sexta-feira, 31 de julho de 2009

Lula agora marginaliza Sarney, e mobiliza Foro de São Paulo contra aumento de tropas dos EUA na Colômbia

Edição do Alerta Total - www.alertatotal.net

Por Jorge Serrão

O chefão Lula da Silva reafirmou ontem o compromisso consigo mesmo e com o Foro de São Paulo (balaio de gato que mistura as esquerdas com terroristas e narcotraficantes na América Latina, que ajudou a fundar em 1990, junto com o coma-andante Fidel Castro). No mesmo dia em que alegou que a permanência do companheiro José Sarney no Senado “não era problema seu”, Lula resolveu se meter em assuntos da soberania colombiana, para criticar o aumento de forças militares norte-americanas naquele país que tem uma política inimiga das facções marginais do Foro de São Paulo.

Lula aproveitou para mandar seus recados durante uma entrevista coletiva ontem, em São Paulo, ao lado da presidenta do Chile, Michelle Bachelet. O ilustre membro do Foro de São Paulo advertiu que a questão do aumento da presença de forças militares dos EUA na Colômbia deverá ser discutida na reunião da Unasul (União das Nações Sul-Americanas) no próximo dia 10 de agosto, em Quito, no Equador. Lula prometeu até conversar com o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, sobre a Quarta Frota da Marinha dos EUA - que foi reativada no ano passado para atuar no Atlântico Sul – alegando que “a linha territorial dela é quase em cima do nosso pré-sal”.

Depois de solucionar seus problemas políticos internos – empurrando de hoje para segunda-feira a reunião que teria com José Sarney, para de novo aconselhar, privadamente, que ele deixe o cargo -, Lula resolveu ontem cumprir sua agenda de dirigente do Foro de São Paulo, com declarações politicamente cínicas: “Posso dizer que a mim não me agrada mais uma base americana na Colômbia. Agora, como eu não gostaria que o Uribe desse palpite nas coisas que eu faço no Brasil, eu preciso não dar palpite nas coisas do Uribe”.

Além de dar palpite, Lula ainda soltou uma frase de efeito inteiramente incompatível com a postura entreguista e internacional-socialista que normalmente defende. Bradou o chefão, para tentar se livrar da acusação de se meter em assuntos colombianos: “A soberania de um país é intocável”. Depois, no mesmo estilo de quem ontem fingia ser defensor de Sarney, tergiversou sobre o tema da ação militar norte-americana na Colômbia: “Essas coisas nós temos que ver com cuidado para não gerar conflito, nem com Uribe, nem com os EUA nem com os vizinhos".

Ameaças transnacionais

Os EUA e a Colômbia devem fechar um novo acordo de 10 anos para ampliar o combate ao que os norte-americanos classificam de "ameaças transnacionais".

A nova etapa do “Plano Colômbia” prevê operações militares tanto contra os rebeldes esquerdistas das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), quanto contra os paramilitares de direita que agem no país.

Os dois grupos criminosos, aparentemente com ideologias opostas, têm bases em países vizinhos ou os usam como escala no transporte ilegal de drogas e armamentos.

Toma lá, dá cá

O novo acordo dará ao Departamento de Defesa americano mais acesso a três bases aéreas no país: a base de Malambo, na costa norte no Caribe; a base de Palanquero, no Rio Magdalena, 100 quilômetros a noroeste de Bogotá; e a base de Apiay, nas planícies orientais.

Também seriam ampliadas as visitas de navios de guerra americanos às bases da Baía de Malaga e em Cartagena, no Caribe.

Em troca, a Colômbia ganharia tratamento preferencial na compra de armamentos de ponta americanos e ajuda financeira para ampliar e modernizar as bases militares.

Quase nascendo de novo

José Anselmo dos Santos, o lendário “Cabo” Anselmo, está prestes a deixar de ser um morto vivo do ponto de vista da legislação civil.

Amparado por amigos, sem carteira de identidade e com a saúde visivelmente abalada, Anselmo esteve ontem na 8ª Vara da Justiça Federal, em São Paulo, para que fossem colhidas suas impressões digitais.

Os dados datiloscópicos de Anselmo serão comparados por um perito com a ficha funcional do velho da Marinha, para confirmar que ele existe legalmente, já que sumiu, misteriosamente, o registro de nascimento de José Anselmo dos Santos no Cartório de Arraial d´Ajuda, em Sergipe.

Embromação

A Marinha – que considera Anselmo um traidor e se nega a lhe expedir o documento de identidade – enviou ontem ao tribunal um oficial levando velhas informações do Cenimar (o serviço secreto da armada) sobre o “Cabo” – que, na verdade histórica, nunca foi cabo e sim um Marinheiro de Primeira Classe.

A vitória parcial de Anselmo – ao conseguir ser pré-identificado ontem – foi resultado da persistência do advogado Luciano Blandy que assiste ao “Cabo” em regime de "gratis et amore dei".

Agora, só falta a Comissão de Anistia do Ministério da Justiça anistiar e indenizar Anselmo – centésimo punido pelo Ato Institucional Número 1, que continua vivendo, forçadamente, na clandestinidade e na miséria, sem ter direito a documento de identidade.

Jornalismo em perigo

A procuradora-geral da Ve­nezuela apresentou um projeto de lei que prevê prisão para jornalistas que cometam "de­litos midiáticos".

Pediu, ainda, que o Estado regule a liberdade de expressão.

Não demora, algum gênio governista inventa algo parecido aqui no Brasil.

Novos alvos do Leão

O Valor Econômico informa que a Receita Federal vai realizar, a partir da próxima semana, operação especial de fiscalização em movimentações de investidores na bolsa de valores.

Depois de cruzar informações prestadas por corretoras e declarações do Imposto de Renda, o Leão vai investigar 1.481 pessoas físicas responsáveis por transações de R$ 81 milhões nos últimos cinco anos.

O grupo de contribuintes selecionados faz parte de um conjunto de 10.949 pessoas que, desde 2004, movimentaram cerca de R$ 34 bilhões na bolsa.

A Amazônia é de quem?

O Ministério do Meio Ambiente informou ontem que, até o fim do governo Lula, quase 3 milhões de hectares, em nove florestas na Amazônia, serão licitados para retirada de madeira.

Até agora, só uma floresta passou para a iniciativa privada.

A meta é elevar a oferta de madeira legal dos atuais 75 mil para 840 mil m³ até o fim de 2010.

O negócio da exploração interessa a fabricantes de móveis de luxo ingleses.

O problema é de quem?

Depois de cansar de repetir que o aliado José Sarney não podia nem merecia ser julgado como pessoa comum, em função de sua biografia, o chefão Lula mudou o tom ontem e tirou o dele da reta na confusão do Senado:

"Não é problema meu. Não votei para eleger o presidente Sarney presidente do Senado. Então, quem tem que decidir é o Senado, não eu".

Na verdade, Lula tentou jogar para a galera para não desgastar sua imagem com as reiteradas defesas públicas de José Sarney.

Nos bastidores, a alegria do Palhaço do Planalto é ver o Senado pegar fogo, enquanto tenta socorrer Sarney - alvo de acusações de nepotismo, de uso de atos secretos na Casa e de desvio de verba pública na fundação maranhense que leva seu nome.

Mandão

Vice-presidente do Senado, o tucano Marconi Perillo está PT da vida com o chefão Lula que não quer vê-lo na presidência do Senado, caso José Sarney renuncie:

"O presidente Lula interfere demais. Quer mandar em tudo. Jamais confundiria questões partidárias com institucionais".

Como Sarney deve mesmo renunciar, o PMDB já articula até uma eventual candidatura de Francisco Dornelles (PP-RJ) para evitar que o PT ganhe mais espaço no Senado.

Guerra do sem fim

A crise do Senado está muito longe de se encerrar, mesmo que Sarney, tardiamente, resolva “pedir para sair”, antes que saiam com ele...

O PMDB entrará com até 4 ações contra o líder do PSDB, Arthur Virgilio, no Conselho de Ética.

O tucano, por sua vez, quer denunciar Renan Calheiros, líder do PMDB, no mesmo conselho.

Que porcaria?

Analisando a gravidade da situação política de José Sarney, um experiente senador fez piada com a onda de gripe suína que apavora brasileiros e brasileiras:

Agora, só falta o José Sarney espirrar”.

Certamente, o piadista político quis dizer “espirrar pra fora” da presidência ou do próprio Senado...

Bom filho...

O inglês Guy Button, de 30 anos, pode ser condenado a cinco anos de prisão por porte e transferência ilegal de arma para seu pai doente se matar com um tiro na cabeça.

Ian Button, de 63 anos, sofria de uma grave doença pulmonar, se suicidou em frente de outros pacientes no hospital de Northampton – na região central da Inglaterra.

Se o pobre do Mr. Ian Button fosse um senador em estado agonizante, que já tivesse cometido suicídio político por uma série de bobagens e abusos patrimonialistas, se matar adiantaria muito pouco...

Enfia onde a cartilha?

Uma cartilha distribuída a professores da rede pública baiana gera polêmica por usar termos inapropriados para crianças.

Fala para ele enfiar tudo no c.”.

É o que diz o personagem Chico Bento a um menino que contara que o pai tinha um monte de cabeças de gado...

A Secretaria de Educação da Bahia, que cobriu a frase obscena com carimbo, garante que alunos não receberam o livro.

Vida que segue...

Ave atque Vale!

Fiquem com Deus.

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Inteligente (analítico e provocador de novos valores humanos) com análise estratégica, conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva.

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 31 de Julho de 2009.

quinta-feira, 30 de julho de 2009

Força Sindical sinaliza que apóia Aécio Neves se ele for o candidato tucano a enfrentar Dilma – apoiada pela CUT

Edição do Alerta Total - www.alertatotal.net

Por Jorge Serrão

Devagarzinho, o nome de Aécio Neves vai ganhando fôlego para se viabilizar como o candidato tucano a enfrentar (a brizolista de coração, petista, sem convicção) Dilma Rousseff na eleição presidencial de 2010. Ontem, a Força Sindical aproveitou a abertura do seu 6º Congresso, em Praia Grande (SP), para sinalizar que, se Aécio for escolhido pelo PSDB – e não José Serra -, a entidade apoiaria sua candidatura ao Palácio do Planalto. A entidade, que deu “uma força” para Lula na eleição passada, quer se contrapor à rival CUT – já fechada com Dilma.

O sempre pragmático presidente da Força Sindical, deputado federal Paulo Pereira da Silva (PDT-SP), explicou por que aposta suas fichas em Aécio Neves – que é o candidato preferido da Oligarquia Financeira Transnacional que usa os clubes de poder globais para promover os valores da globalização: “A Dilma está subindo muito antes da hora, e o Serra caindo. Se continuar caindo muito, ele vai desistir da disputa e o Aécio pode acabar vir a ser o candidato do PSDB, com o nosso apoio”.

Paulinho é do PDT – um dos partidos da base aliada do desgoverno Lula, que comanda o Ministério do Trabalho. Só que o mesmo PDT (fundado pelo falecido Leonel Brizola, que é ídolo da Dilma) pertence à Internacional Socialista. A entidade, que é um braço ideológico para promover o socialismo Fabiano, tende a apoiar candidaturas sociais-democratas – como é o perfil de Aécio. Além disso, ao poder real mundial não interessa, no Brasil, candidatos com perfil de negociação política radical, pouco flexível ou imprevisível, como é o caso de Dilma ou de Serra.

Caçando aliados

O chefão Lula da Silva prometeu ontem criar um grupo para analisar mudanças na lei de licitações e na legislação ambiental, além de elaborar um marco regulatório para destravar obras de infraestrutura:

É hora de a gente sentar, preparar um grupo de trabalho e começar a preparar a lei de licitação que seria importante para esse País, o marco regulatório ambiental que precisamos para preservar tudo direitinho, mas com um pouco mais de agilidade e o que precisamos para evitar tanta pendenga no Poder Judiciário”.

O papo de Lula foi para agradar a uma plateia de empreiteiros integrantes do Sindicato Nacional da Indústria da Construção Pesada – que ontem comemorou 50 anos de fundação.

Cumplicidade geral na Câmara

Acusado de ser um dos articuladores do esquema de venda de passagens aéreas da cota parlamentar, o empresário Vagdar Ferreira repetiu que a negociação era autorizada por deputados.

Dono de agência de turismo em Brasília, Ferreira só preferiu não citar nomes, para não ferrar os parlamentares, por enquanto.

De acordo com ele, o esquema envolvia "vários" gabinetes.

Cumplicidade geral no Senado

O Estadão de hoje informa que pelo menos 70% dos membros do Conselho de Ética do Senado são alvo de inquéritos autorizados pelo Supremo Tribunal Federal, réus em ações penais e envolvimento com nepotismo ou atos secretos nos últimos anos.

Caberá a esses senadores, de vários partidos, avaliar na próxima terça-feira os pedidos de abertura de processo de cassação contra o presidente José Sarney (PMDB-AP).

Nem mesmo a oposição - que pede os processos contra Sarney - fica de fora, já que três de seus titulares no conselho constam em atos secretos ou em casos de nepotismo.

Haja pedra

Na tropa de choque do PMDB, por exemplo, os quatro titulares - Wellington Salgado (MG), Gilvan Borges (AP), Paulo Duque (RJ) e Almeida Lima (SE) – têm alguma ligação com nepotismo, ato secreto ou investigação externa.

Entre os 14 suplentes do conselho, 10 empregaram parentes, assinaram atos secretos e são alvo de inquérito.

A defesa de Sarney aposta na tese de que quem não tem algum pecado que lhe atire a primeira pedra.

O Inferno cultural de Sarney

O Instituto Mirante, ONG presidida por Fernando Sarney, filho do presidente do Senado, recebeu R$ 220 mil da Eletrobrás para financiar projetos culturais no Maranhão, com base na Lei Rouanet, mas R$ 116 mil foram parar em contas de empresas ligadas à família Sarney.

Auditores do Ministério da Cultura descobriram ainda que parte dos gastos declarados pela ONG não confere com os extratos bancários do instituto.

Outra entidade ligada à família, a Fundação José Sarney teve suas contas rejeitadas pelo Ministério Público e deverá sofrer intervenção.

A Globo vai noticiar?

A Rede Globo já articula descredenciar a TV Mirante, da Família Sarney, como sua afiliada no Maranhão.

Desculpa perfeita para isso é a revelação de que o Banco do Nordeste do Brasil, estatal controlada pela União, cobra na Justiça uma dívida de R$ 12 milhões por empréstimos tomados pela TV Mirante. Metade da cobrança se refere a recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador.

A emissora informa que pagou R$ 3,1 milhões e não se considera mais devedora.

Novos ataques a Sarney

O PSOL protocolou ontem uma nova representação no Conselho de Ética contra José Sarney, que já é alvo de outras quatro no colegiado.

Ao mesmo tempo, os senadores Arthur Virgílio (PSDB-AM) e Cristovam Buarque (PDT-DF) prometem apresentar hoje mais duas denúncias contra o senador, elevando para seis o número de denúncias avulsas de Senadores já encaminhadas ao Conselho.

Uma representação tem mais força do que a denúncia de um parlamentar, uma vez que não podem ser arquivadas antes de apreciadas.

Contra-ataque

O tucano Arthur Virgilio, integrante do Conselho de Ética e um dos senadores que mais pressionam José Sarney, terá de devolver R$ 210,6 mil aos cofres públicos.

O valor refere-se aos salários pagos pelo Senado a um assessor do senador durante um ano e meio de estudo de teatro na Espanha.

Virgilio já depositou a primeira parcela, de R$ 60,6 mil.

Previsão sombria

O chefão Lula criticou a decisão da diretoria do Corinthians por vender alguns jogadores e ainda jogou uma praga no time:

"Estou chateado porque o Corinthians vendeu jogador. Desse jeito, vamos cair outra vez".

Será que Lula estava falando mesmo do Coringão, ou se referia, subliminarmente, ao time de José Sarney?

Tamufu?

O Ministério da Saúde decidiu ampliar, para os postos de saúde, a distribuição do antiviral oseltamivir (Tamiflu), usado contra a gripe suína.

A exemplo de São Paulo, as secretarias estadual e municipal de Educação do Rio de Janeiro voltaram atrás e decidiram adiar o retomo às aulas na rede pública, do dia 3 para o dia 10 de agosto.

Em Brasília, o sindicato das instituições particulares de ensino e a Secretaria de Educação resolverão amanhã se o calendário escolar será modificado.

Malandragem porcina

Especialistas, no entanto, divergem sobre a eficácia da medida, advertindo que não existem estatísticas epidemiológicas comprovando que o risco de contágio diminua.

Aliás, nada como uma gripe suína surtando no noticiário, para desviar a atenção da opinião pública para tanta crise (econômica ou política) que anda contaminando o mundo e o Brasil.

O pânico valorizado faz parte da cartilha globalitária para reduzir a capacidade de reação das pessoas ao verdadeiro ataque contra a soberania nacional e contra os direitos individuais mais elementares.

Substituto ideal

Em bela manobra de marketing da Ferrari, o heptcampeão mundial Michael Schumacher voltará à Fórmula 1 nesta temporada para substituir Felipe Massa.

Schumacher, que se aposentou em 2006, estará ao volante do carrinho vermelho número 3 no GP da Europa, dia 23 de agosto, em Valencia.

Nos bastidores da F1 no Senado brasileiro, já se comentava ontem o nome forte de um campeão a altura para substituir o piloto José Sarney – se ele realmente for saído grave e politicamente ferido da presidência do Senado.

Na versão dos gaiatos do Congresso, o substituto ideal seria o Dick Vigarista – que indicaria seu fiel Mutley para a Diretoria Geral do Senado.

Vida que segue...

Ave atque Vale!

Fiquem com Deus.

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Inteligente (analítico e provocador de novos valores humanos) com análise estratégica, conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva.

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 30 de Julho de 2009.

quarta-feira, 29 de julho de 2009

Para pânico de Lula, Sarney já admite renunciar à presidência do Senado para se manter vivo politicamente

Edição do Alerta Total - www.alertatotal.net

Por Jorge Serrão

José Sarney já pensa em seguir o conselho que lhe foi dado, semanas atrás, pelo chefão Lula, que lhe tem dado a máxima sustentação possível: deixar a presidência do Senado, antes que a situação saia do controle. Agora, como tudo fugiu ao controle, Sarney já dá sinais de que pretende se afastar, estrategicamente, para garantir sua sobrevivência política. Sarney se sente acuado e ameaçado porque foi atingido em seu centro operacional: o filho Fernando Sarney – tocador de suas empresas, projetos e negócios.

Se antes Sarney só corria risco de ficar sem a presidência do Senado, agora são enormes as chances de perder o mandato – por quebra de decoro parlamentar. Apesar da fragilidade nas batalhas, o exército de Sarney tem muita munição para gastar na verdadeira guerra. Sua tática agora é envolver todos os senadores nos problemas que o acusam. Sarney emprega a estratégia do Cangaceiro. Vai manter o fogo nos bastidores e não vai se entregar nem depois de morto politicamente.

No meio desse tiroteio quem se borra de medo é o chefão Lula da Silva. O presidente se apavora com uma eventual renúncia de Sarney nesta altura do campeonato perdido. O maior risco é que a oposição, em poucos dias, aproveite o comando do Senado para incendiar a CPI da Petrobras. A gestão da “estatal” de economia mista, sob o comando dos mandarins petistas, guarda muitas semelhanças com a situação de Sarney: tem vários pontos frágeis para serem atacados.

Mais ações

O PSOL protocola nesta quarta-feira uma nova representação contra Sarney.

O partido questiona a omissão de Sarney à Justiça Eleitoral sobre uma propriedade de R$ 4 milhões, na Península dos Ministros.

Também considera condenável o desvio de R$ 500 mil da Fundação José Sarney e o fato de o senador ter afirmado que não teria responsabilidade sobre a fundação – que agora sofre intervenção do Ministério Público.

Ontem, o PSDB já tinha protocolado, no Conselho de Ética do Senado, três representações por quebra de decoro parlamentar contra Sarney.

Troco

O clima de cangaço se intensifica porque os peemedebistas fiéis a Serney ameaçam os tucanos de retaliação.

O líder do partido no Senado, Renan Calheiros (AL), promete recorrer ao conselho contra Arthur Virgílio (AM), líder do PSDB.

Tudo porque o tucano admitiu ter recebido empréstimo de Agaciel Maia, ex-diretor da Casa, aliado de Sarney, que caiu em desgraça.

Cerco se aperta

O Ministério Público Estadual do Maranhão reprovou as contas apresentadas pela Fundação José Sarney entre 2004 e 2007.
Além disso, decidiu intervir no conselho curador e na diretoria executiva da entidade, que tem como presidente vitalício o presidente do Senado, José Sarney.

Auditoria nas prestações de contas do período descobriu até que parte do cerca de R$ 1,3 milhão repassado à entidade pela Petrobras foi parar em aplicações bancárias.

O relatório fala em triangulação de recursos entre a fundação e outra entidade comandada por aliados da família, a Associação do Bom Menino das Mercês (Abom).

Troca justa

Já tem nome forte para a vaga de Mangabeira Unger no Sealopra.

E o do embaixador Samuel Pinheiro Guimarães – hoje segundo homem da diplomacia tupiniquim – que é visto com simpatia nos meios militares.

Assim, a Secretaria de Assuntos Estratégicos fica na mesma.

Piada da caserna

Comentário sarcástico de um oficial do Exército brasileiro, sobre a nota final deste Alerta Total de ontem, sobre a possibilidade das Forças Armadas brasileiras adotarem a mesma postura flexível da Inglaterra sobre o homossexualismo nas tropas:

Daqui a pouco vão querer que mudemos o nosso patrono. Sai o Duque de Caxias, considerado um militar machão, e entra um mais delicado: o Marques de Rabicó”.

Só não entendi por que o oficial piadista fez referência ao Rabicó - simpático personagem de Monteiro Lobato...

Vida que segue...

Ave atque Vale!

Fiquem com Deus.

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Inteligente (analítico e provocador de novos valores humanos) com análise estratégica, conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva.

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 29 de Julho de 2009.

terça-feira, 28 de julho de 2009

STF decide, em agosto, que não há provas suficientes de que Palocci pediu quebra do sigilo bancário do caseiro

Edição do Alerta Total - www.alertatotal.net

Por Jorge Serrão

A inocência forçada mais requerida pelo chefão Lula da Silva – tirando a do companheiro José Sarney – será finalmente confirmada, agora em agosto, pelo Supremo Tribunal Federal. O presidente Gilmar Mendes confirmou ontem que o plenário do STF vai apreciar, na pauta dos próximos 30 dias, a ação contra o deputado petista Antonio Palocci Filho – que Lula deseja escalar em seu gabinete de Relações Institucionais ou na Casa Civil. A única casa não recomendável para Palocci ir é a Mansão da República de Ribeirão. O resto vale tudo...

O Alerta Total já cansou de antecipar que a maioria dos ministros do STF vai inocentar Palocci da acusação de quebra de sigilo funcional pela violação dos dados bancários de Francenildo dos Santos Costa, em 2006. O caseiro denunciou Palocci como assíduo frequentador uma casa em Brasília, visitada por prostitutas de fino trato, destinada a lobby político-empresarial.

Quando era ministro da Fazenda, Palocci foi acusado de ter pedido à Caixa Econômica Federal para revelar os dados da conta do caseiro que o colocou nu perante a opinião pública. Em fevereiro de 2008, o então procurador-geral da República, Antonio Fernando de Souza, apresentou denúncia formal ao STF contra Palocci, o então presidente da Caixa, Jorge Mattoso, e o então assessor de imprensa do ex-ministro, Marcelo Netto.

Agora, para alegria do Palhaço do Planalto, os ministros do STF julgarão que não existem provas suficientes de que Palocci teria pedido o sigilo bancário do caseiro. Logo, o petista deve ser inocentado e o caso, arquivado. O relator do processo contra Palocci é o próprio presidente Gilmar Mendes.

Mais respeito com as primas

Funcionários malvados do Congresso andam espalhando e-mails e textos xerocados com a célebre contestação da ex-prostituta Gabriela Leite a uma declaração do cantor Evandro Mesquita sobre os “políticos filhos da puta”.

A fundadora da grife de moda Daspu foi direta e até maternal em seu comentário em favor da “catiguria” que tanto presta serviço aos políticos de Brasília e adjacências:

Mais respeito. Elas trabalham, não roubam. Não conheço puta assumida que tenha filhos no Senado. Senadores são filhos de suas próprias mães”.

O crime compensa

Condenada a 38 anos de prisão, Suzane von Richthofen, ré confessa do assassinato dos pais, Manfred e Marísia, em 2002, pode conseguir o direito ao regime semiaberto.

Suzane terá direito de passar o dia fora da Penitenciária Feminina de Tremembé e voltar apenas para dormir.

Suzane será beneficiada porque já cumpriu mais de um sexto da pena a que foi condenada.

Se fosse o chefão Lula, convidava ela para o Ministério dos Transportes...

Adevogado do Sarney

O chefão Lula afirmou ontem que a nota do líder petista no Senado, Aloizio Mercadante (SP), pedindo o afastamento de José Sarney (PMDB-AP) da presidência da Casa não reflete a posição do PT.

O ministro José Múcio (Relações Institucionais) advertiu ontem que Lula avalia que o posicionamento manifestado por Mercadante seja "de um ou dois senadores".

Eduardo Suplicy desmentiu seu companheiro Lula e assegurou que a posição expressa na nota de Mercadante é "majoritária e consistente".

Defensores do Zé

O Correio Braziliense informa que o moribundo de fogo José Sarney decidiu contra-atacar na mídia.

Para isso, contratou 15 jornalistas para defendê-lo do que considera uma campanha midiática.

A equipe analisa o noticiário e municia os assessores de Sarney para rebater as denúncias.

A estratégia é ressaltar aspectos positivos e ampliar a defesa do senador por meio de sites, blogs e do Twitter.

Aviso aos puxa-sacos

Quem quiser agradar ao chefão terá uma grande oportunidade proporcionada pela Cachaçaria Petisco da Vila.

A empresa foi a primeira no Brasil a produzir a boa caninha em carvalho francês virgem, graças a um investimento de R$ 80 mil reais.

Como a saborosa bebida só será vendida no Rio de Janeiro e em Minas Gerais, quem levar uma para Brasília será muito bem recebido pelo apreciador número 1 lá de cima.

Quem quiser mandar uma garrafinha para o editor-chefe deste blog, que não é presidente de nada, fique à vontade também...

Explicação complicada

Os governos da Colômbia e da Suécia estão pedindo ao presidente da Venezuela, Hugo Chávez, que explique como um lote de armas suecas vendido a Caracas foi parar nas mãos de guerrilheiros das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc).

Os lança-foguetes e as armas antitanque foram apreendidos há um ano em acampamento das Farc.

Membros de proa do Foro de São Paulo, fundado pelo chefão Lula em 1990, Chávez e o presidente do Equador, Rafael Correa, são acusados de ajudar a guerrilha.

Perigo no ar

Tem gente poderosa na Ilha da Fantasia querendo cortar as asas do Tenente-brigadeiro-do-ar Cleonilson Nicácio Silva.

Isso porque ele o favorito para suceder Juniti Saito no Comando da Aeronáutica criou inimigos poderosos ao ocupar a presidência da Infraero.

Bacharel em Administração, com especialização em Análise Organizacional, pela Fundação Getúlio Vargas, aluno brilhante no curso de Altos Estudos de Política e Estratégia da Escola Superior de Guerra, e piloto com mais de 5.200 horas de vôos, o Brigadeiro Nicácio deve ficar cada vez mais esperto.

A Independência de Protógenes

O delegado Federal Protógenes Queiroz só vai anunciar no solene dia 7 de Setembro qual será seu destino político.

Protógenes é cotado para disputar uma vaga na Câmara ou no Senado pelo PDT.

Mas sofre grande pressão para tentar a aventura eleitoral pelo PSOL.

Enquanto isso, o juiz Ali Mazloum, da 7ª Vara Federal de São Paulo, negou pedido do Ministério Público Federal para anular a denúncia contra o delegado Protógenes

Justiça para Sarney

O PSDB promete protocolar hoje a segunda representação contra o presidente do Senado, José Sarney, no Conselho de Ética.

O vice-líder do PSDB no Senado, senador Álvaro Dias, avalia que é melhor que ocorra uma "injustiça" com Sarney do que com o Senado.

"Um julgamento político prescinde da prova material. Mas elas existem neste caso, gravações telefônicas se constituem em prova material já que foram autorizadas judicialmente. O julgamento político não pode prescindir de indícios relevantes, eles existem no caso e sobretudo o que existe é a responsabilidade de preservar o Senado. Podemos correr o risco de cometer injustiça com qualquer senador, mas não podemos cometer injustiça com a instituição Senado".

Caso que rende

O corregedor-geral da Justiça Federal, ministro Hamilton Carvalhido, deu prazo de 48 horas para que o TRF-1 (Tribunal Regional Federal) da 1ª Região informe as providências tomadas sobre o vazamento das conversas telefônicas do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP).

Os diálogos foram gravados pela Polícia Federal com autorização judicial, durante a Operação Boi Barrica, e ligam Sarney aos atos secretos do Senado e ao ex-diretor-geral da Casa Agaciel Maia.

As gravações foram divulgadas na semana passada pelo jornal "O Estado de S. Paulo" e mostram o presidente do Senado e seu filho, Fernando Sarney, negociando a contratação Henrique Dias Bernardes, 27, namorado da neta de Sarney, Maria Beatriz Sarney.

+ Unidos

O Grupo + Unidos, formado por mais de 100 grandes companhias norte-americanas que atuam no Brasil, promove mais um encontro nesta quinta-feira, dia 30, das 12h às 14 horas, na Amcham (Câmara Americana de Comércio), em São Paulo.

O ambientalista, documentarista e educador Jean-Michel Cousteau (filho do famoso Jacques) fará uma palestra sobre “Meio Ambiente: Educação e Colaboração”.

O evento será prestigiado pelo embaixador dos EUA no Brasil, Cliford Sobel, que está quase de saída do cargo.

Aulas de Capimunismo

Comemorou sua formatura ontem a terceira turma do curso de "Especialização em Estudos Latino Americanos", da Universidade Federal de Juiz de Fora (MG).

Os estudantes são grupos de militantes do MST e da Via Campesina, capacitando “os militantes dos movimentos ligados à Via Campesina sobre lutas resistência que tivessem como meta entender, discutir e agir a partir de uma matriz histórica latino-americana."

Desde 1999, a UJF prepara militantes de movimentos sociais terroristas recuperando o pensamento de intelectuais e militantes latino-americanos, como Simon Bolívar, José Martín, Che Guevara, Mariategui, "a partir da articulação dos movimentos sociais e das lutas dos camponeses no mundo, afetados pelas políticas da OMC e das grandes empresas transnacionais".

Semana passada, os militantes tiveram aula como o doutor em Ciências Sociais da Universidade de Havana, professor Luiz Armando Suárez Salazar, responsável pela disciplina História Política na América Latina, para "capacitar esses jovens militantes a pensar criticamente, possibilitando criar alternativas para o quadro político vivenciado por eles".

Quem vem para o prêmio?

A presidenta do Chile, Michelle Bachelet, baixa nesta quarta-feira, em São Paulo, acompanhada de 50 empresários.

Na quinta-feira, ela receberá a medalha de Honra do Mérito Industrial da Fiesp.

Michelle tem encontro marcado com Lula da Silva e com o ministro do Desenvolvimento, Miguel Jorge, na Avenida Paulista, número 1313, onde fica o “escritório” informal do chefão na Paulicéia Desvairada.

Mais uma baixadinha?

O Conselho Monetário Nacional realiza nesta quinta-feira sua reunião mensal para decidir dar uma travada na redução da taxa de juros no Brasil.

No mesmo dia, o Comitê de Política Monetária do Banco Central do Brasil divulga a ata da última reunião, que baixou a taxa Selic para 8,75%.

Apesar da vontade do CMN e do Copom, o chefão Lula vai implorar ao Presidente Henrique Meirelles (do BC do B, o partido monetarista e capimunista) que, mês que bem, dê mais uma baixadinha de 0,25% nos juros.

O mundo é dos NETs?

A Associação dos Analistas de Investimento e Profissionais do Mercado de Capitais promove quinta-feira que vem uma reunião de investidores com a NET Serviços de Comunicação.

Será a partir das 8h da manhã no Salão Rio de Janeiro II do Hotel Sofitel, em Copacabana.

A NET - que comemora um lucro líquido de R$ 129,7 milhões no segundo trimestre, graças aos 3 milhões 480 mil clientes de TV por assinatura - agora pretende comprar canais a cabo na Argentina e no Uruguai, segundo informa o Mestre Aziz Ahmed.

A net é dos PMs

A Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro promoverá um avanço institucional com a criação de um blog ou microblog (Twitter) do Comando Geral da Corporação.

A Novidade, para breve, é uma iniciativa do Mário Sérgio de Brito Duarte, atual comandante-geral da PM fluminense.

O próprio coronel, de 50 anos, já tinha um blog: “Segurança Pública – Ideias e Ações”, em http://www.marius-sergius.blogspot.com/

Leia mais no Fique Alerta: http://www.fiquealerta.net/

Diversão para Brizolistas

Já estão na internet os velhos tijolaços assinados pelo ex-governador Leonel Brizola.

Os mais de 1.700 textos – escritos, na verdade, pelo jornalista Fernando Brito, ghost writter e assessor que lia o pensamento do caudilho – foram reunidos pelo deputado federal Leonel Brizola Neto, líder do PDT na Câmara.

Tudo pode ser revisto em: Arquivo de “Tijolões” do Brizola

Love Story do Capitalismo

O polêmico cineasta Michael Moore promete para 2 de outubro seu novo documentário.

Capitalism, a Love Story” tratará da crise financeira internacional, abordando a demissão de 14 mil pessoas nos EUA.

Moore quer concorrer com seu filme no famoso Festival de Veneza, de 2 a 12 de setembro.

Orgulho Militar Gay

Pela primeira vez na História, este mês, a capa da "Soldier", revista oficial do Exército britânico, mostra o soldado gay e fardado James Wharton sob o título "Orgulho".

O Exército inglês finalmente se sente à vontade com o novo perfil de seus componentes, depois de 10 anos que as Forças Armadas suspenderem a proibição de homossexuais na caserna.

Há, poucos meses, o chefe do Exército, general Richard Dannatt, fez História ao discursar em um congresso da comunidade LGBT, e os militares britânicos marcham em paradas gays usando seus uniformes.

Já pensou se a moda pegar no Brasil?

Vida que segue...

Ave atque Vale!

Fiquem com Deus.

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Inteligente (analítico e provocador de novos valores humanos) com análise estratégica, conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva.

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 28 de Julho de 2009.

segunda-feira, 27 de julho de 2009

BC do B obriga bancos a intensificarem invasão de privacidade, criando cadastros até de clientes eventuais

2a Edição do Alerta Total - www.alertatotal.net

Por Jorge Serrão

O sistema financeiro promove mais uma invasão da privacidade dos cidadãos. Sob a desculpa de coibir a lavagem de dinheiro, por ordem do Banco Central do Brasil desde sexta-feira passada, os bancos ficam obrigados a manter cadastros de clientes eventuais que façam uso de serviços da instituição financeira, mesmo que não possuam conta nela. Nome, identidade, ou CPF (no caso de pessoas físicas) e Razão Social e CNPJ (de empresas) serão checados pelo novo sistema Big Brother Bancário.

Tudo indica que os dados serão analisados pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (COAF), pelo supercomputador do Banco Central e, até mesmo, pela Receita Federal. Desde 2006, o BC do B mantém um Cadastro de Clientes do Sistema Financeiro Nacional – CCS. O sistema é capaz de processar 1 milhão de dados bancários por dia. Reveja o que o Alerta Total denunciou no distante 27 de janeiro de 2006: Banco Central acaba com o sigilo bancário, usando super-computador para fiscalizar correntistas de 182 bancos no Brasil.

Quebra de sigilo bancário, sem legislação definindo claramente como proceder, é inconstitucional, ilegal e arbitrária. Mas, no Brasil, vale tudo. Parece que a autoridade monetária não aprendeu nada com o caso de violação do sigilo bancário do caseiro Francenildo dos Santos Costa – que o Supremo Tribunal Federal enrola em julgar, porque envolve inocentar Antônio Palocci Filho - deputado federal, futuro ministro de Lula e grande timoneiro dos assuntos economicamente estratégicos para os petistas.

O curioso é que, pela regra baixada agora pelo BC do B, os bancos poderão definir, segundo seus próprios critérios, quais clientes eventuais deverão ou não ser cadastrados. Os bancos terão um mês para adaptar seus sistemas às novas regras. O BC manda focar atenção no grupo de pessoas classificadas como “politicamente expostas”. Os alvos seriam quem ocupou cargos políticos nos últimos cinco anos, dirigentes de estatais ou ocupantes de cargos de confiança no setor público, além de seus respectivos familiares.

Resta saber se o famoso “rigor seletivo” não vai incidir apenas sobre os adversários ou inimigos políticos do governo. O certo é que toda movimentação mensal acima de R$ 10 mil vai passar pelo pente fino do BBB do BC do B.

Me engana que eu não gosto

A Federação Brasileira dos Bancos (Febraban) teve a coragem de soltar uma nota de imprensa para alegar que as novas medidas não vão provocar nenhum impacto significativo no dia a dia dos clientes.

A Febraban apenas lembra que a decisão do BC do B equipara as normas brasileiras à legislação mais moderna hoje existente.

A Febraban fez apenas o favor de lembrar que o Brasil se submete, sem soberania, às regras padronizadas pela Globalização.

Quem acredita que isso vai acabar com a lavagem de dinheiro também deve crer que, no Maranhão, por exemplo, só se faz lavagem em tanquinho de fundo de quintal.

Poupadores tungados

Além de não darem muita bola para a proteção da privacidade dos cidadãos brasileiros, nossos bem remunerados 11 ministros do Supremo Tribunal Federal podem colaborar com mais uma tungada do sistema financeiro no bolso das pessoas.

O Banco Central, o Ministério da Fazenda e muitos dirigentes de bancos teriam enchido os ouvidos dos membros do STF com argumentos para que eles suspendam qualquer indenização aos poupadores da caderneta prejudicados pelos planos Bresser (1987), Verão (1989), Collor 1 (1990) e Collor 2 (1991).

Os poupadores podem perder de R$ 29 a 120 bilhões se o STF realmente votar em favor dos argumentos do governo e dos banqueiros – que alegam não ter dívidas relativas aos planos econômicos com os clientes.

Meu garoto...

O gênio empresarial Eliezer Batista volta correndo esta semana da China, onde aprimora seus estudos de mandarim.

Segundo revelou a amigos muito chegados, Eliezer vem dar uma ajuda aos negócios de seu bilionário filhão Eike Batista.

Sabendo que o único Amador que deu certo foi o fundador do Bradesco, Eike prefere contar com a confiança e o profissionalismo do pai em momentos decisivos de grandes negócios.

Poderoso na berlinda

Está com o novo emprego ameaçado Arturo Valenzuela, o renomado intelectual indicado por Barack Obama para chefiar a diplomacia dos EUA na América Latina.

Tudo porque ele trabalhou discretamente nos últimos anos como consultor de empresas com negócios na região, incluindo a petroleira americana ConocoPhillips - que trava uma disputa bilionária com o governo da Venezuela -, além da Televisa, maior grupo de comunicação do México.

Diretor do centro de estudos latino-americanos da Universidade de Georgetown, Arturo Valenzuela é membro ativo do influente “grupo de estudos” ou “clube de poder” Council on Foreign Relations, o CFR.

Dedurado

Amigão de FHC, Arturo Valenzuela prometeu se desligar de suas posições no setor privado se sua indicação for confirmada pelo Senado norte-americano.

Um relatório das finanças pessoais de Valenzuela foi entregue ao Escritório de Ética do governo dos EUA.

O documento informa que ele recebeu US$ 180 mil no ano passado como consultor do escritório de lobby Akin, Gump, Strauss, Hauer and Feld.

Há duas semanas, na sabatina de Valenzuela no Senado, o democrata Jim Webb demonstrou preocupação com a possibilidade de que sua atuação como consultor gere conflitos de interesse e situações embaraçosas para o governo.

Mobilização jurídico-petista

A convite do Fórum pela Ética na Política, os operadores de direito: advogados, juízes e promotores, se reunirão nesta segunda feira, em São Paulo, para debater a crise do Senado e a reforma política.

Estarão presentes diversas entidades do segmento, assim como os professores Dalmo Dallari e Fábio Comparato, o desembargador Henrique Calandra (da Apamagis), Helio Bicudo e outros juristas.

Curioso os petistas - que até ontem apoiavam Sarney e agora mudaram de lado - puxarem um encontro sobre ética.

O encontro será a partir de 11 horas, na Rua Itápolis 1468, Pacaembu (final da av Paulista; atrás do Estádio do Pacaembu)

Joguinho Insustentável

José Sarney não teria mais os 41 votos necessários para barrar em plenário as iniciativas para retirá-lo do cargo.

O chefão Lula deve discutir a crise no Senado na reunião de hoje, da coordenação política.

Lula seguirá no mesmo joguinho de apoiar o presidente do Senado publicamente, enquanto os petistas o detonam nos bastidores, negociando mais espaços de poder.

Economia insustentável

O Brasil é o terceiro maior detentor de títulos dos EUA, com US$ 133,5 bilhões.

Quase um terço de sua dívida pública norte-americana (hoje em US$ 11 trilhões) está nas mãos de investidores estrangeiros – principalmente chineses.

Os EUA estão com sua economia cada vez mais vulnerável, embora tenham o poderio militar para garantir a força de sua moeda.

Retorno insustentável

Se depender dos EUA, apesar dos discursos, dificilmente retorna ao poder o Mane hondurenho – que lembra um Odorico Paraguassu com o coletinho do Carlos Minc.

Ontem, vendo que já lhe falta apoio norte-americano, o presidente deposto de Honduras Manuel Zelaya recuou e deu sinais de que permanecerá na Nicarágua.

Zelaya foi realmente derrubado porque contrariou interesses do mega-cartel frutífero, comandado pela Chiquita Inc.

Ontem, as Forças Armadas de Honduras emitiram comunicado afirmando que não se oporiam a um retorno negociado de Manuel Zelaya ao país, mas não ao poder.

Recuperando

O vice-presidente José Alencar recebeu alta da UTI do Hospital Sírio-Libanês na manhã de ontem e foi transferido para um quarto.

Médicos garantem que a recuperação é “bastante satisfatória".

Alencar luta há 12 anos contra um câncer no sistema digestivo.

Lula torce pela recuperação do amigo Alencar, porque não pode viajar e deixar o PMDB, Temer ou Sarney com a Presidência da República.

Que droga

O Correio Braziliense mancheteia hoje que “Consumo de crack avança em Brasília”.

Nas festas em boates, uma substância, nova no mercado brasiliense, preocupa: o GHB, conhecido como ecstasy líquido.

Poxa, e a gente que pensava que a única droga lá da Ilha da Fantasia eram os políticos ou o governo...

Pânico petroquímico

As construtoras Andrade Gutierres, Queiroz Galvão e Odebrecht estão em pânico duplo.

Primeiro, com um inquérito que corre em sigilo na Polícia Federal para investigar superfaturamento e sobrepreço na execução do contrato bilionário da terraplanagem do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro, em Itaboraí.

Segundo, porque a Petrobrás resolveu paralisar a obra desde quarta-feira passada, e as empreiteiras correm o risco de sofrerem atrasos no religioso pagamento da obra – cujas despesas também são questionadas pelo Tribunal de Contas da União.

Conselho de quem entende

“A afeição do brasileiro pelo futebol é tamanha que qualquer contratempo para a realização da Copa do Mundo será politicamente catastrófico para quem está no comando”.

O alerta é do consultor de empresas Vargas, que foi o primeiro latino-americano a presidir o conselho diretor do PMI (Project Management Institute) e atualmente diretor da consultoria Macrosolutions.

Ricardo adverte que o Brasil precisa de um plano de metas bem estruturado para a gestão da Copa de 2014.

Bolso em dúvida

Os militares desconfiam ser promessa de ano eleitoral o suposto reajuste para o ano que vem.

O chefão Lula acena que o reajuste salarial que equiparará os militares às demais carreiras de Estado poderá ser autorizado em janeiro de 2011.

A grana sairia logo após a ultima parcela do reajuste dado em 2008, que será finalizado em junho de 2010.

O militar que sobreviver até lá poderá verificar se a promessa é verdadeira ou não...

Desculpa pra ferrar as FFAA

O Valor Econômico de hoje informa que a crise econômica e a queda da arrecadação tributária ameaçam deixar na gaveta os planos de reaparelhamento e modernização das Forças Armadas, que ganharam impulso com a Estratégia Nacional de Defesa, divulgada em dezembro.

Os investimentos para compra e reforma de armamentos foram contingenciados em até 47% neste ano, comprometendo o planejamento dos militares.

Para 2010, em meio à lenta recuperação da economia, os três comandos estão pedindo um orçamento que excede em até oito vezes os níveis atuais de investimento.

Do plano inicial, que listava 22 iniciativas governamentais, 20 estavam previstas para encaminhamento até junho de 2009, mas o Ministério da Defesa não divulgou nenhuma delas.

Felix na área

O ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional, General Jorge Armando Félix, compareceu, sexta-feira passada, à festa do 61º aniversário de criação do Comando Militar do Sudeste, em São Paulo.

Curioso, é que o Espaço Cultural do Quartel General do Ibirapuera estava repleto de membros dos segmentos esclarecidos da sociedade que discordam de todo o mal que o atual desgoverno faz às Forças Armadas.

Mas não houve choques entre as tropas amigas ou inimigas.

Viva, Comandante!

A luta do Comandante Hércules vai apenas se intensificar com o espírito de luta, inteligência, lealdade e amor à Pátria que nos legou.

A carcaça do avião partiu bruscamente, mas o espírito de seu piloto há de fortalecer cada um dos que trabalham por um Brasil melhor, sem a influência do crime ideologicamente organizado.

Esteja onde estiver, Comandante Hércules, conte conosco para o que der e vier.

Vida que segue...

Ave atque Vale!

Fiquem com Deus.

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Inteligente (analítico e provocador de novos valores humanos) com análise estratégica, conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva.

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 27 de Julho de 2009.

domingo, 26 de julho de 2009

O prendedor de aves no visgo

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net

Por Arlindo Montenegro


Qualquer menino habitante do nordeste rural conhece a “chama de visgo”: você escolhe um galho pertinho do fruto que o passarinho come e meleca com visgo de jaca. O passarinho chega pra se alimentar, pousa no visgo e pronto! Fica colado. Você agarra o bichinho e prende numa gaiola, transforma num dependente, dá de comer pimenta e semente de maconha pra ele “cantar” mais. Adeus à liberdade!

É o que o presidente nordestino-apaulistado parece estar fazendo. E poucos percebem, que nem o jornalista da ‘Veja’, Augusto Nunes, que avisou à turma da FIESP agarrada na “chama de visgo”: “Vocês não sabem o que lhes espera”. É preciso muita força nas asas pra livrar-se do visgo e voar livre.

O visgo está nos contratos viciados com o Estado super dimensionado, com o Estado que tem as chaves das portas dos bancos e do tesouro. O visgo está nas tratativas entre oligarcas, que segundo o Professor Roberto Romano, agem na política “como se fossem proprietários da coisa pública”. O visgo está no bolsa família, nas promessas de terra e casa e nos créditos fáceis que prendem ao consumo.

O visgo maior foi espalhado pelo PT, que a pesquisa da Fundação Perseu Abramo apontou como “o partido mais corrupto do Brasil”, para cujos companheiros comunistas o governo abriu as portas para a ocupação dos postos de chefia e equipes, em toda a extensão dos serviços públicos e empresas estatais – principalmente na Educação, desfigurando a cultura e ridicularizando valores e crenças.

O visgo está nos protestos que se multiplicam, nunca associados às políticas do partido e do governante que tanto prometeu e fez exatamente o contrário, privilegiado como sócios, empresas e bancos, todos atrelados às políticas de globalização. Abram bem os olhos! O presidente que foi um dia pobre metalúrgico, aprendeu a jogar truco, domina a gritaria e porradas na mesa, os sinais combinados entre parceiros e a arte de blefar característica deste jogo.

Os parceiros do Presidente que se diz democrata, tanto no plano interno como internacional, pessoas educadas para eliminar a democracia e os Estados soberanos: dona Dilma, o tal Franklin, seu Dirceu – amantes de Fidel Castro, Lênin, Stalin, Mao Tse Tung - e Chavez, Correia, Evo, que estreitam relações com os narco terroristas e submetem suas nações ao projeto de socialização acelerada. E tem também o Obama, que vai pelo mesmo caminho.

O visgo do presidente é combinado com ameaças, com terrorismo implícito nas entrelinhas do discurso populista, que os empresários financiadores entendem como “gracinhas ou gafes”. Como no truco os “sinais e blefes” são bem entendidos pelos companheiros e aplicados na base como “palavras de ordem” para agitar os protestos, ocupações, depredações do patrimônio público e privado. Culpa de quem? Do sistema capitalista!

Abram bem os ouvidos e anotem como a Lei está sendo traduzida, interpretada e remendada por decretos diários e sucessivos que conferem ao Estado todo o poder, a última palavra, sempre na contra mão do direito e do bem comum, na contra mão da soberania nacional e em cumprimento às diretrizes do Foro de São Paulo, para transformar as Américas no continente socialista obediente à Nova Ordem Mundial.

Quando “o cara” conta com o apoio e o prestígio de velhos oligarcas, de ex presidentes, de economistas que serviram aos governos militares, que nem Collor, Sarney, Delfim Neto e sinaliza o cuidado com o perfil e a história de pessoas “que não são comuns”, isto é o mesmo que dizer: não se metam com quem é melhor que “os comuns”, a ralé. Ou: não se metam comigo, não sou comum, não sou mais da ralé.

Blindado por seus pares e pela imprensa servil, acima de tudo e de todos, encantado com o próprio discurso mistificador é possível acreditar que o ingênuo ex pobre, nem perceba seu papel de linha de transmissão dos propósitos da oligarquia financeira internacional, para implantar definitivamente o império anglo americano do Governo Mundial. Está muito ocupado em usufruir o prestígio de peão dos donos do mundo.

Esquece quando é oportuno e útil que o povo de Honduras dá o exemplo de soberania cumprindo a Lei, luta pela autodeterminação e liberdade responsável na construção democrática e cala quando um dirigente de Israel em visita ao Brasil é insultado publicamente por um membro de seu governo. Do mesmo jeito que defende e acoberta terroristas das farc, o italiano e vai saber quem mais...

“O cara” dá nó em fumaça! Promete uma coisa e faz o contrário. Será exagero pensar que toda a orquestração contra os políticos, mesmo contra o desmoralizado Senador Sarney, não seja orquestrada? Com a política e os políticos desmoralizados de cabo a rabo, ele será o salvador! E pode entulhar as ruas com os passarinhos presos no visgo.

“Uma coisa é você matar, outra coisa é roubar, outra coisa é você pedir um emprego, outra coisa é relação de influências, outra coisa é o lobby”. Outra coisa é colar toda uma nação no visgo e prender numa gaiola vermelha. Nem Stalin foi tão maquiavélico, preferia mandar a tropa para agir na linha de frente com a violência maior.

É doloroso perceber as entranhas do mundo como ele é. Perceber a estupidez superando os legítimos ideais humanos. Nas batalhas românticas descritas por Shakespeare e nos relatos da Távola Redonda, o coração comandava os atos em defesa de valores éticos e princípios consagrados. Hoje o Estado manipula a gente de modo científico, calculado, consistente levando as pessoas a agir como boiadas pacíficas e conformistas. Passarinhos na gaiola recebendo rações de alpiste e semente de maconha e cantando, cantando...

Enquanto isso, em São Bernardo, comenta-se à boca pequena que o mais novo empreendimento da “famiglia” Silva pode ser visto nos links:
http://www.abyarabr.com.br/ImoveisApresentacao.aspx?m=Busca&ID=725http://www.abyarabr.com.br/ImoveisApresentacao.aspx?m=Busca&ID=742http://www.abyarabr.com.br/ImoveisApresentacao.aspx?m=Busca&ID=753

Arlindo Montenegro é Apicultor.

sábado, 25 de julho de 2009

Programadores da Morte

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net

Por Arlindo Montenegro


O trivial variado da imprensa ligeiramente controlada serviu-nos uma declaração da ONU, informando que a produção de cocaína foi reduzida no último ano. No menu apareceram os esclarecimentos sobre a geografia da produção, preços de mercado e distribuição das diversos “mercadorias” alucinógenas, estupefacientes e um elenco dos itens desta poderosa indústria, que objetiva a sujeição política das nações, através do terrorismo e redução lenta e controlada de populações.

Comprando políticos, os 50 bilhões de dólares movimentados anualmente no item cocaína são disputados por banqueiros e somados aos recursos associados ao tráfico de armas e órgãos humanos, prostituição e empresas "lavadas", de todo tipo que integram os cartéis das poderosas famílias mafiosas, relacionadas com a kgb, cia e outras intocáveis agências governamentais. Assim subsistem e ampliam seu império a serviço da Nova Ordem Mundial.

Diferente do caju, da manga e do arroz com feijão que alimentam o corpo, as “mercadorias” descritas pela ONU, que parece ter acesso à contabilidade dos empresários bolivianos, peruanos, colombianos, brasileiros, iranianos, afegãos e todos que as fabricam, as drogas servem para alterar as mentes e produzir conformistas. Por isso, na moita, grandes investidores já começam a produzir ópio no Brasil, um mercado aberto para grandes lucros!

Quanto maior a ação da cocaína e da maconha, falando apenas dos produtos mais consumidos pelas crianças, adolescentes e jovens, menor a capacidade de censura, menor a capacidade de aprendizagem e concentração, maior a confusão e conseqüentes comportamentos violentos, geradores dos atos de conformismo delinqüente e logo de criminalidade embalada pelas músicas, danças, literatura, cinema e licenciosidade globalizada.

Comportamentos que negam a educação, a autoridade da família para a eleição de propósitos de vida, são banalizados pela televisão e estão presentes nos jornais cotidianos, que também podem ser traduzidos como ausência de expectativas de vida em função da redução da autoridade do berço, valores e sentido de vida, normalmente implantados no lar, na primeira infância, arrebatados pela propaganda subliminar que ridiculariza a fé dos ancestrais.

Se na Europa morre uma pessoa a cada hora de overdose, no Brasil, não sabemos quantos morrem, quantos matam, quantos cometem suicídio, mais ainda quando não existe uma contagem apropriada lá nos cafundós. Tudo é feito a partir dos grandes centros urbanos, onde as concentrações da miséria favorecem as pesquisas.

E a mais recente pesquisa, foi efetuada pelo Laboratório de Análise da Violência da Universidade Estadual do Rio de Janeiro, onde o mais novo “laboratório de análise” lança o mais novo “índice” para medir os homicídios na adolescência: IHA, anunciando que “ um em cada 500 adolescentes brasileiros será morto antes de completar 19 anos”.

Na seqüência vem a falação:

- a coordenadora do “Programa de Redução da Violência Letal Contra Adolescentes e Jovens do Observatório de Favelas” diz que “a revelação é forte e expressa a dramaticidade do fenômeno da violência no Brasil".

- a “Subsecretária dos Direitos da Criança e do Adolescente da Secretaria Especial dos Direitos Humanos” afirma que a estimativa anunciada de 33 mil assassinatos entre jovens de 12 a 18 anos causou "surpresa". E anunciou um “pacto com gestores dos municípios e estados com maiores índices de assassinato para organizar ações conjuntas e diagnósticos para enfrentamento integrado do problema”. Reconheceu a "ineficiência" e a "insuficiência", novas denominações da incompetência dominante das políticas públicas, “inclusive diante de situações como a evasão escolar” que empurra adolescentes para a criminalidade como fonte de sobrevivência.

- Inácio Cano, um dos professores da equipe de investigação do IHA concluiu que “o Brasil é um dos países mais violentos da América Latina, atrás apenas de El Salvador e da Venezuela... considerando “que a América Latina já é uma das regiões mais violentas do mundo." Chega o representante da Unicef (essa da Criança Esperança) e diz que "Ficamos muito preocupados com o fato de a violência letal começar tão cedo, aos 12 anos."E o documento faz uma revelação que está passando batida nas entrelinhas: “O Brasil está entre os quatro países que tem maior número de usuários de drogas injetáveis e figura entre os nove países com maiores índices de contaminação do vírus HIV no mundo!

Nenhuma palavra sobre a responsabilidade do Estado! Nenhuma palavra sobre a consistência dos propósitos documentados nas atas do Foro de São Paulo, que restaura nas Américas o que foi “perdido” com a queda do muro de Berlim. Nenhuma palavra sobre as diretrizes do Diálogo Interamericano, da Trilateral Comission, do G8, dos Bilderberg, todos promotores da redução de populações proposta pela Nova Ordem Mundial.

Isto é o que nos brinda a incompetência e a crueldade das políticas socializantes implantadas desde o governo FHC e sorrateiramente financiadas pelo Estado, atingindo e desestruturando em silêncio a cultura, a educação e as famílias, impedindo a evolução para o que poderia vir a ser uma nação soberana, pensante e executora do seu destino e sentido de construção social com respeito à vida.

A confusão que impera nas cabeças pensantes deste Brasil - onde os governantes desprezam as Leis e não são punidos, os corruptos idem, onde os policiais são punidos por matar traficantes encastelados em fortalezas do terror moderno, bandidos melhor armados que os agentes das emaranhadas Leis – é uma confusão originária de drogas bem conhecidas e um “viés” que também merece ser diagnosticado, acompanhado, indexado, localizado e isolado.

Arlindo Montenegro é Apicultor.

sexta-feira, 24 de julho de 2009

Mercado já enxerga movimento especulativo para que cotação do dólar no Brasil chegue, depressa, a R$ 1,40

Edição do Alerta Total - www.alertatotal.net

Por Jorge Serrão

Um grande guru do mercado financeiro enxerga movimentos especulativos para que o dólar seja forçadamente baixado até R$ 1,40. A cotação caindo leva os exportadores brasileiros à loucura, e faz a alegria de empresas do exterior ou de importadores daqui. Será que o negócio tem alguma relação com alguma necessidade de fazer caixa nas importadoras transnacionais para facilitar um financiamento eleitoral mais generoso no ano que vem? Mistério...

Ontem, a moeda garantida internacionalmente pelo poderio militar norte-americano fechou aqui no Brasil a R$ 1,89. O dólar caiu 0,79% Foi a menor cotação desde setembro de 2008, dias após o agravamento da crise financeira com a quebra do Lehman Brothers nos EUA. O setor industrial fica cada vez mais eletrizado com o fenômeno e diminui a atividade. O consumo de energia elétrica no país acumulou queda de 2,7% no primeiro semestre em relação a igual período do ano passado. A redução foi determinada pela menor atividade industrial, como resultado da crise. O consumo caiu 11,4% no setor.

Outro problema da economia brasileira continua sendo o spread bancário. A diferença entre o juro pago pelos bancos na captação do dinheiro e o cobrado dos clientes está caindo em ritmo mais lento que o da taxa básica (Selic). Na média, o spread caiu de 30,5 pontos porcentuais em janeiro para 28,1 pontos em maio, ou seja, 2,4 pontos. No mesmo intervalo, a Selic passou de 13,75% ao ano para 9,25%, uma diferença de 4,5 pontos. Agora, a Selic chegou a 8,75% - em tese, o menor juro em 35 anos.

Perguntar ofende?

Dúvida cruel lançada pelo jornalista Jânio de Freitas sobre o atentado à soberania brasileira proposta pela francesa Direction des Constructions Navales – que deseja nos empurrar quatro submarinos e mais a construção de uma nova base naval, em parceria com a empreiteira Odebrecht:

A intromissão da empreiteira Odebrecht vem de lá para cá, como apaarente, ou foi remetida daqui para entrar lá no negócio e vir com ele, já sem concorrências e outros incômodos, até os gabinetes ministeriais, palácios e cofres brasileiros?”.

Fora, Sarney!

O líder do PSDB no Senado, Arthur Virgílio (AM), oficializou ontem, no Conselho de Ética, a quarta denúncia contra o presidente da Casa, José Sarney (PMDB-AP).

Com as gravações que provam sua ligação com atos secretos, o senador começa a perder apoio.

Até então ferrenha defensora de Sarney, Ideli Salvatti (SC), líder do governo no Congresso, já admite que a situação se agravou e pode levar o PT a rever sua posição, apesar da vontade de Lula defensor da tese de que o Senado tem condições de investigar Sarney sem que ele deixe o cargo.

Fica, Sarney

Depois de afirmar que o senador José Sarney não pode ser tratado como uma pessoa comum e pedir a procuradores cuidado com a biografia dos investigados, o chefão Lula reforçou ontem a defesa do presidente do Senado, minimizando as acusações que pesam contra o aliado.

Alegando que nem todo julgamento é de pena de morte, Lula disse que, antes de punir, é preciso saber o tamanho do crime.

"Uma coisa é você matar, outra coisa é roubar, outra coisa é você pedir um emprego, outra coisa é relação de influências, outra coisa é o lobby”.

Explicação psicossocial

O professor titular de Filosofia e Ética da Unicamp, Roberto Romano, critica que tal a prática política, que aposta na perspectiva da impunidade, vem da formação do Estado brasileiro, construído sob o sistema absolutista, onde não existe separação do "tesouro do rei do tesouro público".

Os nossos políticos se consideram pequenos nobres. Sobretudo os capitães de oligarquias, que agem como se fossem proprietários da coisa pública”.

E, depois que fazem tanta besteira, na hora de se defender, os políticos preferem atacar a imprensa – que cuida apenas da coisa publicada.

Nova denúncia

O Globo de hoje informa que a prestação de contas ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) do então candidato José Sarney (PMDB-AP) ao Senado, em 2006, três notas, que somam R$ 174.660, estão entre aqueles documentos cuja prestação de serviço é questionável.

O trabalho executado, de acordo com dados disponíveis no site do TSE, teria sido "publicidade por carro de som".

Acontece que a empresa que teria sido contratada fica em São Luís, distante 1.776 km do Amapá, por onde o senador se reelegeu.

Probleminha

A Job Eventos e Locação, cujo nome comercial é Marazul Produções, funciona no mesmo endereço que uma distribuidora de medicamentos e de uma empresa de pesquisas eleitorais, na rodovia BR 135, no Km 5.

A empresa constrói trios elétricos e aluga, inclusive, palcos.

Seu proprietário, Carlos Cavalcanti, negou que tenha trabalhado para a campanha de Sarney ao Senado.

Mídia contra o chefão

O jornalista Augusto Nunes, colunista da Veja, soltou o verbo contra “Lula e seus comunistas próximos”, em palestra fechada, esta semana, para empresários na Federação da Indústrias do Estado de São Paulo.

Nunes advertiu que os industriais não devem confiar em Lula e ainda vaticinou:

Vocês não sabem o que lhes espera”.

Chefão da mídia

Lula vai ganhar mais um espaço televisivo.

O novo programa da TV Cultura, “Iguais, Diferentes”, em parceria com a portuguesa RTV, pretende entrevistar o chefão junto com Aníbal Cavaco Silva.

Paulo Markun e Carlos Fino fariam o papel chapa branca.

Novo Leão

Ao retornar de suas férias na próxima semana, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, deverá anunciar o presidente do INSS, Valdir Simão, para o comando da Receita.

Quem esquenta a cadeira interinamente é Otacílio Cartaxo, sub da secretária demitida.

Lina Vieira ainda mantém Mantega derretido de raiva por causa da solidariedade pública das Associações de Fiscais da Receita contra a saída dela.

Máfia das passagens

O presidente da Câmara, Michel Temer, determinou que a Corregedoria da Casa investigue a participação de deputados na venda da cota de passagens aéreas.

Serão abertos 44 processos administrativos contra servidores e ex-servidores que tiveram envolvimento na máfia das passagens confirmado pela comissão.

Parlamentares sob suspeita serão alvo de processo por quebra de decoro, e servidores podem ser demitidos.

Jogada paraguaia

O Paraguai terá autorização para vender energia, de Itaipu e de outras usinas, no mercado livre brasileiro.

Além disso, o valor pago pela cessão de energia subirá de US$ 120,3 milhões para US$ 360 milhões.

O pacote brasileiro ao Paraguai inclui ainda a criação de fundo binacional e o financiamento da construção de uma linha de transmissão de energia de Itaipu a Assunção, orçada em US$ 450 milhões.

Acerto final

O acordo ainda depende da palavra final dos presidentes Lula e Fernando Lugo, que se encontram amanhã para discutir o assunto.

Na realidade, conforme denuncia o Valor Econômico de hoje, o governo brasileiro vai absorver, com redução de impostos sobre eletricidade ou aporte do Tesouro Nacional, boa parte do aumento de custos da energia elétrica resultante do acordo com o Paraguai.

Tudo foi devidamente negociado pelo assessor especial da Presidência do Foro de São Paulo, Marco Aurélio Garcia, que participou das discussões com os paraguaios, ontem, em Assunção.

Corrupção combatida

Três prefeitos, dois deputados e vários rabinos estão entre os 44 presos ontem em Nova Jersey, numa megaoperação que desvendou um dos maiores esquemas de corrupção da história do estado.

As acusações envolvem lavagem de dinheiro, propinas e até tráfico de órgãos.

Ainda bem que essas coisas de corrupção só acontecem nos EUA...

Marketing Esportivo Sexual

Um lutador de Taekondo da Nova Zelândia arrumou uma alternativa nada ortodoxa para suprir a falta de patrocínio e brilhar nas Olimpíadas de Londres, em 2012.
Logan Campbell, de 23 anos, espera arrecadar R$ 380 mil com o bordel que decidiu abrir para custear sua campanha esportiva.

As “primas” terão de suar para que o lutador pague seu treinamento, médico, técnico e viagens.

Diferença fatal

Triste é o Brasil que tem um Congresso Nacional que não financia qualquer atleta, mas onde as más línguas juram que prostitutas são custeadas a rodo.

Inclusive com algumas das ilustres meninas de vida nada fácil sendo nomeadas por decretos secretos para empregos ou cargos comissionados de vida nada difícil nos legislativos da vida.

Eis o preço alto que a sociedade brasileira paga pela prostituição da atividade política.

Só assim se justifica afirmar que “uma coisa é você matar, outra coisa é você roubar, outra coisa é você pedir um emprego”.

Vida que segue...

Ave atque Vale!

Fiquem com Deus.

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Inteligente (analítico e provocador de novos valores humanos) com análise estratégica, conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva.

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 23 de Julho de 2009.

quinta-feira, 23 de julho de 2009

Documento vazado da Maçonaria incita mobilização efetiva contra corrupção e desvios institucionais no País

Edição do Alerta Total - www.alertatotal.net

Por Jorge Serrão

Ganha força, na Maçonaria, um movimento de mobilização nacional em defesa da cidadania, e acima de tudo da democracia, atacando o governo do crime organizado que promove a corrupção nos três poderes. Circula na Internet, vazada do fechado meio maçônico, datado de 12 de julho, um manifesto assinado por Wilson Filomeno, Ex-Grão-Mestre da Grande Loja Maçônica de Santa Catarina e atual Secretário Geral da Confederação da Maçonaria Simbólica do Brasil, cobrando uma ação efetiva daqueles “poucos que ainda não se corromperam no poder, e possam contribuir para a normalização da ordem nacional”.

O autor do manifesto foi direto: “Tenho certeza, é o momento histórico para propormos o saneamento da vida pública, através de ampla reforma que afaste do poder aqueles que não sabem honrar a confiança que lhes fora outorgada”. Em outro trecho, o manifesto constata: “O que estamos testemunhando, no presente momento, em todas as esferas da administração pública da Nação brasileira, chega a ser repudiante, e até inacreditável, em face da imobilidade do seu povo, os homens públicos, com raras exceções, comentem as mais descabidos e vergonhosos atos na condução dos interesses nacionais”.

O documento faz um ataque direto ao atual desgoverno: “Os ´Sarneys, os Renans Calheiros´, como peças chaves do Presidente Lula, que deveriam guardar um comportamento ilibado, tendo por fundo a honestidade, são acobertados e protegidos por aquele mesmo Presidente, que não tem demonstrado nenhum interesse que a decência, na esfera pública, seja restabelecida, desde que seja resguardada a candidatura da Senhora Dilma à Presidência da República. E esta, candidata declarada, tem se prestado a levar, às escondidas, e veladamente ao Presidente Lula, para que tudo seja mantido como está, até sua chegada ao poder, notícia vinculada nos jornais nacionais”.

O manifesto da Maçonaria faz uma constatação lamentável: “A falta de uma liderança, que possa empunhar uma bandeira capaz de resgatar a dignidade desse povo, aumenta seu sofrimento e desencoraja-os a tomada de atitudes que manifestem publicamente seu repúdio, sua indignação, frente aos mesquinhos atos que continuam acontecendo, em razão da inércia e da conivência da parte daqueles que poderiam, como nossos porta-vozes, fazer chegar aos mais elevados escalões, dos poucos que ainda guardam o comportamento de verdadeiros patriotas, um pedido de justiça, um grito de socorro”.

O texto lembra que os maçons juram “combater os inimigos da humanidade e da Pátria – como sejam: os hipócritas que a enganam; os pérfidos que a defraudam; os ambiciosos que usurpam e os corruptos, e sem princípios, que abusam da confiança dos povos”. E faz uma autocrítica do atual papel da Maçonaria: “Somos na verdade falsos heróis, o povo brasileiro triste, desencantado e sem esperanças, acomoda-se e assiste, passivamente o violentar da nossa Constituição por homens que receberam nosso voto e juraram defendê-la em prol da felicidade desse povo. E hoje, travestidos em verdadeiros delinqüentes corruptos, despidos de qualquer comportamento ético, aproveitam-se dos cargos para locupletar-se às custas do erário público”.

Apesar da autocrítica, o texto de Wilson Filomeno faz uma convocação otimista aos membros de mais de 5000 Lojas Maçônicas ligadas à Confederação da Maçonaria Simbólica do Brasil: “É preciso que o povo sinta que nem tudo está perdido, pois a Maçonaria, mais uma vez, se dispõe a colocar-se ao lado dos verdadeiros brasileiros que clamam pelo expurgo definitivo da podridão que medra o seio político, extirpando os desonestos, os falsos líderes que tudo tem feito para perpetuar-se no poder, à base da hipocrisia”.

Contratar não ofende

A Halliburton fechou, por cinco anos, um contrato de serviços com a Petrobras no valor de US$ 190 milhões.

A Transocean (maior empresa mundial de serviços de perfuração submarina) fechou outro acordo, por três anos, com a Petrobras, no valor de US$ 558,5 milhões.

Será que nenhuma delas vai dar uma ajudinha na campanha da favorita do chefão?

Perseguição empresarial?

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) autuou ontem, por unanimidade, a AmBev, em R$ 352 milhões.

Trata-se da maior multa já aplicada a uma empresa no Brasil, considerando-se não só o Cade como todos os demais órgãos e agências reguladoras.

A holding cervejeira foi condenada por infração à ordem econômica porque teria utilizado um programa de fidelização de seus distribuidores que induzia as empresas a darem exclusividade aos produtos da companhia.

Telefônica

O Cade também multou a Telefônica em R$ 1,96 milhão.

A empresa foi punida por ter descumprido uma medida preventiva relativa a seu serviço de acesso à internet que havia sido determinada pelo Cade em dezembro de 2008.

O Cade determinou - por meio da medida preventiva - que a Telefônica informasse claramente seus clientes de que eles poderiam optar por outros provedores disponíveis no mercado depois do fim do serviço gratuito.

Fora, Sarney!

O senador Cristovam Buarque (PDT-DF) pedirá à cúpula do PDT que se una ao PSOL na representação contra Sarney.

Cristovam Buarque prega a renúncia de Sarney – pelo menos da presidência do Senado:

É um equívoco o Senado sair de férias, deixando a Casa pegando fogo. Hoje acho que Sarney deveria renunciar ao mandato de presidente. Assumiria o vice-presidente e em um mês poderíamos escolher nosso novo presidente”.

Tem culpa eu?

Direto do paraíso de sua ilha particular do Curupu, no Maranhão, o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), mandou avisar que não renuncia.

O recado foi dado aos petistas que, segundo aliados de Sarney, foram os autores da revelação das conversas telefônicas entre ele e o filho Fernando Sarney.

Os sarneystas bateram diretamente no ministro da Justiça Tarso Genro, culpando pelo vazamento dos papos gravados com o claro objetivo de desestabilizar Sarney politicamente.

Além de Tarso – doido para deixar logo o governo -, o senador Tião Viana (PT-AC) também está na mira dos aliados de Sarney.

Onde está a sinceridade?

Tarso Genro classificou o grampo como um diálogo político:

“Não devo me manifestar sobre essa questão, que está em exame pelo Senado. É um diálogo de natureza política, apenas. Então não há nenhuma manifestação do Ministério da Justiça sobre isso. Eu não trato de inquéritos, porque o conteúdo de inquéritos é uma questão técnica da Polícia Federal, que diz respeito a situações específicas e a fatos, e não a pessoas. Eventualmente, alguém pode estar sendo gravado e nada ter a ver com a origem do inquérito. Este caso concreto o próprio Senado tem que examinar”.

Da defesa ao ataque

Em nota assinada por seu advogado, Eduardo Ferrão, Fernando Sarney destacou que suas conversas "estritamente privadas com seus filhos e seu pai" não revelam "qualquer conotação de ilicitudes".

A nota ressalta ainda que "constitui conduta criminosa" a divulgação de informações de um inquérito que tramita sob segredo de Justiça.

A defesa de Sarney ameaça processar a mídia, alegando que “sua propagação pela internet e outros órgãos de imprensa "constitui flagrante e inaceitável atentado a garantias estampadas na Constituição Federal".

Quem tem passado tem medo...

O chefão Lula foi oportunista ontem no discurso da posse do novo Procurador Geral da República – que devia ser um cargo independente e não nomeado por ocupante eventual de Presidência da República.

Lula criticou a condenação prévia, e, para variar, bateu na imprensa que – na visão lulista - quer condenar antes da conclusão do processo:

Você tem duas possibilidades. Você pode engavetar processo, você pode aceitar pressão do Poder Legislativo, você pode aceitar pressão do Poder Executivo, você pode aceitar pressão da imprensa - que às vezes quer condenar antes do processo ser feito corretamente”.

Medinho

O temor do Palhaço do Planalto é que a popularidade do chefão Lula pode sofrer abalos ao colar a imagem dele aos escândalos do presidente do Senado.

Apesar do medinho, a ordem é de manter a blindagem por causa do necessário apoio de Sarney e do PMDB ao projeto petista da candidatura da ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, em 2010.

Adevogado de Sarney

Lula se dirigiu ao novo Procurador Geral da República, Roberto Gurgel, e aproveitou para, velada a indiretamente, defender seu aliado José Sarney:

Gurgel, nesse um ano e meio de convivência que vamos ter, jamais farei um pedido pessoal e jamais colocarei um alfinete para atrapalhar qualquer investigação da instituição. A única coisa que peço é que uma instituição que tem o poder do Ministério Público, garantido pela Constituição, tem o direito e a obrigação de agir com a máxima seriedade, não pensando apenas na biografia de quem está fazendo a investigação, mas pensando da mesma forma na biografia de quem está sendo investigado”.

Grande novidade...

O premiê italiano Silvio Berlusconi brincou ontem de “óbvio ululante”:

"Eu não sou um santo".

Será que alguém pensou que ele fosse?

Difícil santificação

Outro difícil de canonizar é o ex-bispo católico Fernando Lugo, que preside o Paraguai.

Sua irmã, Mercedes - que faz o papel de primeira dama do país, já que ele permanece solteiro - e o seu primo Eugenio Méndez são suspeitos de envolvimento em um esquema de concessão de vistos emitidos ilegalmente a chineses e libaneses.

Sua sobrinha Mirta Maidana Lugo - filha da “primeira-dama” - foi recentemente fotografada numa festa da alta sociedade, aos beijos com um narcotraficante paraguaio que, segundo as investigações, teria conexões com uma quadrilha brasileira que assaltou um banco em Fortaleza.

E o Economist Intelligence Unit – que é a inteligência corporativa da revista inglesa The Economist – advertiu seus clientes sobre um possível golpe para derrubar Lugo, embora a publicação avalie que a queda dele é improvável.

Espada Jackson?

O tabloide britânico "The Sun" revela que Michael Jackson era espada.

Michael Jackson teria mais um filho: o dançarino Omer Bhatti, de 25 anos, fruto de um encontro de uma noite, que agora fará um teste de DNA para saber a verdade.

O jovem assistiu na primeira fila o funeral do popstar ao lado dos irmãos de Jackson e de seus outros três filhos.

Vida que segue...

Ave atque Vale!

Fiquem com Deus.

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Inteligente (analítico e provocador de novos valores humanos) com análise estratégica, conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva.

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 23 de Julho de 2009.

quarta-feira, 22 de julho de 2009

BC do B já parte para “fuga do dólar” e aplica reservas onde interessa à Oligarquia Financeira Transnacional

Edição do Alerta Total - www.alertatotal.net

Por Jorge Serrão

O Brasil já coloca em marcha uma estratégia de fuga do dólar – conforme deseja a Oligarquia Financeira Transnacional que aposta contra a soberania dos EUA? Tudo indica que sim. Um dia depois que a candidata Dilma Rouseff se reuniu com o Secretário do Tesouro dos EUA, durante seu lobby junto a clubes de poder em Washington, o Banco Central do Brasil vendeu US$ 24,3 bilhões em títulos americanos das reservas internacionais. O BC sinaliza que vai encurtar ainda mais os prazos dos investimentos em títulos norte-americanos.

A grana – que corresponde a quase 10 por cento das reservas brasileiras - foi reaplicada em papéis de organismos supranacionais, como o BIS (Banco de Compensações Internacionais). Com reservas de US$ 209,821 bilhões, o Brasil é o quarto maior financiador do Tesouro americano, atrás da China, do Japão e do Reino Unido. Ontem, enquanto se desmantelam as relações econômicas Brasil-EUA, Dilma Rousseff e um grupo de empresários tiveram um rápido, festivo e inútil encontro com o presidente Barack Obama.

Em tese, o Brasil corre atrás de maior rentabilidade nas reservas internacionais. Mas, na prática, pode estar beneficiando bancos que precisam, agora, das nossas reservas. É um grande segredo onde as reservas brasileiras são aplicadas. Além do BIS (o banco central privado dos bancos centrais, mecanismo da Oligarquia Financeira Transnacional), o capimunista BC do B também faz aplicações no KHW – o banco para crédito e reconstrução da Alemanha.

Ontem, Ben Bernanke alertou que os juros continuarão muito baixos por um longo período. O presidente do Banco Central (privado) dos EUA admitiu que o rendimento dos títulos do Tesouro caiu. Suas declarações estimulam a fuga do dólar, jogando contra os EUA. Bernanke também informou que o Federal Reserve estuda formas de desmontar as políticas de estímulo monetário. Suas palavras deixam claro que os interesses dos banqueiros internacionais que comandam o BC norte-americano falam mais alto que a soberania econômica dos EUA – que é assegurada, na verdade, por seu poderio militar.

Problemas de relacionamento econômico

O Brasil terá neste ano seu primeiro déficit comercial com os EUA na década.

De janeiro a junho, a balança pende para os EUA em US$ 2,5 bilhões e não se prevê reversão.

No período, as exportações brasileiras aos EUA caíram 44%.

Pelo visto, não vai ser o Fórum dos 20 CEOs, ocorrido ontem e anteontem em Washington, que vai resolver o problema...

Cadeia para os corruptos

Parlamentares que declararem despesas falsas ou usarem fundos públicos indevidamente poderão pegar até um ano de prisão.

A medida foi tomada como reação aos sucessivos escândalos de mau uso de verbas públicas pelos políticos.

Pena que será adotada apenas na Inglaterra – onde existe muito político corrupto.

Nomes aos bois?

Quando será que o juiz Fausto de Sanctis vai revelar quem eram os 23 cotistas que investiam com Daniel Dantas no luquidado Opportunity Fund?

Será que teremos de esperar que o bem informado repórter Cesar Tralli, da Rede Globo, vaze tal informação?

Ontem, Fausto De Sanctis sequestrou 27 fazendas da Agropecuária Santa Bárbara, que tem como sócio o banqueiro Daniel Dantas.

Dantas é acusado de usar as fazendas para lavar dinheiro, em ação decorrente da Operação Satiagraha.

Será que não aprendeu com a história?

Agora chamado erroneamente pela mídia de último exilado pós-64, o marinheiro Antônio Geraldo da Costa, de 75 anos, mais conhecido por "Neguinho" ou pelo codinome da militância, "Tigre", retornou ao Brasil ontem à tarde, após 39 anos, com um velho discurso:

Aqui estamos porque lá estivemos, na luta contra a ditadura, por um país livre e democrático. Faria tudo de novo, agora com mais experiência”.

Neguinho", que participou de resgate de presos políticos e assaltos a bancos com mortos, vivia desde 1972 na Suécia, sob a identidade de Carlos Juarez de Melo, com a qual obteve nova cidadania, casou-se, teve dois filhos e trabalhou como cozinheiro para frades e auxiliar num asilo de velhos.

Neguinho temia que as autoridades suecas o extraditassem, caso revelasse o nome verdadeiro.

O grande exilado

Neguinho era amigo do lendário “Cabo” Anselmo – que atualmente ainda é o último exilado pós-64, já que o governo sequer lhe confere uma carteira de identidade.

Os registros oficiais de nascimento de José Anselmo dos Santos sumiram do cartório de Arraial d´Ajuda, em Sergipe.

Anselmo – cujo processo de indenização anda parado na Comissão de Anistia – espera que a Justiça lhe conceda a identidade até o fim deste mês.

Perdendo o Céu

O sobrinho do Bispo Edir Macedo Bezerra sofre uma significativa perda eleitoral para 2010.

Marcelo Crivella (PRB-RJ) ficou sem o apoio dos pastores da Assembléia de Deus na sua nada fácil reeleição ao Senado.

O pastor e deputado federal Manoel Ferreira (PTB-RJ) decidiu apoiar a candidatura ao Senado de Jorge Picciani (PMDB), atualmente presidente da Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro.

O misterioso Rafael

Cinco dias após ser acusado de receber R$ 8,2 milhões da Petrobras por contratos com empresas não localizadas nos endereços declarados, a pessoa que se apresenta como Raphael de Almeida Brandão ainda é um completo mistério.

O suposto empresário também recebeu recursos de outros órgãos do governo federal e da prefeitura do Rio.

Na área cultural, o misterioso Rafael, cuja sede de uma das empresas funcionava em um canil, é reconhecido como alguém que faz intermediação de contratos e vende notas fiscais

Que cachorrada...

Em nota de imprensa, a Petrobras atribuiu ontem à prefeitura do Rio a responsabilidade pelo fato de a empresa Sibemol Promoção Eventos, que recebeu R$ 120 mil da estatal, ter como endereço um canil.

"A fiscalização do funcionamento de empresas no endereço de inscrição" e a concessão do a1vará são de competência da prefeitura

A Petrobras garantiu que a Sibemol apresentou "as contrapartidas exigidas" para receber a verba de patrocínio.

Olha a cabeleira do Tião...

Aliados de José Sarney resolveram investigar quanto custou a cirurgia de implante de cabelos feita pelo senador Tião Viana (PT-AC).

Eles querem saber quem bancou o tratamento capilar que é um dos mais caros do Brasil.

Tião se cuidou na Clínica Derm, que fica na Avenida José Munia, 5950, Jd. MorumbiSão José do Rio Preto – SP.

Quem refez a cabeça do Tião foi a equipe do cirurgião dermatológico João Carlos Pereira.

Joguinho do Sarney

Quem tem IPhone pode se divertir com um joguinho político: “O Povo x Sarney”.

O olho do pobre senador atacado fica com e hematomas em volta dos olhos começa a inchar quanto mais os jogadores atacam o protagonista de Moribundo do Senado.

Demonstração do gaiato joguinho pode ser vista no YouTube: http://www.youtube.com/watch?v=JVjB2Pz8xyY

Golaço contra

O Ministério Público Federal insiste que a CBF ultrapassou em mais de R$ 100 mil o teto permitido por lei de 2% do faturamento bruto para doações eleitorais.

A denúncia é investigada pelo Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro que pode punir a entidade infratora com multa de cinco a dez vezes o valor excedente da doação.

Tudo porque, em 2006, a governadora do Maranhão Roseana Sarney recebeu R$ 100 mil de doação da instituição futebolística privada, que tem como vice-presidente seu ilustre irmão Fernando Sarney.

Bingos fechados

A polícia fechou hoje de madrugada três bingos clandestinos no Centro e na Zona Norte de São Paulo.

Noventa e duas máquinas caça-níqueis foram apreendidas.

Uma das casas de jogos funcionava pertinho do 1º Distrito Policial da capital paulista.

Imposto único

A idéia do imposto único, defendida desde 1990 pelo professor Marcos Cintra, chega agora aos EUA.

Foi lançado pela Fundação Getúlio Vargas o livro “Bank Transactions: pathway to the single tax ideal”.

Resta saber se os norte-americanos vão aprender alguma coisa, porque os brasileiros nada fazem para mudar a estúpida carga tributária que nos come quase 40% da renda.

Sobe juros, nos EUA?

O governo dos EUA já vislumbra estratégias de saída da crise, mas avalia que a economia ainda está frágil demais e é cedo para reduzir os estímulos e apertar a política monetária.

Em depoimento ao congresso, ontem, Ben Bernanke, o presidente do Fed (banco central dos EUA), detalhou o plano pós-recessão.

Ligado aos clubes de poder global, Ben Bernanke jura ter as ferramentas para a transição, segundo ele, será necessário subir juros e enxugar liquidez.

Noves fora, nada...

Os nove membros do Comitê de Política Monetária do Banco Central devem cortar amanhã os juros em meio ponto no Brasil.

A Taxa Selic deve cair para 8,75%.

O problema é que, mesmo caindo, continua altíssima...

Não vai nada?

O socialista Fabiano Delfim Netto defende que, em 2012, qualquer que seja o presidente eleito dos EUA, terá de adotar plano de reequilíbrio fiscal.

Foi o recado do grande conselheiro econômico informal de Lula aos norte-americanos.

Não seria o caso de perguntar a Delfim: “E no Brasil? Não vai nada?”.

Juventude assassinada

Cerca de 33.504 adolescentes brasileiros - de 12 a 18 anos - serão assassinados em um período de sete anos, que vai de 2006 a 2013.

A previsão sombria é calculada pelo Laboratório de Análise da Violência da Uerj (Universidade Estadual do Rio de Janeiro), em parceria com o Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância) e com o Observatório de Favelas.

A pesquisa também indica que, para adolescentes do sexo masculino, o risco de ser assassinado é 11,9 vezes maior se comparado ao de mulheres na faixa de 12 a 18 anos.

O estudo avaliou 267 cidades brasileiras com mais de 100 mil habitantes.

Fica, Berlusconi

A revista italiana "L'Espresso" divulgou ontem novas gravações de conversas entre o primeiro-ministro do país, Silvio Berlusconi, e a prostituta Patrizia D'Addario.

Berlusconi fala de seu papel na política internacional e se gaba que é o "responsável pelo organismo internacional que governará a economia do mundo".

Os arquivos conseguidos pela publicação estão em posse da Promotoria de Bari.

Fica...

Em tempo: Para os pesquisadores de língua, nada custa investigar o que significa “fica” em italiano...

Garante-se que o Berlusconi vai adorar a tradução.

Ouça as gravações do italiano com a bela loura no link: http://espresso.repubblica.it/multimedia/6959303

Sexo animal

A partir do mês que vem, estará disponível no mercado brasileiro, nos tamanhos P, M e G, a DoggieLoverDoll, fabricada pela empresa PetSmiling, para servir de boneca inflável para cachorros sedentos por sexo animal.

A cadela é feita de borracha macia, com canal vaginal de silicone e um reservatório de fácil higienização.

Vem junto com a “cachorra” um tubo de lubrificante íntimo, à base de água, para aumentar a satisfação e a vida útil da nova alegria dos cachorros.

De repente, Berlusconi podia comprar uma cachorrona destas para ele...

Vida que segue...

Ave atque Vale!

Fiquem com Deus.

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Inteligente (analítico e provocador de novos valores humanos) com análise estratégica, conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva.

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 22 de Julho de 2009.