quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

O Perigo White Block

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por José Murilo de Carvalho

Os Black Blocs, ao minarem o apoio público às manifestações de junho de 2013, prestaram um serviço ao governo e um desserviço à democracia. A reação aos Black Blocs, que poderíamos chamar de White Bloc, com o perdão do Ancelmo Gois, pode acabar fazendo a mesma coisa. As evidências desse perigo estão por todo lado.

A mais recente é a reação à morte do cinegrafista atingido por um rojão no Centro do Rio de Janeiro. Testemunhas visuais informaram que o artefato (creio que a palavra é esta agora), vendido aliás livremente, era destinado aos policiais e não ao jornalista, tendo este sido tragicamente vitimado pela irresponsabilidade de um desastrado ativista, ao menos pelo que consta até agora.

O que se viu, no entanto? Uma gritaria generalizada, que envolveu até o Palácio do Planalto, contra as ameaças à liberdade de imprensa, coisa que não estava em causa. É mau jornalismo e mau agouro. Na esteira do clamor, ressurgem propostas de leis drásticas que classifiquem como terrorismo os atos de violência nas passeatas. Baixou o espírito de George Bush sobre os proponentes dessas leis. Os que apoiam o governo talvez estejam em pânico com o que possa acontecer na Copa e nas Olimpíadas.

Não há terrorismo nenhum. Os Black Blocs são conhecidos desde a década de 1980, quando surgiram na Alemanha (Der Schwarze Block) e se espalharam por vários países. Foram e são combatidos por ação policial adequada e pequenas alterações em regras de comportamento em manifestações. No Brasil são uns gatos pingados, que nas grandes capitais se aproveitam das manifestações para, em aliança com outras pessoas interessadas em perturbações, porem em prática seus métodos violentos.

Nada que a ação de uma polícia preparada e pequenas adaptações no Código Penal não resolvam. O despreparo da polícia é reconhecido pelos próprios policiais, como mostrou pesquisa recente. Só quem não reconhece isso são os governantes e os secretários de segurança.

No Brasil, o despreparo tem uma dimensão que ninguém menciona: a separação entre polícia ostensiva e repressiva (militar) e polícia investigativa (civil). Em aberração própria do Brasil, elas não só não trabalham em conjunto como se hostilizam mutuamente. Melhoria na ação da polícia e proibição do uso de máscaras e capacetes em manifestações públicas, como já foi feito em outros países, seriam suficientes para enfrentar a ação do grupo.

Mais do que isso — legislação antiterrorista, gritos de democracia ameaçada — pode ter o efeito causado pelos Black Blocs: prestar um serviço ao poder e um desserviço à consolidação de uma democracia que consiga lidar com o protesto, preservados a integridade física das pessoas e o patrimônio público. Contra a tática Black Bloc não se deve usar sua equivalente, a tática White Bloc. Não somos um país em preto e branco, nem a democracia o pode ser. Com permissão para usar um lugar comum, não se preserva a liberdade com medidas liberticidas.


José Murilo de Carvalho é Cientista Político. Originalmente publicado no site de O Globo em 13 de Fevereiro de 2013.

2 comentários:

Anônimo disse...

Infelizmente continuamos preocupados com copa black e White bloks nossa atenção esta toda centrada nos movimentos. Enquanto isso nossos políticos com licença da ma palavra, barrigas de aluguel, centralizados unanimemente em dizer amem a esse grupo de terroristas que continuam aterrorizando nossos sonhos e nossa paz, não resolvem os problemas do pais. Mentiras, mentiras, mentiras que seram despejadas nas nossas orelhas ate as próximas eleições como se nossos ouvidos fossem pinico. Promessas não cumpridas aos montes. Enquanto isso aposentados sendo sacaneados há quase vinte anos, crianças morrendo sem assistência medica. Auxilios bolsa isso bolsa aquilo, ajudando os nem..........nem da nação, não trabalham e nem estudos. Impostos escorchantes. Nosso dinheiro, dos que trabalham of course e pagam seus impostos despejados no lixo por politiqueiros de mer..........da que querem estabelecer seus currais eleitoral. Nossas forças armadas sucateadas e cagadas por este grupo de terroristas que assaltam o pais. Como resultante seremos sempre um pais pífio que nunca poderemos defender dos ataques de fora e de dentro. Estamos presos em nossas casas fazendo o mesmo que o Congresso dizendo amem a toda e qualquer atitude que os politiqueiros de merda toma. Dentro em breve seremos um pais em ultimo lugar no mundo. O que somos realmente. Os melhores em bundas de fora? Os melhores em futebol, com essas competições fajudas? As tvs abertas prestando desserviço a nação dizendo amem aos petralhas e companhia. Queremos continuar a nos enganar que este pais e um pais serio? Onde esta nossa dignidade como nação. As alas boas do Congresso, Senado, Supremo Eleitoral, Federal, salvo raras excessoes estão de quatro para os políticos da ocasião. O que nos resta fazer. Amordaçar o povo e dançar a valsa dizendo que tudo esta bem. Que nosso salario e justo? Que pagamos pouco de impostos? Que não estamos sendo roubados e avacalhados como nação? Agora estamos com os olhos do mundo todo voltado para nos. Vamos continuar a nos calar e fazer parte desta farça, desta opera bufa. O que realmente queremos? Ficar com o rabo preso vendo carnaval, olimpiadas de merda e nosso povo morrendo desarmado no meio da rua, aposentados sendo massacrados, crianças morrendo e furunfando desde 8,9 anos com essa politica imunda que ai esta? Vamos continuar a pagar e não bufar so porque a petralhada com seus partidos de aluguel que nos assombrou nos anos sessenta foram expulsos do pais e agora voltaram para nos escrotizar. Todos transformadinhos em heróis? Esses políticos de merda tem ótimas aposentadoria, frequentam os melhores hotéis, comem e bebem de graça com nosso dinheiro e nos pagamos a conta. Tratamento vip para a canalhada e ainda recebem via internete auxilio para pagarem as contas com a nação. E ainda continuam nos enxergando como massa de manobra rindo de nossa infantilidade. Enquanto isso no pais, nosso povo levando fumo. Eta paisinho medíocres e nos continuamos boqueando sem tomar atitude nenhuma para defender nosso pais, nossa casa e nosso pao. Continuem fazendo o que estão fazendo se omitindo pessoas honestas e trabalhadoras do pais e verão o resultado dessa equação ou seja evacuação.

Anônimo disse...

Acreditar aqui no Brasil em pesquisa de opinião é a mesma coisa que acreditar em saci Pererê. E sociólogo falando de Policia é a mesma coisa que sociólogo falando de Policia, só fala merda.