sexta-feira, 16 de maio de 2014

Marketagem transforma Lula no líder máximo do combate à corrupção para animar militância petista


Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Merece o Oscar de Piada do Século o filmete que mostra Lula como o líder da maior campanha de combate à corrupção no Brasil. A peça foi ao ar ontem na propaganda partidária (nada gratuita) do Partido dos Trabalhadores. Definitivamente, a “fabricação de mentiras que podem se transformar em verdades” continua sendo a principal tática da propaganda petista. A esquizofrenia é a marca da marketagem no momento de aquecimento da militância petista para a grande guerra releitoral.

Foi patético ver Lula exigindo de uma multidão de militantes que recupere os princípios de “honestidade” que marcaram a criação do PT – que o falecido Leonel Brizola tão bem definia como uma “UDN de saias”. Mais hedionda ainda foi a filmagem de gavetas amontoadas, para indicar que, no passado, denúncias de corrupção eram engavetadas, mas, agora, sob governo do PT, tudo é apurado. O caso Petrobras, o Rosegate e os desdobramentos do Mensalão indicam que o arquivo petista ainda tem infinitas gavetas para encobrir o que não interessa ser mostrado.

A demagogia contida no vídeo de propaganda petista é um espetáculo de deslavada cara de pau. A pregação do locutor petista se assemelha à conversa do Diabo para se reeleger na presidência do Inferno, invocando divinas ações de falso moralismo político: “Nunca tantas pessoas foram investigadas e julgadas. Porque antes, quando eles governavam, sabe o que acontecia com as denúncias? Morriam, esquecidas na gaveta. O que você prefere? Avançar no combate a corrupção? Ou voltar ao passado?”

De novo, a estratégia do medo, ação sem originalidade repetida por todos os marketeiros de situação e por alguns de oposição, na maioria dos discursos de campanha eleitoral. Enquanto a propaganda petista dá um show de mistificação, nas ruas, recomeçam os protestos. Mais uma vez, patrocinados por movimentos organizados, com foco revolucionário, que fazem um jogo de morde e assopra com o petismo. A bronca pré-copa tende a atrair para as ruas uma grande massa de insatisfeitos – junto com muitos baderneiros profissionais. O clima de caos pré-revolucionário, que tanto interessa também aos segmentos petistas, estará instaurado...

Até o momento, só acontece um fenômeno estranho – captado por uma pesquisa da empresa R18 Tecnologia, a pedido do jornal O Globo. O impacto da mobilização de ontem, com confusões em São Paulo, Rio de Janeiro e Recife, foi medido nas redes sociais (Twitter, Facebook e Instagram): “Diferentemente de 2013, as manifestações de ontem contra a Copa não foram o tema central nas discussões na internet. As greves roubaram a cena da discussão virtual, com 65 mil menções compiladas até as 17h. Os protestos tiveram quase três vezes menos citações (26 mil). Até a capilaridade diminui. Ontem, 64% das mensagens se restringiam a apenas três estados: Rio, São Paulo e Pernambuco”.

A radicalização tende a aumentar antes do começo da “Copa das Copas” (conforme propagandeada oficialmente pelo desgoverno petista). Mas a previsão é que, quando a bola rolar de verdade, como de costume, a massa bronqueada se transforme na grande torcida pela vitória da Seleção Brasileira da CBF. Por enquanto, bronca e agitação são ferramentas dos otários. Depois, os otários vão mergulhar no clima ilusionista da Brazil Fifa World Cup – que tem enorme chances de entrar para a História como um dos eventos mais desorganizados do mundo.

Sob a pele do demagogo


Em 17 de julho de 2005, o então presidente Lula deu esta entrevista ao Fantástico, da Rede Globo, feita pela jornalista brasileira radicada na França, Melissa Monteiro. Desde aquela época, Lula dá provas de que, no discurso, é excelente no combate à corrupção.

Sob a pele


Scarlett Johansonn é uma alienígena que se alimenta se seres humanos na mais polêmica produção de ficção cientítica feita pelos britânicos.

Para isso, a extraterrestre assume a forma de uma mulher bela e sensual para devorar homens, com sua sexualidade voraz.

Under The Skin, dirigido por Jonathan Glazer, já é considerado pela crítica um dos melhores filmes do ano.

Copa dos Vexames


Doações

Leitores, amigos e fãs do Alerta Total que puderem colaborar para o aprimoramento de nosso trabalho podem fazer doações ao site.

Nos botões do lado direito deste site, temos as seguintes opções:

I) Depósito em Conta Corrente no Banco do Brasil. Agência 4209-9, C/C: 9042-5, em favor de Jorge Serrão.

II) Depósito no sistema PagSeguro, da UOL, utilizando-se diferentes formas (débito automático ou cartão de crédito).

III) Depósito no sistema PayPal, para doações feitas no Brasil ou no exterior.

Argolo ou Argola?


Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus.

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos.

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 16 de Maio de 2014.

18 comentários:

Anônimo disse...

Qualquer brasileiro que sabe o significado da palavra corrupção sabe tbém que o pt está atolado nela.

Anônimo disse...

Então que afaste os petralhas e pmdbistas que estão atrapalhando a CPI da Petrobras. Que investigue todas a maracutaias do lula, inclusive no mensalão.
Estes crápulas petralhas, faziam investigações de corrupções não porque queriam apurar e punir alguém, mas para fazer dossiês e manter os adversários de rabo preso.

Roni disse...

Lula é o paladino da anti corrupção!
Sempre defendeu os pobres, até se aliou à Teologia da Libertação que é outra aliada do PT e defensoras dos pobres, e sempre esteva ao lado dos favelados, como prova disso mora num casebre num aglomerado em SBC.
Ah, sô, tava tão bom, acordei do sonho!

Loumari disse...

A explicação da parábola do joio



O que semeia a boa semente é o Filho do homem;

O campo é o mundo; a boa semente são os filhos do reino, e o joio são os filhos do malígno;

O inimigo, que o semeou, é o diabo; a ceifa é o fim do mundo, e os ceifeiros são os anjos.

Assim como o joio é colhido e queimado no fogo, assim será na consumação deste mundo.

Mandará o Filho do homem os seus anjos, eles colherão do seu reino tudo o que causa escândalo, e os que cometem iniquidade.

E lançá-los-ão na fornalha de fogo; ali haverá pranto e ranger de dentes.

Então os justos resplandecerão como o sol, no reino de seu Pai. Quem tem ouvidos para ouvir, ouça.
(MATEUS 13:37)


Pelo que, a ira do Senhor se acendeu contra esta terra, para trazer sobre ela toda a maldição que está escrita neste livro.
(DEUTERONOMIO 29:27)


Sai dela, povo meu, para que não sejas participante dos seus pecados, e para que não incorras nas suas pragas.

Porque já os seus pecados se acumularam até ao céu, e DEUS se lembrou das iniquidades dela.
(APOCALIPSE 18:4)

Prometendo-lhes liberdade, sendo eles mesmos servos da corrupção;
(2 PEDRO 2:19)


Como dizes: Rico sou, e estou enriquecido, e de nada tenho falta;

e não sabes que és um desgraçado, e miserável, e pobre, e cego, e nu. (APOCALIPSE 3:17)

Loumari disse...

Caro Roni, supostamente você faz alusão a este discurso do lula! Recebi isto em 2009 Realmente ele tinha todas a aparência de anjo de luz.


O discurso de Lula por ocasião do dia da independência do Brasil




Queridas Brasileiras e Queridos Brasileiros,

É comum que o 7 de setembro sirva para a gente enaltecer o passado e pensar o presente. Desta vez é diferente: este é o 7 de setembro do Brasil festejar o futuro. De celebrar uma nova independência.

Esta nova independência tem nome, forma e conteúdo. Seu nome é pré-sal; seu conteúdo são as gigantescas jazidas de petróleo e gás descobertas nas profundezas do nosso mar; sua forma é o conjunto de projetos de lei que enviamos, há poucos dias, ao Congresso Nacional. E que vai garantir que esta riqueza seja corretamente utilizada para o bem do Brasil e de todos os brasileiros.

Peço a cada um de vocês que acompanhe passo a passo as discussões destas leis no Congresso. Que se informe, reflita, e entre de corpo e alma nesse debate tão importante para os destinos do Brasil e para o futuro de nossos filhos e netos.

Posso resumir em duas frases a proposta do governo: de um lado, ela garante que a maior parte da riqueza do pré-sal fique nas mãos dos brasileiros; de outro, ela impede que qualquer governante gaste de forma irresponsável estes recursos. E mais: obriga que este dinheiro seja aplicado em educação, ciência e tecnologia, cultura, defesa do meio-ambiente e combate à pobreza.

Minhas amigas e meus amigos,

O pré-sal é uma das maiores descobertas de todos os tempos. Ainda não se pode dizer, com exatidão, quantos bilhões de barris de petróleo existem nele. Mas já se pode garantir, com toda segurança, que ele colocará o Brasil entre os países com maiores reservas de petróleo e gás do mundo.

Elas se espalham por uma área de 149 mil quilômetros quadrados, que começa no litoral do Espírito Santo e termina no de Santa Catarina. É uma área do tamanho do estado do Ceará.

As jazidas ficam debaixo de uma lâmina de água e de camada de sal, que, em alguns pontos, correspondem a dez morros do corcovado empilhados.

Minhas amigas e meus amigos,

O que deve fazer um povo livre, responsável e soberano ao receber tamanha dádiva de deus? Garantir que esta riqueza não escape de suas mãos, buscar os meios mais eficientes de explorá-la e modernizar suas leis para não repetir os erros de outros países.

A história tem mostrado que a riqueza do petróleo é uma faca de dois gumes. Quando bem explorada, traz progresso para o povo. Quando mal explorada, ela traz conflitos, desperdícios, agressão ao meio-ambiente, desorganização da economia e privilégios para uns poucos. Assim, alguns países pobres, ricos em petróleo, não conseguiram jamais sair da miséria.

Por isso, dei orientações bem claras aos ministros. Primeira: o petróleo e o gás pertencem ao povo brasileiro. Como no pré-sal, os possíveis sócios terão poucos riscos, eles não podem ficar com a parte da renda. Ela tem que ser do povo. Segunda orientação: o Brasil não pode ser um mero exportador de óleo cru. Vamos agregar valor aqui dentro, exportando derivados, como gasolina, diesel e produtos petroquímicos, que valem muito mais. Vamos construir uma poderosa indústria de equipamentos e serviços e gerar milhares e milhares de empregos brasileiros. Terceira orientação: não vamos nos deslumbrar e sair por aí, como novos ricos, torrando dinheiro em bobagens. O pré-sal é um passaporte para o futuro. Vamos investir seus recursos naquilo que temos de mais precioso e promissor: nossos filhos, nossos netos, nosso futuro.

Loumari disse...

Minhas amigas e meus amigos,

Os ministros seguiram estas diretrizes e honraram o compromisso com o povo brasileiro. A principal mudança que estamos propondo é que, nas áreas ainda não exploradas do pré-sal, passe a vigorar o modelo de partilha. Quase todos os países que têm grandes reservas e baixo risco de exploração adotam este sistema. Ele garante que o estado e o povo continuem donos da maior parte do óleo e do gás mesmo depois de sua extração.

Estamos propondo, também, que a Petrobras seja a operadora de toda área. Ouseja, exerça atividades de exploração e produção, com uma participação mínima de 30% em todos os blocos.

Não podia ser diferente. Afinal, temos dentro de casa uma das maiores, melhores e mais respeitadas empresas de petróleo do mundo. Assim saberemos tudo sobre as reservas, aperfeiçoaremos nossa tecnologia e faremos da Petrobras uma empresa ainda mais forte.

Este trabalho será complementado pela Petro-sal, uma nova empresa estatal, enxuta e altamente qualificada, que vai gerir os contratos de partilha e os de comercialização. Ela não vai concorrer com a Petrobras. Sua função é outra - a de ser o olho do povo na fiscalização de toda operação.

Minhas amigas e meus amigos,

Hoje o Brasil tem todas as condições políticas, econômicas e tecnológicas para enfrentar este desafio. A economia do Brasil vive um novo momento. De 2003 a 2008, crescemos em média, 4,1% ao ano. Nos últimos dois anos, mais que 5%. O país gerou cerca de onze milhões de empregos com carteira assinada. O desemprego caiu fortemente, de 11,7% em 2003, para 8% hoje. As taxas de juros são as menores das últimas décadas.

Não só pagamos a dívida externa, como acumulamos reservas de 215 bilhões de dólares. E mais: reduzimos a miséria e as desigualdades. Mais de 30 milhões de brasileiros saíram da linha da pobreza. E destes, 20 milhões ingressaram na nova classe média, fortalecendo o mercado interno e dando vigoroso impulso à nossa economia.

O fato é que hoje temos uma economia organizada e em crescimento, que foi testada na mais grave crise internacional desde 29 e saiu-se muito bem. Não só não quebramos, como fomos um dos últimos países a entrar na crise eestamos sendo um dos primeiros a sair dela. Antes, éramos alvo de chacotas e de imposições. Hoje, nossa voz é ouvida lá fora com atenção e respeito.

Loumari disse...


A Petrobras de hoje é a cara deste novo Brasil. É a oitava maior empresa do mundo. Não existe nenhuma empresa, na Europa, do tamanho dela. Nas Américas, fica atrás apenas de três gigantes norte-americanas. E é a segunda empresa em lucratividade. E, entre as petroleiras, a segunda em valor de mercado no mundo.

A Petrobras chegou aí, entre outros motivos, porque este governo acreditou e investiu, dando condições para que ela aumentasse a produção, encomendasse plataformas, sondas, modernizasse e ampliasse refinarias, treinasse e contratasse funcionários. Além de construir uma grande infra-estrutura de gás natural e entrar na área de biocombustíveis.

O coroamento deste esforço foi exatamente a descoberta, pela própria Petrobras, das reservas do pré-sal. Um feito extraordinário, que encheu de admiração o mundo e de orgulho os brasileiros.

Minhas amigas e meus amigos,

Este é um governo que acredita no Brasil e no que ele tem de mais rico: o seu povo. É por isso que propomos que os recursos do pré-sal sejam colocados em um fundo social, controlado pela sociedade, e que será aplicado, majoritariamente, em desenvolvimento humano. De um lado, o novo fundo será uma mega-poupança, um passaporte para o futuro, que nos ajudará, entre outras coisas, a pagar a imensa dívida que o País tem com a educação e a pobreza.

De outro lado, funcionará, também, como um dique contra a entrada desordenada de dinheiro externo, evitando seus efeitos nocivos e garantindo que nossa economia siga saudável, forte e baseada no trabalho e no talento de nossa gente.

Todos estes temas estão agora em discussão no Congresso Nacional e eu sei que contaremos, mais uma vez, com o apoio livre e soberano do Legislativo na construção deste novo Brasil. Uma ação desta amplitude só pode ocorrer, de forma saudável, em um ambiente democrático. A democracia é o ambiente mais saudável para o crescimento. O embate e a paixão política fazem parte do universo democrático, mas não podemos deixar que interesses menores retardem ou desviem a marcha do futuro.

Uma democracia só se fortalece com a participação da sociedade. Por isso se mobilize, converse com seus amigos, escreva pra seu deputado, seu senador, pra que eles apoiem o que é melhor para o Brasil.

O Brasil não tem medo de crescer, nem de buscar os melhores caminhos. Não vai ficar preso a dogmas, a modelos fechados ou a falsas verdades.

O Brasil acredita no livre mercado mas também no papel do estado como indutor do desenvolvimento. E saberá sempre buscar o equilíbrio que garanta o melhor para seu povo.



Queridas brasileiras e queridos brasileiros,

É tempo de ampliarmos, ainda mais, a nossa esperança no Brasil. A independência não é um quadro na parede nem um grito congelado na história. A independência é uma construção do dia-a-dia. A reinvenção permanente de uma nação. A caminhada segura e soberana para o futuro.

Viva o 7 de setembro!


Boa noite!"

Ricardo disse...

Ô, Loumari: Esse discurso do Lula o capeta também fez em alusão ao POGREÇO que o Brasil teria sobre a (indi)gestão do PT, e v pode ver que tudo saiu como gosta: ao inverso!!

Anônimo disse...

Loumari, falsa verdades é a comissão da verdade.

Anônimo disse...

queria saber e o tão amado Lula teria coragem de desfilar em carro aberto pelas ruas das principais capitais

Anônimo disse...

queria saber e o tão amado Lula teria coragem de desfilar em carro aberto pelas ruas das principais capitais

Anônimo disse...

Serrão, agora eu sei por que o Lula disparou contra a imprensa britânica. Se os jornalistas do Brasil fizerem um cursinho de "como arrasar com políticos mentirosos" com eles, o Lula não tem chance nem de abrir a boca. Fui dar uma olhada como a imprensa atua por lá, e é de lascar mesmo!
http://www.dailymail.co.uk/news/article-1248648/MP-expenses-Shaming-389-greedy-politicians-went-far.html
http://youtu.be/vJIjTviLLTs
http://www.bbc.co.uk/news/uk-politics-27115043
Credo! já imaginou o Lula enfrentando um desses?
Em tempo:
Loumari, por que você postou o discurso completo do Lula? Porque somente o discurso está aí, um monte de mentiras que já não enganam mais ninguém. Me parece que você deu muito espaço para a figura. Fiquei esperando uma finalização bíblica, mas não veio. Podemos encerrar este discurso com este trecho do Evangelho de Mateus, não?
15 Acautelai-vos, porém, dos falsos profetas, que vêm até vós vestidos como ovelhas, mas, interiormente, são lobos devoradores.
16 Por seus frutos os conhecereis. Porventura colhem-se uvas dos espinheiros, ou figos dos abrolhos?
17 Assim, toda a árvore boa produz bons frutos, e toda a árvore má produz frutos maus.
18 Não pode a árvore boa dar maus frutos; nem a árvore má dar frutos bons.
19 Toda a árvore que não dá bom fruto corta-se e lança-se no fogo.
20 Portanto, pelos seus frutos os conhecereis.

Loumari disse...

Visto que ha gentes que se queixam de que nao se menciona aqui neste blog outra coisa que criticas, entao se lhes servem o que é de seu pao de Lô para que cada um se faça sua propria opiniao. Aqui outro discurso de Lula

E foi preciso um operário para ensinar esta verdade a tantos doutores no mundo...
Os ricos também beneficiam quando os pobres deixam de o ser...

O ex-presidente do Brasil Ignacio Lula da Silva contou, durante a sua visita à Colômbia, pormenores da sua política social que hoje são exemplos em todo o mundo. Recomendou que a Colômbia não deixe nas mãos de intermediários a administração dos recursos públicos.



Luiz Inácio Lula da Silva, não se esquece do que fez no primeiro dia da sua gestão como presidente do Brasil, que foi reunir todos os seus ministros, fazê-los embarcar num avião e leva-los às regiões mais pobres do país.



Ele queria que o presidente do Banco Central ou o ministro das finanças "vissem esse país que não se queixa, que não se manifesta, mas que está ali, que é real e verdadeiro Talvez vocês possam ajudar a mudar as coisas ".



Da Silva conhecia muito bem esses sectores. Ele vinha de uma dessas regiões em que é comum as crianças irem para a cama sem comer ou passar um domingo sem almoço. "Eu conheci o pão para a primeira vez com 7 anos de idade. Até essa idade, o café que eu tomava de manhã era acompanhado com farinha de mandioca. Sei o que é o desespero de uma mãe em frente de um fogão sem gás e sem os bens mais elementares para fazer uma refeição para os seus filhos" .



Durante sua visita ao país, o ex-presidente do Brasil não só partilhou a sua história de vida, mas também os resultados da sua política social que tirou 28 milhões de brasileiros da pobreza e reduziu drasticamente os níveis de desnutrição e de desescolarização das crianças e jovens do seu país.



O Brasil é uma das dez maiores economias do mundo, mas para Lula isto pouco serve se não houver democracia, nem políticas de distribuição do crescimento para impedir que o dinheiro caia nas mãos de alguns e o que o povo permaneça pobre e desnutrido.



"Quando iniciei o meu governo, 10% das pessoas mais ricas tinham metade do dinheiro do país e deixavam para os mais pobres apenas 10 %", recordou Lula, que conseguiu de alterar estes números aumentando o salário mínimo em 62 % em cinco anos, mesmo com que existência de vozes contra que o avisavam que isso iria provocar um aumento da inflação. "E a inflação não aumentou", diz agora com satisfação. Só com esta decisão, resgatou milhões de brasileiros da pobreza.

Além disso, assegura que foi esta medida que aquando da crise de 2008, permitiu que o Brasil seguisse em frente, graças a essa população. "O consumo cresceu sete vezes mais , especialmente nos sectores populares. Os pobres começaram a ser tratadas como cidadãos"

Loumari disse...

Para Luiz Inácio Lula da Silva , foram várias as estratégias fundamentais para alcançar os resultados. Uma foi o acesso aos bancos por parte da população mais pobre: 45 milhões de brasileiros, no espaço de um só ano, tinham contas bancárias activas, e isto contribuiu para tornar viável a segunda estratégia: não deixar nas mãos de intermediários, a administração ou a entrega destes recursos públicos.

"Acho que não deve existir a figura do intermediário, porque este fica com metade do dinheiro. No Brasil, as pessoas que recebem benefícios do governo não têm qualquer contacto com os intermediários . Recebem um cartão magnético com o qual podem ir ao banco e levantar o dinheiro. Isso é sagrado", destacou o ex-presidente.

E uma terceira estratégia que assegura o êxito é ter registos de qualidade e dar seguimento aos programas e os beneficiários. Equipas dos membros do governo viajaram para locais remotos onde encontraram pessoas que nem sequer tinham registo de nascimento; eles eram cidadãos que não existiam. Eles beneficiam hoje do programa de bolsa de família, as mulheres de cada agregado familiar recebem um cartão para levantar o dinheiro para alimentação e educação de suas famílias.

"Há 13 milhões de cartões. As pessoas vão ao banco e não ficam assim a dever favores aos presidentes de junta, governadores ou ao presidente".

"Diziam-me que estava a desperdiçar dinheiro, que estava a criar vagabundos que não trabalhavam. Havia pessoas que criticavam o facto dos pobres comprarem lápis ou calçado para as crianças em vez de comida.

Isso é fácil de dizer a alguém que os tem, mas não a pessoas que nunca os tiveram. Quem nunca passou fome ou necessidades não sabe o que representam 80 dólares nas mãos de uma mãe".

Loumari disse...

A luta contra a fome foi uma prioridade do governo de Lula da Silva, a ponto de criar um ministério dedicada exclusivamente a esta tarefa. Em seis anos, a desnutrição no Brasil foi reduzida em 73% e a mortalidade infantil em 45% .

Esta política é um exemplo para o mundo. Este compromisso inclui restaurantes populares, programas de alimentação de leite materno, promoção da agricultura familiar, distribuição de alimentos para os mais pobres, entrega do microcréditos e promoção da economia local através da compra aos pequenos produtores dos produtos para abastecer os programas alimentares do governo.

"A garantia de uma boa alimentação da população deveria ser a prioridade de todos os homens públicos e os cidadãos de boa-vontade . Não é normal, disse, que um governante mundial não coloque a luta contra a fome como a prioridade do seu orçamento, bem como das suas políticas".

A criação de milhões de empregos para pais de família teve como objectivo a redução do trabalho infantil e assim levar essas crianças e jovens a frequentar as 214 novas escolas de ensino básico, bem como a 14 universidades federais construídas durante esse período. Hoje, crianças de pedreiros estudam medicina nas universidades.

Estes resultados, disse, demonstram que "não há nada mais barato do que investir nos pobres" e deixa para trás a teoria de que temos que esperar pelo desenvolvimento para eles serem incluídos. No caso do Brasil , a inclusão levou ao desenvolvimento. "Os ricos também beneficiam quando os pobres, deixam de o ser", disse.

"Até pagamos a dívida ao Fundo Monetário Internacional. Depois de dois anos de governo, devolvemos os 16.000 milhões de dólares que devíamos. Hoje, é o FMI que nos deve 14.000 milhões de dólares que lhes emprestamos para ajudar a crise dos países ricos".







Tradução Octopus de um artigo de Néstor Chumbo Chaves, publicado no semanário "Acción Informativa" do Uruguai, de 16 a 22 de dezembro de 2011, com o qual octopedia colabora:


http://semanarioaccioninformativa.blogspot.com/

Anônimo disse...

Loumari, vou repetir o evangelho de Mateus aqui. E digo que, se você realmente crê em Jesus Cristo, estas palavras são Dele mesmo:
......
15 Acautelai-vos, porém, dos falsos profetas, que vêm até vós vestidos como ovelhas, mas, interiormente, são lobos devoradores.
16 Por seus frutos os conhecereis. Porventura colhem-se uvas dos espinheiros, ou figos dos abrolhos?
17 Assim, toda a árvore boa produz bons frutos, e toda a árvore má produz frutos maus.
18 Não pode a árvore boa dar maus frutos; nem a árvore má dar frutos bons.
19 Toda a árvore que não dá bom fruto corta-se e lança-se no fogo.
20 Portanto, pelos seus frutos os conhecereis.
.......
Fique com Deus (o Deus de verdade, não o "Deus" da Rose e da Marta Suplicy).

CEL CESAR PINTO - averdadedasmentiras-unknown disse...

TÍTULO - O SOMBRA - ASCENSÃO E QUEDA DA DITADURA DO PT NO BRASIL

PRA FRENTE BRASIL

FALANDO A VERDADE

A LEI DO RETORNO É IMPLACÁVEL - QUEM COM FERRO FERE, COM FERRO SERÁ FERIDO

ESTÁ FRASE RETRATA O QUE VEM OCORRENDO NA POLÍTICA BRASILEIRA APÓS OS GOVERNOS MILITARES

VEJAM OS VÍDEOS DA ASCENSÃO E QUEDA DE LULA E DO PT.

CAMPANHA DO PT EM 2002

FOI ASSIM QUE COMEÇOU O PRIMEIRO JOGO COM A COPA DO MUNDO NO BRASIL- O PT X PSDB E OUTROS = POVO INOCENTE ÚTIL - UM JOGO DE RATOS, COMENDO A BANDEIRA BRASILEIRA.

VÍDEO DA ASCENSÃO - www.youtube.com/watch?v=qzU6lBCIdxI

https://www.youtube.com/watch?v=c2GDQYO2xbg - "Inserção Nacional do PT 2014 - Fantasmas do passado - O Brasil não quer voltar atrás". "Não podemos deixar que os fantasmas do passado voltem e levem tudo o que conseguimos com tanto esforço). Nosso emprego de hoje não pode voltar a ser o desemprego de ontem . Não podemos dar ouvidos a falsas promessas ( . O Brasil não quer voltar atrás".

CAMPANHA DO PT EM 2014 - NO AR NOS HORÁRIOS ELEITORAIS DO PT - RETIRADO PELO YOUTUBE POR ORDEM DO GOVERNO FEDERAL.
NESTES DOZE ANOS ( 12 ANOS ), A CORRUPÇÃO FOI O CARRO CHEFE, TOMOU CONTA DO GOVERNO E DE TODO O PAÍS.
"NÃO É A POLÍTICA QUE FAZ O CANDIDATO VIRAR LADRÃO". É O PARTIDO
"É O SEU VOTO QUE FAZ O LADRÃO VIRAR POLÍTICO", E O PARTIDO QUE DÁ A LEGENDA AO LADRÃO.

E É ASSIM QUE VAI TERMINAR EM 2015 - ANTES DO SEGUNDO JOGO, A OLIMPIADA DE 2016 - OS RATOS DO PT E OUTROS X POVO INOCENTE ÚTIL = PASSANDO O BRASIL A LIMPO - BRASIL ACIMA DE TUDO.

VÍDEOS DA QUEDA

https://www.youtube.com/watch?v=Th2EtPohI4s&feature=player_detailpage

www.youtube.com/watch?v=qzU6lBCIdxI

https://www.youtube.com/watch?v=QGFSQp1XWP0#t=161"

HOJE O POVO INOCENTE ÚTIL DIZ: "O AGENTE ACABA COM ELES (PT) OU ELES ACABAM COM O BRASIL". XÔ CORRUPÇÃO, UMA CAMPANHA DO POVO INOCENTE ÚTIL BRASILEIRO". FORA PT - CAMPANHA DO POVO INOCENTE ÚTIL EM 2014

É POR ISSO QUE NÓS DIZEMOS QUE NO DIA DAS ELEIÇÕES NÃO IREMOS COMPARECER AS URNAS (SUJEITAS A FRAUDES) PARA VOTAR. AGINDO DESSA FORMA EXPULSAREMOS TODOS OS ATUAIS DETENTORES DE MANDATOS ELETIVOS POR NÓS ELEITOS E QUE NÃO HONRARAM O MANDATO NO CONGRESSO NACIONAL. VAMOS MUDAR A CARA DO CONGRESSO, DO PRESIDENTE E DOS GOVERNADORES, COM NOVOS CANDIDATOS E UMA NOVA ELEIÇÃO EM 2015.

SUAS PRESENÇAS NO SEGUNDO JOGO SERÁ COMO TELESPECTADORES E TORCEDORES E NÃO ANFITRIÕES.

SE DEUS QUIZER E NÃO NOS DESAPONTAR.

Anônimo disse...

Os comentários d (o,a) Loumari é o desespero do lula, dilma e PT.