quarta-feira, 19 de junho de 2013

Organizando a Zorra

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Haroldo P. Barboza

Os pilantras do poder metem a mão no dinheiro do povo (com maior entusiasmo) desde a concessão da “anistia”.

Quando o governo militar abriu as portas para os ratos fugitivos retornarem, eles voltaram vorazes e ansiosos para abocanhar as “comissões” que secaram por quase duas décadas.

Criaram artifícios descarados para nos subtrair a dignidade. Transformaram o “Estado governante” no maior inimigo da população através de normas que pisotearam todos os direitos dos exauridos pagadores de impostos.

Para desviar a atenção dos prejudicados formataram “distrações” fuleiras cujo BBB (Big Besta Brasil) passou a representar o ícone da baixaria que invade nossos lares para contaminar nossos herdeiros e fragmentar nossas famílias.

Felizmente nada é eterno. Por isto os impérios gregos e romanos um dia caíram. O efeito das distrações circenses não consegue mais enganar o estômago. A fome é o “apito” que acorda a revolta do povo pisoteado.

A indignação popular chegou ao limite com a desavergonhada condução dos preparativos para a copa de futebol em 2014. Não bastando a descarada roubalheira para construção de monumentais estádios (futuros esqueletos abandonados apelidados de “legados”) onde o custo triplica em troca do aumento das “poças de esgoto” nas já deficientes áreas sociais abandonadas, ainda temos de nos submeter à “legislação FIFA”, que só falta exigir uma sala no Palácio do Planalto.

A ira popular explodiu sem condução de políticos aproveitadores de ocasião. O motivo básico foi uma diferença ínfima de R$ 0,20 no custo da passagem de ônibus.
Que nos fez lembrar que gastamos 100.000 vezes mais do que isto para sustentar as imerecidas mordomias dos que usam nossa procuração (voto) para doar nossa pátria aos vorazes abutres.

Chega de atura-los. Chega de pagar XX pelos serviços oferecidos pelas empresas patrocinadoras das campanhas eleitorais e receber apenas XX/10.

Quando recebemos.

Com acomodação da Justiça que tende aos interesses dos empresários insensíveis.
O efeito BBB está se dissipando. Chegou a hora de abrir os olhos e deixar o coração alimentar a mente no sentido de organizar o verdadeiro legado que devemos deixar para nossos herdeiros: ORGULHO DE SER BRASILEIRO!

Que nossos jovens mantenham o ímpeto (ordeiro) para abrir as portas do futuro para nosso país. E que nos perdoem por não termos evitado a tempo este caos que agore nos arrasta a todos para um túnel sem luz.

Haroldo P. Barboza é Escritor e Professor.

Nenhum comentário: