terça-feira, 19 de julho de 2016

Carta Aberta ao Neymar Júnior

Neymar Júnior

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Laercio Laurelli

Olá Neymar! Sabe, sou seu fã e não abro mão! Mas, não gostei que dessem a você o 19º lugar na disputa dos dez melhores jogadores do mundo deste ano de 2016. Você, Neymar, é mais do que isso. Você representa o nosso país tão carente de ídolos que possam e devam refletir a retidão, a bondade, o amor à pátria, a tarefa de combater e destruir a funesta e negativa imagem de um Brasil a mercê da escravidão desta juventude envolvida na violência, nas drogas, afastada do abrigo educacional.

Você, Neymar, representa um vitorioso perante um povo que a cada dia perde a esperança de formar brasileiros dignos e honrados sob o fluxo da soberania da moral, dignidade, conjugados no sentido de representarem a tocha sagrada da educação, movimentada no amor ao próximo, pela reciprocidade da benevolência, caridade, benignidade somada aos deveres que irão refletir no hino da decência posta. Você, Neymar, ajuda a colocar a nação no patamar do orgulho de ser brasileiro por que se garantirá a prudência e a esperança de um Brasil de verdade.

Ajude-nos, por favor, Neymar Júnior! Já pensou que você, pela via do esporte, poderá dar ao Brasil a esperança das verdades sublimes. Poderá extrair do mundo, um olhar mais penetrante e verídico deste esplendoroso país? Significa dizer que, os homens no passado, idealizaram a primeira Olimpíada que tiveram inicio na cidade de Olímpia na Grécia antiga.

Os participantes homens realizavam jogos para homenagear em honra ao Deus Zeus e as mulheres tinham seus próprios jogos em honra à Hera. O vencedor recebia como premio uma Grinalda de Louro ou de folhas de Oliveira, que significavam o maior galardão pela recompensa de glória, honra, distinção, celebridade, dominação de uma grande dignidade.

Neymar Júnior, sei que é de seu conhecimento, que o início dos Jogos Olímpicos antigos ocorreu em 776 A.C; dizem que Coroebus, um cozinheiro da cidade de Elis, foi o primeiro campeão olímpico. Então, Neymar, vamos ajudar o Brasil?

Você pela concentração de uma postura exemplar e pela destreza esportiva que ostenta na modalidade do futebol; e, eu e mais duzentos milhões de brasileiros pelo incentivo de mostrar ao mundo que Neymar Junior é o representante da moral e dignidade do Brasil.

Desculpe Neymar, não temos alternativa. Eu, por exemplo, morrerei feliz se você atender esse apelo e, mostrar ao planeta terra que você é o maior futebolista entre os demais, simplesmente porque sua origem é de um país cujo povo representa a eloquência do bem, em perfeita harmonia com a evidência das ordens de grandeza instituídas pela paz e pelo amor.

Espero que esta mensagem chegue ao seu conhecimento. 

Obrigado. Neymar Júnior!


Laercio Laurelli – Desembargador aposentado do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo ( art. 59 do RITJESP) – Professor de Direito Penal e Processo Penal – Jurista – Articulista – Idealizador, diretor e apresentador do programa de T.V. “Direito e Justiça em Foco” Patriota.

10 comentários:

Luiz Oliveira disse...

Depositar estas esperanças em Neymar? Sério isso? Eu tenho esperanças apenas no Eterno.

Loumari disse...

Mesmo espantoso isso! Deus do céu, agora é um rato saído directo dos esgotos, analfabeto e por cima adepto de macumba, que evoluiu graças ao poder das forças obscuras que é invocado como ídolo para ser o salvador do Brasil e de seu povo? No lugar de invocarem a Deus, único salvador, recorreis aos ídolos? Onde já se viu uma pessoa que estudou tanto, com as mais altas diplomas, se curvar, se humilhar aos pés de um vulgar analfabeto implorando este para que seja seu salvador?

Bem diz a Bíblia:

Porquanto, tendo conhecido a Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe deram graças,
antes em seus discursos se desvaneceram, e o seu coração insensato se obscureceu.
Dizendo-se sábios, tornaram-se loucos,
E mudaram a glória do Deus incorruptível, em semelhança da imagem de homem corruptível, e de aves, e de quadrúpedes, e de répteis. (ROMANOS 1:21)

Embruteceu-se todo o homem e não tem ciência; (JEREMIAS 51:17)

Coisa espantosa e horrenda se anda fazendo na terra.
(JEREMIAS 5:30)


No Brasil estão a caírem todos. Um apôs outro. Para a maior gloria de Satanás.

Anônimo disse...

Exmo Laércio Laurelli...sou seu admirador postagens sempre muito eloquentes e inteligentes mas , lamento lhe informar que Neymar não sabe o que é romantismo... Ele apenas quer mídias e $$$... Eu homem comum qq do povo posso te ajudar... Escreva pra nós qq do povo é esqueça os falsos ídolos da mídia! Eu sou o homem real... tentando todos os dias destruir esse monstro anômico que se apodera de nosso país... Obrigado Laércio... Obrigado Serrão

Anônimo disse...

É... depois dessa espantosa manifestação de um desembargador, aposentado, e por isso mesmo deveria transbordar razão e sapiência, é que entendo o por quê de nossas instâncias judiciais serem o que são.

Anônimo disse...

O desembargador deveria depositar suas esperanças no Judiciário, pois é o pilar da democracia que nos levou ao estado de putrefação que nos encontramos. Credito 100% da corrupção ao Judiciário, se este poder levasse a sério suas atribuições este país não seria este lamaçal. Nossa segurança jurídica é paraguaia.

Julio Almeida disse...

Com todo o meu respeito ao Exmo. Senhor Desembargador e Professor Laércio Laurelli:
Caros conterrâneos brasileiros,
Quanto mais o tempo passa, mais evidencia-se o tamanho da ignorância e do ridículo reinantes nesse país de tendência medíocre e absurdamente hipócrita.
Após ler essa lamentável carta dirigida ao jogador de futebol Neymar Jr., tive a certeza de que essa nação prepara muito mal os seus cidadãos - em especial, aos representantes da (in)justiça brasileira.
Acredito sofrer de algum problema emocional o Excelentíssimo Senhor Desembargador (aposentado) Laércio Laurelli.
Ou esse senhor Laurelli não conhece o Neymar Jr. ou, nem mesmo, o viu atuando em sua vida profissional.
Pedir algo dessa natureza a um menino (quase um moleque) de comportamento duvidoso e com um mínimo de cultura e de educação é surreal e inimaginável.
Não tenho qualquer coisa contra a pessoa do Neymar Jr. - já que não o conheço pessoalmente - porém, sua atitude e seu parecer como atleta brasileiro são a representação real e verdadeira de uma nação inculta, rebelde e grosseira.
São muitos os episódios de sua vida profissional que confirmam esse meu parecer; como exemplos: 1) o total destrato que teve para com o técnico do Santos Futebol Clube, ao vivo e a cores; 2) durante a Copa América, após o término do jogo, em que o Brasil foi desclassificado, ele chutou a bola contra a seleção adversária e foi expulso - isso com o jogo terminado; 3) grosseria em contra de seus companheiros da seleção brasileira enquanto capitão do time, isto é, o doente mental do Dunga o colocou como 'capitão' da seleção brasileira de futebol - aquela mesma seleção que, com total amor e devoção dos jogadores talentosíssimos de outrora, conquistou respeito e admiração por parte de tantos e tantos telespectadores ao redor desse nosso mundo.
Nunca antes o Neymar Jr. demonstrou o mínimo de patriotismo à nação brasileira nem mesmo ao seu povo.
Os jogadores atuais, em sua quase totalidade, são profissionais da fama, do poder e da riqueza - não são atletas representantes de uma nação pentacampeã de futebol.
Hoje em dia, os jogadores desse esporte maravilhoso preocupam-se com o corte de cabelo, com os brinquinhos e pulseirinhas, com a depilação da sobrancelha e do corpo, entre outras vaidades duvidosas; não com a representação de uma nação.
Creio que o senhor Laurelli foi traído por sofrer de depressão ou coisa parecida.
Mais me pareceu ser uma carta entre dois dementes: onde um espera algo do outro.
Devo revelar-lhes que deixei o Brasil há mais de três décadas e considero-me um felizardo e abençoado por abraçar essa oportunidade rara e conveniente.
Desejando a todos vocês, brasileiros e brasileiras, todas as bênçãos de Deus e as graças dos Céus,
Paz ao mundo!

TERMINATOR disse...

Caro Laércio Laurelli. Fala Sério! Neymar??? Eu acompanhava o senhor mas depois desta não perco mais tempo lendo seus textos.

Herman disse...

Caramba! Não acreditava no que os meus viam(liam). Será mesmo que perdi a razão e o bom-senso? Não é possível!... Enlouquecemo-nos todos! Lastimável, sob todos os aspectos, quando os ditos doutos de uma nação se curvam aos ineptos e ignorantes, simplesmente porque são craques em algum esporte ou arte qualquer. O Neymar, muitas vezes, não me foi motivo de orgulho, mas de vexame. Ao compará-lo com o Cristiano Ronaldo, por exemplo, a diferença é abissal. Que exemplo dão esses "artistas" ao povo(particularmente aos jovens) com sua vida escandalosa e nababesca? Depositar qualquer esperança de solução num ídolo do esporte é menosprezar a inteligência dos que mourejam sol-a-sol e fazem o seu trabalho fiel e dedicado no anonimato e na presteza de seus atos. Se tirarem desses ídolos rotos os milhões que recebem, eles definham como bolas de sabão. Curvar a esses ídolos equivale a conceder um título de doutor "honoris causa" a um Lula, por exemplo. "Que país é esse?" Pobres de nós! Carentes de intelectualidade verdadeira, ética e moral....

Old man disse...

Fiquei surpreso com os comentários negativos a respeito da carta do desembargador ao Neymar jor.quando ele afirma que o dito cujo pela concentração de sua postura exemplar e pela destreza esportiva, eu e mais duzentos milhões o consideramos o representante da moral e dignidade do Brasil. É claro que esta carta é de uma ironia refinada, dirigida a nós torcedores,que consideramos o patriotismo brasileiro está na ponta das chuteiras, dos jogadores mercenários bilionários, alguns até naturalizados para não mais necessitarem ser convocados para defender a seleção brasileira de futebol. Depois da vergonhosa apresentação da seleção brasileira no último campeonato mundial no brasil, nosso patriotismo deixou de ser prioridade no futebol.

Loumari disse...


Old man, queira por favor ler e reler os oito (8) posts ali acima e lhe sugiro de abrir bem grande os seus olhos para você ver e constatar onde a verdade, a verdadeira verdade se manifesta e como! Todos como sintonizados exactamente na mesma frequência e a entoarem a mesma versão sem ambiguidade. Seus comentários são cristalinos, límpidos, dignos de altruístas, clarividentes e conselheiros acertados e não vacilam face a verdade porque a verdade é a rocha que lhes tem consolidado a sua intelectualidade.
Old man, os seus argumentos são para boi dormir. E nós não somos bois. Somos a letra, o juízo, a luz que não se deixa abafar com mentirinhas de um velho desmiolado que se julga sábio sendo ele já louco.
Para safar-se da asneira sai com escusas em como foi uma manobra estratégica? AH AH AH!