segunda-feira, 21 de março de 2016

No reino da Mortadela


Poesia Política no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Hélio Crisanto

Um pais que cultua criminosos,
Se esquecendo de fato os seus heróis,
Dando abrigo, direito, vez e voz,
A bandidos, ladrões e mentirosos.
Arrogantes se acham poderosos,
Com palavras de ordem tão hostis,
Desrespeitam as leis e até juiz,
E excomungam quem bate na panela…
Pode ser o pais da mortadela;
Mas não é com certeza o meu pais.

Helio Crisanto  é um poeta popular nordestino de extraordinária capacidade. Natural de Campestre, reside em Santa Cruz - RN. É autor do livro Retrato Sertanejo.


PS - Hoje (21 de março) é o Dia Mundial da Poesia!

Nenhum comentário: