sexta-feira, 21 de novembro de 2008

Lula assina novo PGO, e Oi só depende de injeção de dólares para cumprir prazo de compra da BrT

Edição de Sexta-feira do Alerta Total http://alertatotal.blogspot.com/

Adicione nosso blog e podcast aos seus favoritos.

Por Jorge Serrão


A Oi ainda depende uma injeção de dólares (escassos e em alta no mercado) para sacramentar a tão desejada compra da Brasil Telecom. O banco Credit Suisse, que assessora o negócio, deve injetar recursos junto com um pool de bancos. Fundidas Oi e BrT, a tendência é que a supertele seja revendida. Tudo indica que o novo e real dono da empresa sairá do grupo de bancos ou investidores que ajudarão a fundi-las.

Pelo contrato assinado em 25 de abril, as duas empresas, BrT e Oi, têm prazo até 21 de dezembro para concluir o negócio. Caso contrário, a Oi terá que pagar uma multa de R$ 490 milhões à Brasil Telecom por não fechar o negócio. A sorte é que o acordo firmado entre as duas empresas prevê uma extensão de prazos. E sem multa.

O novo Plano Geral de Outorgas – o tão esperado PGO que permite que a OI compre a Brasil Telecom – está publicado hoje no Diário Oficial da União. O chefão Lula da Silva finalmente cumpriu sua parte e assinou o decreto com as propostas feitas pelo Ministério das Comunicações ao texto aprovado pela Agência Nacional de Telecomunicações.

O novo PGO é uma mãe. No artigo 6º, foi incluída uma cláusula determinando que as transferências de concessões devem beneficiar o interesse dos usuários econômicos e sociais do país. E também ficou estabelecido no artigo 7° permissão para a controladora ou a concessionária ter o capital aberto.

Apenas por formalidade, mesmo com o novo PGO, após o fechamento do negócio, tudo terá que passar pela aprovação da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). Os dois órgãos não vão criar problemas para o negócio, porque a pressão político-econômica e a conjuntura de crise não permitem.

Na edição de 13 de novembro, o Alerta Total avisou que o circo já estava armado para o fechamento do mega-negócio que interessa à empreiteira Andrade Gutierres, ao Grupo La Fonte, a Daniel Dantas e aos amigos e aliados de Lula. Reveja: Planalto administra pressão nos bastidores para que seja logo fechada a fusão da Oi com a Brasil Telecom


Descoberta de oportunidade

A Petrobras comunicou à Agência Nacional de Petróleo (ANP) que concluiu a perfuração de dois novos poços na seção pré-sal do litoral do Espírito Santo e comprovou expressiva descoberta de óleo leve (30 graus API) na área denominada Parque das Baleias.

O volume recuperável das descobertas, feitas em reservatórios do pré-sal localizados abaixo dos campos de óleo pesado de Baleia Franca, Baleia Azul e Jubarte, é estimado pela empresa entre 1,5 bilhões e 2 bilhões de barris de óleo equivalente (boe).

Os poços 6-BFR-1-ESS e 6-BAZ-1DB-ESS foram perfurados a cerca de 80 quilômetros da costa e a cinco e seis quilômetros a norte e a sul, respectivamente, do poço descobridor 1-ESS-103A, localizado na seção pré-sal abaixo do campo de óleo pesado de Jubarte, que já produz, com alta vazão, desde setembro deste ano.

Toda vez que alguma coisa ruim acontece ou está no ar para acontecer, a Petrobrás vem com novidades como essa...

Insônia braba

O oitavo banco do mundo em valor de mercado (antes da megacrise) faz jus ao seu slogan publicitário: “The Citi neves sleeps”.

Mas os diretores do Citigroup não conseguem mais dormir, nos últimos tempos, por causa da queda assustadora de suas ações, como ocorreu ontem (- 26% em Nova York).

O executivo-chefe da instituição, Vikram Pandit, que baixou no Brasil esta semana, faz hoje uma reunião de emergência com seus administradores seniores para avaliar a possibilidade de leiloar partes do gigante financeiro ou até vender a companhia toda.

Olho no lance...

Os dirigentes do Bradesco estão de olho no desdobramento de tal encontro, porque interessa muito uma aquisição ou fusão do Citi no Brasil ou América Latina.

O Bradesco, que recentemente já se reforçou com a carteira de crédito de um dos mais elitizados bancos do País, negocia uma parceria, também, com o poderoso Banco Safra.

Tudo para diminuir o impacto da mega-fusão Itaú-Unibanco e do Banco do Brasil-Nossa Caixa.

Doença gravíssima

Até domingo, o editor-chefe deste Alerta Total foi acometido de uma doença rara e gravíssima: vascainite aguda.

Mas a junta médica que nos atendeu garante que o mal passa logo.

Cura-se logo ao apito final de Vasco x São Paulo, em São Januário.

Depois disso, continuamos Flamengo até morrer, mesmo que o Mengão morra na praia neste Cmpeonato Brasileiro.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 21 de Novembro de 2008.

6 comentários:

Anônimo disse...

Ô jornalista puxa saco do Flamengo! Deve ta ganhando dos cartolas pra fazer propaganda do que foi um time respeitado. Nem o Ronaldo gordo os caras cacifam. Ja´era.

Anônimo disse...

Daqui a pouco o BB compra o City Bank e se internacionaliza de vez. E as confusões telefônicas vão pesar mais no bolso dos usuários. A quadrilha cobra tarifas que estão entre as mais escorchantes do mundo. Aqui tudo é mais caro pra os consumidores. Também, com os juros, impostos, taxas e os cambáu!!!

Mario disse...

Vascainite? Nem assim...

Por mérito, vai dar tricolor de novo... essa é a rotina...

Alerta Total de Jorge Serrão disse...

O triste, grande Mário, é que vc está praticamente certo... Mas, como diz a inteligente loura Eliana da Record, "tudo é possível"...

Anônimo disse...

Qual o clube que mais foi ajudado pela arbitragem em 2008?! esse vai ser o campeão..claro que é ele o S. Paulo, nem vou relembrar os casos.. os flamenguistas nem podem se queixarem pois já foram diversas e inumeras vezes também ajudados. E assim que funciona o nosso futebol, e pronto.

Anônimo disse...

Ô Serrão?

Cênumhéra Botafogo?

Sivirou framengo, agora sófarta entrá pra Confraria do Garotinho, aquele...

Toma tenência...