quinta-feira, 7 de janeiro de 2016

Armadilha de pegar patetas


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Renato Sant'Ana

Jaques Wagner, chefe da Casa Civil, publicou no Twitter e no Facebook uma armadilha retórica, dizendo por via oblíqua que baixa popularidade não é motivo de impeachment: "(...) impopularidade não é crime. É um defeito, um problema que vamos seguir trabalhando para resolver." Óbvio, não é mesmo!

A malandragem está nisto: ao dizer que "impopularidade não é crime" - isso ao lado de incessante propaganda petista no mesmo sentido -, ele insinua ser esse o motivo do pedido de impeachment. Ele tenta enfiar nas cabeças vazias a falsificação: o pedido em tramitação na Câmara decorre de mera rejeição infundada a Dilma Rousseff, o que não seria razão suficiente. Uma mentira subliminar. Mas algum alienado acreditará nessa patuscada? Algum, sim.

Duas coisas:

1. O "mundo jurídico" é feito de debates, de dissenso, do empenho por interlocução. Para juristas equilibrados, é muito natural que haja modos diferentes de encarar um mesmo assunto. Assim, pode haver controvérsia quanto à juridicidade das alegações do pedido, em que pese o impeachment guardar um sentido eminentemente político.

Fazendo um paralelo, eis um exemplo de livre divergência e honestidade intelectual: um de nossos juristas mais respeitáveis, o Dr. Ives Gandra Martins, fez seríssimas restrições aos fundamentos da condenação do petista José Dirceu no "Mensalão". Estaria puxando para o PT? Não, Gandra Martins é honesto. Ele já deu sobejas demonstrações de que não molda sua opinião às conveniências particulares. É devotado às Ciências Jurídicas. Por sua história, pelos valores que notadamente regem a sua vida, não é crível que alguma vez ele haja entortado o direito para favorecer a quem quer que seja. À época, os petistas eram só elogios para o venerando jurista. Registre-se que José Dirceu, depois disso, solicitou-lhe um parecer para instruir a própria defesa.

Pois bem, Ives Gandra Martins é um dos respeitáveis juristas brasileiros que hoje consideram haver, sim, fundamentos para o pedido de impeachment. Pronto. Agora os petistas deixaram de gostar dele. E desdenham do seu ponto de vista.

2. Jaques Wagner, ao usar o expediente da mentira de entrelinhas, apenas está executando a velha estratégia petista de, primeiro, apostar em que existem milhões de cabeças-ocas (não sei se há tantas) e, segundo, forjar uma versão para que as eventuais cabeças-ocas nela acreditem e saiam repetindo feito papagaios. Ele tenta, pois, convencer os patetas de que o motivo do pedido de impeachment é mera disputa partidária. mentira!

Quem tiver juízo que leia os fundamentos da petição assinada por Hélio Bicudo, Janaina Paschoal e Miguel Reale Júnior. Com liberdade para concordar ou discordar. Mas ninguém, de sã consciência, vai negar a existência dos fatos ali descritos. É possível que haja opiniões honestas interpretando-os doutro modo. Certo é que juristas os mais respeitáveis entendem que, sim, houve violação da Lei de Responsabilidade Fiscal (e não só isso)e que, por conseguinte, há razões para o pedido do impeachment de Dilma Rousseff.

Lembremos que o próprio PT já admitiu a existência das "pedaladas" (que são apenas uma razão do pedido de impeachment). Lula inclusive as justificou sob o argumento de que foram feitas para ajudar os pobres. Uma mentira!

Em suma, a fala de Jaques Wagner, tentando suscitar a crença em que é o interesse da oposição que leva ao pedido de impeachment, é apenas mais um vulgar exemplo de mistificação, de manipulação do pensamento dos desavisados. Quem quiser que acredite nele.

P.S. Nos links, artigos de Gandra Martins e Reale Júnior sobre o tema:

http://www1.folha.uol.com.br/opiniao/2016/01/1724179-sinistro-curriculo.shtml


http://opiniao.estadao.com.br/noticias/geral,o-povo-bestificado,10000006054


Renato Sant'Ana é Psicólogo e Bacharel em Direito.

Um comentário:

JESUS disse...

POR FAVOR ALGUEM PROXIMO A ESSA BESTA DE MINISTRO, DIGA PRA ELE FICAR CASADO COM UMA DONA IMPOPULAR, TRATADA COMO PROSTITUTA, NADA CONFIAVEL E MENTIROSA, BURRA, E DE GENIO PÉSSIMO, SE ELE CONCORDAR PODE LEVAR ESSA COISA DE DILMA PRA CASA, QUANTO CINISMO, QUANTO ASCO!!!!!!