segunda-feira, 13 de junho de 2016

O Brasil e o Vício de Perder na Mão Grande


Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

A corrupção, a intolerância e a violência se tornaram tão comuns no Planeta Terra - e principalmente na terrinha de Bruzundanga - que as pessoas conseguem ficar "apenas chocadas" com a estupidez de um atentado como o de Orlando, nos EUA, onde apenas um maluco fanático assassinou 50 pessoas e deixou outras 53 feridas. O mundo caminha para um conflito em larga escala, porque o sistema hegemônico de poder, gerador de divisões artificiais, tem interesse em faturar alto com a indústria permanente da guerra.  

Os debates civilizados estão impossíveis pelo mundo agora. Pior ainda em Bruzundanga. Por aqui, não se tem a percepção exata de quem é, o que representa e o que deseja o "inimigo". O crime institucionalizado, cada vez mais bem organizado, ultrapassa as fronteiras da politicagem. O Fantástico de domingo mostrou uma reportagem sobre a roubalheira em condomínios, promovida por síndicos, com a conivência ou omissão dos moradores. Ou seja, somos resignados além da conta. Flertamos e convivemos bem próximos das coisas erradas, mas somos lentos para reagir contra elas.

A maioria dos brasileiros, interligados nas redes sociais, não domina conceitos sobre o que vê, escuta e fala... Defender Michel Temer incondicionalmente é mais que temerário: é não enxergar o esquema partidário que rouba o Brasil desde 1985, apenas para ser "coerente" com um ódio fanático ao PT. Tal leitura errada sobre a natureza e a dimensão da crise estrutural brasileira reflete apenas intolerância política digna dos extremos fascistas e comunistas. Agir feito torcida organizada não resolve. Em uma analogia simbólica de ocasião, o Brasil perde até para o Peru com gol de mão...

Algumas vozes lúcidas, com o livre pensador Olavo de Carvalho, conseguem enxergar a dimensão do fenômeno: "Precisamos voltar as ruas", proclamam. Sim, mas contra quem e a favor de quem? Antes os males condensavam-se em figuras simbólicas de fácil acesso: Lula e Dilma. Agora apagamos os símbolos sem eliminar os males. Estes continuam existindo, porém sem rosto. Restam, portanto, só os inimigos abstratos, não personificados: narcotráfico, 70 mil homicídios anuais, sexualização forçada das crianças nas escolas etc. etc. É contra essas coisas que o povo tem de se mobilizar agora, desprezando a disputa de poder entre os políticos. É o único caminho possível.

Além de Olavo, quem também consegue apontar saídas objetivas de ação é o jurista Antônio José Ribas Paiva, presidente do Nacional Club: "O Brasil precisa de decência. Temos que instituir mecanismos institucionais, que garantam a legalidade e a moralidade no trato da coisa pública. Para tanto, é imprescindível a INTERVENÇÃO CÍVICA CONSTITUCIONAL, porque a DEMOCRACIA, que é a SEGURANÇA DO DIREITO, é impossível com essa classe política, que usurpou o PODER DO ESTADO, para a prática de crimes continuados. INTERVENÇÃO CÍVICA CONSTITUCIONAL JÁ!!!".

Temos um gigantesco desafio que não se resume a apoiar (ou fazer mera torcida) por candidatos à Presidência da República. Precisamos definir, com urgência, que modelo de País, quais mudanças desejamos e podemos efetivamente realizar, no curto, médio e longo prazos. O debate estratégico sobre o Brasil tem de reunir as melhores cabeças que tivermos. O resto é debate inútil... Perda de tempo e energia com quem não quer e nem sabe pensar com liberdade, responsabilidade é um mínimo de inteligência... Projeto para o Brasil, primeiro. Nomes de presidenciáveis são consequências.

A proposta Federalista seria bem adequada se conseguirmos fazer com que a maioria da sociedade consiga compreendê-la. Isto só vai acontecer em um longo processo de livre debate. Aí reside nosso problema: a maioria dos brasileiros, sobretudo nossas "zelites" não querem debates: preferem soluções mágicas, imediatas, vindas de "salvadores da Pátria" ou promovidas com fórmulas autoritárias simplistas, de cima para baixo. Os extremos radicais também não querem debater, pois já se comportam como donos de "verdades" prontas e acabadas, incontestáveis.

Se tal postura não for mudada pelo embate histórico e civilizado das ideias, vamos seguir o trágico destino de continuar sendo a maior colônia de exploração subdesenvolvida do planeta Terra. Neste ritmo, tomaremos de 7 das Alemanhas da vida, vamos perder dos Perus, com muitos gols na mão grande...

Releia o artigo de domingo: Namoramos com os inimigos da Democracia?


Eduardo que sabe demais


Superando recordes


Domínio do sorriso


Poderoso, até quando?


Opinião de Especialista


Colabore com o Alerta Total

Os leitores, amigos e admiradores que quiserem colaborar financeiramente com o Alerta Total poderão fazê-lo de várias formas, com qualquer quantia, e com uma periodicidade compatível com suas possibilidades.

Nos botões do lado direito deste site, temos as seguintes opções:

I) Depósito em Conta Corrente no Banco do Brasil.
Agência 4209-9, C/C: 9042-5, em favor de Jorge Serrão.

II) Depósito em Conta Poupança da Caixa Econômica Federal ou em agências lotéricas: 2995 013 00008261-7, em favor de Jorge Serrão.

OBS) Valores até R$ 9.999,00 não precisam identificar quem faz o depósito; R$ 10 mil ou mais, sim.

III) Depósito no sistema PagSeguro, da UOL, utilizando-se diferentes formas (débito automático ou cartão de crédito).

IV) Depósito no sistema PayPal, para doações feitas no Brasil ou no exterior.

Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!


O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 13 de Junho de 2016.

8 comentários:

Loumari disse...

A Revolução dos Bichos O Terror Socialista Em Desenho "Animal Farm de George Orwell)

http://osvaldoairesbadeeducaok.blogspot.fr/2016/06/a-revolucao-dos-bichos-o-terror_13.html

Martim Berto Fuchs disse...

"Sim, mas contra quem e a favor de quem? Antes os males condensavam-se em figuras simbólicas de fácil acesso: Lula e Dilma. Agora apagamos os símbolos sem eliminar os males. Estes continuam existindo, porém sem rosto."

Esta é a questão. Quando surgiram as manifestações pelo passe livre, lamentei que tão grande demonstração fosse apenas pela questão de passagens de ônibus urbanos. Estamos sempre atacando os efeitos e as causas permanecem intactas.
A Intervenção tem que se dar, pois está provado que a classe política NADA vai fazer para modificar as causas.
Não adianta apenas prender uma centena de ladrões do erário público que habitam o Congresso Nacional. Saem estes e voltam outros iguais, pois se não mudarmos o sistema político, estaremos chovendo no molhado.
Quanto à Intervenção, ela deverá acontecer em função do processo de impeachment. Se os "vendáveis" do Senado trouxerem a Dilma de volta, das duas uma:
1.O Michel Temer pede a Intervenção, o que seria o menos traumático.
2.As FFAA intervém sem serem solicitadas, para evitar uma guerra civil.
http://capitalismo-social.blogspot.com.br/2016/06/uma-revolucao-cultural.html

Anônimo disse...

Todos de mãos atadas pela displicência, um esquema mafioso sem partido politico é com que faz o pais sempre andar pra trás, escreverei alguns exemplos onde tudo começa debaixo para cima sempre com as bênçãos de um poder paralelo vejam só, o pintor pinta uma paisagem, e nota que falta alguma coisa e ele vai e pinta o pintor pintando e dai sempre achando que falta alguma coisa vai pintando um pintor atrás do outro, nunca podendo concluir a sua obra, o médico assume um cargo mas não cumpre o horário pois no começo da sua jornada tem que abrir o seu consultório particular, recebe o total do órgão publico e não declara o lucro do consultório onde cobra até 600 reais por uma consulta, então são 2 crimes, mas ele é amigo da autoridade contratante que finge que não vê e não acata nem um tipo de denuncia não para por ai pois conhece um juiz que lhe dá uma grande area de domínio publico onde ele ainda registra como sendo pequeno agricultor fazendo se valer de todo o beneficio da categoria e na verdade essa área é usada como sendo de recreio e a coisa cada vez mais vai se complicando e o mafioso recebendo benefícios em troca de cooperar com a máfia tendo a certeza que ninguém conseguira fazer uma denuncia pois estão todos arrolados com a máfia, bem o pintor xaropeta e o médico mafioso são um exemplo como a coisa funciona nos quatro cantos do pais...

Arlindo disse...

Artigo lúcido e objetivo. Compartilhando no face.

Anônimo disse...

O Brasil precisa passar por uma DESRATIZAÇÃO + ASSEPSIA GERAL!
Isso mesmo; o governo do presidente Temer tem de continuar a levar adiante a remoção de todos os peStistas que infestam todos os lugares, a começar das redações de jornais, revistas e meios de comunicação!
Assim também, os currículos escolares pois o ponto forte dos desequilibrados comunistas é a SUBVERSÃO DE VALORES A PARTIR DA INFANCIA, PROMOÇÃO DE LAVAGEM CEREBRAL E APARELHAMENTO DO ESTADO!
Tudo acima tem o intuito de IDIOTAR E DOMESTICAR as pessoa para defenderem esses histéricos pelo poder que apenas cuidam da MAFIA que é o partido COMUNISTA...
E o povo que exploda, foda-se!
Pare de ajudar os comunistas, Janot: já tá muito manjado!

Jayme Guedes disse...

Do RAzevedo, blogueiro reconhecido pela modéstia, para quem o Dallagnol teria defeitos insanáveis.

1) Dallagnol é jovem, apenas um “rapaz impetuoso”. Procuradores concursados só deveriam tomar posse após os 60 anos de idade?
2) O jovem Dallagnol perfilhou a tese do PT segundo a qual os peemedebistas tramam contra a investigação. Afinal, todo mundo sabe que os corruptos peemedebistas sonham ser presos pela Lava-jato.
3) O jovem Dallagnol perdeu a noção do limite. Afinal, procuradores não dão entrevistas, só falam nos autos. Falar sobre o que consta dos autos é espaço privativo de blogueiros.
4) O imberbe Dallagnol ignora que procuradores não propõem projetos de lei. Não importa a formação e a preciosa experiência específica pois quem tem que propor projetos de lei anti-corrupção são os tiriricas e os romários).

5) O jovem Dallagnol ignora que a Lava-Jato tem que ser balizada pela lei. Claro, todos sabem do sucesso das tentativas dos prestigiosos advogados que defendem os milionários corruptos e levam ao STF os desvios cometidos pela Lava-Jato.
6) O imberbe Dallagnol “não pode se deixar encantar pelo som da própria voz” vivendo o que “a psicanálise chama de “delírio de potência”. O blogueiro-estrela parece ter vivido vivendo um surto de inveja.
7) “Não! Não é o papel de Dallagnol. Não! Não é essa a sua tarefa. Não! Não é essa a sua atribuição”. O jovem Dallagnol não pode chamar a atenção da sociedade para tramas contra a Lava-Jato. Afinal, o que as gravações mostram é a torcida da cúpula do PMDB pelo sucesso da Lava-Jato.
8) O jovem Dallagnol erra ao ver um contra-ataque à Lava-Jato em projeto como o que estende o foro especial a ex-presidentes da República, a alterações na lei da delação premiada. Para o velho blogueiro-estrela tais iniciativas visam reforçar a Lava-Jato.
9) O Dallagnol é um rapaz que “deita falação em favor da aprovação de um projeto de lei contra a corrupção que deveria ser de inciativa popular, e não do Ministério Público. Como se percebe, não importa a qualidade da mensagem mas sim a idade e a atividade do mensageiro.
10) A vaidade do imberbe Dallagnol pode produzir grandes estragos. O retumbante fracasso da Lava-Jato até agora mostra quem está com a razão.

Anônimo disse...

A LAVA JATO ALÉM DE INCOMODAR OS LADRÕES DE BRASILIA ESTÁ INCOMODANDO CERTOS MAFIOSOS QUE QUEREM PASSAR QUE LADRÃO SÓ TEM EM BRASILIA, O MAIOR CEGO É AQUELE QUE NÃO QUER VER QUE TODA MÉRDA VEM DAS CÉLULAS MAFIOSAS QUE SE CHAMAM MUNICIPIOS E SÃO COMANDADAS POR UM GOVERNO PARALELO QUE BURLAM AS LEIS E AINDA SAEM FALANDO E FAZENDO MÉRDAS ENTÃO SEJA O PARTIDO QUE FOR SÓ VAI CONSEGUIR GOVERNAR SE NUNCA MAIS DESCUIDAR DESSES SABOTADORES, QUE TEM AS COSTAS QUENTES PARA, ROUBAR, TRAFICAR, CONTRABANDEAR, BANCAR JOGOS ILEGAIS, SONEGAR E ASSIM CONSEGUEM DESTRUIREM TUDO, ESSA HISTORIA DE BRASILIA É ANTIGA E PODE SER COMPÁRADA COM AS MULAS ENQUANDO PEGAM MEIA DUZIA O RESTO FICAM LIVRES PARA PROSEGUIREM... PEGAR OS LADRÕES DE BRASILIA É PRIORIDADE, MAS NINGUÉM PODE FAZER VISTAS GROSSAS PARA OS CRIMES QUE ACONTECEM NA PORTA DE SUAS CASAS BEM DEBAIXO DOS NOSSOS NARIZES. A PRIMEIRA PERGUNTA A FAZER É PORQUE NINGUÉM ATENTA PARA OS MUNICIPIOS, ESTADOS E ATÉ NO JUDICIARIO...

Anônimo disse...

Falou certo acima, comecem a investigar aumentos inconstitucionais em municípios sobre IPTU de até 400%, aí tem coisa feia...