quinta-feira, 19 de maio de 2016

Cunha é o ministro invisível de Temer?


Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Viva o Maranhão e afins! O ministério forjado pela politicagem foi apenas o primeiro sinal de que o Presidento Michel Temer não demoraria a se tornar refém da base aliada fisiológica e patrimonialista. A prova concreta de que Temer terá de comer na mão dos parlamentares, em ritmo de "farinha pouca, meu pirão primeiro", foi a indicação para líder do governo de uma figura que não peca apenas por ser réu em três ações que correm no Supremo Tribunal Federal. André Moura é homem de confiança do presidente afastado da Câmara, Eduardo Cunha, que agora se transforma em "ministro invisível" da gestão Temer.  

A base aliada simplesmente está rachada. Os fisiológicos ditarão as regras. Líderes do DEM, PSDB, PPS e PSB rejeitaram a indicação do deputado André Moura (PSC-SE) para liderança do governo. A temerária opção de Temer por Moura também desagradou um dos homens fortes da equipe do Presidento: Moreira Franco queria emplacar no posto de líder governista na Câmara o deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), que apenas por coincidência é casado com a filha da esposa do político que Brizola batizou de "Gato Angorá"...

André Moura conta com o apoio daqueles partidos que são chamados de Centrão: PP, PR, PSD, PTB, PSC, SD, PRB, PTN, PROS, PHS, PTdoB, PSL, PMB, PRP e PEN. É uma bancada de cerca de 270 parlamentares que joga junto com a maioria da bancada do PMDB. As legendas do Centrão foram decisivas na aprovação do impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff.

Evidentemente, Moura nega que Cunha vá exercer influência direta sobre seus atos na liderança governamental: "O presidente Eduardo Cunha foi importante no processo de impeachment, teve a coragem de deflagrar naquele momento. Mas o presidente Eduardo Cunha não terá influência nenhuma na minha liderança do governo. Sou líder do governo Temer que vai reunificar o País".

A velha e surrada máxima diz que o "futebol costuma ser uma caixinha de surpresas". Mas o jogo da politicagem tupiniquim é canalha e previsível. Será muito difícil acreditar que uma base aliada fisiológica, ávida por cargos e verbas, permita que o governo promova a essencial redução dos gastos e desperdícios com o dinheiro público. No entanto, pode ter certeza que a maioria "paralamentar", com toda facilidade e agilidade, vai aprovar a criação de novos impostos, como a CPMF.

Basta ver o que tem repetido Henrique Meirelles, o "salvador nacional", em diversas entrevistas: “Se não houver nenhum imposto, as despesas têm de ser cortadas mais profundamente”Fazendo uma leitura reversa do que prega Meirelles, como a base aliada não permitirá cortes profundos, o cidadão-eleitor-contribuinte, como de mau costume, é quem será chamado a arcar com mais sacrifícios de uma conta deficitária que nunca fecha a favor do pagador de impostos.

Se isso se tornar realidade rapidamente, o governo provisório de Temer será a repetição de um grande estelionato político.


Rebaixamento


Reveja a segunda edição de quarta-feira: Moro rebaixa Dirceu: O Chefão é outro...

Leia e fique pt da vida com uma das pérolas recentes do judiciário - denunciadas pelo jornalista Elio Gaspari: O nome do jogo é Nezinho Alencar


Direito e Justiça em foco


Paulo Henrique Cremoneze  irá abordar a importância dos transportes de carga para o desenvolvimento do Brasil, no programa Direito e Justiça em Foco, no próximo domingo, às 22 horas, na Rede Gospel.

Chega de golpismo retórico


Piada internacional


Colabore com o Alerta Total

Os leitores, amigos e admiradores que quiserem colaborar financeiramente com o Alerta Total poderão fazê-lo de várias formas, com qualquer quantia, e com uma periodicidade compatível com suas possibilidades.

Nos botões do lado direito deste site, temos as seguintes opções:

I) Depósito em Conta Corrente no Banco do Brasil. Agência 4209-9, C/C: 9042-5, em favor de Jorge Serrão.

OBS) Valores até R$ 9.999,00 não precisam identificar quem faz o depósito; R$ 10 mil ou mais, sim.

II) Depósito no sistema PagSeguro, da UOL, utilizando-se diferentes formas (débito automático ou cartão de crédito).

III) Depósito no sistema PayPal, para doações feitas no Brasil ou no exterior.

Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!


O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 19 de Maio de 2016.

7 comentários:

Anônimo disse...

Ainda repercute o grande merdelê lançado pelo Delcídio o mentiroso,agora chegou a vez do "onestisssímo" LULALÁ se lascar e depois será a grande Dilminha por serem acusados pelo Janot com base na delação premiada do Amaral, o mentiroso. Como é que o Lula ainda mantém o tal foro privilegiado? Só por que é doutô onores cana?

Anônimo disse...

Nenhuma mentira ou repetição da palavra GOLPE, dita pela presidente afastada - não é presidente de honra, é afastada - pode esconder os rombos deixados e aumentados, propositadamente, por ela nos últimos minutos do poder.O atual presidente tem que divulgar em cadeia nacional o que encontrou no palácio assombrado.

Anônimo disse...

Enquanto isso querem acabar com a aposentadoria, dizendo que tem um decit, enquanto isso se paga 978 bilhões de juros e amortizações de uma divida que não existe mais.
Auditoria da divida Já

Chico Trevas

Martim Berto Fuchs disse...

Para o anonimo da 1:18
Não se paga nada, se rola, aí é que está o problema. O dinheiro para pagar é gasto, veja bem, gasto, em outras "desnecessidades".

Anônimo disse...

Imagino aqui com meus botões, no futuro, Dilma aconselhando os netos: "Olha, quando sua mãe proibir você de alguma coisa, diga que é GOLPE!"

Anônimo disse...

ESSE GOLPE HOUVE SIM!
Houve no Brasil um golpe contra os bolsos dos COMUNISTAS vagabundos que mamavam nos trabalhadores manipulando eles o tempo com falsas propagandas para se manterem no poder!
ESSE GOLPE HOUVE SIM!
Como os comunistas só vivem de estelionatos, inclusive da verdade, o Ministerio da Cultura era fachada de MINISTERIO DE PROPAGANDA COMUNISTA, nada mais ou menos que isso!
Assim, os ARTEIROS, querendo se passarem por artistas, eram os ARTISTAS MORTADELAS -evidentemente recebendo salarios à altura do posto como agentes comunistas de mais alto nível, nada mais!
Tão vagabundos e come-quietos como os mortadelas II, de tubaína + 50,00!
O PT e seus coaduvantes são caso é de EXORCISMO!
Cuidado com Marina MELANCIA Silva, outra imundicie tal qual, comunista disfarçada de evangélica, tanto como a "católica" abortista Dilmerda!

Anônimo disse...

Blogger Martim Berto Fuchs disse...
Para o anonimo da 1:18
Não se paga nada, se rola, aí é que está o problema. O dinheiro para pagar é gasto, veja bem, gasto, em outras "desnecessidades".

Não sou anomino sou Chico e o Brasil está nas trevas.
de qualquer maneira estamos ferrados, que a luz este com vc Martim