segunda-feira, 24 de agosto de 2015

A inevitável guerra na América do Sul


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Milton Pires

Passada a vontade de fazer brincadeiras com as loucuras ditas por Evo Morales a respeito de "invadir o Brasil", torna-se necessário levar a sério algumas coisas que começam a acontecer na América do Sul. O presidente da Venezuela, Nicolas Maduro e a louca que governa a Argentina, Cristina Kirchner, somaram suas vozes àquela de Morales: falam em "defender Dilma" de armas em punho e oferecem seus exércitos para fazê-lo (se assim for necessário)

Tais afirmações são graves, não tem graça alguma e devem, de fato, ser levadas EXTREMAMENTE A SÉRIO pelas Forças Armadas do Brasil.
Em 2013, o Exército Brasileiro era considerado o segundo maior da América Latina (perdendo apenas para a Colômbia).

Apesar disso, são deploráveis as condições de treinamento e manutenção da tropa com frequentes medidas de redução de contingente e meio-expediente nos quartéis. A FAB (Força Aérea Brasileira) é uma das mais sucateadas do mundo e voa, ainda, com F5 - um avião da época da Guerra do Vietnam. Sobre a Marinha, pouco resta dizer que seja melhor.

Mais de uma vez escrevi que é inevitável a saída do PT do Poder. Se isso vai acontecer através de impeachment, renúncia ou intervenção militar, não interessa: interessa o papel, que mais de uma vez eu reforcei, da Desobediência Civil.

Os brasileiros precisam tomar as ruas do país. Precisam sair numa manifestação (como a de sete de setembro) e não ter mais horário para voltar para casa. É necessário PERMANECER nas ruas. Aos que dizem que vão levar "falta no trabalho" respondo que não precisam se preocupar: em breve não vai mais haver trabalho algum para faltar.

Voltando a situação geopolítica (tema que deu origem a este texto) saliento que os Estados Unidos sabem da união da esquerda na América Latina em defesa do PT e levam, eles também, extremamente a sério a hipótese de uma guerra continental.

Tudo isto está acontecendo em frente aos nossos olhos, está passando despercebido ou, quando percebido, não é levado a sério.

Uma guerra na América do Sul em defesa do Regime Petista configura-se, cada vez mais, como inevitável.


Milton Simon Pires é Médico.

14 comentários:

Anônimo disse...

Prezado Milton, òtimo artigo, só gostaria de fazer uma observação, o poderio de um exército é a somatização do equipamento + armamentos + contingente ativo + Reserva, que vai ampliando conforme graus, e a Colômbia nunca foi maior que o nosso do Brasil, ele teve um tempo com grande parte de seus equipamentos e no geral mais modernos, isso é fato por conta do suporte principalmente americano com eles, mais o Brasil é o maior exército da América do Sul,e o segundo maior das américas, ficando atras somente dos EUA. abs!!!

Anônimo disse...

Para destruir a escória fdp vermelha eu pego em armas com a maior tranquilidade e poderei ceifar sub-humanos vermelhos de meu próprio círculo social !

Morte ao PT !!!
Morte ao comunismo !!!

Anônimo disse...

Amigo Anônimo, recentemente um oficial General do Exército declarou que os equipamentos estão realmente sucateados. E que, no máximo, o Brasil teria munição para enfrentar uma guerra por somente 1 hora.

Anônimo disse...

AF disse:

Como de praxe, excelente artigo. Só trocaria uma coisa: a manifestação do dia 07 de Setembro TEM QUE COMEÇAR DE MANHÃ, NOS DESFILES, CONTINUAR PELA TARDE EM FRENTE AOS QUARTEIS, E VARAR, NO MÍNIMO, UMA MADRUGADA EM FRENTE DOS QUARTEIS. A mensagem será inequívoca!

Então, se não houver a intervenção militar, renúncia ou impeachment (embora creio que o primeiro será inevitável), então, tomemos as ruas indefinidamente.

Anônimo disse...

Cleonice I Ferreira disse:
As FFAA do Brasil está fortemente preparada, isto de afirmar que não aguenta uma hora é estratégia. Os fortes nunca afirmam que são fortes, só os fanfarrões é que vivem fazendo ameaças e falando de proezas.

Anônimo disse...

Cleonice I Ferreira disse:
As FFAA do Brasil está fortemente preparada, isto de afirmar que não aguenta uma hora é estratégia. Os fortes nunca afirmam que são fortes, só os fanfarrões é que vivem fazendo ameaças e falando de proezas. Se fosse verdade que o Brasil só aguenta uma hora, um mês ou um ano, já estaria invadido há muitos anos.

Anônimo disse...

[Assista] Soldados Bolivianos foram detidos por pescadores brasileiros em nossa fonteira e não serão soltos …

http://pensabrasil.com/assista-soldados-bolivianos-foram-detidos-por-pescadores-brasileiros-em-nossa-fonteira-e-nao-serao-soltos/

Eros Alonso disse...

Qualquer passo fora da decisão do povo na urna leva o país à violência política e instabilidade. Os EUA querem mudar as lideranças latinas, usam a grande Mídia, empresas financiando, e espionagem. Até hoje o avião de Campos, que não tem dono certo até agora e cujo diário de bordo sumiu, é algo a ser mais investigado.Sabemos que aviões podem ser desligados por aparelhos de fora. Essa arma já foi usada tanto pelos EUA como pela Russia e China e depois pelo Irã.Mas o caminhar da carruagem humana, aquilo que os alemães tão bem chamam de Espírito dos Tempos, Zeitgeist, nos leva a concluir que onde ocorrerem golpes, o terrorismo irá imperar. O Brasil não será mais um quintal dos EUA, seus interesses estão com o resto do mundo. É o BRICS que os EUA sabotam, o Brasil é ponto fraco do BRICS. Mas não há dúvidas que a América Latina será um palco de luta entre EUA, Inglaterra e França de um lado e China e Rússia do outro. Ou os países latinos ganham caminho próprio, se unem e se fortalecem, ou serão palco de disputa entre as potenciais mundiais.Com um agravante. Nossa Economia não vive mais sem o BRICS, vivia bem quando nosso PIB era 5 vezes menor. Agora golpe a la 64, e tudo fica como está? Esqueçam.O mundo mudou, a tecnologia é uma arma de dois gumes.Esse não é o caminho.O terrorismo toma conta do mundo e está batendo a porta da América Latina. Não devemos abrir a porta.

Anônimo disse...

Imbecil

Anônimo disse...

Exatamente. E uns milicos imbecis da tal Sociedade Militar ainda fazem chiste com isso, subestimando o inimigo. Tamo fu...com milicos desse naipe.

Anônimo disse...

VIVA O BRASIL. DESSA VEZ NÃO VAMOS DEIXAR SOBRAR NENHUM COMUNISTA, FOI O GRANDE ERRO DOS MILICOS, A SITUAÇÃO ATUAL É CULPA DELES E DE NOSSO POVO IGNORANTE.....TAMO JUNTO MORTE A TODOS OS COMUNISTAS ADORADORES DE STALIN SÃO ATEUS É GUERRA SANTA MESMO

Anônimo disse...

Quantos coliformes fecais!

Loumari disse...

Eros Alonso, por favor, não se deixe impressionar por gentes castrados de espírito.
Afirme bem a sua postura.
Lhe desejo excelente continuação.

Lourdes Paiva

Anônimo disse...

Hoje, Dia do Soldado, em todo o Brasil, foram distribuídas medalhas a políticos mais uma vez. Essa é a verdadeira intervenção das FFAA: laurear bandidos e juntar-se a eles para roubar a nação. Os comandantes militares brasileiros são CANALHAS, BANDIDOS, PARASITAS E TRAIDORES!