quinta-feira, 17 de setembro de 2015

As forças armadas são disciplinadas, mas não estão mortas!


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Paulo Chagas

Caros amigos:: Desde o início da “crise militar” - criada pela traiçoeira incompetência do PT e pelos não menos incompetentes, atabalhoados e traiçoeiros dirigentes do seu pretenso braço armado, o chamado “exército do stalinde” - que  estou “virado no back”(*) dos Comandantes das FFAA, em particular do Gen Eduardo Villas Bôas e de seu Chefe de Estado Maior, Gen Sérgio Etchegoyen, confiante no contra ataque e na marcação do gol da vitória.

Sem desdenhar da gravidade da investida, mas com a tranquilidade de um soldado que conhece a sua Força e de um subordinado que acredita no seu Comandante, manifestei, desde a primeira hora da investida adversária, a minha confiança na competência e no senso de responsabilidade de quem, por formação profissional e moral, sempre foi melhor do que  os citados conspiradores.

Há muito aprendi que o mínimo de competência a ser exigido de um chefe-líder é a competência para usar a competência dos seus parceiros e subordinados, é o “saber quem sabe”, é ter humildade para ouvir, coragem para decidir e determinação para  executar!

As FFAA saem fortalecidas deste evento pois deixaram muito claro ao inimigo que não estão alheias às suas manobras, por mais dissimuladas e sutis que possam parecer e que não permitirão qualquer interferência política ou ideológica nas clausulas pétreas que têm alicerçado a formação de seus quadros, o seu processo evolutivo e o seu histórico compromisso com a democracia.

Minha confiança nos Comandantes, hoje redobrada, foi criticada por muitos, alguns por justificado desconhecimento, outros por me julgarem desinformado e até conivente com o inimigo, outros por temer pela ingenuidade e pela aparente apatia dos militares face à falta de caráter daqueles com os quais têm que conviver por força de preceito constitucional, outros, ainda, criticaram-me por serem vítimas da vaidade e da arrogância que os faz julgarem-se os donos absolutos da verdade e os únicos capazes de defender o bem.

O artigo, publicado no jornal Zero Hora de hoje, 14 de setembro, de autoria do Jurista e Ex Ministro da Defesa, Nelson Jobim, reporta com segurança e profissionalismo o trabalho realizado pelas Forças para neutralizar a ousadia dos canalhas e que contou com seu pronto e competente assessoramento (é preciso “saber quem sabe”).

Continua a valer, portanto, a afirmação de que a sociedade pode confiar no bom senso e nas atitudes dos homens a quem confia o último recurso da razão e o PT e seu “exército”, por sua vez, continuam a saber que as Forças Armadas são disciplinadas, mas não estão mortas.

General de Brigada Paulo Chagas (**)

(*) Estar “virado no back” é uma expressão de confiança usada no pólo, quando um jogador toma a nova direção da bola, antes mesmo que seu companheiro realize a tacada.


(**) Para esclarecimento de quem pensa que sabe tudo, meu posto, constante da correspondente Carta Patente, é o de General de Brigada, nela não constando a expressão, “da reserva” ou a partícula “R1”, o que me faculta usá-las se e quando me convier.

8 comentários:

Anônimo disse...

Cleonice I Ferreira disse:
Excelentíssimo General Paulo Chagas O povo está perdendo toda a esperança, está adoecendo, pois não vê socorro por parte das Instituições, afirmam que não tem solução para o nosso Brasil. Em que ponto chegamos? É verdade que a ambição e vaidade desenfreadas levaram muitos para a vida do crime, arrastando a família inteira, é só ver as prisões nos noticiários. Hoje li o artigo do Excelentíssimo General Valmir Fonseca, postado neste Blog. Não concordo que toda a culpa seja do povo. A quem o "Barba ou Boi" servia? Quem alimentou os movimentos MST e outros do mesmo quilate? O povo sabe e vai cobrar, foi o desespero que levou o povo emigrar para várias religiões, e será o mesmo desespero que levará o nosso Brasil para uma situação nunca relatada na história da humanidade. Isso acontecerá porque as massas está em absoluta escuridão ficando cegos e surdos para qualquer apelo da razão. A maioria da população só tem para perder sua condição de escravo disfarçado de liberto, tem plena consciência de tudo. Não culpo as FFAA pela situação desastrosa em que se encontra nosso país. Sei muito bem que a situação é complicadíssima, no mundo todo.
Sr.General que Deus o abençoe e lhe dê muita paz, se isso for possível em tempo de guerra.

Anônimo disse...

Sujeito mentiroso! Não passa de um generaleco bravateiro de Facebook. Se houvesse homens íntegros e patriotas no comando, o decreto sequer teria existido, pois a quadrilha já teria sido toda exterminada. Essa foi apenas a enésima humilhação às FFAA e os COVARDES, CANALHAS E TRAIDORES comandantes ficaram na costumeira conversa fiada, recebendo apenas o aceno de terem restituídos seus poderes por uma portaria ridícula. Isso sem contar com o fato de o decreto ser inconstitucional e ir de encontro a uma lei complementar. A força dos "bravos" é tão grande que o decreto sequer foi anulado, como deveria ter ocorrido se alguém tivesse dado um soco na mesa. Os cordeirinhos aceitam tudo e agora botam um embusteiro para passar xilocaína no rabo dos intervencionistas desesperados e lunáticos e na turma burra, acomodada e desinformada da reserva, que não percebe que está sendo traída. O Brasil acordará com comandantes cubanos e venezuelanos, podem esperar. Esses vermes nos comandos e seus porta-vozes na reserva estão sendo bem-remunerados para facilitar a consolidação desse esquema criminoso de poder no continente, não resta a menor dúvida. Traidores em 1889, traidores sempre!

Anônimo disse...

AF disse:

Desculpa excelentíssimo SR. General, mas suas palavras são vazias, não servem mais para nada neste momento.. que o senhor tenha a exata noção do desapontamento da "sociedade esclarecida" com as atitudes do alto comando das FFAA, convalidadas por vossas palavras.

CHEGA GENERAL, BASTA! MELHOR AGIR DO QUE FALAR! O MOMENTO É DE AÇÃO! SE NÃO VÃO AGIR, ENTÃO QUE SE CALEM, POIS SUAS PALAVRAS APENAS ALEGRAM OS NOSSOS INIMIGOS, OS INIMIGOS DO BRASIL, OS COMUNISTAS, E ENTRISTECEM OS PATRIOTAS QUE, COMO EU, SEMPRE TIVERAM ESPERANÇAS COM NOSSOS IRMÃOS DE ARMAS.

CHEGA! BASTA!

ACFranco disse...

Infelizmente as nossas FFAA mostram-se, a cada dia, mais fracas e submissas... Que pena! A frase "Braço forte, mão amiga" já é merecedora de questionamento popular. Não acho que a violência e a "autoridade" devam imperar sempre, mas sim, o bom-senso! E ação, quando for necessário. Sinceramente, eu gostaria que o saudosíssimo General de Exército Orlando Sampaio ainda estivesse entre nós, pois com sua sabedoria conseguiu, em 1964, evitar derramamento de sangue brasileiro inutilmente mas, dentro de suas atribuições e competência, resolveu muitos problemas difíceis, sempre usando a inteligência, espírito pacífico mas corajoso e jamais se acovardou! A bandeira do comunismo não foi hasteada graças às suas sábias, corajosas e honestas manobras! Grande amigo e saudoso amigo que já foi convocado pelo Criador! Não assumiu o governo em 64 apenas porque não quis!!!

ACFranco disse...

Infelizmente as nossas FFAA mostram-se, a cada dia, mais fracas e submissas... Que pena! A frase "Braço forte, mão amiga" já é merecedora de questionamento popular. Não acho que a violência e a "autoridade" devam imperar sempre, mas sim, o bom-senso! E ação, quando for necessário. Sinceramente, eu gostaria que o saudosíssimo General de Exército Orlando Sampaio ainda estivesse entre nós, pois com sua sabedoria conseguiu, em 1964, evitar derramamento de sangue brasileiro inutilmente mas, dentro de suas atribuições e competência, resolveu muitos problemas difíceis, sempre usando a inteligência, espírito pacífico mas corajoso e jamais se acovardou! A bandeira do comunismo não foi hasteada graças às suas sábias, corajosas e honestas manobras! Grande amigo e saudoso amigo que já foi convocado pelo Criador! Não assumiu o governo em 64 apenas porque não quis!!!

ACFranco disse...

Infelizmente as nossas FFAA mostram-se, a cada dia, mais fracas e submissas... Que pena! A frase "Braço forte, mão amiga" já é merecedora de questionamento popular. Não acho que a violência e a "autoridade" devam imperar sempre, mas sim, o bom-senso! E ação, quando for necessário. Sinceramente, eu gostaria que o saudosíssimo General de Exército Orlando Sampaio ainda estivesse entre nós, pois com sua sabedoria conseguiu, em 1964, evitar derramamento de sangue brasileiro inutilmente mas, dentro de suas atribuições e competência, resolveu muitos problemas difíceis, sempre usando a inteligência, espírito pacífico mas corajoso e jamais se acovardou! A bandeira do comunismo não foi hasteada graças às suas sábias, corajosas e honestas manobras! Grande amigo e saudoso amigo que já foi convocado pelo Criador! Não assumiu o governo em 64 apenas porque não quis!!!

Anônimo disse...

Infelizmente as nossas FFAA mostram-se, a cada dia, mais fracas e submissas... Que pena! A frase "Braço forte, mão amiga" já é merecedora de questionamento popular. Não acho que a violência e a "autoridade" devam imperar sempre, mas sim, o bom-senso! E ação, quando for necessário. Sinceramente, eu gostaria que o saudosíssimo General de Exército Orlando Sampaio ainda estivesse entre nós, pois com sua sabedoria conseguiu, em 1964, evitar derramamento de sangue brasileiro inutilmente mas, dentro de suas atribuições e competência, resolveu muitos problemas difíceis, sempre usando a inteligência, espírito pacífico mas corajoso e jamais se acovardou! A bandeira do comunismo não foi hasteada graças às suas sábias, corajosas e honestas manobras! Grande amigo e saudoso amigo que já foi convocado pelo Criador! Não assumiu o governo em 64 apenas porque não quis!!!

Anônimo disse...

Infelizmente as nossas FFAA mostram-se, a cada dia, mais fracas e submissas... Que pena! A frase "Braço forte, mão amiga" já é merecedora de questionamento popular. Não acho que a violência e a "autoridade" devam imperar sempre, mas sim, o bom-senso! E ação, quando for necessário. Sinceramente, eu gostaria que o saudosíssimo General de Exército Orlando Sampaio ainda estivesse entre nós, pois com sua sabedoria conseguiu, em 1964, evitar derramamento de sangue brasileiro inutilmente mas, dentro de suas atribuições e competência, resolveu muitos problemas difíceis, sempre usando a inteligência, espírito pacífico mas corajoso e jamais se acovardou! A bandeira do comunismo não foi hasteada graças às suas sábias, corajosas e honestas manobras! Grande amigo e saudoso amigo que já foi convocado pelo Criador! Não assumiu o governo em 64 apenas porque não quis!!!