia precisa ser defendida e praticada contra o desgoverno do crime e seus tentáculos subterrâneos.

O Estado Policialesco, com a conivência da Injustiça, tenta infernizar, psicologicamente, a vida de seus inimigos. Infelizmente, consegue intimidar quem tem rabo preso com o crime. Mas quem tem independência, liberdade e honradez para combater o mal não se curva a ameaças rasteiras, de cobras criadas no submundo do autoritarismo, como legítimos filhotes das ditaduras que sempre assombraram o Brasil.

Agora, na Era Petralha, o entulho ditatorial aposta que vai se ampliar. Até porque acredita que não sofre reação. Baseados nesta crença, os déspotas de plantão avaliam que o terreno é fértil para seus abusos. O Boi deles vai para o brejo exatamente por confiar que pode agir impunemente, como se fosse um mero dedo-duro (alcagüete) de outros tempos que se borra de medo que seu “protetor” vaze a verdadeira história do filhote da ditadura. Popularidade (fabricada por pesquisas bem pagas e por ação de mídias amestradas) não garante impunidade a ninguém.

Pode até parecer. Mas o Brasil não é um grande Bangu I. Os cidadãos de bem são pessoas comuns que trabalham honestamente e querem ser felizes. A turma do bem não suporta mais ser vítima da ação sistemática dos criminosos no poder. Ninguém em sã consciência suporta mais os efeitos perversos da corrupção, dos impostos elevadíssimos, dos juros absurdos, dos abusos de autoridade, da falta de educação e saúde – junto com o descontrole total da sociedade sobre os poderes Executivo, Legislativo e Judiciário.

Os aparelhos ideológicos, repressivos e terroristas do Estado agem impunemente. O Governo Ideológico do Crime Organizado usa e abusa de cinco instrumentos de poder. 1) Ideologias ou Ideocracias. 2) Corrupção, Violência ou Terror. 3) Legislações ou regras globais. 4) Diferenças: Regionais, Políticas, Econômicas, Sociais, Religiosas, Raciais etc. 5) Controle e Gestão Global da Comunicação de Massa.

Quando não conseguem controlar a mídia, os criminosos no poder apelam para a ignorância jurídica e cometem abusos legais. Agem nos subterrâneos do poder policialesco, e iludem o Judiciário para intimidar a atividade jornalística, através de inquéritos e inquisições de bastidor. Praticam um crime hediondo contra a liberdade de expressão prevista na Constituição em vigor.

Como editor-chefe deste humilde Alerta Total faço questão de repetir. Em meus 25 anos de jornalismo diário, nunca me curvei a intimidações, quaisquer que fossem. Aviso novamente aos navegantes e aos bandidos de tocaia nos podres poderes que não faço parte do partido político no poder, não trabalho para o governo formal em nenhum de seus poderes, não corroboro com a mídia amestrada e nem faço parte de máfias ou facções criminosas. Portanto, não faço parte do Governo Ideológico do Crime Organizado. Aliás, sou seu inimigo figadal.

Na minha infância, morei e fui criado em pé de favela. Por sorte, meus pais me deram educação e me ensinaram que não valia a pena ser bandido (como seria o destino fatal de alguns de mais colegas de infância). Desde criança, aprendi que o crime só produz infelicidade, violência e medo. Por isso nunca tive medo de enfrentar o crime, em suas mais variadas facetas, ao longo de minha vida jornalística.

Agora, o crime comete abusos contra o meu trabalho. Tenta interferir em minha vida privada, causando prejuízos morais para algumas pessoas próximas a mim. Como não sou filho de chocadeira e nem tenho vocação para babaca, vou reagir dentro da legalidade, da democracia e da liberdade de expressão.

Em meu passado profissional, aprendi que, para combater e superar a patrulha ideológica do crime organizado, é preciso aplicar o lema de um antigo e famoso programa policial da Super Rádio Tupi do Rio de Janeiro – onde fui editor. Na “Patrulha da Cidade”, no combate ao crime, a vinheta sorturna, criada pelo falecido Samuel Corrêa e por Juarez Gentirana, sempre lembra: “Quem não reage rasteja”...

Os segmentos (que se espera) esclarecidos não podem mais deitar eternamente, em berço esplêndido, esperando pelo pior ainda por vir, enquanto da democracia sofre ação criminosa dos terroristas no poder. A União Soviética é aqui e agora. Mas os brasileiros de bem, patriotas, não deixarão que o totalitarismo aqui se instale por muito tempo. A reação já começou. Por isso, o governo do crime anda tão apavorado.

Aos inimigos da democracia e da liberdade de expressão, mais uma vez, uso a distinta Cris Nicolotti, para lhes mandar meu sincero recadinho: www.youtube.com/watch?v=dHpSCHxb780

Jorge Serrão, jornalista radialista e publicitário, é Editor-chefe do blog e podcast Alerta Total. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. http://alertatotal.blogspot.com/ e http://podcast.br.inter.net/podcast/alertatotal

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 28 de Setembro de 2008.

19 comentários:

Anônimo disse...

Serrão



boa.... muito boa

Cris Nicoletti nelles!!!!

Esperança disse...

CONVOCAÇÃO URGENTE
NÓS TEMOS FORÇA SIM!

http://www.youtube.com/watch?v=1s8g6KHZDVE&eurl

Fonte: Assessoria de Comunicação do MNP.

Convocação - TRAGA SEUS TRATORES E CAMIÕES!

A diretoria do MNP convoca todos os cidadãos para manifestarem sua insatisfação quanto à demarcação de propriedades rurais.
Convocação

O MNP – Movimento Nacional de Produtores - convoca todos os cidadãos sul-mato-grossenses para participarem da manifestação pública que será realizada em Miranda-MS nesta segunda-feira dia 29 de setembro de 2008, com o objetivo de demonstrar a insatisfação da população do estado contra a ampliação das terras de aldeias indígenas já existentes, comprometendo a economia das cidades, expropriando terras produtivas.

Local: Cidade de Miranda – no Zero Hora (na entrada da cidade).
Data: 29 de setembro de 2008
Horário: Reunião a partir das 6 horas
Saída da passeata 7 horas e 30 minutos em direção ao centro da cidade


Compareçam!

Só seremos fortes se estivermos unidos!

Movimento Nacional de Produtores

Anônimo disse...

There are no solutions; there are only trade-offs. (Thomas Sowell)
Toda essa gente que se diz de "direita" na política, faz promessas de construção de um estado democrático de direito fundamentado no direito natural e nos costumes e tradições culturais. Nos últimos quarenta anos, no roldão das profundas mudanças planetárias - científicas, politicas e economicas - parece que os responsáveis pelo destino das nações (nação = povo, gente de carne e osso) esqueceram as reformas educacionais.

Esqueceram que educação é uma continuidade, um exercício permanente que conduz aos estágios superiores de uma civilização. Esqueceram que a educação integral está indissoluvelmente ligada aos traços culturais - história, crenças - saude mental e física das populações e estabilidade política, aquela que permite a cada familia, a cada cidadão contar com a certeza de poder construir com segurança para viver e criar os filhos dignamente.

Os políticos parecem ter esquecido da propria educação pessoal, trocando o saber universal pela esperteza, pela vilania e banditismo que caracteriza as negociatas, corrupção e propaganda enganosa. Isto vale tanto para os que se dizem comunistas, esquerdistas, direitistas, democratas, socialistas, coluna do meio, mais prá lá do que prá cá, vendidos ou qualquer outra denominação.
Ir de encontro aos ditadores é a mais digna das condições de vida e manifestação de amor.
Restam poucos Serrão. Mas nesta trincheira, você pode contar com a solidariedade e respeito destes poucos.
O banditismo imperante começa a dividir-se e sentir cair as máscaras que utilizam para submeter as nações. Você foi um dos que alertou para a bandalheira que hoje vivemos na economia internacionalizada e controlada por um grupinho de "deuses" financeiros. Os mesmos que corrompem e utilizam a cambada cujo único interesse é roubar os que trabalham, produzem a riqueza e querem apenas criar suas famílias dignamente.

Anônimo disse...

O Brasil esta parecendo aquele marido corno, que em casa é valentão, ruím com os filhos e bate na mulher, persegue os empregados e outras babaquices mais e por isso pega um chifre danado. Porém fora de casa, é outra coisa, fica todo delicado com os amigos, ajuda a todos, sempre arranja uma desculpa para defende-los, as vezes fica até contra o pessoal de casa e etc e tal..Se não vejamos. EM CASA: perseguição a jornalista que não se vende, deixa sucatear as forças armadas, juros exorbitantes, perseguição a proutores rurais, juros, taxas, energia, água, telefone, gasolina impostos exorbitantes, salários dos servidores de carreira uma merda, segurança, saúde e educação outra merda e por ai vai.. Agora se tratando de FORA DE CASA: Perdoa dívida de caloteiros e ainda empresta mais dinheiro, beija o Evo Coca Morales depois que as instalações da Petrobras são invadidas e o bem dos brasileiros é usurpado, fica de 4 para o Paraguai por causa da ITAIPU, coloca o embaixador brasileiro para defender o Equador no caso Oderbrecht e do calote no BNDES, prende e entrega dois atletas cubanos aos seus algozes para agradar seus comparsas comunistas, vive batendo nos militares e por ai a fora, portanto meu caro Jorge, tenha esperança, poruqe ainda não vi nem "corno" com um final feliz.

Anônimo disse...

Assino embaixo!!!

Anônimo disse...

Só para não esquecer da Raposa Serra do Sol.

Índios protestam contra instalação de igreja em aldeia

Postado no 17/01/2008
por André

Índios de Mato Grosso do Sul pedem à Fundação Nacional do Índio (Funai) a retirada das igrejas de dentro das áreas de reserva. Eles temem a perda da identidade cultural. Funai decidiu “defender a forma tradicional” de organização dos indígenas.

Parte dos índios das aldeias de Panambi e Panambizinho não quer a instalação de uma igreja na área da reserva. Eles temem a perda da identidade cultural com o estímulo a uma tradição que não faz parte dos costumes da aldeia.

Para um cacique, se uma igreja for instalada, vai ser difícil evitar que representantes de outras religiões também queiram garantir espaço na aldeia.

O assunto gerou polêmica porque um grupo de indígenas costuma freqüentar os cultos religiosos. “Nós estamos aqui e nunca saiu briga, nada, só alegria e paz no coração”, afirma o representante da igreja, Donizete Capilé.

Margarida Nicoletti, administradora regional da Funai, foi chamada para acabar com o impasse. Depois de ouvir os índios, ela tomou uma decisão. “A Funai vai trabalhar para tirar da aldeia essas religiões. Eles não estão concordando com isso. Portanto, nós vamos defender a forma tradicional de se organizarem”, diz.

A decisão da Funai não deve ficar restrita à aldeia de Panambi. As igrejas situadas na reserva indígena de Dourados (MS) também serão notificadas. Para isso, a fundação vai contar com a ajuda da Polícia Federal e do Ministério Público Federal.

A decisão da Funai foi baseada em uma norma que orienta a preservação da cultura indígena.

OBS MINHA. E TAMBÉM PELA CONSTITUIÇÃO

Isso tem que valer pro Brasil todo, inclusive pra Roraima.


--------------------------------------------------------------------------------

Anônimo disse...

assino embaixo também...

Cris disse...

Avante, Serrão! Você não é o primeiro jornalista que eles tentam intimidar. Alguns se acovardaram e se calaram. Outros, venderam suas almas por mixaria.
E poucos reagiram e reagem, botando a boca no trombone e gritando mais alto ainda.

Para essa gente, basta encarar e bater o pé, dizendo "passa!", para que, como ratos que são, saiam de fininho.

Anônimo disse...

A urna não absolve ninguém, mas a história condena.

Lula não perde por esperar!

Flavio disse...

Caro Jorge Serrão e leitores deste blog,

Sou mais um dos indignados deste país contra a este (des)governo e às trapalhadas dos outros também. Sinto, como outros patriotas, que o que o nosso povo está precisando mesmo é de educação de verdade. Um plano de educação que transcende governos, para que daqui uns 20 anos esse país esteja bem melhor, mas teríamos que mudar já.

Tenho uma proposta interessante, após assistir ao vídeo postado pelo nosso colega Esperança, e ao ver um organograma de como a OFT (Oligarquia Financeira Transnacinal) opera. Minha proposta seria criar uma página na Internet, um blog, ou uma comunidade no Orkut com o nome: "Não quero mais esquecer". O objetivo seria relacionar todos os podres dos nosso políticos, sejam de que partido forem. Baseando-se em fontes de informação de domínio público e rastreáveis. Montar também algum esquema para mostrar como esses políticos estão relacionados uns com os outros e com quem os financia. Nisto entram instituições, grandes empresários e corporações. Temos que conhecer bem quem são os atores e diretores deste palco.

Alberto Mendes disse...

Serrão,
parabéns pelo trabalho,
a história vai a se repetir, estamos a reviver a Europa no final dos anos 20,
a oligarquia irá unir-se ao partido no poder,
tempos duros estão no horizonte,
a estratégia para a troca da moeda mundial está posta em prática,
a economia deixará de sustentar o sonho vermelho e a força será o instrumento para elles manterem o poder por aqui,
aquele outro da CrisNicoletti tbém é altamente apropriado!
FORÇA meu Caro,

Anônimo disse...

Estamos na luta com você, Serrão! O problema é que essa esquerdalha estava acostumada a sempre ter voz, e agora que estamos reagindo, eles estão morrendo de medo da máscara cair.
Faço um apelo a todos brasileiros patriotas, comecem a espalhar essas notícias de corrupção ao maior número de pessoas possíveis, isso já é um bom começo. E quem quiser conhecer o que os terroristas da esquerda estavam fazendo no regime militar, baixem o Projeto Orvil pelo seguinte link:

http://www.averdadesufocada.com/index.php?option=com_content&task=view&id=737&Itemid=78

O Brasil precisa conhecer a verdade sufocada!

Anônimo disse...

Estamos na luta com você, Serrão! O problema é que essa esquerdalha estava acostumada a sempre ter voz, e agora que estamos reagindo, eles estão morrendo de medo da máscara cair.
Faço um apelo a todos brasileiros patriotas, comecem a espalhar essas notícias de corrupção ao maior número de pessoas possíveis, isso já é um bom começo. E quem quiser conhecer o que os terroristas da esquerda estavam fazendo no regime militar, baixem o Projeto Orvil pelo seguinte link:

http://www.averdadesufocada.com/index.php?option=com_content&task=view&id=737&Itemid=78

O Brasil precisa conhecer a verdade sufocada!

Anônimo disse...

Precisamos urgentemente de um "CHACAL"

Deforti disse...

A Globo transformou o Lula em um popstar com bilhões em propaganda enganosa, voce anda na rua e só vê arrastão, menor abandonado, gente se prostituindo, assaltos, violência, abandono, falta de hospitais, escolas que os alunos nem sabem ler, falta de saneamento básico, destruição ambiental, florestas sendo devastadas...
Aí vem o ilusionista falar do Pré-sal, que vai ter teleférico na Rocinha, que vai ter mais de 60 usinas atômicas, da aprovação conseguida com bolsa esmola para mais de 50 milhões de pessoas...
Nunca vi tanta mentira, ta tudo dominado, tudo junto e misturado, o judiciário do Gilmar Mendes com o legislativo do Sarney e do Jader Barbalho, com os candidatos relaxa e goza da Marta e estupra mas não mata do Maluf, que diabos aconteceu com o Brasil???
O Fernando Gabeira é o único Homem que tem personalidade e moral pra tirar o poder do diabo e dos demônios PT-DEM.
O pelego do Lula tem quatro gaiatos para candidato aqui no Rio de Janeiro. O enviado do bispo da universal studios, o Crivela; o apóstolo que ja rodou por todos os partidos, o Eduardo Paes; a que diz ser médica, mas nunca fez nada na área da saúde, Jandira Feghali e o do Partido dos Traidores, que instituiram uma ditadura e uma censura ideológica ao estilo Fidel, o Alessandro Molon.
Não se deixe enganar, Gabeira é o Homem que precisamos!!!

Deforti disse...

porra, ta foda de escrever nesse blog!!!
ja não basta a censura e controle ideológico dos pelegos golpistas...
a gente não tem vez mesmo, acho que nem da ditadura a gente se fodeu tanto, fazer o que...

Anônimo disse...

O site averdadesufocada já esta incluída apartir de agora em meus favoritos. Se os militares precisam de apoio popular, de mim já o tem e digo mais..Nem um pais é livre se não conseguir separar o Estado da igreja.

Anônimo disse...

Mulambentos comunocapitalistas raivosos:

Tentem ler os poemas derramados de Tarso Genro em seguida, liguem a TV e ouçam o maior falsário deçepaís de bosta, contanto potocas pros otários com e sem diproma e corram pra uma sessão de descarrego na IURD mas, aqui vai um alerta - os felizes bispos de mãos cheias não gostam de gente "mão fechada", portanto, levem milhões de reais para demonstrarem sua fé e quem sabe, comprarem um flat no reino!!!!

Anônimo disse...

Li algumas enquetes e achei um absurdo o que está descrito em algumas delas.
Isso é uma piada de péssimo gosto, não posso concordar com essa palhaçada que não fala do autoritarismo de José Serra, como governador do Estado de São Paulo, que não é do partido que está no poder federal.
No Estado de São Paulo ainda vigora a "Lei da Mordaça" que impede servidores públicos de fazer qualquer reclamação sobre as condições de trabalho oferecidas pelo governo. É entulho da ditadura militar. No entanto, o governador José Serra vetou um projeto de lei que revogaria a "Lei da Mordaça". Agora eu pergunto, quem é o ditador nessa história?