sexta-feira, 1 de abril de 2016

No Dilma da Mentira, Barroso fala verdade na véspera


Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Hoje é Dia Internacional da Mentira. Todo cuidado é pouco com tudo que se escreve, lê ou vê nos meios de comunicação, sobretudo no maravilhoso mundo livre da internet. Falar sério no Primeiro de Abril é missão quase impossível. Sorte é que a delicadíssima crise institucional brasileira, em ritmo de ruptura, produz verdades democráticas, em plena guerra não declarada de todos contra todos nos três dos quatro poderes republicanos. Executivo, Legislativo e Judiciário batem cabeça, enquanto os militares apenas batem continência, observam tudo nos quartéis e seus serviços de inteligência operam a todo vapor, nos bastidores.

Ontem, pouco antes de começar a transmissão do "clássico", "Presidente da República x Juiz da 13a Vara Federal de Curitiba", no qual o herói Luiz Inácio Lula da Silva acabou salvo pelo Supremo Tribunal Federal das garras do juiz-vilão Sérgio Moro, a TV Justiça realizou, ao vivo, a cores, e sem censura, um dos mais belos atos de "Jornalismo Verdade". Foi um belíssimo presente para a democracia brasileira a série de declarações feitas a estudantes de Direito pelo jurista Luís Roberto Barroso. O supremo magistrado soltou o verbo porque não sabia que estava sendo filmado e gravado pela equipe do programa "Direto do Plenário".  

Vamos às verdades do Barroso. A primeira foi inspirada em uma foto na qual apareciam o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (RJ), o senador Romero Jucá (RR) e o ex-ministro da Aviação Eliseu Padilha.: "Quando, anteontem, o jornal exibia que o PMDB desembarcou do governo e mostrava as pessoas que erguiam as mãos, eu olhei e: Meu Deus do céu! Essa é a nossa alternativa de poder. Eu não vou fulanizar, mas quem viu a foto sabe do que estou falando".

Barroso detonou: "Nós nos perdemos em muitos caminhos diferentes. A política morreu. Nós temos um sistema político que não tem o mínimo de legitimidade democrática, deu uma centralidade imensa ao dinheiro e à necessidade de financiamento e se tornou um espaço de corrupção generalizada. — Estou falando aqui em um ambiente acadêmico, como se eu estivesse falando com os meus alunos".

Barroso criticou o desastroso sistema político brasileiro: "Menos de 10% dos candidatos são eleitos com votação própria. Nesse sistema, o eleitor não sabe quem ele elegeu, porque 90% dos eleitos não foram eleitos com voto próprio. E o eleito não sabe quem o elegeu pela mesma razão. É um sistema em que o eleitor não tem de quem cobrar e o eleito não tem a quem prestar contas, não pode funcionar".


Barroso continuou soltando o verbo aos estudantes, sem saber que tudo que falava ia ao ar, ao vivo: "O problema da política neste momento eu diria é a falta de alternativa. Não tem para onde correr. Isso é um desastre. Porque, numa sociedade democrática, a política é um gênero de primeira necessidade. A política morreu. Talvez eu tenha exagerado, mas ela está gravemente enferma. É preciso mudar".
Quando soube que estava sendo televisionado, Barroso ficou contrariado e ainda pediu para consertar a verdade proclamada anteriormente. Era tarde demais... Barroso solicitou, educadamente: "Pede pra desgravar. Tá transmitindo, paciência, mas para não ter uma fita... Mas quem é que está assistindo isso? Podia ter avisado mais rápido, né?

Depois do Barroso, nada melhor para fechar com chave de ouro o complicado texto sobre o Dia da Mentira do que mais uma proclamada pela Presidenta Dilma Rousseff, já derrubada por sua própria incompetência, nos atos de ontem em favor de seu desgoverno e que a petelândia jura ter sido "em favor da democracia"... Dilma falou:

"Todos os governos anteriores deveriam sofrer impeachment pelos crimes que o meu governo cometeu, pois também cometeram..."

E já que a Dilma falou a mentirinha dela, falo as minhas:

"Lula é inocente; Viva, Dilma! Salve o PT! E todo apoio ao PMDB"...

Salvo...


Releia a segunda edição de ontem: STF detonou Moro? E vai cuidar de Lula?

Reveja, também: Lição Pós-1964: Jura que aprendemos?


A Petelândia jura que é mentira...


Já se acumulam na Corregedoria do Conselho Nacional de Justiça 14 reclamações contra o juiz Sérgio Fernando Moro...

Verdade que dói

No Facebook do empresário Eduardo Machado:

"NOTÍCIA: "Petrobras aprova corte de 2.279 cargos de gerência". Tinha caso de 5 gerentes para 1 subordinado!!!! Parece mentira mas não é... E sabe quem paga???? Nós, contribuintes, é claro!!!!"

Mais uma...

Outra dura verdade, agora no Facebook do jornalista Cal Francisco:

"Cafajestes do PMDB: Dilma tem que exonerar esses ministros do partido, independentemente da vontade deles de deixarem o cargo. O País está parado há meses e ninguém consegue articular uma saída, nem temporária. Esse governo precisa reagir, gente. O pior é que parte da sociedade acompanha tudo como se fosse normal. Cadê a indignação, meus povos e minhas povas. Cadê?"

Outra verdade que doeu...


Política de ocupação


Colabore com o Alerta Total

Os leitores, amigos e admiradores que quiserem colaborar financeiramente com o Alerta Total poderão fazê-lo de várias formas, com qualquer quantia, e com uma periodicidade compatível com suas possibilidades.

Nos botões do lado direito deste site, temos as seguintes opções:

I) Depósito em Conta Corrente no Banco do Brasil. Agência 4209-9, C/C: 9042-5, em favor de Jorge Serrão.

OBS) Valores até R$ 9.999,00 não precisam identificar quem faz o depósito; R$ 10 mil ou mais, sim.

II) Depósito no sistema PagSeguro, da UOL, utilizando-se diferentes formas (débito automático ou cartão de crédito).

III) Depósito no sistema PayPal, para doações feitas no Brasil ou no exterior.

Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!


O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 1o de Abril de 2016.

4 comentários:

Anônimo disse...

TIADILMINHA, vai convidar os membros do MST,CUT e todo o restante dos movimentos sociais para preencherem os ministérios, pois ela não quer mais saber de políticos do PMDB e nem de outros partidos que faziam a sua base.Agora o Brasil vai em frente.

Estéfani JOSÉ Agoston disse...

Senhor Jorge Serrão, por gentileza informe o endereço Facebook do empresário Eduardo Machado, que empenhei na busca e não encontrei; também sugiro que sempre que for possível, informe o endereço que cada pessoa mencionada (exceto os de esquerda, corruptos, bandidos)

Anônimo disse...

Nós, povo brasileiro precisamos da verdade. Chega de mentiras e enrolação. Se a verdade foi dita em uma gravação telefônica e divulgada sem autorização, fez um bem enorme ao país, pois mostra a verdadeira face dos que estão enrolando a Nação.
Afinal é para se ter justiça nesse país. Se o senhor Barroso falou a verdade,não importa quem o critique, não importa a tempestade depois, pois ela passará e sobrará somente a verdade.

Anônimo disse...

Nós, povo brasileiro precisamos da verdade. Chega de mentiras e enrolação. Se a verdade foi dita em uma gravação telefônica e divulgada sem autorização, fez um bem enorme ao país, pois mostra a verdadeira face dos que estão enrolando a Nação.
Afinal é para se ter justiça nesse país. Se o senhor Barroso falou a verdade,não importa quem o critique, não importa a tempestade depois, pois ela passará e sobrará somente a verdade.