segunda-feira, 14 de março de 2011

Dívida interna bate R$ 2,3 trilhões, mas Lula leva US$ 200 mil para alardear “sucesso econômico”

Edição do Alerta Total – http://www.alertatotal.net/
Leia mais artigos no site Fique Alerta – www.fiquealerta.net
Por Jorge Serrão

A maior herança maldita de Lula para sua sucessora ganha contornos tsunâmicos. A dívida interna da União atingiu R$ 2 trilhões 297 bilhões e 900 milhões de Reais, em 31 de dezembro de 2010. Estes números – tão destruidores quanto um trágico terremoto japonês – Lula não cita em suas palestras internacionais, como a que estreia hoje em Doha, no Catar. A convite da TV Al-Jazeera, Extalinácio receberá seu primeiro cachê de US$ 200 mil dólares.

O economista Ricardo Bergamini traz mais números que comprovam a catastrófica gestão econômica de Luiz Inácio Lula da Silva – que seguiu a política de seu antecessor Fernando Henrique Cardoso. Foi brutal o aumento nominal da dívida interna total (em poder do mercado e do Banco Central). Atingia R$ 65,6 bilhões (18.78% do PIB), em 1994, subindo para R$ 841,0 bilhões (56,91% do PIB), em 2002.

O economista lembra que, na gestão FHC, o governo federal assumiu todas as dívidas do estados e municípios, cujo valor atualizado com base em dezembro de 2010 era de R$ 471,7 bilhões (13,56% do PIB). Com Lula, a dívida interna total se descontrolou dos R$ 841,0 bilhões (56,91% do PIB), em 2002, para R$ 2.297,9 bilhões (65,55% do PIB), em 2010.

Bergamini observa que a dívida Interna em poder do mercado saltou de R$ 2,1 bilhões (9,19% do PIB), em 1994, para R$ 558,9 bilhões (37,82% do PIB) em 2002. Na Era Lula, a mesma dívida interna em poder do mercado de R$ 558,9 bilhões (37,82% do PIB), em 2002, para R$ 1.603,9 bilhões (45,75% do PIB), em 2010.

O professor mostra que a dívida interna em poder do Banco Central também se descontrolou. Era R$ 33,5 bilhões (9,59% do PIB), em 1994, passando para R$ 282,1 bilhões (19,09% do PIB), em 2002. Na Era Lula, a mesma dívida pulou de R$ 282,1 bilhões (19,09% do PIB), em 2002, para R$ 694,0 bilhões (19,80% do PIB) em 2010.

Bergamini informa que a Dívida Líquida Total da União (Interna e Externa) também cresceu. Houve um aumento nominal de R$ 87,8 bilhões (25,13% do PIB), em 1994, para R$ 1.103,9 bilhões (74,70% do PIB), em 2002. Com Lula, também ocorreu um aumento nominal de R$ 1.103,9 bilhões (74,70% do PIB), em 2002, para R$ 2.388,0 bilhões (68,12% do PIB). em 2010.

O pesquisador também desvenda o comportamento da Dívida Externa Líquida da União (Dívida Externa Bruta Menos Reservas). Segundo Bergamini, na Era FHC, houve aumento nominal de R$ 22,2 bilhões (6,35%do PIB), em 1994, para R$ 262,9 bilhões (17,79% do PIB), em 2002. Já com Lula, nesta conta, aconteceu uma redução nominal de R$ 262,9 bilhões (17,79% do PIB), em 2002, para R$ 90,1 bilhões (2,57% do PIB), em 2010.

Ricardo Bergamini revela o que está por trás do alardeado falso-sucesso pregado por Lula, quando fala de tal “diminuição”: “Quanto ao citado empréstimo ao FMI, o Brasil nada mais fez do que uma operação normal e rotineira de um adiantamento para futuro aumento da sua participação na cota do “DES” (Direto Especial de Saque). A única coisa nova e surpreendente nessa operação foi à transformação do Senhor Lula, um homem sempre radical pregando por 28 anos o Fora FMI ter mudado para a frase a seguir: É chique emprestar ao FMI. Com esse marketing o mercado financeiro internacional concedeu diversos prêmios internacionais ao Sr. Lula”.

Leia, abaixo, o artigo de Arlindo Montenegro: Juventude, ONU e Globalitarismo

Forças desarmadas

Um estudo mensal do Ministério da Defesa, publicado ontem pela Folha de S. Paulo, mostra que metade dos principais armamentos do país, como blindados, aviões e navios, está indisponível para uso.

O inventário dos chamados meios de cada Força, ou seja, os principais equipamentos para uso em guerra, indica que o Brasil é uma impotência militar.

Segundo análise do jornal, o resultado dá argumentos aos defensores do reequipamento militar, um processo caro, demorado e que costuma esbarrar em obstáculos como pressões políticas.

Teatrinho Genérico

O ministro Nelson Jobim espalha na mídia amestrada que estaria contrariado com o corte orçamentário em sua pasta, principalmente por causa da reação dos militares.

Jobim faz sucessivas ameaças de que pode se aborrecer e jogar o seu boné de genérico.

No Planalto, já tem gente apostando que a Presidenta Dilma adoraria que isto acontecesse...

Propaganda Ideológica

Os militares, principalmente da reserva, estão PTs da vida com a nova novela do SBT.

Consideram-na mais uma pela de ficção para desmoralizar as Forças Armadas na expressão do poder psicossocial.

Confira o trailer completo de Amor e Revolução” e tire suas conclusões:

http://www.youtube.com/watch?v=8jIGzXzvZvg
Vai ficando

O Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo negou o pedido de Fábio Luiz Lula da Silva, filho do ex-presidente Lula, para que outro magistrado fosse designado a trabalhar na ação de indenização por danos morais ajuizada por ele contra a Editora Abril.

A defesa de Fábio alegou que a juíza da 2ª Vara Cível do Foro Regional de Pinheiros, Luciana Oliveira, teria demonstrado em sua sentença, quando negou o pedido de indenização, um conceito preestabelecido em relação a uma das partes.

Os desembargadores Barreto Fonseca, Ciro Campos, e Luis Antonio Ganzerla, recusaram o pedido da defesa de Lulinha.

O Etanol é deles!

De olho no mercado de biocombustíveis, a British Petroleum (BP) abocanhou 83% da Companhia Nacional de Açúcar e Álcool (CNAA).

A BP vai pagar R$ 1,1 bilhão (US$ 680 milhões) pela fatia da produtora brasileira de etanol e açúcar.

Junto com a Shell, que criou a empresa Raizen com a Cosan, a BP vai dominar o mercado de produção de álcool – que, um dia, já foi dos brasileiros...

Diálogo Interamericano

A viagem do presidente americano Barack Obama ao Brasil não deverá anunciar algum acordo de significativa importância entre Washington e Brasília.

Quem garante é Michael Shifter, presidente do Diálogo Interamericano, centro de estudos com sede em Washington:

Não haverá assinatura de algum grande novo acordo, mas é importante construir uma nova base para os governos poderem trabalhar mais efetivamente em conjunto. Com Lula e Obama, houve certa irritação e tensão. Essa é a oportunidade de tentar zerar a relação, para formar uma base mais sólida”.

Show do Obama

Barack Obama fará um discurso aberto aos brasileiros num megaevento público que contará até com show musical. No próximo domingo.

A Cinelândia, no centro do Rio de Janeiro, é o local mais cotado pela assessoria do presidente Obama a para o pronunciamento.

O big palco será armado em frente ao Theatro Municipal - protegido por um esquema de segurança truculentíssimo.

Voluntários da Telefonica

A Fundação Telefônica promove, entre 14 e 16 de março, em São Paulo, encontro internacional para discutir o plano de atuação do programa Voluntários Telefônica em nível global, até o ano de 2014.

Cerca de 30 representantes de 19 países da Europa e América Latina participarão do evento.

Saiba mais detalhes em: www.fundacaotelefonica.org.br.

Católica Global School of Law

A Faculdade de Direito da Universidade Católica Portuguesa, nomeou o advogado João Mattamouros Resende como seu representante no Brasil.

João Mattamouros Resende é Licenciado e Mestre em Direito pela Faculdade de Direito da UCP (Lisboa), com um Diploma em Direito Comercial do College of Law (Londres) e um LL.M. pela Harvard Law School (EUA).

Mattamouros possui licença para advogar em Portugal, Londres, País de Gales e Brasil e é sócio da Sociedade de Advogados Cuatrecasas Gonçalves Pereira, co-dirigindo o escritório recentemente aberto em São Paulo.

Gestores de projetos

Estão abertas as inscrições para o curso de Avaliação Econômica de Projetos Sociais da Fundação Itaú Social que será ministrado em São Paulo - de 26 de março a 18 de junho, das 10h às 17h (sábados).

O curso oferece aos participantes acesso a metodologias e ferramentas específicas para avaliar o impacto de projetos e calcular o retorno econômico para a sociedade.

Mais detalhes no site: www.fundacaoitausocial.org.br

Mídias digitais

Em palestra realizada pelo Ibmec/DF, o professor Marcelo Minutti vai discutir como mídias digitais modificam a forma como o consumidor se relaciona com marcas e produtos.

O encontro acontecerá na quarta-feira, dia 16, às 19h, na sede da Faculdade no SCN Qd. 2 Ed. Corporate Financial Center 2º andar.

A presença deve ser confirmada pelo telefone (61) 3878-7777 e a inscrição será a doação de materiais de limpeza, higiene pessoal ou leite.

Os materiais serão entregues para o Abrigo dos Excepcionais da Ceilândia.

Mudanças climáticas

A Sociedade Rural Brasileira – www.srb.org.br - realiza nesta terça-feira), às 9h, palestra sobre o tema “Agropecuária e Mudanças Climáticas”.

O palestrante será o professor-doutor em Meteorologia e Proteção Ambiental pela Universidade de Wisconsin (EUA), Luiz Carlos Baldicero Molion.

Bacharel em Física pela USP, Molion também tem pós-doutorado na área de Hidrologia de Florestas pelo Instituto de Hidrologia em Wallingford (Inglaterra).

O evento acontece na Rua Formosa, 367 – 19º andar – Anhangabau

Bolsas de espanhol

O Portal Universia Brasil, a maior rede Iberoamericana de colaboração universitária presente em 23 países, vai presentear 10 leitores com um curso de espanhol gratuito.

São 10 módulos para iniciantes com 6 horas de duração que fazem parte do Quadro Comum Europeu (nível A1).

O curso conta com animações multimídias e áudios de nativos de vários países de língua espanhola, exercícios, vocabulários, além de apoio de professores e coordenadores doutores da Universidade de São Paulo (USP).

Interessados em participar devem seguir a Univerisa no Twitter (@universiabrasil), dar a RT aos amigos conforme o link da notícia: http://noticias.universia.com.br/destaque/noticia/2011/03/09/799543/quer-tal-ganhar-um-curso-espanhol-online-graa-com-certificao-internacional-participe.html e responder à pergunta: “Por que quero aprender espanhol com a Universia?”.

A resposta deve ser enviada até 31 de março no campo “comentários” na página desta notícia.

Quando sai?

A comissão julgadora formada pela equipe de conteúdo da Universia Brasil irá eleger as 10 melhores respostas.

No dia 8 de abril os selecionados receberão login e senha por e-mail.

As informações e o regulamento estão disponíveis no link
http://noticias.universia.com.br/destaque/noticia/2011/03/09/799543/quer-tal-ganhar-um-curso-espanhol-online-graa-com-certificao-internacional-participe.html

Guerra ao silicone

O presidente venezuelano, Hugo Chávez, criticou ontem as mulheres que colocam silicone nos seios, especialmente as que não têm recursos suficientes para comprar uma moradia, e também os cirurgiões que as convencem a operar.

Em seu programa dominical "Alô Presidente", Chávez disse que na Venezuela existem médicos que fazem as mulheres que não têm seios grandes se sentirem mal.

Chavez lamentou que é triste que "moças e mulheres que muitas vezes não têm recursos suficientes para comprar uma casa paguem por uma cirurgia para colocar silicone".

Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus.


O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva.


A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.


© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 14 de Março de 2011.

4 comentários:

lg disse...

Prezado Sr. Se ainda tiveres em teu poder arquivo de comentários, poderás encontrar uma sugestão que dei para as FA substituirem os cacarecos que possuem como acervo de armas por petelecos e tapas. Seria a primeira das FA a se adaptarem aos novos tempos de segurança e atrelamento às exigências ambientais. Enquanto as armas convencionais são poluidoras, o peteleco e o tapa atende às necessidades de preservação do meio ambiente. Sem contar com a elegância e plástica que podem ser emprestadas aos seus atores. Nada de uniformes que denunciariam o militar - e isto já significaria economia -. Modernamente os militantes revolucionários se confundem com o público. Assim, já se trataria de um estratagema que confundiria os prováveis inimigos. Afinal, não está também na ordem do dia a tal guerra assimétrica? É fácil imaginar um tenente, disfarçado em pedinte e com uma muleta, se aproximar de um general inimigo e dar-lhe uma muletada nos cornos. Ou então,usar o ético peteleco nas narinas adversárias. Boto fé em que o brasileiro está acostumado a transformar cocô em ouro para sobreviver. Além do fato político de que peteleco e tapa formam em conjunto a sigla PT, o que deixaria os militantes revolucionários em igualdade de condição com o novo perfil das FA.

Blog do Ferra Mula disse...

Alfredo Sáenz, o CEO* do maior grupo bancário espanhol, o Banco Santander, foi condenado pelo Supremo Tribunal a três meses de prisão com pena suspensa e três meses de impedimento de exercício de actividade, noticiaram as agências internacionais.

O Banco Santander (o primeiro banco em capitalização bolsista na zona euro) é presidido pelo seu accionista de referência, Emilio Botin, e detém em Portugal uma filial, o Santander Totta, liderado por Nuno Amado.

O julgamento de Alfredo Sáenz, de 68 anos, e braço direito de Emilio Botin, ocorreu no passado dia 24 de Fevereriro, mas só hoje foi tornado público. O CEO do Santander é acusado de fraude, por ter prestado falsas informações e adulterado os factos para poder acusar clientes com a finalidade de recuperar créditos.

Os factos remontam a 1994, quando Sáenz presidia ao Banesto (Banco Español de Crédito), indicado pelo Banco de Espanha, após a intervenção. O Banesto, que até Dezembro de 1993 foi presidido por Mario Conde, foi adquirido em 1994 pelo Santander, um negócio que deu ao banco da familia Botin a liderança do ranking espanhol.

O Supremo Tribunal revelou que castigou Sáenz com uma pena de prisão de três meses e proibição de exercer actividade no sector bancário por um período de três meses. O CEO foi multado em 400 euros. Segundo os registos oficiais, Sáenz ganha anualmente dez milhões de euros e beneficia de um plano de pensões/reforma superior a 85 milhões de euros.

Em 2009, o tribunal de primeira instância de Barcelona tinha condenado o CEO do Santander a uma pena mais pesada, correspondente a seis meses de prisão e ao pagamento de uma multa de 27 mil euros, não tendo então sido decretada a inibição de actividade.

Sáenz já veio dizer que, na sequência da sentença do Supremo Tribunal, vai solicitar ao Tribunal Constitucional um indulto, ou seja, pedirá às autoridades a suspensão da execução da pena até que a autoridade se pronuncie.

Em comunicado, o Santander veio apoiar o seu CEO, reconduzindo-o no cargo, e revelar que vai recorrer da decisão para o Tribunal Constitucional.

Para além de Sáenz, o tribunal condenou ainda o advogado Rafael Jiménez de Parga e outro administrador do Banesto, Miguel Ángel Calama.

ECONOMIA

*CEO - Diretor executivo ou diretor geral (às vezes designado Chief executive officer, ou pela sigla CEO, em inglês) é a pessoa com a mais alta responsabilidade ou autoridade numa organização. Apesar de ser teoricamente possível haver mais de um CEO numa empresa, geralmente o posto é ocupado por somente um indivíduo, temendo-se que tal compromisso crie conflito dentro da organização sobre quem tem o poder de decisão. Todos os outros executivos prestam contas ao CEO.

Anônimo disse...

Sabe citar a origem dessa informação e aonde é possível saber para quem se deve todo esse dinheiro, quais são os credores e o seus cnpj's se possível.
Obrigado

Anônimo disse...

Have you ever considered publishing an e-book or guest authoring on other blogs?
I have a blog based upon on the same ideas you
discuss and would love to have you share some stories/information.
I know my visitors would value your work. If you are even remotely interested, feel free to shoot me an e-mail.


my page casino online real money