sábado, 8 de agosto de 2009

Guerra ideológica é uma fria


Artigo no Alerta Total - www.alertatotal.net

Por Jorge Serrão

O retorno da guerra fria ao marketing político norte-americano já esquenta a cabeça do presidente Barack Hussein Obama. O novo ataque contra o ilustre queniano agora é um logotipo Obama grafado com a foice e o martelo – símbolos do comunismo. Obama já fora retratado, semana passada, com uma foto-montagem que o transformava no Coringa – maior inimigo de Batman -, acompanhado da palavra “socialismo”.

Os opositores ideológicos de Obama indagam: Ele realmente acredita no socialismo, marxismo ou comunismo? Será que a “change” (mudança) por ele proposta na campanha presidencial representa um objetivo de longo prazo de Obama para implantar os “ismos” nos Estados Unidos da América? Qual será o futuro dos EUA com Obama?

Antes de tirar tais dúvidas, cabe indagar a quem interessa tal “guerra fria”? Rotular Obama de socialista ou comunista faz pouca diferença. Ele é um mero agente consciente que serve à estratégia da Oligarquia Financeira Transnacional de alimentar divisões ideológicas artificiais, para esconder outros objetivos.

Ideologia todo mundo tem o direito de ter a sua. Desde que saiba muito bem que toda ideologia é uma forma de controle, dominação e manipulação. Enquanto os bobos torcem pelo seu “time” ideológico, os poderosos do mundo ficam rindo da “torcida” e tocando seus negócios, com a ajuda dos fantoches que ocupam o poder político nos diferentes países.

Portanto, toda guerra ideológica é uma grande fria. Porque as ideocracias só pensam no poder. E não no interesse da pátria ou do povo.

Casamento com os sogros?

Hillary Clinton recebeu uma proposta sui generis durante sua visita oficial ao Quênia, terra natal do Obama, na última terça-feira.

Um “cabra” chamado Godwin Kipkemoi Chepkurgor, um vereador de 40 anos de idade da cidade de Nakuru, lhe ofereceu 40 cabras e 20 vacas para poder se casar com sua filha, Chelsea, de 29 anos.

A Secretária de Estado dos EUA brincou que, como sua filha é independente, iria informá-la sobre a gentil oferta.

Em 2000, o insistente Godwin Kipkemoi Chepkurgor já tinha escrito uma carta a Bill Clinton, então presidente dos Estados Unidos, oferecendo as mesmas 40 cabras e 20 vacas para se casar com sua filha.

Piada de senador

Comentário de um senador da oposição, muito gaiato, ontem à noite, depois de assistir, na novela global “Caminho das Índias”, ao espancamento que Melissa (Christiane Torloni) aplica na estelionatária, psicopata, margiranha e ladra de maridos alheios Yvone (Letícia Sabatella):

Ah se a Melissa trabalhasse aqui... Já pensou quanta surra ela teria que aplicar em um cenário de tanta traição?”.

O pior é que a Yvone Malvadeza, para se vingar do vexame, vai atacar a família da Melissa...

Pelo visto, a novela das oito, pra ficar mais parecida com o Senado, só precisa ser rodada no Projac do Maranhão e adjacências...
Santificado seja...
O presidente do Conselho de Ética do Senado, Paulo Duque (PMDB-RJ), arquivou ontem mais sete acusações contra o presidente da Casa, José Sarney (PMDB-AP), acusado por tráfico de influência, ocultação de informações à Justiça Eleitoral e responsabilidade pelos atos secretos.
As representações e denúncias contra o peemedebista foram apresentadas pelo PSDB, PSOL e pelos senadores Arthur Virgílio (PSDB-AM) e Cristovam Buarque (PDT-DF).
Como nada cola em Sarney, em vez de representações, a oposição devia mandar um ofício ao Papa Bento 16, pedindo a canonização do ilustre imortal e solicitando que seja liberado, o mais depressa possível, um lugar de honra para ele no Céu.
Até porque, lá no inferno, segundo comentou um senador oposicionista, o cramulhão não admite concorrência.

Vida que segue...

Ave atque Vale!

Fiquem com Deus.

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Inteligente (analítico e provocador de novos valores humanos) com análise estratégica, conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva.

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 08 de Agosto de 2009.

6 comentários:

Anônimo disse...

Serrão

Está precisando limpar seu aparelho digestivo?


Veja a entrevista do Augusto Nunes com uma legítima representante do eleitorado da quadrilha

http://alertabrasil.blogspot.com/

Anônimo disse...

Após críticas fortes, mas indiretas contra o que chamaram de “privatização nefasta do Estado” pelo PT, os pré-candidatos tucanos à Presidência, os governadores José Serra (SP) e Aécio Neves (MG), elogiaram e deram tratamento de futuro aliado a uma eventual candidatura da senadora petista Marina Silva pelo PV.
O paulista, sem citar diretamente o PT, fez duras críticas ao partido. “O Estado brasileiro está sendo privatizado. É uma privatização espúria, nefasta. Não tem muita diferença do patrimonialismo antigo, de se apropriar do Estado para corrupção de meia dúzia ou de se apropriar do Estado para se fortalecer e construir um partido. Precisamos estatizar o Estado brasileiro que hoje está privatizado por um partido.”
Aécio acompanhou o colega: “Hoje há um aparelhamento do Estado aliado à ineficiência como poucas vezes vimos”.
Foram aplaudidos pelos mais de 400 presentes na abertura do 16º Congresso Nacional do PPS, no hotel Guanabara (RJ), mas se negaram a comentar a situação do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP).
Para Aécio, a entrada de Marina Silva na corrida presidencial qualifica o debate. “Quem tem projeto político não pode temer. Em um segundo momento, vejo afinidade entre ela e o PSDB. Hoje PV e PSDB já estão juntos no Brasil, em Minas e em cidades expressivas, com um projeto comum.”
Serra não quis comentar. “Não opino sobre mudança de partido”, disse, e lembrou que o PV integra o governo paulista e compõe a base na Assembleia. “O PV faz parte da aliança. Tive [na prefeitura] um grande secretário [do Verde e Meio Ambiente], Eduardo Jorge. É um partido que sempre teve tradição de proximidade comigo.”

Esperança disse...

Que injustiça!
Afinal são 54 anos dedicados à vida pública.

http://s3.amazonaws.com/twitpic/photos/full/15954039.jpg?AWSAccessKeyId=0ZRYP5X5F6FSMBCCSE82&Expires=1249742069&Signature=i1WhtX4%2FfjhbCbxIT9jenC558iY%3D

flávia disse...

Tá certo,o Sarney poderia ser canonizado como o santo do pau oco.

Anônimo disse...

Outra novidade da NWO:

http://www.rense.com/Datapages/morgphotos.htm

ÚNICA ALTERNATIVA disse...

VOCÊ APÓIA O MOVIMENTO GENERAL HELENO PRESIDENTE DO BRASIL?

NELE O BRASIL CONFIA !






VOTE JÁ!
ENTRE NO SITE ABAIXO E VOTE!


http://generalhelenopresidentedobrasil.blogspot.com/