sábado, 18 de junho de 2016

As plantas - Seres Sensíveis


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Hans Kruger

Plantas e natureza intocada são as paixões de Erich Meister.Na obra “Raízes para Felicidade”, o primeiro livro, de três, da Série Brasileira - Aventura na Selva, o autor teuto-brasileiro relata a história de uma planta medicinal originária de Angola, a luta contra a indústria farmacêutica até a comercialização do princípio ativo no Brasil, uma luta longa e perigosa.

Tudo começa com uma visita de Meister na fazenda de um amigo em Angola, onde a história quase já termina. A propriedade é atacada por insurgentes contra o regime colonial português. Cenas de extrema crueldade se desenrolam perante os olhos de Meister. A experiência de um mercenário alemão, guarda-costas do fazendeiro, salva a situação, mercenário este que mais tarde se torna um amigo fiel de Meister no Brasil.

Da fazenda angolana Meister salva sementes e estacas da planta e diamantes que seu amigo adquiriu aos poucos para uma emergência. Os diamantes são o capital para realizar o sonho de medicamentos naturais com menor grau de efeitos colaterais.

Na fazenda de Meister no Triângulo Mineiro começa a reprodução e multiplicação do material salvo na Africa.E logo a questão imperativa surge: como financiar as pesquisas e enfrentar o longo caminho até a autorização e liberação dos medicamentos?

Como sempre em situações críticas, Meister imagina logo uma solução pouco ortodoxa: ele envolve amigos de infância e de escola, todos descendentes de árabes, agora radicados no lado paraguaio, vivendo de negócios nebulosos. Entre eles existe um código de ética.

Sem noção sobre fluxo de dinheiro e capitais pelo mundo, os quatro amigos árabes, chamados ´osalibabás´ traçam o caminho, para Meister se livrar das amarras do seu mundo pequeno, enxergando a grande chance da sua vida. E ele abraça-a com competência.

Viagens para Europa se seguem, o mundo escondido dos mercados de diamantes se abre para ele. Como transferir grandes somas de dinheiro sem envolver bancos ?Meister faz a viagem de aprendiz e volta para o Brasil comimportantes constatações. Boa parte das descobertas e até a salvação de sua própria vida na Alemanha ele deve ao mercenário, sempre atento, radical e eficiente.

A ideia da empresa farmacêutica brasileira toma forma em Campinas-SP. O complexo industrial entra na fase de execução. No interior de Minas as plantações dos arbustos se desenvolvem bem. Tentativas de seus inimigos de as destruir com pulverizações de herbicidas falham. Mas, um calculo revela que demora demais até chegar com quantidades de matéria prima na fabrica e extrair os agentes de interesse. Nasce então o plano de transferir a colheita da fazenda em Angola diretamente para o Brasil.

Um plano ´louco´ toma forma: invadir Angola pela parte norte, da República Democratica do Congo, colher as raízes dos arbustos que estão maduros após três anos de crescimento, leva-los para um navio no rio Congo e de lá diretamente para o Brasil. O porão do navio receberá maquinas que limpam, trituram, secam e pre-concentram o material. O transporte da fazenda até a divisa entre Angola e Congo? Como fazer? A solução só pode surgir com a cooperação de congoleses e no contexto das convulsões pós-independência angolana.

Novamente o mercenário abre portas, recorre aos velhos companheiros de luta. Costura-se uma aliança: os congoleses arrumam transportes e mão-de-obra eMeister se encarrega do navio-fabrica e da escolta armada dele.
A aliança durapouco tempo. Os congoleses cometem atrocidades contra a população local. Meister não aceita a maneira deles de agir. Uma corrida contra o tempo é o resultado, para salvar a colheita e se desligar dos congoleses.Meister salva dois bebés num vilarejo devastado pelos congoleses e os leva para o Brasil, adotando-os como filhos em seguida, batizados de Maria e José.

Uma indústria farmacêutica consegue colocar um sabotador na equipe que é responsável pela transformação dos vegetais. O espião é desmascarado em tempo. Quando o navio chega a Santos, os arbustos transformaram-se em pó armazenado em tambores.

Os inimigos não desistem na tentativa de roubar a formula e impedir a ascenção da indústria de Meister. Tentativas de sabotagem e sequestros são as armas empregadas, até o merecido fim do tramador. Como sempre, Meister se retira para a sua fazenda, recuperando forças na natureza. Esses momentos são descritos com grande intensidade e beleza.


Hans Erich Kruger, agricultor, é autor de "Raízes para a Felicidade" - 1º livro da “Série Brasileira” - Amazon ISBN 9781518805165E-Book e impresso Createspace.

Nenhum comentário: