quarta-feira, 18 de maio de 2011

Deputados vazam que Palocci operou a fusão Itaú-Unibanco e favoreceu dezenas de empresas

Edição do Alerta Total – http://www.alertatotal.net
Leia mais artigos no site Fique Alertawww.fiquealerta.net
Por Jorge Serrão

Exclusivo - Em absoluto sigilo, o médico, ex-ministro da Fazenda de Lula e deputado federal Antônio Palocci Filho foi um dos “cirurgiões” contratados e muito bem pagos para coordenar a complicadíssima fusão entre os bancos Itaú e Unibanco, em novembro de 2008. A empresa de Palocci – com todo o conhecimento do ex-governador José Serra – também prestou serviços às empreiteiras que atuaram na obra do Rodoanel, em São Paulo. A consultoria de Palocci tinha (ou tem?) parcerias com o advogado e também consultor José Dirceu – também ex-ministro da Casa Civil, até o ser derrubado pelo escândalo do mensalão.

Mas esses foram apenas dois entre as dezenas de trabalhos de Palocci que fizeram sua empresa Projeto Consultoria, Planejamento e Eventos Ltda arrecadar – pelo menos oficialmente - R$ 7,4 milhões, desde 2006. Deputados de oposição vazaram para alguns jornalistas, ontem à noite, a lista de empresas para quem o atual ministro-chefe da Casa Civil trabalhou (ou ainda trabalha?). Os sigilosos contratos de Palocci foram (ou são) com as maiores empresas que atuam no Brasil. Por isso, pode ser ainda maior que 20 vezes o surpreendente crescimento de seu patrimônio pessoal, nos últimos quatro anos.

Na inconfidência cometida por deputados, Palocci prestou assessoria internacional para as Organizações Globo. Palocci é um dos principais tocadores da Operação Copa do Mundo, junto com o companheiro José Dirceu. Também pilota, pessoalmente, o modelo de concessão de áreas dos aeroportos. Ele e Dirceu prestam consultorias para grandes empresas na área de telecomunicações. O agora revelado poder de relacionamento empresarial de Palocci explica por que Henrique Meirelles preferiu tirar o corpo fora do governo.

A lista vazada do portifólio de Palocci é longa. Além do Itaú-Unibanco, na área financeira, o principal ministro de Dilma Rousseff trabalhou para a Bradesco Holding. Até a EBX do bilionário Eike Batista usou os bons serviços do “doutor” Palocci. A Petrobrás e a Vale também usaram os sigilosos serviços do ilustre consultor. Tamanho prestígio indica que o verdadeiro fiador e articulador econômico-financeiro da eleição de Dilma Rousseff foi Palocci – e não o ex-presidente Lula

Além das empresas já citadas, foram clientes de Palocci, na versão vazada pelos deputados, que um repórter de um grande jornal gaúcho e uma famosa colunista das Organizações Globo preferiram não divulgar, pelo menos por enquanto: Pão de Açúcar, Íbis, LG, Samsung, Claro-Embratel, TIM, Oi, Sadia Holding, Embraer Holding, Dafra, Hyundai Naval, Halliburton, Volkswagen, Gol, Toyota, Azul, Vinícola Aurora, Siemens, Royal (transatlânticos).

O troco

Deputados vazaram a lista de clientes sigilosos de Palocci em retaliação ao conteúdo do e-mail enviado ontem pela Casa Civil, falando em nome do ministro, aos líderes partidários.

A bronca foi com um item da nota oficial alegando que a nota que “o ministro não manteve nenhuma atividade vedada quando era deputado e que 273 deputados federais e senadores da atual legislatura são sócios de estabelecimentos comercial, industrial, de prestação de serviços ou de atividade rural".

A nota também irritou Pedro Malan, Armínio Fraga, Henrique Meirelles, Persio Arida, Mailson da Nóbrega e André Lara Rezende – citados como pessoas que viraram banqueiros e consultores de prestígio quando deixaram o governo federal.

A notinha, por favor

Palocci esclareceu que todas informações sobre seu patrimônio estão na sua declaração de renda de pessoa física e que todos os dados fiscais e contábeis da empresa Projeto são enviados regularmente à Receita Federal:

“Não há nenhuma vedação que parlamentares exerçam atividade empresarial, como o atesta a grande presença de advogados, pecuaristas e industriais no Congresso. Levantamento recente mostrou que 273 deputados federais e senadores da atual legislatura são sócios de estabelecimentos comercial, industrial, de prestação de serviços ou de atividade rural”.

“No mercado de capitais e em outros setores, a passagem por Ministério da Fazenda, BNDES ou Banco Central proporciona uma experiência única que dá enorme valor a estes profissionais mo mercado. Não por outra razão, muitos se tornaram em poucos anos, banqueiros como os ex. Pres. do BACEN e BNDES Pérsio Arida e André Lara Rezende, diretores de instituições financeiras como o ex-ministro Pedro Malan ou consultores de prestígio como ex-ministro Mailson da Nóbrega”.

“Muitos Ministros importantes também fizeram o percurso inverso, vieram do setor privado para o governo, tomando as precauções devidas para evitar conflitos de interesse, como o ex-ministro Alcides Tápias, ex-diretor de importante instituição financeira, os ex-presidentes do BC Armínio Fraga, antes gestor de um grande fundo de investimentos internacional e Henrique Meirelles, com longa trajetória no mercado financeiro. Os mecanismos utilizados pelo ministro Palocci para impedir qualquer conflito de interesses foram os mesmos adotados pelos citados”.

Imobiliária Palocci

A nota da Casa Civil alega que hoje a empresa de Palocci “tem como única finalidade a administração de seus dois imóveis em São Paulo”:

“O objeto social da sociedade foi modificado antes da posse como Ministro para vedar qualquer prestação de serviço que implique conflito de interesse com o exercício de cargo público, nos termos da legislação vigente”.

“A gestão dos recursos financeiros da empresa foi transferida a uma gestora de recursos, que tem autonomia contratual para realizar aplicações e resgates, de modo a evitar conflito de interesse”.

Pequeno governo, grandes negócios

Reportagem de Leandro Colon, no Estadão de hoje, revela que cinco ministros de Dilma mantêm consultorias ativas em pleno exercício do cargo:

Fernando Pimentel (Desenvolvimento), José Eduardo Martins Cardoso (Justiça), Moreira Franco (Assuntos Estratégicos), Leônidas Cristino (Portos) e Fernando Bezerra Coelho (Integração).

As empresas deles continuam atuando no ramo de “consultoria em gestão empresarial”.

Lixo educacional

Deputados ameaçam divulgar quem faz parte do controle da ONG Ação Educativa que vendeu ao Ministério da Educação, pela merreca de R$ 5 milhões, os livrinhos que ensinam a falar português erradamente.

Só a autora do livro, Helena Ramos, recebeu nada mais nada menos que R$ 700 mil pelo trabalho.

O livro foi escrito durante o desgoverno do Extalinácio e, provavelmente, teve a finalidade de justificar a maneira corretíssima como o mandatário desta pobre nação se expressava.

Mais uma estatal?

O presidente da Associação Nacional das Empresas de Obras Rodoviárias (Aneor), José Alberto Pereira Ribeiro, propôs ontem a criação da Empresa Brasileira de Planejamento Logístico (EBPL).

A entidade estatal ficaria responsável por grandes projetos na área de transportes.

A proposta foi feita na reunião do Conselho de Infraestrutura (Coinfra) da Confederação Nacional da Indústria (CNI).

A petralhada vai adorar mais essa geração de empregos...

Capitão Gay?

A autorização para que policiais gays possam participar uniformizados da próxima Parada Gay do Rio de Janeiro deixou os policiais cariocas PTs da vida com o governador Serginho Cabral.

Lançada junto a campanha Rio Sem Homofobia, a ideia de Cabral é que seus policiais gays possam ir ao evento até em viaturas oficiais.

Só falta agora o governador mandar pintar o Caveirão do BOPE de cor de rosa, para a brincadeira ficar completa

Quem vai protegê-los

Policiais que fazem parte do Programa Lares Gerais, criado pelo governo mineiro para proteger famílias de PMs sob risco, estão alarmados.

O Estado ameaça despejar famílias que ocupam 138 apartamentos de um condomínio no bairro Betânia, em Belo Horizonte.

O coordenador da Comissão de Direitos Humanos da Aspra (associação dos Praças), subtenente Gonzaga, visitou ontem os ameaçados de despejo que relataram histórias de perseguição, retaliações, ameaças e até assassinatos por parte de bandidos.

Logo mais, às 16 horas, acontece uma audiência pública na Assembleia Legislativa de Minas Gerais, em resposta ao requerimento do deputado Sargento Rodrigues (PDT), em defesa dos familiares dos policiais.

Almoçando com o consultor

João Doria Jr., presidente do LIDE – Grupo de Líderes Empresarias, convida a imprensa para o Almoço-Debate, segunda-feira, dia 23, com o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo.

O ministro debaterá com os empresários do Grupo “O desafio para modernização do sistema judiciário”.

O evento acontece no Grand Hyatt Hotel, em São Paulo, na hora do almoço.

Jovem artista

Em plena atividade aos 89 anos, ele é violonista, compositor e multi-instrumentista (toca violão de seis e sete cordas, violão tenor, bandolim, banjo, cavaquinho, viola de dez cordas, guitarra amplificada, guitarra portuguesa e contrabaixo).

Nascido em 6 de setembro de 1921, na cidade de Jardim, no Cariri cearense, Zé Menezes será a figura central do programa Nomes do Nordeste.

Zé Menezes será entrevistado pelo compositor e radialista Valdo Aderaldo, e pela plateia presente no próximo dia 26, a partir das 17 horas, ao auditório Celso Furtado, do Centro Administrativo do Banco do Nordeste (av. Pedro Ramalho, 5700 – Passaré, em Recife).

Ator albino

Estreia nesse sábado, dia 21 de maio, às 22h 15min, na TV Cultura o filme “Andaluz”, de Guilherme Motta.

Baseada em fatos reais ocorridos na cidade de São Paulo, em 2008, a história fala de Andaluz (Flávio André), um carroceiro catador de material reciclável, albino, e solitário.

Até onde foi possível pesquisar, nunca um albino foi protagonista de um filme.

Veja o trailer em:

http://www.youtube.com/watch?v=zWZzwYObws4
Palestra cinematográfica

Responsável por dirigir longas-metragens ‘fenômenos’ de bilheteria, a exemplo da trilogia ‘A Era do Gelo’, o cineasta carioca Carlos Saldanha estará na Fundação Armando Alvares Penteado (FAAP) nos dias 18 e 19 de maio para palestrar aos alunos dos cursos de Cinema e Animação, a convite da Faculdade de Comunicação e Marketing.

No dia 19, às 19h, a apresentação será aberta ao público externo mediante inscrição.

A experiência vivida por Saldanha em seu mais novo filme, a animação ‘Rio’, será tema central da palestra.

Promoção

Portal de informações para disseminação de melhores práticas para uma vida digital mais segura e eficiente, o JAG Brasil vai sortear hoje dois pares de ingressos – um par para os Fãs do Facebook e outro os seguidores do Twitter – para o show do Diogo Nogueira no dia 21 de Maio, às 22 horas, no HSBC Brasil, em São Paulo.

Para participar da promoção no Facebook, é necessário curtir a página de fãs http://www.facebook.com/JAGBrasil e postar no seu Mural a seguinte mensagem:

"Sou Fã do JAG Brasil - http://www.facebook.com/JAGBrasil - e quero ganhar um par de ingressos para assistir o show do Diogo Nogueira, neste sábado, 21 de Maio, em São Paulo"

Já no Twitter, a ação é válida apenas para os seguidores do @Jag_Brasil, retwittando a mensagem: ‘Siga @Jag_Brasil, RT a mensagem e concorra a um par de ingressos para ver @diogo_nogueira 21/05, no camarote @HSBC_Brasil, em SP!’

Nega do cabelo duro

Esta é a nega do cabelo bem duro!

Vale a pena assistir a este vídeo produzido por estudantes de comunicação:

http://www.youtube.com/watch?v=GXQKlqnUecY
Gozadas ao vivo

Calma, não se trata do título de alguma cartilha imbecil do Ministério da Educação...

Mas sim do título de uma comédia stand up dos atores Jansen Serra, Rossano Gaúcho e Rodolfo Mozer, que será encenada no próximo dia 27 no Centro Cultural Popular Cidadão, em São Paulo.

Confira algumas atuações dos figuraças:

http://www.youtube.com/watch?v=aYV0lQXwVzA

http://www.youtube.com/watch?v=th2q0i8v38o

http://www.youtube.com/watch?v=WVrPqW40oYM
Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus.


O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva.


A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.


© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 18 de Maio de 2011.

3 comentários:

Percival Rorato disse...

e o que mais impressiona é a total impunidade e o acobertamento hipócrita dessa máfia de Poderosos.
Continuamos no pão e circo a mais de 4 mil anos, sempre, melhor dizendo!
-é desesperante! fico estupefacto praticamente todos os dias dessa difícil Vida.

Reinaldo Gomes disse...

Toda vez que alguém coloca "jornalismo independente é porque não é independente coisa nenhuma. Se foss mesmo, bastaria dizer "jornalismo" e fazer um bom jornalismo.

Carlos Eduardo disse...

Problema não é mais nem a legalidade, já que eles dão um jeito de o ilegal ser legal... A questão é a Moral desses políticos... São piores que prostitutas, são vorazes ao capitalismo.. Moralidade já!! Do congresso nacional ao executivo, não salva ninguém, exceto os funcionários trabalhadores de lá...