sábado, 27 de outubro de 2012

A QUAL, ERA DO BRASIL

Poesia no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jessier Quirino

Cortam coqueiros que dão coco
Atacam fontes murmurantes
Poluem rios e o mar
Fecham as cortinas do passado
Jogam a mãe preta do serrado
Nunca se cansam de roubar.

Ah! Era um Brasil lindo e trigueiro
Riqueza, tanta riqueza...
Será que dá pra acabar?
No caminho que caminha,
Escreveria Caminha:
Em se roubando tudo, dá.

Nenhum comentário: