sábado, 24 de setembro de 2016

Futuca Mão na Cumbuca


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira

Não sei se é uruca ou se o boi está lelé da cuca.

Depois de tanta muvuca, suicidar-se-á com tiro na nuca ?

Preparou a própria arapuca; está, em de bico, sinuca.

Desmorona a imagem do touro?

Ao primeiro calor derrete, como manteiga, diante de situação meiga ?

A situação exige um neologismo.

Estamos todos com a síndrome do sacocheismo.

A economia à beira do abismo e os banqueiros felizes com o continuísmo.

É necessário um grande sismo, terremoto de grandes proporções, para esclarecer o caso, do excelso Daniel entre leões.

Aí babau! Sobrará pra vovozinha e pro lobo mau.

Enfim, pros que pensam chegar à gloria, recomendo que estudem um pouco de história.

O profeta desarmado perece e o malvado belicoso prevalece.

Da primeira rasgadinha da constituição ninguém esquece.

Depois, traições sem fim. Parece coisa de um malvado chupim.

Escravos de Jó jogavam caxangá; tira, põe, deixa ficar!

Guerreiros com guerreiros fazem zig,zig, zá,

Antes do merdelê final, comeremos perú no Natal?

Ou então, merda, à sombra do elevador Lacerda.


Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

Nenhum comentário: