segunda-feira, 18 de julho de 2016

Conversa Mole


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira

Agradeço aos amáveis leitores sua indulgência a minhas falhas, abusos e idiossincrasias.

A idade reforça nossos muitos defeitos e poucas qualidades.

A neurastenia está no limbo. Ora defeito, ora qualidade.

Quando um chefe militar diz que “as instituições estão funcionando”, fico contente. Não porque concorde com o dito mas, por saber que temos os melhores generais do mundo, sei também que a dissimulação faz parte de sua segunda natureza.

Por outro lado, quando um idiota (ou mal intencionado) diz a mesma coisa, já sei que devo tomar cuidado.

No meu atual estágio psicológico, não tolero mais: comida fria, mulher feia nem homem “bonzinho” (idiota politicamente correto).

O tempo de vida é a coisa mais valiosa que temos. Por que desperdiçá-lo com assuntos, pessoas e coisas aborrecidas?

Prefiro conversar com um louco do que com bocós. Na minha infância havia uma categoria superior de bocós: o bocó de mola !

Que saudades de outros adjetivos: pascácio, parvo, papalvo e pacóvio !

Já o tantã é um tipo à parte. Penso que é uma pessoa inapta para o convívio social civilizado; pode ter uma vida “normal”, ficar rico, etc. No entanto faz perguntas desagradáveis, veste-se inadequadamente para a ocasião e é indiscreto.

Tenho especial horror aos “reis da cocada preta”.

Conheço um apelidado de "Professor de Deus".

Ainda mais velho, preferirei morrer fulminado a ouvir uma conversinha.


Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

2 comentários:

Loumari disse...

Llora Brasil por tus ofensas a la santa madre.
Llora Brasil, llora y con este suelo, llorará el mundo entero.

LA CONVULSIÓN NO ES MIRADA POR QUIEN NO CREE Y SE AMPARA EN UNAS PALABRAS…
ESTO HA SUCEDIDO SIEMPRE.

¡CÓMO LAMENTARÁN ESTAS CRIATURAS MÍAS EL NO HABER OBEDECIDO A TIEMPO Y A DESTIEMPO!

Los enemigos del alma han tomado las debilidades humanas para destruir lo que es Mío. En este instante, los Míos han llegado a ser criaturas desconocidas e irracionales, sin recordar Mi Voluntad, a sabiendas que el corazón del hombre le lleva a ser un mendigo o un héroe, no por su valentía sino por su espiritualidad, por el vivir la Voluntad Divina.

Argentina, no posees riquezas, la agitación crece, los murmullos se levantan y son gritos en las calles. El pueblo sabio teme la represión de los agitadores. Al amanecer serán las intrigas. ¡Oh Argentina!, tierra de escritores y de cantos, las voces se ahogarán en el lamento que padecerán injustamente. Les pedí entrega y la mezquindad ganó, llorarán ante la desobediencia, las turbas entrarán al Palacio en busca de artículos de valor.

https://youtu.be/Yfkd_LvqSWg

Sebastiao Arcarde disse...

Entendo os defensores do comunismo, como; alguém desejando comer o pão do outro,
deixando apenas es migalhas`quem realmente o produz ...!