segunda-feira, 5 de outubro de 2015

Aos militares

Alto Comando do EB em outubro de 2015

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Aileda de Mattos Oliveira

São os senhores, os militares, atores de primeira grandeza na manutenção do estado de governabilidade do País. São os que estão, realmente, afetiva e efetivamente ligados ao Território, como solo sagrado da Nação, preservando nele, a unidade da língua, como fator de identidade nacional.

Por essa óbvia razão, são alvos daqueles que escolheram o caminho do escracho, demolição moral e material de alguém ou de instituição, em troca de alguns trocados pagos por alguma figura de proa do governo. Inúteis, vândalos, bonecos manobrados pelos ventríloquos do poder, tão ordinários quanto eles.

Cada uma das Forças já deixou a sua marca vitoriosa em várias épocas da História do Brasil. Hoje, surgem aos olhos da parte ordeira da população, como instituições de grande respeitabilidade, às quais, constitucionalmente, cabem manter a soberania da Nação contra os mercenários que agem, não sorrateiramente, pois giram, com desenvoltura, à nossa volta, ignoram a Constituição, e fazem do País uma casa de pasto de militantes de várias origens latinas.

Apesar de o Ministério da Defesa não ter voz militar, pois está entregue a um incapaz ministro civil e aos alienados e cúmplices 'Comandantes' das Forças, seguem os senhores, militares, silenciosos, cumprindo as suas atribuições, como se estivessem num País em que todos os setores de atividade funcionassem a pleno vapor, em acelerado processo de desenvolvimento.

Esse é o nosso estranhamento.

Seguem, como se o governo estivesse pondo em prática elaborado planejamento de ataque aos problemas nacionais; aplicando os recursos da fabulosa arrecadação na solução dos modais de transporte, diminuindo as distâncias entre as regiões brasileiras; investindo na área de medicina nuclear; de transplantes de órgãos; pondo em funcionamento os hospitais públicos com moderna aparelhagem, e médicos bem-remunerados.

Como se o interesse na Educação fosse tanto, que houvesse investimentos na atualização dos professores para qualificar o ensino e proporcionar às novas gerações oportunidades no mercado de trabalho, cada vez mais exigente de inteligência e liderança. Como se os professores dos Ensinos Fundamental e Médio fossem reconhecidos como os primeiros condutores de todas as demais profissões, e recompensados condignamente.

Seguem, como se nas próprias Forças Armadas estivessem sendo aplicadas as verbas necessárias à sua modernização; em material humano; em aquisição de instrumentos; de equipamentos indispensáveis ao adestramento de cada uma e ao cumprimento de suas funções na defesa das fronteiras; do espaço aéreo; das milhas marítimas.

Pelo visto, senhores militares, as Forças Armadas nada têm a se queixar, como se os vencimentos recebidos fossem proporcionais à alta qualificação profissional adquirida, há muito reconhecida pelas congêneres estrangeiras; como se os contingentes satisfizessem as exigências de defesa desta terra, tão decantada no seu pacifismo.

Mas, para os civis que se ombreiam com os militares, a impressão que transmitem, senhores, é de que estão sob os efeitos de um demorado Toque de Silêncio.

Esses civis, seus admiradores, menos disciplinados e mais ansiosos por resultados, aguardam que alguém inicie o Toque de Alvorada e que este seja vibrante, sem tempo determinado para os seus últimos acordes, porque o Brasil que as Forças Armadas estão enxergando, não é o Brasil real que estamos vivendo, atentos, com cronômetro nas mãos, aguardando, angustiados, o tempo da vagabundagem petista terminar.

Se houver resistência na passagem da faixa, poderemos contar com os senhores das Forças Armadas, ou já estão como a outra parte do povo, anestesiados?

Como foi dito no início, os militares são protagonistas de primeira grandeza, são as estrelas-alfa das constelações de profissionais que ainda resistem à doença infecta que inocularam no País: a corrupção.

Portanto, nós, civis, amigos dos senhores militares, aguardamos que o "Braço Forte, Mão Amiga", seja literalmente cumprido, porém, antes que o Brasil se torne o centro do comunismo andino e caribenho; que o capacete com mira dos caçadores enquadre bem o centro incitador da anarquia; que o Adsumus* não permaneça no latim, compareça, em bom português, com todo o aparato no momento certo, porque estaremos juntos, onde ocorrer o renascimento do Brasil.

Podem acreditar!

*"Estamos juntos!"


Aileda de Mattos Oliveira é Dr.ª em Língua Portuguesa. Vice-Presidente da Academia Brasileira de Defesa.

15 comentários:

marcelo victor disse...

Que vergonha para essa geração de generais que praticamente virou as costas para os nossos policiais militares, os quais parecem estar sendo vitimas de uma guerra assimétrica, perpetrada pela mídia, pelos congressistas, pelo desgoverno, pelas facções criminosas, pelos juristas, pela própria sociedade (induzida pela guerrilha ateu-comunista) e até por policiais traidores.

Parece-me que os generais esqueceram-se de que as Policias Militares constituem a reserva estratégica do Exercito, as quais tiveram uma participação decisiva na vitoria brasileira contra o movimento ateu-comunista de 64 em apoio às FFAA.

Sinto vergonha dessa geração de generais!!!

marcelo victor disse...

Será que estas informações são ficção cientifica:
https://www.youtube.com/watch?v=nB0hOD878gc&feature=youtu.be

Onde estão os Generais que deveriam defender a reserva estratégica do Exercito Brasileiro?

marcelo victor disse...

Se os generais não falam, um capitão corajoso fala: https://www.youtube.com/watch?v=8FDoId99z84&feature=share

Anônimo disse...

Generais de gabinetes!!1
Acomodados,frouxos, subservientes a quem lhes der um ossinho a mais de gratificação.
Gordas bundas moles que são incapazes de dizer um "A" que seja contra o DESASTRE que cada dia aumenta mais chamado desgoverno de delinquentes do Brasil comunista do PT.
O país que tem uma quantidade enorme de "generais" para uma Força cada vez menor...
Verdadeiros "generais da banda"...vendo o Brasil acabar!

Anônimo disse...

Esses generais parecem ser comandantes de um exercito cada vez maior de oficiais e sargentos temporarios, de recrutas de meio-expediente, de quarteis sem muniçao pra treinamento, de especialistas desequipados, de sucatas, de uma tropa humilhada, com um ateu-comunista no comando...que vergonha!!! (fonte das informaçoes: https://www.youtube.com/watch?v=8FDoId99z84&feature=share)
Assim sendo, os generais parecem fazer jus à nomeaçao de um mensaleiro e de suboficial para assumir um cargo estrategico do Ministerio da Defesa, ganhando mais do que eles proprios (http://montedo.blogspot.com.br/2015/09/canetaco-wagner-nomeou-marido-de-ideli.html).
Nessa linha de conduta, talvez o melhor seria convidar o Exmo Sr Deputado Federal Tiririca para assumir o MINISTERIO DA DEFESA, acabando de vez com essa palhaçada.

Anônimo disse...

Acorda, dona! Esses canalhas não estão nem aí. Estão todos consorciados com o crime institucionalizado. Como é que você acha que entra tanta droga e armamento no Brasil? Vocês são muito ingênuos! Os que não estão mancomunados são carreiristas e covardes demais pra tentar fazer algo. Resigne-se! Vocês estão incensando uma instituição que não mais existe, que começou a morrer ainda na década de 70, com a traição dentro do governo Geisel. A suposta "redemocratização" apenas selou nosso destino de vez. Os mesmos pilantras que estão hoje fazendo pouco caso do desespero daqueles que clamam por intervenção, como o BANDIDO-MOR comandante, formaram-se e ascenderam na linha dos melancias, como Golbery Couto e Silva. A verdade é que a unidade dentro das FFAA é meramente formal e imposta na base do medo.

Anônimo disse...

Falou tudo. Já era, os melancias ganharam e acabaram com as FFAA.

Anônimo disse...

Que vergonha eu tenho de brasileiros que criticam nossas Forças Armadas! Nunca se deram ao trabalho de ler e interpretar o Art. 142 da Constituição Federal?
Então, vão pedir ajuda ao Chapolin Colorado porque EU CONFIO NAS FFAA!

CATARINA DIAS MENDES disse...

Que vergonha eu tenho dos brasileiros que criticam nossos militares. Nunca se deram ao trabalho de ler o Artigo 142 da CF? Então vão pedir ajuda ao Chapolin Colorado porque EU CONFIO NAS FFAA!

Anônimo disse...

Para CATARINA D.MENDES

Quem deveria ter vergonha minha sra. era esses melancias traíras, generais vermelhos da mesma
laia de LAMARCA, PRESTES, GREGORIO BEZERRA, CALABAR e GOLBERY!
Os generalecos de hoje sabem ler e por certo já leram o Art.142 da C.F sabem qual é sua obrigação e dever e não cumprem interpretando distorcidamente o Art.142.
Generais que deixam suas FFAA serem desmanteladas,desmoralizadas e desmotivadas não são generais são velhacos!
Se agem assim tão levianamente para com sua instituição, as FFAA, imaginem o grau de de "ZELO" pelo Brasil...
São traidores! velhacos e comparsas do PT!
A população esta descobrindo isso com muita tristeza, pois o Brasil esta SANGRANDO, MORRENDO pela mão do CRIME ORGANIZADO de LULA travestido de GOVERNO.

As FFAA quem devem obrigação?
A gang comunista do PT ou ao Povo Brasileiro decente???
A sra. devia ir as ruas ,filas de supermercados,padarias,bancos,hospitais e ver o que o povo reclama e comenta e como comenta!
Todo mundo revoltado e já se ouve nestes comentários uma voz aqui e ali reclamando da omissão dos militares...
dizem;
" Aonde esta o Exercito que não vê uma coisa dessas???
Onde estão nossos militares em meio a essa catastrofe nacional criada e alimentada por LUla e Dilma????
A sra, sabe madame?








OS

marcelo victor disse...

Eu acredito seriamente que os generais se acovardaram porque sabem que eles são os grandes culpados por não terem protegido institucionalmente o povo brasileiro da volta desses ateu-comunistas (guerrilheiros homicidas de outrora) ao cenário politico.
Esse foi um erro estratégico, próprio de quem não sabe o que faz ou é incompetente mesmo, pois, como disse o deputado Bolsonaro, não se vê um comunista que seja empresario, agricultor e industrial. Por isso, era de se esperar que esse povo repetisse o golpe e tornasse a se infiltrar no governo.
Como disse Bolsonaro, grande parte deles vive do dinheiro publico, dos conchavos e das propinas (noticiadas pela imprensa), de tal sorte que não precisava nem mesmo ser um general (e estudar política e estratégia a vida toda) pra imaginar o que o futuro reservava aos pobres brasileiros com a presença dessa gente.
Eu fico me perguntando: como esses generais puderam cometer tamanha traição para conosco? Parece até proposital...
Mas eles estão recebendo o justo pagamento por tanta incompetência, assim como o povo, por ter acreditado mais uma vez nessa corja de ateus.
Cada qual está pagando o preço justo, seja nas mãos do crime organizado (através da violência, trafico de drogas e impostos), ou através da humilhação na mídia (principalmente os milico e as policias), ou pela falência do serviço público, ou pelos reflexos da corrupção governamental (inflação, desemprego...).
Engana-se quem acha que tanto os generais quanto os corruptos estão se importando com tudo isso, pois essa gente está preocupada mesmo com os próprios ventres (o bolso cheio de dólar).
Se eu estivesse na posição desses generais, sinceramente eu me envergonharia de comandar um exercito pior do que o "incrível exército de Brancaleone". Prefiro ser um capitão da reserva semelhante ao Bolsonaro, o qual é muito mais útil ao povo brasileiro do que esse bando de marajás desmoralizados.

Anônimo disse...

Vocês, que ainda insistem em puxar o saco desses parasitas, mesmo com todas as evidências e as humilhações acumuladas ao longo do anos, são mesmo burros de dar dó! Partem de uma premissa TOTALMENTE equivocada: a de que estão lidando com a mesma instituição e com os mesmo homens do passado. Que tolos! Pararam na década de 60 e não sabem.
Aliás, não sabem sequer que a contrarrevolução de 64 foi traída por melancias lá dentro e que essa gente, dominando as instituições militares, passou a promover apenas aqueles que rezavam pela cartilha bunda-mole dos traidores, assim como, é claro, parentes dos generais, sobretudo filhos.
Então, dona Catarina Mendes, ajudaria muito se a senhora caísse na real e parasse de se prestar a esse papel patético de incensar comandantes tão canalhas, mas tão canalhas, que chegam até a fazer troça de vocês intervencionistas PUBLICAMENTE, como fez o tal comandante do Exército recentemente. Isso deveria lhes indignar, mas vocês, marias-milico, gostam mesmo de apanhar e transferem sua raiva para aqueles que estão apenas constatando fatos.

Anônimo disse...

Outro dia vi um canalha nos comentários da Folha, militar, inclusive, pelo que consta do perfil dele e do site de transparência do governo federal, lotado no Ministério da Defesa (!!!!!), defendendo com unhas e dentes o PT e gabando-se do fato de que, quando era mais jovem, fez parte de movimento estudantil e tocou terror com seu comparsas e que, mesmo assim, foi protegido pelo pai, que era militar de alta patente. Não só foi protegido como conseguiu ter acesso a uma posição militar. O cara se sentia tão à vontade na defesa da quadrilha, ainda mais sendo militar da ativa, que eu fui checar. Se não fosse a certeza de que os comandos são todos bandidos, eu até tiraria print para denunciá-lo depois. É de traidores e de canalhas dessa marca que o alto oficialato está cheio, e é muita ingenuidade de vocês achar aquele fantoche do Villas-Boas não é mais um moleque de recados da quadrilha.

JOSÉ CLAUDIO SIQUEIRA - CURITIBA / PR disse...

JOSÉ CLAUDIO SIQUEIRA - CURITIBA / PR - ... Os militares das Forças Armadas não vão lutar à favor da pátria amada porque eles estão ganhando muito bem para ficarem quietos. Traiçoeiros. Inúteis. Criminosos por omissão. Estão presenciando tudo e vão dizer que não sabem de nada. Temos que pagar altos salários para eles viverem muito bem na inutilidade, enquanto o povo está indo à bancarrota. O Brasil está se acabando e esses vagabundos, bundudos, não saem da inércia ... misericórdia. Esse é o meu desabafo.

marcelo victor disse...

Enquanto os generais melancia (como diz o pessoal do Jorge Serrão) gozam suas vidas nos gabinetes e a tropa continua jogando bola nos quarteis, um capitão da reserva, sozinho, enfrenta corajosamente a fúria dos ateu-comunistas, que, como um tsunami, arrasaram a nação: https://www.facebook.com/emengao/videos/1063812766986818/?pnref=story