quarta-feira, 17 de junho de 2015

Se Dilma tomar no TCU, guerra pelo impeachment pode forçar renúncia seguida de intervenção constitucional


2a Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Dilma Rousseff vai tomar no TCU por causa das tais "pedaladas fiscais" (maquiagem de um rombo de R$ 37,1 bilhões nas contas públicas? Sim, ela começou a tomar... Já havia sinais de que a agonia dela, para uma provável condenação por crime de responsabilidade fiscal, tende a ser postergada. E foi! O Tribunal de Contas da União, indevidamente chamado de "tribunal", já que não faz parte do judiciário, sendo um mero órgão auxiliar do Poder Legislativo, resolveu adiar, por 30 dias, o julgamento das contas do governo referentes a 2014.

A grande possibilidade de rejeição das contas gerou uma manobra para prolongar a agonia da Presidenta - como é o desejo estratégico do quinteto fantástico do PMDB que a mantém como refém (Renan Calheiros, Eduardo Cunha, Michel Temer, Nelson Jobim e José Sarney). Vigorou a desculpa esfarrapada de que a Presidenta merecia um tempo para se defender pessoalmente no plenário do TCU - o que vai ser um massacre, se realmente acontecer. Mais provável é que não aconteça. O desgaste dela vai se ampliar, com as 13 (que número!) ilicitudes cometidas pelo governo - segundo relatório do TCU.

Não dá para repetir a manobra costumeira de "aprovar, com ressalvas" as contas da Dilma. Um relatório técnico do TCU já demonstrou muitos problemas de gestão nos números de 2014. Por isso, a tendência é que o relator do caso, ministro Augusto Nardes, recorra a uma manobra chamada "sobrestar". Em português claro: empurrar com a barriga. O adiamento, de algo programado para ser fatal, interessa à cúpula do PMDB, na complicada manobra para forçar uma renúncia de Dilma, permitindo que Michel Temer assuma o poder.

O risco de tal plano é que o desgaste tende a se ampliar para toda a classe política. O agravamento do impasse institucional abre caminho para a intervenção constitucional - cada vez mais na boca do povo nas redes sociais. Com mais da metade do parlamento respondendo a algum processo criminal ou administrativo, os políticos ficam automaticamente desqualificados para tomar conta do espólio de prejuízos deixado pela má gestão do PT-PMDB. Não dá para separar a (i)responsabilidade de todos os partidos da base aliada. Da mesma forma como não dá para perdoar a inação da suposta "oposição". As vaciladas tucanas são explícitas.  

O Alerta Total já antecipou: o sistema de informações do PT, uma máquina de espionagem muito azeitada, identificou uma fonte de complô interno para derrubar Dilma Rousseff. Petistas receberam o teor de uma conversa telefônica entre o vice-presidente Michel Temer e um amigo. Abertamente, o vice deixou claro que está pronto para tudo, inclusive assumir o lugar de Dilma, se algo acontecer.

O x do problema é se, na guerra pelo impeachment, Michel Temer também acabar impedido junto com a Dilma. A estratégia política dele é para impedir que isto aconteça. A dificuldade será dissociá-lo da Presidenta, já que ambos foram eleitos juntos, e fazem parte de um mesmo time (ao menos em tese). Temer não vê a hora se sentar no trono do Palácio do Planalto. Dilma sabe que a ameaça é concreta, mas tenta fingir que não é com ela...

O resultado no TCU, a favor ou contra, pode frear ou agravar o já escancarado e irreversível impasse institucional - que tende a redundar em intervenção constitucional, por total falta de credibilidade e legitimidade da corrupta classe política para conduzir os destinos do Brasil. É por isso, nos bastidores do poder se repete uma frase sobre a conjuntura: "Não tem mais jeito"... Tem sim: Intervenção da Sociedade, exercendo seu poder instituinte originário. Esta é a solução. O resto é paliativo...

Leia o artigo de Sérgio Alves de Oliveira: Caindo Dilma, quem assume?

As 13 ilicitudes

Dilma terá 30 dias para dar explicações sobre as seguintes ilicitudes verificadas pelo TCU:

1 – Omissão de dívidas da União com Banco do Brasil, Caixa e FGTS nas estatísticas da dívida do governo no ano de 2014;

2 – Adiantamentos concedidos pela Caixa à União para pagamento de despesas dos programas Bolsa Família, Seguro-Desemprego e Abono Salarial nos anos de 2013 e 2014 (as chamadas "pedaladas" fiscais);

3 – Adiantamentos concedidos pelo FGTS à União para pagamento de despesas do programa Minha Casa Minha Vida no período de 2010 a 2014 (também interpretados como "pedaladas");

4 – Adiantamentos concedidos pelo BNDES à União para pagamento de subsídios a empréstimos concedidos pelo banco de fomento entre 2010 e 2014;

5 – Ausência de uma lista de prioridades da administração federal na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2014;

6 – Pagamento de dívida contratual junto ao FGTS sem autorização orçamentária no ano de 2014;

7 – Excesso de recursos, para além dos valores aprovados, por parte da Amazonas Distribuidora de Energia, Araucária Nitrogenados, Boa Vista Energia, Energética Camaçari Muricy I (ECM I) e Petrobras Netherlands, além da Telebrás, Transmissora Sul Litorânea de Energia S.A. (TSLE) e Furnas;

8 – Pagamento de despesa sem previsão no orçamento de investimentos pelas empresas públicas Araucária Nitrogenados S.A., ECM I e TSLE;

9 – Ausência de contingenciamento de R$ 28,54 bilhões em decreto presidencial de novembro de 2014;

10 – Utilização da execução orçamentária para “influir” na aprovação pelo Congresso de alteração na legislação que permitiu ao governo não cumprir meta de superávit primário em 2014;

11 – Inscrição irregular em restos a pagar de despesas de R$ 1,3 bilhão referentes ao programa Minha Casa Minha Vida em 2014;

12 – Omissão de déficit primário da União em operações com Banco do Brasil, BNDES e FGTS em 2014;

13 – Distorções materiais que afastam a confiabilidade de parcela significativa de indicadores e metas estabelecidos no Plano Plurianual 2012-2015.

Poderes impopulares

O Índice de Percepção do Cumprimento das Leis (IPCL Brasil), mensurado pela Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas (FGV), foi cruel com o Executivo, o Judiciário e o Legislativo.

Enquanto as Forças Amadas têm 68% de aprovação e a Igreja Católica (57%), o Judiciário amarga apenas 25%, o Governo (19%) e o Congresso Nacional (14%).

O Centro de Pesquisa Jurídica Aplicada da Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas (CPJA/DIREITO GV) ouviu 1.650 pessoas de oito Unidades da Federação: São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Bahia, Pernambuco, Amazonas e Distrito Federal.

João Revolta x Dilma


Personagem fictício, criado pelo radialista e jornalista João Vitor de Almeida Lima, no ano de 2009, João Revolta meteu o pau no esquisita e patética entrevista de Jô Soares com a Dilma Rousseff.

A filosofia de João Revolta é usar a linguagem informal para atrair o telespectador.

Para representar a raiva, João Revolta usa uma mesa e diferentes artefatos, usados para quebrar objetos durante a gravação dos vídeos.

Nos tempos passados, João Revolta até seria um bom personagem do Jô...

Lula Pt da vida


Solução alternativa


Boa companhia


Colabore com o Alerta Total

Neste momento em que estruturamos mudanças para melhor no Alerta Total, que coincide com uma brutal crise econômica, reforçamos os pedidos de ajuda financeira para a sobrevivência e avanço do projeto.

Os leitores, amigos e admiradores que quiserem colaborar financeiramente conosco poderão fazê-lo de várias formas, com qualquer quantia, e com uma periodicidade compatível com suas possibilidades.

Nos botões do lado direito deste site, temos as seguintes opções:

I) Depósito em Conta Corrente no Banco do Brasil. Agência 4209-9, C/C: 9042-5, em favor de Jorge Serrão.

OBS) Valores até R$ 9.999,00 não precisam identificar quem faz o depósito; R$ 10 mil ou mais, sim.

II) Depósito no sistema PagSeguro, da UOL, utilizando-se diferentes formas (débito automático ou cartão de crédito).

III) Depósito no sistema PayPal, para doações feitas no Brasil ou no exterior.

Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 17 de Junho de 2015.

7 comentários:

Cristiano Arruda disse...

Jorge Serrão,

Lembre-se de que a kambada emitiu um decreto assinado por "ela" proibindo do vice a assumir o cargo em caso de vacância por morte, mas eu não lembro se por outro motivo o vice poderá assumir o cargo. O efeito era impedir o Michel Temer de assumir o cargo. Todavia no caso de renúncia isso não se aplicaria, ficou brecha no golpe institucional "acanetado" por "ela", a dentuça.

Anônimo disse...

O FUMO JÔ TENTOU RESSUSCITAR A DEFUNTA AMBULANTE DILMA, MAS ELE FOI QUEM MORREU JUNTO COM ELA!
Quem gosta da fruta, cai com o galho! Se estrepou, véio!
SQUENTA NÃO, MULA E DILMA; O CERCO VAI APERTANDO AOS POUCOS!
HOMEM COM H O BOLSONARO!
Ele é da estirpe dos militares do antigo Regime Militar que, ao contrario do excomungado PT nunca, jamais foram ou estão acusados de chantagens como essa maldição de partido.
Pena que “religiosos” como da direção da CNBB ajudou o diabo – poderiam estar até mesmo até já excomungados por apoio a comunistas – assim como algumas seitas protestantes; graças a eles estão no poder fraudando, mas esses apoiadores compartilhando com seus malfeitos, como diariamente vemos.
Quem apoia a bandidagem…
Aliás, as grandes obras do Brasil foram no tempo deles e hoje todos choram a saída e a entrada dessa desgraça chamada PT, especialista em assaltar os cofres e trazer sérios prejuízos à nação, especialmente ao mais pobres, pois comunistas só gostam de milionarios, caso das empreiteiras envolvidas nas recentes roubalheiras!
Até que enfim foi aprovado na Câmara o VOTO IMPRESSO em primeiro turno por 477 a 7, e a SMARTMATIC de Cuba e do PT que vão para o inferno, de onde vieram, de Cuba!
Será que em 2018 o PT terá 01% de votos?



.

Anônimo disse...

Você para receber na justiça um calote de um cidadão comum tem que contar com a sorte ,pois não existe atalhos ou seja paga quando e se quiser. Agora no trabalhista, você leva calote no INSS, FGTS, e outros direitos, ao procurar a justiça o juiz nega danos morais pois alega contra tempos por parte do caloteiros, e o simples atraso nos tributos é entendido como normalidades. Agora receber de qualquer órgão publico, apenas na ultima instancia ou seja você morre e não recebe , tudo isso não passa de pedaladas. AGORA ALGUÉM TEM DUVIDA QUE AS DA PATROA NÃO VAI DAR EM NADA??? ESTE CODIGO CIVIL, CODIGO PENAL, E AS LEIS TRABALHISTAS FORAM CRIADAS PARA PEDALAR, E O CIDADÃO DERRAPAR E SE ESPATIFAR...

Cristiano Arruda disse...

*** DILMA É PEGA COMO CÚMPLICE NO FAVORECIMENTO À ODEBRECHT ***

ELA ASSINOU O TERMO DE CUMPLICIDADE PARA DAR SIGILO AO USO DO BNDES E ITAMARATY POR LULA QUE NÃO É MAIS PRESIDENTE PARA INTERESSES PARTICULARES E DO FORO DE SÃO PAULO (CUBA/RÚSSIA/CHINA).

ELA EXPLICITOU-SE EM ATO DE INCONSTITUCIONALIDADE E IMPROBIDADE.

BOTEMOS A KENGA PRA FORA!


======================

O PT armou mais uma farsa para acobertar Lula.

Quando O Globo denunciou a tramóia do Itamaraty para esconder os documentos relativos à Odebrecht, o governo prometeu acesso irrestrito ao material.

Ontem, porém, Dilma Rousseff classificou como secretos e reservados 760 documentos sobre as viagens ao exterior do lobista Lula, a serviço da Odebrecht.

Os telegramas que foram liberados - e que podem ser lidos no site da Época - vão até 2010, cobrindo apenas os dois mandatos presidenciais de Lula.

O que ele fez de lá para cá, depois de deixar o governo, contratado como lobista da Odebrecht, sempre com o apoio das embaixadas brasileiras, só será conhecido em 2030.

É uma gente repulsiva.

fonte: http://www.oantagonista.com/posts/o-lobista-lula-protegido-ate-2030

Anônimo disse...

O anônimo das 10.42 você pode e deve meter o pau no PT, AGORA QUERER ESCONDER O QUE OS MILITARES APRONTARAM NÃO POR ISSO A TUA PENA É, SAIA DO ARMARIO OU VIRE HOMEM OU ENTÃO VÁ QUEIMAR A SUA ROSCA COM E ENRRUSTIDO DO BOLSONARO.NEM O PT VAI CONSEGUIR ENTREGAR O BRASIL NA PENURIA QUE ESSEA DESGRAÇADOS LARGARAM...

Anônimo disse...

AF disse:

Já tinha dito há meses atrás: quando a intervenção militar for iminente, os globalistas vão derrubar os comunistas para assumirem o poder e manter tudo como está.

Impeachment ou renúncia do fantoche que está na Cadeira é a última cartada para se manter toda a base de sustentação, de sabotagem, no poder.

Depois, dificilmente ocorrerá a intervenção militar/constitucional (chamem do que quiser). E se vier a acontecer, tem que ficar muito atento, se são os patriotas ou os melancias.

FABIO 200X disse...

Vejo claramente que a fossa quer tirar a bosta do vazo pra dizer que vai ficar tudo limpo, enquanto que no fundo, o número de merdas são surpreendentemente maior do que a bosta que foi eliminada.
Impeachment de Dilma é a pior forma de afundar. Vão impedir Temer também, e Cunha será presidente.
Isso é trocar bosta por merda.