sábado, 11 de dezembro de 2010

Lula e o "Aerodilma"

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net


Por João Bosco Leal

Soube pela imprensa nacional que o Presidente Lula apoia a aquisição de um novo avião para as viagens de sua sucessora Dilma Rousseff. Lula diz que a aeronave atual, um Airbus-319, conhecida por "Aerolula" e adquirida no início de seu governo, só possui 12 horas de autonomia de voo, o que, a seu ver, não atende a demanda das viagens mais longas da Presidência.

Com a aeronave atual e as doze horas de autonomia, nosso presidente atinge qualquer continente do outro lado dos oceanos, seja do Pacífico ou do Atlântico, e, aí, qual o problema de uma escala para reabastecimento para que ele continue sua provável volta ao mundo como fazem todos os outros mortais?

Fico me perguntando o que se passa na cabeça de um indivíduo como esse, que hoje ocupa a Presidência da República. Num país com um índice de analfabetismo enorme, só igualado aos países mais pobres do mundo, onde a população morre nas filas dos hospitais sem o atendimento médico a ela devido constitucionalmente pelo governo, Lula ainda tem coragem de propor gastar milhões de dólares na aquisição de uma nova aeronave, porque o presidente não pode "ter um comportamento humilhante lá fora".

Lula deveria ter vergonha é de, enquanto tudo isso ocorre com a população brasileira, ao viajar hoje com o "Aerolula", ostentar uma aeronave adquirida no início de seu governo, de um padrão já extremamente elevado para nosso país, com tantos requintes de luxo, adicionados pelo fabricante por sua exigência, que nenhum presidente de país sul-americano possui igual.

Deveria ter vergonha de, enquanto o país luta para exportar cada vez mais, gerando empregos e receitas internas, e possuindo aqui uma fábrica de aeronaves que hoje exporta para todos os continentes, utilizar, para seu uso, uma aeronave fabricada no exterior e não uma aeronave brasileira, mesmo que adaptada para todas as suas exigências de luxo e ostentação.

Deveria ter vergonha de permitir que a população nordestina de nosso país continue com tamanho grau de analfabetismo e pobreza, simplesmente por ser interessante, a ele e aos que hoje governam o país, mantê-los assim, através das "bolsas e vales" e da falta de água, dependentes do Estado, para que, assim, continuem votando nos que hoje aí estão governando, e permitindo, intencionalmente, que isso continue assim.

Intencionalmente sim, pois não existe mais justificativa plausível para que, com toda a tecnologia hoje existente, da dessalinização fácil da água do mar e seu posterior bombeamento para outros pontos, todos os estados nordestinos que sofrem sem água, mesmo possuindo frente para o mar, continuarem carentes de água pura, destilada, da melhor qualidade, tanto para consumo humano quanto animal, e até para irrigação das terras férteis.

Presidente Lula, o cidadão brasileiro não tem a menor preocupação com a aeronave utilizada em suas viagens internacionais, que seriam executadas da mesma forma, e provavelmente a um custo muito menor para o país, mesmo que, a cada viagem, fosse fretado um avião para seu uso exclusivo.

De que adianta para o cidadão brasileiro seu presidente ostentar "lá fora" uma aeronave nova, último tipo, luxuosíssima, enquanto ele e seus familiares continuam necessitando de emprego, moradia, alimentação e saúde pública condizentes com o que um presidente deveria se orgulhar de ostentar "lá fora".

Certamente, o cidadão brasileiro teria orgulho, e não ficaria nem um pouco humilhado, se seu Presidente da República ostentasse "lá fora" coisas como um país livre de analfabetos, de narcotráfico e balas perdidas, com emprego, habitação, educação e segurança para todos. O resto, Presidente Lula, é estupidez.

João Bosco Leal é Produtor Rural. www.joaoboscoleal.com

Nenhum comentário: