domingo, 24 de abril de 2016

Fila - Porque Qui-la...


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira

Brasileiro adora uma fila. O seu cão predileto é o de fila.

Por força das circunstâncias, o melhor lugar para fazer fila é num banco.

O da pedra preta ainda tem (ou tinha até há pouco) agências com fila em pé. (“O que que vocês estão pensando? Querem moleza é? Povinho de merda!”)

Outros tem um serviço de senhas impressas e cadeiras razoavelmente confortáveis. Mas a ordem de chamada não é transparente. Caixas prioritárias são poucas e mais lentas que as comuns. Burla-se a lei. Algumas agências instalam divisórias opacas para que os “filantes” não possam ver quantos caixas estão funcionando.

A fila que que realmente interessa é a pra falar com São Pedro. Ninguém sabe quem vai primeiro.

Conjecturar é grátis! Adoraria que na minha frente estejam efegagácê, o sarnento, o molusco, a Anta e toda a porcada traidora da pátria.

Se houver prioritária, senhas para todos os judas do ciário. Arrogantes, prepotentes, cínicos e maus, escarnecem dos desgraçados que deveriam amparar.

Precatórios em fila, não pagos, são cadáveres insepultos ao lado dos quais arma-se sem nenhum pudor um joguinho de poder (ou de futebol de praia!).

Recentemente permitiram que animais sejam enterrados nos cemitérios.

Talvez assim, os políticos possam no futuro jazer ao lado das mães.

Cuidado com a boca delas!

Homenagem maternal ao sábio palavrão inglês: "Son of a Bitch"?

Não! É apenas para lembrar que tudo que S.O.B também desce...


Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

Nenhum comentário: