sábado, 6 de fevereiro de 2016

Pacto da Educação Brasileira contra o Zika


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Paulo Fossatti


A Associação Nacional de Educação Católica do Brasil (ANEC), em parceria com o Ministério da Educação e em consonância com a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), assumiu compromisso com o “Pacto da Educação Brasileira contra o Zika”, programa governamental de combate a este grave problema social que nosso pais enfrenta no momento. Desta forma, a ANEC convoca suas associadas a, mais uma vez, exercerem seu protagonismo na sociedade, atuando, de forma efetiva, cidadã e responsável, na defesa da vida e na construção de uma realidade social melhor.

O Pacto é uma ação governamental que assume a educação como a principal força no combate a esta grave emergência de saúde pública. A ANEC, por sua vez, reconhece nas suas associadas um importante centro de mobilização, tendo nas ações educativas um fundamento essencial para a conscientização da comunidade.

Sendo assim, conclamamos nossas associadas para juntos enfrentarmos o desafio de frear a proliferação do mosquito Aedes aegypti e, consequentemente, o avanço dos casos de Dengue, Febre Amarela, Chikungunya e Zika, reconhecendo na prevenção a forma mais eficiente de impedir sua proliferação. Enquanto Educação Católica, somos milhões de brasileiros comprometidos e nossa força pode sim fazer a diferença.

Para tanto, é importante que cada escola, obra social e Universidade se dedique às ações de mobilização, conscientização e combate ao mosquito, bem como de assistência e orientação às famílias e comunidade.

No âmbito, escolar o MEC elegeu os dias 19 e 26 de fevereiro e o dia 04 de março para mobilizações, a serem realizadas em todo Brasil, e disponibilizou em seu Portal informações e recursos didáticos que podem ser utilizados para o desenvolvimento destas ações (http://portal.mec.gov.br/zikazero/index.html). Conclamamos a todos que possam aderirem a este calendário.

No âmbito Universitário, o MEC estará incentivando a pesquisa nas nossas universidades em busca de uma vacina ou soro que combata o Zika Virus e seus efeitos. De mesma forma, pedimos às nossas universidades que busquem, nas medidas de suas possibilidades, apoiarem esta importante iniciativa.

Este é um compromisso com as famílias, as gestantes e nossos futuros estudantes. Este é um compromisso com o nosso país. Todos contam com nosso empenho e competência para construir um país livre do mosquito. Façamos, pois, a nossa parte.

Prof. Dr. Paulo Fossatti, fsc é Diretor Presidente da ANEC.

Nenhum comentário: