quarta-feira, 27 de abril de 2016

Foco principal de Temer e tucanos, com Meirelles na Fazenda, é fechar grandes negócios com árabes


Edição de São Jorge do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

A temporada de conspirações nunca esteve tão escancarada. Michel Temer monta sua equipe de governo contando com o apoio tucano e tendo Henrique Meirelles como estrela da área econômica. Lula segue em suas conversinhas obscuras nos bastidores, agora tramando o golpe das eleições gerais - assunto sobre o qual a maioria fisiológica do atual Congresso Nacional nem quer saber. Dilma já sabe que seu prazo de validade venceu. Tem queda prevista a partir de 11 de maio, com Anastasia e sem anestesia. O mercado só pensa em grandes e lucrativos negócios que estão por vir no curto prazo. A maioria do povo segue como o otário-mor deste roteirinho de novela vagabunda.
As empresas brasileiras, privadas e estatais, junto com os grandes empreendimentos necessários de infraestrutura, são os grandes alvos do capital árabe prontinho para sair às compras pelo mundo afora. Os "brimos" têm interesse tático e estratégico na posse, o mais depressa possível, de Michel Temer Lulia no penico imperial do Palácio do Planalto. Os meganegócios já são articulados por Temer Lulia e seu trio de mosqueteiros Moreira Franco, Geddel Vieira Lima e Eliseu Padilha. O foco deles é fechar grandes acordos transnacionais para empreendimentos com promessas de dividendos. Esta é a motivação econômica para atrair apoios políticos, sobretudo dos tucanos, que pensam e agem da mesma forma. Henrique Meirelles é o timoneiro perfeito para tocar tal processo que faz alegria dos rentistas.
Temer sabe que toma o lugar de Dilma com forte impopularidade. Confia em sua capacidade de articulação, sobretudo nos bastidores, para garantir o apoio da maioria fisiológica e patrimonialista da Câmara e do Senado. Vende-se agora a promessa de que haverá espaços de ganhos para todos os aliados nos futuros grandes negócios que estão sendo vislumbrados. Em meio a mais brutal crise econômica nunca antes vista na História do Brasil, que está apenas começando de verdade, o pragmatismo cínico dos políticos embarca, facilmente, na onda de promessas. A regra também vale para uma pequena parte da opinião pública que aposta na falsa premissa de que Dilma e o PT são as causas de todos os males do Brasil.
O que a politicagem tupiniquim e parte dos sem-noção insistem em ignorar é que a crise é estrutural - e não conjuntural. O modelo capimunista tupiniquim, rentista e corrupto, esgotou-se. O Brasil não tem salvação se não mudar seu modelo estatal. É necessária e urgente uma intervenção cívica constitucional. As regras do jogo precisam ser repactuadas democraticamente. No ambiente institucional em vigor nenhum negócio público ou privado é seguro no País. Sem uma redefinição do papel e do tamanho ideal da máquina pública, reorientando gastos e planejamento investimentos efetivos, não ocorrerá qualquer mudança de verdade.
Resumindo: com Temer o Brasil corre o risco temerário de seguir no mesmo ritmo de decadência e rumo a uma desagregação. A posse de Temer, no lugar da "incompetenta" Dilma, não reduz a velocidade do ritmo de ruptura institucional. O time de Temer, com os tucanos e Meirelles, acredita que a retomada dos grandes negócios acalma o mercado e dá uma sossegada na crise política. Se a temerária aposta falhar, a petelândia tem tudo para retornar ao poder, com toda força, em pouco tempo. Esta é a crença de Lula e de aliados mais próximos.
Só existe um fator que pode melar os planos de todos os lados: a Lava Jato. Temer e os petistas têm um interesse comum: neutralizar a Força Tarefa nos bastidores da burocracia, enquanto faz o cínico discurso a favor da Lava Jato para mero efeito midiático. Todos falarão na importância do "fortalecimento do papel dos órgãos de controle" e outras conversinhas fiadas...
Até agora, a Lava Jato produziu alguns efeitos, sobretudo punindo executivos de empresas e promotores periféricos de esquemas de corrupção. O problema é que a Lava Jato ainda não conseguiu combater as causas reais do desgoverno do crime organizado. Ainda não se tem previsão concreta de que isso ocorra, porque a corrupção brasileira é sistêmica e cultural... Da mesma forma como o rentismo... O Brasil tem imensas dificuldades de se livrar de suas "jabuticabas".
Temer não fala de Lava Jato... (O jurista Antonio Claudio Mariz de Oliveira, cotado para seu Ministro da Justiça, esculacha Moro e a Força Tarefa)... Temer fala em recriar a CPMF (apavorando o presidente da Fiesp, aliado Paulo Skaf)... Temer é uma aposta temerária... Mas o rentismo subdesenvolvido tupiniquim aposta nele... Assim, é bem provável que o Brasil continue perdendo o jogo, por longo tempo, por culpa de nós mesmos, que não definimos o que queremos para a Nação se desenvolver, de verdade...
Joguinho da guerra suja ideológica

O Comandante do Exército, General Eduardo Villas-Bôas, enviou um alerta a colegas da turma 1973 da Academia Militar das Agulhas Negras, advertindo sobre uma manipulação que sua recente palestra sofrera pelo noticiário da Rede Brasil de Notícias - canal oficial do governo federal.

A reportagem divulga a mentira de que Villas-Bôas criticara a Revolução de 1964.
O Alerta Total reproduz a mensagem do General aos militares, difundida nas redes sociais:

"Fiz uma palestra na UNICEUB em Brasília, que está disponibilizada na \internet. Durante o debate, no contexto de uma pergunta, eu disse que o Brasil precisa recuperar a coesão interna, perdida por termos cometido o erro de haver deixado a linha de fratura da guerra fria passar por dentro da nossa sociedade, fazendo com que nos dividíssemos. A consequência é que hoje ninguém pensa no país e que a questão nacional nunca está presente nas discussões e no que se projeta para o futuro. Em relação a isso, a rede Brasil de notícias (do governo) editou uma matéria dizendo que eu havia criticado a Revolução de 64. Logicamente, está repercutindo e causando compreensível indignação entre alguns companheiros da reserva. Como nos conhecemos todos, seria desnecessário, entre nós, de 73, fazer esse esclarecimento. Peço contudo que me ajudem a neutralizar essa divulgação, principalmente nesse momento em que nos consolidamos como balizadores dos processos em andamento". 

Quem veio para jantar?

O juiz federal Sérgio Moro participou ontem à noite em Nova Iorque do jantar anual de gala em homenagem aos 100 mais influentes do mundo eleitos pela revista “Time”.

Único brasileiro que aparece na lista, na categoria líderes, Moro só retorna quinta-feira ao trabalho normal na 13.ª Vara Federal em Curitiba.

Em março, a revista “Fortune”, também norte-americana, apontou Moro como o 13.º líder mais influente para transformar o mundo.

Lula mal comparado


Crucificados...

video

Se Lula crucificou Tiradentes, Michel Temer fez o mesmo com Antonio Claudio Mariz de Oliveira (na verdade, enforcado pela própria língua nas críticas às delações premiadas da Lava Jato)...

Vote chapa 2


Colabore com o Alerta Total

Os leitores, amigos e admiradores que quiserem colaborar financeiramente com o Alerta Total poderão fazê-lo de várias formas, com qualquer quantia, e com uma periodicidade compatível com suas possibilidades.

Nos botões do lado direito deste site, temos as seguintes opções:

I) Depósito em Conta Corrente no Banco do Brasil. Agência 4209-9, C/C: 9042-5, em favor de Jorge Serrão.

OBS) Valores até R$ 9.999,00 não precisam identificar quem faz o depósito; R$ 10 mil ou mais, sim.

II) Depósito no sistema PagSeguro, da UOL, utilizando-se diferentes formas (débito automático ou cartão de crédito).

III) Depósito no sistema PayPal, para doações feitas no Brasil ou no exterior.

Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!


O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 27 de Abril de 2016.

8 comentários:

Loumari disse...

Um amigo meu advogado brasileiro, desde Brasil enviou-me esta informação aqui e vos EXORTO a todos vós a aceder este link para ter acesso a toda informação nele contido.

http://cinenegocioseimoveis.blogspot.fr/2014/07/vice-de-aecio-aloysio-nunes-e-ex.html

http://cinenegocioseimoveis.blogspot.com.br/2014/07/vice-de-aecio-aloysio-nunes-e-ex.html?


Tanto o PT quanto o PSDB abrigam dezenas de ex-terroristas, os mesmos que matavam, explodiam aeroportos, cometiam barbáries, assaltos, sequestros, estupros, tráfico de drogas e armas.

Todos estão aí representando as esquerdas em partidos de esquerda. O Brasil idiotizado e imbecilizado não percebe que todos os partidos que estão no poder representam o lixo comunista. Nada neste país vai mudar. Apostem, o Brasil vai virar uma república socialista nos moldes cubanos com PT ou sem PT.

Edmilson lopes de sousa disse...

Lula,você é uma vaca de saia.

Anônimo disse...

O TIO MIMI (Michel Temer), tá pensando que os petralhas vão deixa-lo governar tranquilo?Está redondamente enganado, "vai comer chumbinho" com elles e pouca coisa vai realizar.

Anônimo disse...

Prezado Serrão.
Quanto à nota do Comandante do Exército, parece que vemos uma luz verde-oliva no fim do tenebroso e trevoso túnel vermelho em que nos encontramos há treze anos.
Questionar abertamente a rede bolivariana de notícias e, ainda, afirmar que são "balizadores dos processos em andamento" (impeachment?), é uma ousadia que, nesses quinze dias que restam aos terroristas no desgoverno, pode lhe custar o cargo. Mas nada que possa diminuir sua dignidade nem o seu senso de lealdade para com a Pátria.
Valeu, General!

Anônimo disse...

Correção Jesus Solar Cristo, foi transformado em heroi no ano 325 depois do concelho de Niceia
do imperador Constantino

https://www.youtube.com/watch?v=FlzEu1N1Kac
https://www.youtube.com/watch?v=MPkJyoT_F1Q

Chico Trevas

Loumari disse...

AI dos filhos rebeldes, diz o Senhor, que tomaram conselho, mas não de MIM; e que se cobriram com uma cobertura, mas não do meu espírito, para acrescentarem pecado a pecado.
(ISAÍAS 30)

Loumari disse...

Mas os homens maus e enganadores irão de mal para pior, enganando e sendo enganados.
(2 TIMÓTEO 3:13)

Garivaldino Ferraz - Brasília disse...

Ao invés de ficar choramingando apoio aos companheiros de turma, não seria muito mais efetivo e corajosa uma nota à EBC solicitando a retificação da mentira? Ou seja, será que o exercício do direito de resposta é desconhecido pelo Comandante do Exército?