sábado, 22 de dezembro de 2012

Herói Barbosa salva fim de ano dos mensaleiros que agora não têm data prevista para prisão

Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Leia também o site Fique Alertawww.fiquealerta.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

O Julgamento do Mensalão é uma tortura psicológica - principalmente para aqueles que não aceitam mais tanta impunidade no Brasil. O fato de o ministro Joaquim Barbosa ter recusado o pedido de prisão dos condenados na Ação Penal 470 só confirmou que tudo continua como dantes no Supremo Tribunal do Abrantes. No Brasil, só ladrão de galinha tem prisão garantida. Corrupto rouba, canta de galo e não vai preso.


 O ato de Barbosa – correto do ponto de vista de nossa prática jurídica – ratificou que continuamos longe de ver uma punição efetivamente rigorosa e no tempo justo e perfeito para aqueles que cometem crimes contra a coisa pública. O Procurador-Geral Roberto Gurgel aceitou a decisão de Barbosa, mas reafirmou o “temor” de que se passe muito tempo até que se alcance o trânsito em julgado. Gurgel também reforçou sua preocupação com a efetividade da decisão do STF.

Os infratores acabam sempre beneficiados pela extrema morosidade de nossos procedimentos judiciais. O teatral e demorado julgamento do Mensalão deu a ilusão de que seria feita Justiça contra políticos-corruptos (ou corruptos-políticos). Mas a longa tortura psicológica (para os condenados e para os cidadãos que sonham com Justiça) está longe de acabar. Tudo só se resolverá depois do tal “transitado em julgado”. Ou seja, a decisão de ontem de Joaquim Barbosa deixou claro que o drama jurídico ainda não acabou. Falta a publicação do acórdão com os votos dos ministros, para que os advogados ainda possam recorrer com inúmeros “embargos de declaração” (também conhecidos como recursos de embromação).

Ontem ficou mais uma vez evidente a falência múltipla de nosso sistema judiciário. Por princípio, Justiça não pode ser sumária. No entanto, também não pode ser tão lenta. Sendo assim, como é no Brasil, fica a clara noção de impunidade e injustiça. A verdade objetiva é: o STF não deveria ter julgado o Mensalão. O caso deveria ter sido apreciado pelas instâncias primárias da Justiça. Tudo foi para o Supremo – que é a instância máxima de avaliação constitucional – por causa do “foro privilegiado” (que não deveria proteger políticos que cometem crimes comuns ou contra a gestão pública, como foram os delitos do mensalão). A conclusão é: quando tudo começa errado, só pode acabar de forma mais errada ainda.

Por que o herói nacional Joaquim Barbosa rejeitou o pedido de prisão imediata dos condenados no julgamento do mensalão, antes mesmo do trânsito em julgado da ação? Tecnicamente falando, ele seguiu a tradição do STF de só mandar prender depois de esgotados todos os recursos. Barbosa até admitiu ser possível determinar a prisão quando os réus exageram no número de recursos, com o nítido propósito de protelar a decisão final. Mas como os defensores dos condenados no mensalão ainda não fizeram isso, Barbosa preferiu dar um voto de confiança.

Barbosa amarelou? Não, necessariamente. O ministro foi convenientemente pragmático. No fundo, ele preferiu não alimentar ainda mais a guerra institucional promovida pela cúpula radicalóide do Legislativo – comandada pelo deputado petista Marco Maia – contra o Judiciário. Barbosa também não quis comprar briga com os demais ministros do STF – que reformariam sua decisão no retorno do recesso da Justiça, em fevereiro. Barbosa sabe que já foi o mais longe que o permitido na condenação dos mensaleiros. Ele e o STF ficaram bem na fita. Parece que isto era o que realmente importava em todo o docudrama desta longa Ação Penal 470.

Outro detalhe que precisa ser lembrado para justificar a impunidade ou uma punição de mentirinha para os mensaleiros. Todos devem ficar pouco tempo na cadeia. Exceto Marcos Valério, os demais passarão pequenas temporadas nas “prisões especiais”. Valério pegará um mínimo de 6 anos, 8 meses e 21 dias na prisão. José Dirceu pegará 1 ano, nove meses e 10 dias. Delúbio: 1 ano, 5 meses e 25 dias. João Paulo Cunha: 1 ano, 6 meses e 20 dias. Henrique Pizzolato: 2 anos, 1 mês e 5 dias. Por isso, o quanto antes começarem a cumprirem as penas, melhor para eles.

Assim que for preso, sabe-se lá quando, o consultor José Dirceu ainda vai tirar onda com a nossa cara. Poderá usar a prisão como propaganda, propagando a mentira de ser “um preso político” (curiosamente no País governado pelo partido que controla o Governo do Crime Organizado). Para ele e seu chefe maior – que sequer foi indiciado -, os crimes compensaram e muito!

Os mensaleiros respiram aliviados. A Profecia Maia falhou. A Profecia Barbosa, também! O mundo não acabou para eles.  Terão um Natal e um Ano Novo inesquecíveis... Poderão rir da cara da gente que ainda sonhava que seria possível, pelo menos, lhes dar um sustinho com a temporada na cadeia. No final das contas, eles pouco pagarão pelos crimes que cometeram e pelos quais foram (quase) condenados – quase porque ainda falta o “transitado em julgado”.
 
 

PS again – Como estamos de férias de mentirinha, na paradisíaca Praia das Pedrinhas, pode ser que tenhamos dificuldades para atualizar o site e autorizar a postagem de comentários enviados. Por isso, pedimos a santa paciência dos leitores amigos e dos inimigos. Quaisquer reclamações mais sérias devem ser encaminhadas ao Papai Noel... Aqui, meu computador funciona na velocidade da Justiça no Brasil...

Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus.

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva.

Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog e podcast Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos.

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.


© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 22 de Dezembro de 2012.

11 comentários:

Anônimo disse...

No País da Impunidade, ser honesto e limpo tá fora de moda e é superperigoso.

Anônimo disse...

É caro jornalista Serrão, a justiça tarda e... falha.
Que surpresas mais nos reservará o Robin Hood do STF?
Lamentavelmente, venceu a persistência e a coragem do Marco Maia de peitar o Barbosão. Ganhou no grito!
O Politburo está com tudo.
Não terá sido, o julgamento, uma farsa ampla, geral e restrita?

Pilcha Nova.

Anônimo disse...

De que adiantaria o JB mandar os caras para a prisão agora. Todos eles se diriam injustiçados e perseguidos pela intolerância de um ministro que detesta o PT e pior o povão iria acreditar.Os advogados iriam se movimentar e caberia ao substituto dele julgar os recursos também em uma decisão monocrática. E quem seria este? Ó gente o PETISTA Lewandovski, e alguém tem dúvida de qual seria a sua decisão. Pior o JB no retorno teria que enfrentar todos os ministros independentes da coloração, que não aceitariam a sua posição radical, alias eles antes de sair de férias já deram esta indicação. Apesar da revolta dos radicais do lado de cá, ele brilhou mais uma vez. Parabéns Joaquim.

Anônimo disse...

Jorge

Eu vejo assim a atitude do barbosa. Profissionalmente e na sua área, ele è o melhor que o Brasil algum dia já teve. Um tecnocrata absoluto. Sem falhas, competente até dizer basta. Todas suas ações são e foram louváveis. Indefectível

Politicamente, aí a porca torce o rabo. Votou duas vezes lula e outra na dilma. Logo, petista assumido, sem remorsos, o que não o abona em nada. Quando se è novo e as idéias de esquerda baralham o raciocínio de alguns jovens, compreende-se. Mas quando se chega à sua idade, com muitos estudos, conhecimentos profissionais, uma historia de vida louvável, depois de viver e trabalhar no estrangeiro com larga abertura de novas idéias se mantém fiel ás idéias políticas retrogradas como é o marxismo, leninismo, maoísmo, nazismo, então qualquer coisa nas suas meninges e mesmo neurônios, não batem certo, por que não è lógico manter essas idéias por tanto tempo.

Como tecnocrata na sua área profissional, melhor não temos no Brasil, ele è um gigante, mas quanto ao resto, ele bem pequenino, pequenino mesmo.

Afinal è um ser humano, logo um ser imperfeito.

Outra coisa importante. Onde se viu alguma vez a dilma ou lula ou outro qualquer dar um celular encriptado só para que dilma e barbosa se comunicassem? Um absurdo ou talvez não se ele não fosse um petista, um marxista de carreirinha.

Ele tinha mesmo que amarelar. Quem o confrontasse mais tarde no STF, ficaria mal visto, dado que os mensaleiros mostraram ser pessoas de má índole.

Anônimo disse...

Essa porralouca do canceroso, mesmo fora do governo, faz com que sua empreiteira favorita continue recebendo contratos multimilionários!

Daí ele viajar em jatinhos!

"Construtora Norberto Odebrecht S.A chegou ao topo da lista de empresas que mais recebem recursos do Orçamento Geral da União (OGU), no Poder Executivo. Em 2012, a empreiteira recebeu R$ 1 bilhão, valor nunca antes alcançado por qualquer outra empresa.

(...)

http://www.contasabertas.com.br/WebSite/Noticias/DetalheNoticias.aspx?Id=1116&AspxAutoDetectCookieSupport=1

Anônimo disse...

Parabens Brasil....Ganhou mais uma vez. A terra do Gerson não vai mudar nunca!!!!

Lucio Lucena disse...

Vejo todo esse balaio de gato com muita tristeza...!
Lucio Lucena do Blog "Saco Mucho"

Polaris disse...

Se isso não é vitoria do PT, e dos mensaleiros, o que que é então? Vejamos: 7 anos de preparação, depois mais 4 meses de julgamento, Barbosinha no fim, se caga e afrouxa e eles ganham mais 20 anos de apelação! Em liberdade,politicalhando ,abusando e zombando da cara de todos ! O julgamento foi a maior FARSA aplicada pela “justiça”, Liberem todos os presos do Brasil por uma questão de COERENCIA

Anônimo disse...

É pessoal, talvez o Barbosa esteja dando aos caídos uma lição de misericórdia, coisa que essa turma não tem e parece não querer ter, me pergunto se o inverso estivesse em jogo, teriam os petralhas misericórdia? não creio, essa turma justiça a toa e ao modo deles...

Acredito que uma inteligência maior cuida das peças deste intrincado tabuleiro de xadrez e que não vai deixar o país cair por causa de tolos desmiolados e fanáticos, se a coisa apertar, essa inteligência entra em cena e salva o Brasil de novo, tudo uma questão de cada coisa a seu tempo, agora foi assim, por motivos que talvez não consigamos entender, mas, porém, todavia, deveriam os caídos refletir bem e não ficar achando que suas manobras psicológicas tenham dado resultado e que podem contar com isso em um breve futuro, sempre é tempo de acordar e colocar a cabeça no lugar, haja misericórdia com essa turma, no passado, no presente e "talvez" no futuro...

Pedi o encarte do readger's digest de novembro de 64 no site do Jair Bolsonaro, se for verdade que o Jango amealhou 7700 km² no MT, que um navio de armamentos foi intercepatado antes de entregarem aos comunistas e tudo o mais que tem grande semelhança com situações atuais, foi muita misericórdia dos militares comparando-se com nossos vizinhos e com as intenções dessa turma(era partido trabalhista), essa turma está no lucro há décadas, somente assistindo filmes do vietnam e outros relacionados ao tema é que podemos ver do que escapamos.

Acho uma temeridade deixar o país somente nas mão dos políticos, nesses não se pode confiar, quem diz isso é a história e a realidade.

Pensando um pouco, quanta burrice desses pt's, amealharam uma grana preta e ao invés de ficarem quietos após essas extorsões que chamam de indenizações pelos anos de chumbo, não, inventaram essa omissão da verdade, sem saber, estão aumentando as chances de terem de devolver o que "desapropriaram" do erário assim que a ficha da maioria cair, ouvi falar em 4 bi até agora.

O Brasil é nosso e sempre será, está em mãos erradas agora, mas isso vai passar e vai dar um trabalhão colocar as coisas no lugar depois dessa desconstrução toda.

Peça o encarte ao Bolsonaro, é grátis e um ato de cidadania, de excelente conteúdo, deve ter pdf pela net.
Em 1984 tive um professor comuna que falava mal barbaridade dessa revista, só agora fui entender porque.

Boas festas e um feliz 2013 a todos que tem misericórdia em seus corações e aos que não tem também.

Anônimo disse...

"continuamos longe de ver uma punição efetivamente rigorosa e no tempo justo e perfeito"

Tempo JUSTO E PERFEITO?
Bah, tu é da maçonaria.

Procura na internet por "pedofilia na casa pia" para ver o que os teus IRMÃOS por parte de JABULON fazem mundo a fora. É basicamente uma sociedade de pedófilos homossexuais com complexo de inferioridade.

Anônimo disse...

Estou falando por aqui, desde o começo. É o novo golpe do PT. Logo teremos um novo petista (BARBOSA) como presidente. E o PT continuará governando. Agora pergunto, onde está o DEUS, de todas as religiões, que permite que milhões sejam subjugados por alguns? É muito desanimador.