sábado, 29 de outubro de 2011

Revisionismo Histórico

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Gil Ferreira

O revisionismo histórico é uma das marcas registradas dos comunistas. O atual PC do B, naturalmente, pratica-o com desenvoltura. Em seu site, pode-se ler: "Fundado em 1922, o Partido Comunista do Brasil é o partido mais antigo do país. Viveu 60 anos na clandestinidade. Em 1962, rechaçou o oportunismo de direita, reorganizou-se, adotando a sigla PCdoB, e realçou sua marca revolucionária." Mas não é bem assim. Aos fatos:

1. Em 25 de março de 1922, Astrojildo Pereira e outros fundaram o Partido Comunista do Brasil - Seção Brasileira da Terceira Internacional Comunista (PC do B - SBTIC), naturalmente vinculado à União Soviética, então ainda dirigida por Lenin (Vladimir Ilitch Ulianov);

2. Em 1949, a China tornou-se comunista, sob Mao-Tsé-Tung, e aliou-se à URSS na exportação de revoluções comunistas pelo mundo;

3. Em 1956, já sob a batuta de Kruschev, o Partido Comunista da União Soviética (PCUS) realizou seu XX Congresso e emitiu resolução "abandonando a luta armada" (que voltaria a ser exportada, através de Cuba, alguns anos depois) e adotando a "via pacífica" (leia-se subversão) para a conquista do poder em países não-comunistas;

4. Com essa resolução, a China, que persistiu no estímulo às revoluções armadas, afastou-se da URSS, o que provocou cisões nos Partidos Comunistas de todo o mundo;

5. No Brasil, em 1962, os comunistas se dividiram formalmente: um grupo, liderado por Luiz Carlos Prestes, permaneceu fiel à URSS e adotou a sigla PCB; outro passou a filiar-se à China e ficou com a sigla original - trata-se do atual PC do B;

6. Mais tarde, Luiz Carlos Prestes se afastou da direção do PCB (então com Giocondo Dias) e criou uma dissidência denominada "Ala Prestes";

7. Em 1976, com a morte de Mao Tse Tung, a China parou de exportar revoluções, e o PC do B passou a se filiar ao Partido do Trabalho da Albânia;

8. A queda do Muro de Berlim, em 09/11/1989, e a subseqüente dissolução do bloco comunista formado pela URSS e seus satélites promoveram mudanças radicais nesse quadro;

8. O PCB original, criado em 1922, é hoje o PPS de Roberto Freire; essa nova denominação foi adotada em 1992; um pequeno grupo que se considera "autêntico" conseguiu manter a sigla PCB, e, curiosamente, na página principal de seu site, também afirma ter sido fundado em 25 de março de 1922... Só rindo...

9. Portanto, nem o minúsculo PCB, desprovido de qualquer expressividade, nem o atual PC do B têm qualquer coisa ver com a agremiação que faria 90 anos em 2012; o PC do B é apenas uma dissidência surgida em 1962, que se filiou à China e à Albânia, e completará dentro em breve 50 anos de sucessivas derrotas - como, por exemplo, a do Araguaia e a de Orlando Dias no Esporte.

Mudaram muito, esses comunistas...

Gil Cordeiro Dias Ferreira é Administrador. Conheçam nossos Blogs: http://gilferreira.blogspot.com  - http://poenautas.blogspot.com  - http://turmamiguens.blogspot.com

2 comentários:

Coisa de Naval disse...

Prezado Jorge, mais uma vez agradeço pela gentileza da divulgação de texto meu. Um grande abraço,
Gil Ferreira

Anônimo disse...

O PPS que seria o PCB autêntico há quase dez anos é aliado ao agronegócio (coisa mais surreal que vi foi uma "passeata" de caminhonetes importadas pró-Lula na cidade de Canarana, MT, dias após esse Pernabucoco Venéreo que contaminou Planalto perdoar dívida bilionária do Latifúndio Mato-Grossense, em todos portando bandeirolas do PPS e a foto do nefasto Blairo Maggi), recentemente, Roberto Freire usou de toda uma aeróbica retórica, supostamente "progressista", para defender que a demarcação de Terras - ato de Estado, executivo e totalmente baseado em documentação, não passível de estar à merce interpretativa dos parlamentares de ocasião - para defender que o Legislativo VENDIDO à Agroindústria e a interesses não-republicanos decidisse sobre tamanho das Terras.

Concluindo, nenhum desses partidos que arrogam ter herdado qualquer coisa que seja do Partido original é vagamente comunista ou sequer defende interesses do Povo desse país. Vendo a lista dos doadores de campanha dos mesmos, entende-se melhor a qual doutrina servem.