sexta-feira, 13 de maio de 2016

A inviolabilidade dos Dragões


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Paulo Chagas

Ao longo da carreira militar aprendi muitas coisas que, quando da minha despedida do serviço ativo, há dez anos, procurei relatar como forma de agradecimento a Deus e a todos que para isto contribuíram.

Está registrado em minha mensagem que, quando Tenente, fui Dragão, e que, no “1º de Cavalaria”, aprendi, o que é, de fato, ser um Oficial do Exército de Caxias. Devo isto aos exemplos, aos ensinamentos e às exigências dos meus comandantes de Regimento e de Esquadrão, Cel Armando Luiz Mallan de Paiva Chaves e Cap Ariel Rocha De Cunto, com quem aprendi que ser nobre não é a ostentação de títulos, mas a retidão de caráter, a vida regrada, a disciplina, a elegância de atitudes e a dedicação integral ao serviço da Pátria, sem dela nada exigir.

Registrei que considero a função de Comandante do 1º Regimento de Cavalaria de Guardas a maior comenda posta à ambição de um Oficial da minha Arma e aprendi, por tantas vezes que me emocionei enquanto a exercia, que nada na carreira se compara ao privilégio de comandar os Dragões da Independência!

Não omiti sentimentos ao declarar que durante aquele tempo, não houve jornada em que, pelo menos por um momento, meus olhos não se tivessem marejado, ou minha garganta não se tivesse embargado na intimidade dos meus pensamentos, motivado pelo prazer de assistir os Dragões vibrarem e superarem-se no exercício de importantes e dignificantes tarefas ou nas simples atividades de rotina, onde a dedicação pessoal e espontânea era fator decisivo para manter-nos em parceria com o sucesso!

Ao finalizar a despedida, atribui a Deus a benção de realizá-la no quartel do Regimento de Dragões da Independência, cenário dos melhores momentos de minha carreira e única missão que gostaria de repetir!

Dito isto, deixo à imaginação de cada um os adjetivos que atribui à imagem dos dois Dragões que enobrecem a rampa do Palácio do Planalto com a simbologia da sua presença em uniforme da Imperial Guarda de Honra de D. Pedro I, tendo como pano de fundo bandeiras da CUT, da UNE e de outros movimentos mercenários e apátridas que dão suporte ao governo incompetente, corrupto, traiçoeiro, dissimulado e mentiroso que, em breve, será despejado daquele imóvel! 

Foi repugnante, para todo e qualquer Dragão, assistir àquela cena na véspera do dia do nascimento do Patrono da Cavalaria, Marechal Manuel Luis Osorio, e na semana em que o “1º de Cavalaria” completa 208 anos de sua criação.

Dilma Rousseff é ainda, infelizmente, a “Comandanta” em Chefe das FFAA. Todos sabemos que pouco aprendeu no tempo em que se dedicou a destruir o Brasil, mas não custava nada aos bons soldados que a protegem ensiná-la que há limites para o exercício da autoridade, tanto para cima quanto para baixo.

Assim como é crime a prepotência e o seu abuso - motivo mestre do processo que a tirará de onde nunca deveria ter estado -, é crime também a promiscuidade caracterizada pela conivência na invasão do Palácio do Planalto, pelo comportamento inadequado da ralé que a apoia em seus momentos derradeiros e pela utilização da sede do poder executivo para manifestações irresponsáveis, assembleias de sindicatos e para o incentivo à violência e ao desrespeito à ordem jurídica e aos procedimentos legais.

Não menos grave é o crime de desrespeito à inviolabilidade física e moral das Sentinelas da Hora, neste caso, à dos dois Dragões cuja imagem, difundida por todas as mídias, é a prova e o símbolo desse desrespeito e da promiscuidade praticados pela "governanta" em seus últimos dias de desgoverno!

Se, como Comandante, por vibrar com os meus comandados, marejei os olhos e embarguei a garganta, confesso que, desta vez, foi por revolta!

Paulo Chagas é General de Brigada na reserva.  (Pena Branca – 1996/97)

6 comentários:

Anônimo disse...

Nobre general esperar o que de milicianos e ex terroristas!

Loumari disse...

EU livrarei as minhas ovelhas, para que não sirvam mais de rapina, e julgarei entre gado miúdo e gado miúdo.
E levantarei sobre elas um só pastor, e ele as apascentará: o meu servo DAVID é que as há-de apascentar; ele lhes servirá de pastor.
E EU, O SENHOR, lhes serei por DEUS, e o meu servo DAVID, será por príncipe no meio delas; EU, O SENHOR, O DISSE.
(EZEQUIEL 34:22)


Orai sem cessar.
Em tudo dai graças, porque esta é a vontade de Deus, em CRISTO JESUS, para convosco.
Não extingais o Espírito.
Não desprezeis as profecias;
Examinai tudo. Retende o bem;
Abstende-vos de toda a aparência do mal.
E o mesmo DEUS DE PAZ vos santifique em tudo; e todo o vosso espírito, e alma, e corpo, sejam plenamente conservados irrepreensíveis, para a vinda do nosso Senhor Jesus Cristo.
Fiel é o que vos chama, o qual também o fará.
(1 TESSALONICENSES 5:17)


Porque o mesmo Senhor descerá do céu, com alarido, e com voz de arcanjo, e com a voz de trombeta de Deus, e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro.
Depois nós, os que ficamos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles, nas nuvens, a encontar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor.
Portanto, consolai-vos uns aos outros com estas palavras.
(1 TESSALONICENSES 4:16)

Loumari disse...

EIS-ME AQUI.
Estendi as minhas mãos, todo o dia, a um povo rebelde, que caminha por caminho que não é bom, após os seus pensamentos:
Povo que me irrita diante da minha face, de contínuo, sacrificando em jardins e queimando incenso sobre tijolos;
Assentando-se junto às sepulturas, e passando as noites junto aos lugares secretos: comendo carne(mais bem carne humana) e caldo de coisas abomináveis nos seus vasos.
E dizem: Retira-te, e não te chegues a mim, porque sou mais santo do que tu. Estes são um fumo no meu nariz, um fogo que arde todo o dia.
Eis que está escrito diante de mim: não me calarei; mas EU PAGAREI, sim, deitar-lhes-ei a recompensa do seu seio:
As vossas iniquidades, e juntamente as iniquidades dos vossos pais, diz o Senhor, que queimaram incenso nos montes, e me AFRONTARAM nos outeiros; pelo que, lhes tornarei a medir as suas obras antigas no seu seio.
Assim diz o Senhor: Como quando se acha mosto num cacho de uvas, dizem: Não o desperdices, pois há bênção nele; assim farei, por amor dos meus servos, para que os não destrua a todos.
E produzirei descendência a Jacob, e a Judá um herdeiro, que possua os meus montes; e os meus eleitos herdarão a terra e os meus servos habitarão ali.
(ISAIAS 65:2)



Ouvi agora, ó casa de DAVID: Pouco vos é afadigardes os homens, senão que ainda afadigareis, também, ao meu DEUS? (ISAIAS 7:13)


Espere Israel no Senhor, porque no Senhor há misericórdia, e nele há ABUNDANTE REDENÇÃO.
E ele remirá a Israel de todas as suas iniquidades.
(SALMO 130:8)


BEM-AVENTURADOS os que trilham caminhos rectos, e andam na lei do Senhor.
Bem-aventurados os que guardam os seus testemunhos, e o buscam de todo o coração,
E não praticam iniquidade, mas andam nos seus caminhos.
Tu ordenaste os teus mandamentos, para que diligentemente os observássemos.
(SALMO 119)


Beijai o Filho, para que se não ire, e pereçais no caminho, quando, em breve, se inflamar a sua ira; bem-aventurados todos aqueles que nele confiam.
(SALMO 2:12)

Loumari disse...

Porque, assim diz o ALTO E O SUBLIME, QUE HABITA NA ETERNIDADE, E CUJO NOME É SANTO:
Num alto e santo lugar habito, e também com o contrito e abatido de espírito, para vivificar o espírito dos abatidos e para vivificar o coração dos contritos.
Porque para sempre não contenderei, nem continuamente me indignarei; porque o espírito, perante a minha face, se enfraqueceria, e as almas que eu fiz.
Pela iniquidade da sua avareza, me indignei, e os feri: escondi-me, e indignei-me; mas, rebeldes, seguiram o caminho do seu coração.
(ISAIAS 57:15)


Ouvi-me, vós que conheceis a justiça, vós, povo, em cujo coração está a minha lei:
não temais o opróbrio dos homens, nem vos turbeis pelas suas injúrias.
Porque a traça os roerá como a um vestido, e o bicho os comerá como a lã:
(ISAIAS 51:7)

Loumari disse...

E estará o resto de Jacob no meio de muitos povos, como orvalho do Senhor, como chuvisco sobre a erva, que não espera pelo homem, nem aguarda filhos de homens.
E o resto de Jacob estará entre as nações, no meio de muitos povos, como um leão entre os animais do bosque, como leãozinho entre os rebanhos de ovelhas, o qual, quando passar, as pisará e despedaçará, sem que haja quem as livre.
A tua mão se exaltará sobre os teus adversários; e todos os teus inimigos serão exterminados.
E sucederá, naquele dia, diz o SENHOR, QUE EU EXTERMINAREI no meio de ti os teus cavalos, e destruirei os teus carros;
E destruirei as cidades da tua terra, e derribarei todas as tuas fortalezas;
E tirarei as feitiçarias da tua mão: e não terás agoureiros;
E arrancarei no meio de ti as tuas imagens de escultura e as tuas estátuas; e tu não te inclinarás mais diante da obra das tuas mãos.
E arrancarei os teus bosques do meio de ti, e destruirei as tuas cidades.
E COM IRA E COM FUROR, EXERCEREI VINGANÇA SOBRE AS NAÇOES QUE NÃO OUVEM.
(MIQUÉAS 5:7)

Anônimo disse...

No dia da posse de Michel temer, gostei quando expulsaram aquele grupo que tentou subir a rampa do palácio para fazer badernas e aparecer nas mídias sofrendo retaliações. Exceção feita ao tresloucado "bigode branco" que, parece, perdeu a noção do limite. Só faltou jogar gás de pimenta nele mesmo. Sei que é difícil controlar invasores nessa hora, mas ele tem que estar bem preparado para isso. Vamos aguardar o tratamento severo prometido pelo ministro da Justiça aos grupos baderneiros "sociais". Tá na hora da ORDEM.