sábado, 25 de julho de 2015

A Consciência política e a cidadania


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Armando Bartolomeu de Souza e Silva Filho

Sei que esse texto pode parecer, a princípio, um monólogo de um maluco... Mas se prestar bastante atenção ficará constatado que não. É um diálogo com a consciência buscando uma lógica conceitual. Tenho me acostumado a ver o povo pedir socorro aos “outros” e me surpreendo quando percebo que esses “outros”, na verdade, somos nós mesmos na terceira pessoa...

Como se fossemos pecadores penitentes pedindo a “Deus”, para o qual a maioria pouco se lembra de rezar, que envie seu “exército de anjos” para nos livrar do fogo do inferno comunista. Para que venham nos salvar de nós mesmos que, de alguma forma, permitimos e “inocentemente ou oportunamente” incentivamos falsos profetas a nos enganar, roubar e reprimir. Isso fica evidente quando percebemos que, infelizmente, ainda não conseguimos aprender os verdadeiros conceitos de justiça, cidadania e muito menos o de patriotismo.

Ainda hoje existem pessoas que, de tão sofridas, se permitem acreditar cegamente nas palavras de anarquistas oportunistas que pregam ideologias fanáticas, absolutistas, se dizendo progressistas, onde é intencionalmente distorcido o equilíbrio de conceitos fundamentais como: obrigações, direitos e deveres. Dessa forma prometem o paraíso na terra para os desamparados morais, culturais e sociais.

A propaganda maciça, no estilo nazista, garante que tudo tem que, necessariamente, ser de todos, igualmente. Excluindo-se os benefícios de seus líderes, é claro. Indiferentemente de qualquer outra coisa, principalmente a coerência, o trabalho e a justiça. Dentro destas ideologias utópicas e oportunistas está o falso contexto de que o Estado deve fornecer de “graça” tudo o que as pessoas precisam: saúde, educação, segurança, transporte e etc..

Mas, infelizmente, na vida nada é de graça. Sempre, de uma forma ou de outra, alguém tem que trabalhar muito e pagar caro por tudo o que é distribuído de “graça”, O mais incrível é que essas pessoas não são capazes de compreender que em uma democracia livre e Constitucional de Direito, tudo é de todos: nossa história, cultura, tradições, princípios, realidade política, social e econômica.

Nossas instituições, infraestrutura social, ruas, praças, estradas, parques, jardins, monumentos históricos... Que precisamos preservar e defender, porque são nossos. Os bens mais importantes são: a família, a educação e direitos iguais. O tripé que edifica a nossa sociedade. Muito embora, infelizmente, poucas vezes tenhamos oportunidades iguais. Esses bens preciosos são necessidades que conquistamos com nosso próprio esforço e sacrifícios. Por isso são direitos.

Quando qualquer um desses pilares se fragmenta tudo o mais começa a desmoronar. A partir de então surge à anarquia, os oportunistas da dor alheia, a “prostituição social”. Poucos passam a ditar o que é certo ou o que é errado. Assim, muitos se tornam excluídos, marginalizados, reprimidos e rotulados. Seus direitos individuais e trabalhistas são negados.

O medo se torna maior do que a importância das nossas necessidades, ou valores. Ninguém quer se comprometer ou sair de sua “zona de conforto”. Em vez de participar ativamente de vida social e política, protestar contra os desmandos e crimes comuns praticados pelos oportunistas, travestidos de defensores das liberdades individuais, dos populistas ditatoriais e inimigos do progresso social, se calam.

Tudo tem o seu preço... Não somos culpados, mas somos todos responsáveis. Ou pelo menos deveríamos ser... Por isso cresce todos os dias o número de pessoas que pede socorro as Forças Armadas para “desinfetar” os poderes constitucionalmente constituídos e corrompidos.

Embora seja um pedido “lúcido” porque a sociedade se sente vulnerável, despreparada e incapaz de evitar que o poder Executivo mude a ideologia de governo, transformando o nosso Brasil livre, democrático e republicano em um país “bolivarianista” (a versão tropical do comunismo), subvertendo o Legislativo e o Judiciário, mesmo sem nenhum apoio popular.

Mas enquanto o “inimigo” faz apenas propaganda, bravatas e tumultos com o propósito de intimidar e desviar a atenção da população dos seus desvios de conduta, corrupção e crimes comuns, à sociedade civil, assim como nos países mais desenvolvidos, tem de enfrentar suas crises. São casos de polícia. Apurar, processar e condenar esses bandidos.

A função das Forças Armadas não é a de agir como Polícia Civil, Cruz Vermelha ou a Assistência Social. A sociedade precisa enfrentar a viralização das tentativas de desconstrução social, dos nossos princípios, cultura, tradição e da democracia conquistada com o sangue de muitos que lutaram e morreram por ela.

Se tudo falhar e a Segurança Nacional ficar em risco, então as Forças Armadas cumprirão como sempre cumpriram sua função constitucional. Tenho plena certeza. Não resta dúvida sobre o patriotismo, o preparo e a bravura das Forças Armadas.

Rezemos apenas para que essa Intervenção Constitucional Militar não seja necessária. Mas se for, que os nossos militares não demorem a intervir, pois cada instante de atraso significará perdas irreparáveis para o Brasil e para cada um dos brasileiros.


Armando Bartolomeu de Souza e Silva Filho, integra a Central de Coordenação e Apoio de Intervencionistas (CCI).

4 comentários:

Loumari disse...

Quando um fazendeiro se ausentar de sua fazenda, deixando lá seus servos para cuidarem da fazenda, este fazendeiro deixou de governar a sua fazenda?

E, se na ausência do senhor, os servos começarem a cometerem indisciplina, violarem as regras impostas pelo seu senhor, começarem a pilharem os bens do seu senhor, destruírem seus bens preciosos, quando o senhor regressar, qual será a sorte que o senhor reserva aos tais servos vândalos?
Prisão, ou mais severo juízo ainda, pena de morte.

E segundo vosso juízo, acham mesmo que Deus não governa a fazenda que Ele construiu?

Para reflexão: Era uma vez um senhor que construiu sua casa. Bela casa com um belíssimo jardim. Então, o senhor pôs lá cães para guardar a casa e velar pelo pátio. E resulta que os cães bons e obedientes, estes ficaram velando pela porta da casa, dão volta ao pátio, cumprindo perfeitamente com o ofício que lhe foi ordenado pelo seu senhor.

Mas, havia de entre os cães, cães malandros. Estes, bastou o senhor ter partido, eles começaram a correr pelo pátio como loucos, começaram a escavarem o jardim, destruir as flores, sujarem o terraço, vandalizarem tudo quanto lhes ocorria. E resultou que o senhor regressando a casa, subitamente os cães perversos, por si sós, se esconderam do senhor, com a cauda metida entre as pernas de vergonha pelo sujo que eram e pelo mal que tivesse feito.

E os cães bons, estes logo que aperceberam o seu senhor, correram ao portão para acolher o seu senhor, alegres, felizes de ver o senhor.

E o senhor reparou pelo pátio e viu o seu jardim vandalizado, e viu que alguns dos cães se esconderam dele. E quando o senhor vai até aos cães escondidos os achou todos sujos e baixando a cabeça de peso de vergonha pelo seu aspecto horrivelmente sujo, provas incontestáveis que os acusa, e estes a tremerem com medo das represálias devido as suas obras diabólicas.

O senhor não avisa o dia nem hora que ele regressa. Como diz esta expressão latina: Sem tir-te nem guar-te. (sem aviso; de repente)

E querem saber o que o senhor fez? O senhor chamou seu servo e ordenou que todos cães sujos, considerados rafeiros, com manchas de abominações, fossem eutanaziados.

E guardou os cães bons e obedientes as ordenanças do seu senhor. (considerado cães de raça. Quem de entre vós gosta de cão rafeiro? Portanto Deus diz que fez o homem a sua imagem. E nos disse que fôssemos santos como Ele.)

Este cenário aqui é a sorte que nos é reservado quando o Senhor regressar.

E aquele que se julgou superior ao Senhor, que se ri dos servos do Senhor, achando que Deus não governa o mundo, eu vou me deleitar no dia da revelação, quando ele for reduzido a condição de serpente. Todos vocês, já leram onde Deus diz que aborrece o repúdio e aquele que encobre a violência com o seu vestido.

Eutanásia: doutrina que permite a antecipação da morte de doentes incuráveis.

Loumari disse...


E separarei de entre vós os rebeldes, e os que prevaricaram contra MIM; da terra das suas peregrinações os tirarei, mas à terra de Israel não voltarão; e sabereis que EU SOU O SENHOR.
( EZEQUIEL 20:38 )


Pois que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro, se perder a sua alma?
( MATEUS 16:26 )


Acautelai-vos e gardai-vos da AVAREZA; porque a vida de qualquer não consiste na abundância do que possui.
( LUCAS 12:15 )


Diante dele, tremerá a terra, abalar-se-ão os céus; o sol e a lua se enegrecerão, e as estrelas retirão o seu resplandor.
E O SENHOR levanta a sua voz diante do seu exército; porque muitíssimos são os seus arraiais; porque PODEROSO É, executando a sua palavra;
PORQUE O DIA DO SENHOR É GRANDE E MUI TERRÍVEL, E QUEM O PODERÁ SOFRER?
Ainda assim, agora mesmo, diz o SENHOR: Convertei-vos a mim, de todo o vosso coração; e isso com jejuns, e com choro, e com pranto.
E rasgai o vosso coração, e não os vossos vestidos, e convertei-vos ao SENHOR, VOSSO DEUS;
porque ELE é misericordioso, e compassivo, e tardio em irar-se, e grande em beneficência, e se arrepende do mal.
( JOEL 2:10 )


Porque o mesmo Senhor descerá do céu, com alarido, e com voz de arcanjo, e com a voz de trombeta de Deus, e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro.
Depois nós, os que ficamos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles, nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor.
Portanto, consolai-vos uns aos outros com estas palavras.
( 1 TESSALONICENSES 4:16 )


Orai sem cessar.
Em tudo dai graças, porque esta é a vontade de Deus, em CRISTO JESUS, para convosco.
Não extingais o Espírito.
Não desprezeis as profecias;
Examinai tudo. Retende o bem;
Abstende-vos de toda a aparência do mal.
E o mesmo DEUS DE PAZ vos santifique em tudo; e todo o vosso espírito, e alma, e corpo, sejam plenamente conservados irrepreensíveis, para a vinda do nosso Senhor Jesus Cristo.
Fiel é o que vos chama, o qual também o fará.
( 1 TESSALONICENSES 5:17 )

Loumari disse...

Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade do meu Pai que está nos céus.
Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizámos nós em teu nome? e em teu nome não expulsámos demónios? e em teu nome não fizemos muitas maravilhas?
E então lhes direi, abertamente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniquidade.
( MATEUS 7:21 )


Acautelai-vos, porém, dos falsos profetas, que vêm até vós vestidos como ovelhas, mas, interiormente, são lobos devoradores.
Pelos seus frutos os conhecereis. Porventura colhem-se uvas dos espinheiros, ou figos dos abrolhos?
( MATEUS 7:15 )


Ninguém pode servir a dois senhores; porque, ou há-de odiar um e amar o outro, ou se dedicará a um e desprezará o outro. Não podeis servir a Deus e a Mamon.
Por isso vos digo: Não andeis cuidadosos, quanto à vossa vida, pelo que haveis de comer ou pelo que haveis de beber; nem, quanto ao vosso corpo, pelo que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o mantimento, e o corpo mais do que o vestido?
( MATEUS 6:24 )


Para que vos não façais negligentes, mas sejais imitadores dos que, pela fé e paciência, herdam as promessas.
Porque, quando DEUS fez a promessa a Abraão, como não tinha outro maior por quem jurasse, jurou por si mesmo,
Dizendo: Certamente, abençoando, te abençoarei, e multiplicando, te multiplicarei.
E, assim, esperando com paciência, alcançou a promessa.
( HEBREUS 6:12 )

Loumari disse...

Aqui está a paciência dos santos, aqui estão os que guardam os mandamentos de DEUS e a fé de JESUS.
Bem-aventurados, os mortos que, desde agora, morrem no Senhor.
Sim, diz o Espírito, para que descansem dos seus trabalhos, e as suas obras os sigam.
( APOCALIPSE 14:12 )


Eis que todas as almas são minhas; como a alma do pai, também a alma do filho é minha: a alma que pecar, essa morrerá.
( EZEQUIEL 18:4 )


Sede sóbrios; vigiai; porque o DIABO, vosso adversário, anda em derredor, bramando como leão, buscando a que possa tragar.
Ao qual resisti, firmes na fé, sabendo que as mesmas aflições se cumprem entre os vossos irmãos no mundo.
( 1 PEDRO 5:8 )


E já está próximo o fim de todas as coisas; portanto, sede sóbrios e vigiai em oração.
Mas, sobretudo, tende ardente amor uns para com os outros, porque o amor cobrirá uma multitude de pecados;
Sendo hospitaleiros uns para com os outros, sem murmurações.
Cada um administre aos outros o dom, como o recebeu, como bons dispenseiros da multiforme GRAÇA DE DEUS.
( PEDRO 4:7 )


Portanto, dize: Assim diz o SENHOR JEOVA: Hei-de ajuntar-vos do meio dos povos,
e vos recolherei das terras para onde fostes lançados, e vos darei a terra de Israel.
E virão ali, e tirarão dela todas as suas coisas detestáveis e todas as suas abominações.
E lhes darei um mesmo coração, e um espírito novo porei dentro deles; e tirarei da sua carne o coração de pedra, e lhes darei um coração de carne;
Para que andem nos meus estatutos, e guardem os meus juízos, e os executem: E ELES SERÃO O MEU POVO, E EU SEREI O SEU DEUS.
Mas, quanto àqueles cujo coração andar conforme o coração das suas coisas detestáveis, e das suas abominações, EU farei recair nas suas cabeças o seu caminho, diz o SENHOR JEOVA.
Então os querubins elevaram as suas asas, e as rodas os acompanhavam; E A GLÓRIA DO DEUS DE ISRAEL ESTAVA NO ALTO, SOBRE ELES.
E a glória do SENHOR se alçou, desde o meio da cidade, e se pôs sobre o monte que está ao oriente da cidade.
Depois o Espírito me levantou, e me levou em visão à Caldeia, para os cativeiro, pelo Espírito de Deus.
( EZEQUIEL 11:17 )


Porquanto está escrito: Sede santos, porque eu sou santo.
( 1 PEDRO 1:16 )