segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

Ouvidoria-Geral da Petrobras abre processo para apurar denúncia de investidores contra a Gemini


Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Milagres pós-Lava Jato se multiplicam, enquanto o Judiciário foca atenção na guerra entre 27 facções criminosas! Em menos de uma semana, entre o final de 2016 e o início de 2017, a Ouvidoria-Geral da Petrobras registrou em seu Canal de Denúncia duas gravíssimas e detalhadas acusações contra a Gemini – sociedade da qual a empresa detém 40% das quotas e a White Martins, com 60% das quotas, é a sócia majoritária.

Pela primeira vez, a Petrobras se dispõe a explicar os impressionantes desmandos relativos à Gemini, desmandos esses que foram totalmente negligenciados pelos integrantes de seu Conselho de Administração à época em que o mesmo era presidido por Dilma Rousseff e por Guido Mantega. O citado registro no Canal de Denúncia é da maior importância, pois, por meio dele, o denunciante pode verificar o andamento de sua denúncia e, também, inserir informações complementares.
O primeiro processo registrado foi aberto a partir da denúncia do geólogo Ivo Marcelino, que focou a analogia entre a sociedade Gemini e outra sociedade da qual a Petrobras era sócia minoritária, a Braskem. Tal analogia era caracterizada pelo fato de a Petrobras fornecer matéria-prima a preços subsidiados para sociedade da qual ela era sócia minoritária. A denúncia de Marcelino deu origem ao artigo “A Gemini, quem diria, pode acabar na Lava Jato” (publicado no Alerta Total em 19 de dezembro de 2016) e levou o conselheiro Francisco Petros a encaminhá-la para o devido registro na Ouvidoria-Geral da Petrobras, órgão que tem a atribuição de apurar tal tipo de denúncia.

O segundo processo registrado no Canal de Denúncia foi originado de denúncia da Associação dos Investidores Minoritários (AIDMIN), que deu especial destaque ao caso do suspeitíssimo Acordo de Quotistas da Gemini assinado em janeiro de 2004. A propósito, conforme o Alerta Total vem denunciando há anos, referido Acordo, na avaliação de qualquer pessoa de inteligência mediana, é uma autêntica Rapinagem Anunciada.

Na denúncia inicial da AIDMIN, vale citar os seguintes trechos:

“Interessante notar que Dilma Rousseff – a mesma presidente do Conselho de Administração da Petrobras que afirmou que só aprovou a compra da refinaria de Pasadena por ter analisado um relatório enganoso no qual foram omitidas duas determinadas cláusulas contratuais – se recusou a analisar a flagrantemente lesiva cláusula 3.2 do Acordo de Quotistas da Gemini firmado em 29 de janeiro de 2004. Tal cláusula deixa a Petrobras indefesa, passível de ser submetida a gigantescos prejuízos, em favor da White Martins, conforme foi didaticamente a ela explicado.”

“Ainda sobre referido Acordo de Quotistas, é de se salientar que quem o assinou foi o presidente da White Martins, Domingos Bulus, que acumula tal cargo com o de presidente da Praxair South America e o de senior vice president da Praxair Inc. – a proprietária da totalidade das quotas da White Martins.”

“O fato acima relatado demonstra uma autêntica contradição moral: enquanto a U.S. Securities and Exchange Commission – SEC faz uma devassa na Petrobras para que seus cidadãos sejam ressarcidos de prejuízos causados por nossa ‘minoria desonesta e criminosa’, um poderoso grupo norte-americano se enriquece ilicitamente em detrimento da empresa, sob as vistas complacentes de seu Conselho de Administração.”

Tendo sido registrada a denúncia da AIDMIN no Canal de Denúncia, foi aberto o caminho para incluir informações adicionais. Assim, em 5 de janeiro de 2017, a AIDMIN encaminhou novo documento à Ouvidoria-Geral da Petrobras, colocando-se à disposição para colaborar com as investigações levadas a efeito contra a Gemini. A AIDMIN, inclusive, especificou os aspectos das investigações nos quais poderia ser especialmente útil, a saber: transporte do Gás Natural Liquefeito (GNL), venda do GNL a empresas pertencentes ao grupo da sócia White Martins e Acordo de Quotistas contendo cláusulas altamente lesivas à Petrobras.

Nesse novo documento encaminhado à Ouvidoria-Geral, a AIDMIN escancarou o inadmissível conflito existente entre os dois sócios, esclarecendo que a White Martins instigou, de maneira traiçoeira, o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE) a dobrar uma multa aplicada à Petrobras.

A AIDMIN esclareceu, também, que referido ato traiçoeiro, feito gratuitamente para prejudicar a sócia Petrobras, foi levado a efeito no Embargo interposto pela White Martins contra a decisão proferida pelo CADE no Processo Administrativo nº. 08012.011881/2007- 41,

A AIDMIN esclareceu, ainda, que no caso, a Petrobras havia sido multada em R$ 15.262.683,88 por ser primária, e a White Martins, havia sido multada em R$ 6.214.166,05 – valor determinado após a duplicação do que seria sua penalidade. Isto, por ter sido a White Martins considerada reincidente na prática de atos anticompetitivos.

Finalizando sua manifestação, a AIDMIN informou que, traiçoeiramente, nos itens 28 e 29 do citado Embargo (cujo endereço eletrônico vai ao final) a White Martins compeliu o CADE a dobrar a pena da Petrobras, o que lhe acarretará uma multa adicional de mais de quinze milhões de reais.
A seguir, a desleal manifestação da White Martins, que, inclusive, destaca a violação do “princípio constitucional da isonomia”:

“Sobre o mesmo tema, a decisão é mais uma vez omissa no que concerne à aplicação da pena de reincidência à Petrobras, na medida em que a Liquigás Distribuidora S/A, do mesmo grupo econômico da Petrobras, foi condenada no Processo Administrativo nº. 08000.009345/1997-82 em 12 de março de 2014, causando surpresa à Embargante que a decisão lhe tenha indevidamente aplicado tal penalidade e, por outro lado, se omitido sobre a condenação (e reincidência) da Petrobras.”

“Tal omissão deve ser imediatamente sanada por esse E. Tribunal, na medida em que viola até mesmo o princípio constitucional da isonomia ao aplicar tratamento desigual entre as Representadas.”

Diante do que foi relatado nas denúncias do geólogo Ivo Marcelino e da AIDMIN, é impossível alguém ter dúvidas sobre a gravidade da situação.

Relativamente ao “princípio constitucional da isonomia”, trazido à discussão pela White Martins para aumentar a penalidade aplicada à Petrobras pelo CADE, serão apresentados os dois fatos a seguir enumerados para, apoiado neles, chegar à inquestionável conclusão.

1 – a Operação Lava Jato aplicou forte penalidade na sócia majoritária (Odebrecht) da Braskem pelo fato de a mesma estar se beneficiando do fornecimento pela sócia minoritária Petrobras da matéria-prima Nafta a preços favorecidos.

2 – ficou comprovado pelo CADE que a Gemini está se beneficiando do fornecimento pela sócia minoritária Petrobras da matéria-prima Gás Natural a preços favorecidos.

Conclusão: Em atenção ao “princípio constitucional da isonomia”, a Petrobras deveria solicitar à Operação Lava Jato que investigue a razão de a White Martins ter gozado de privilégios semelhantes aos da Braskem. 

Por fim, o endereço eletrônico do Embargo citado em que a White Martins “dedura” a Petrobras:

http://sei.cade.gov.br/sei/institucional/pesquisa/documento_consulta_externa.php?T8tkDqPnq2qMxhkZn-Ea-Y62U--s7yF9s3iMrmW9nlxaThQt_3Ad6IkwTI-_cHbDsLutHqTQeuYDO5GrMxcWJg,,

Releia o artigo de domingo: Muito além da repatriação de grana

Problema de quantidade


Errou...




Orgulho do Exército

Viraliza nas redes sociais o vídeo sobre a Academia Militar das Agulhas Negras: ação de comunicação do Exército


Colabore com o Alerta Total

Os leitores, amigos e admiradores que quiserem colaborar financeiramente com o Alerta Total poderão fazê-lo de várias formas, com qualquer quantia, e com uma periodicidade compatível com suas possibilidades.

Nos botões do lado direito deste site, temos as seguintes opções:

I) Depósito em Conta Corrente no Banco do Brasil.
Agência 4209-9, C/C: 9042-5, em favor de Jorge Serrão.

II) Depósito em Conta Poupança da Caixa Econômica Federal ou em agências lotéricas: 2995 013 00008261-7, em favor de Jorge Serrão.

OBS) Valores até R$ 9.999,00 não precisam identificar quem faz o depósito; R$ 10 mil ou mais, sim.

III) Depósito no sistema PagSeguro, da UOL, utilizando-se diferentes formas (débito automático ou cartão de crédito).

IV) Depósito no sistema PayPal, para doações feitas no Brasil ou no exterior.

Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 10 de Janeiro de 2017.

21 comentários:

Anônimo disse...

O ministro não combate, mas sim comanda o crime organizado... Parem olhem e escutem, vejam que a venda e o uso de drogas é livre em todo território... QUEM QUIZER TENTE UMA DENUNCIA, NOS MUNICIPIOS AUTORIDADES FAZEM PARTE E LUCRAM MUITO, VEREADORES, PREFEITOS, POLICIAIS, PROMOTORES, JUIZES, DESEMBARGADORES ESSES SÃO O CRIME ORGANIZADO, JUNTO COM O CONTRABANDO E OS JOGOS ILEGAIS ELES LAVAM A ÉGUA E A MAÇONARIA LAVA O DINHEIRO SUJO...SEJAM COVARDES E NÃO DENUNCIEM...

Anônimo disse...

PMDB contra Janot
Brasil 09.01.17 08:19
O PMDB está manobrando para impedir que Rodrigo Janot seja reconduzido à PGR em setembro.

Renan Calheiros e Romero Jucá já encontraram um nome para ocupar o cargo.
O ABTAGONISTA

Anônimo disse...

O golpe do PT no Piauí
Economia 09.01.17 08:15
Por favor, leiam o que diz reportagem do Valor:

"Às vésperas do recesso parlamentar e sob forte esquema de segurança, o governo do Piauí conseguiu a aprovação do Legislativo para uma emenda constitucional que limita por dez anos os gastos do Estado, um dos mais pobres do país. O projeto, intitulado de "Novo Regime Fiscal", foi uma iniciativa do governador Wellington Dias, do PT, partido que fez dura oposição à 'PEC dos gastos' do governo federal."

É golpe.

O Antagonista acha que o povo piauiense deveria ir às ruas "protestar".
O ANTAGONISTA

Anônimo disse...






O Brasil é um trem descarrilhado (2)
Economia 09.01.17 07:57
O governo decidiu que concessionárias que abraçarem novos investimentos em ferrovias pelo país poderão "fazer dinheiro" vendendo ou reciclando vagões abandonados pela antiga rede estatal, informa O Globo.

Esses vagões viraram polos de multiplicação de mosquitos da dengue ou locais de consumo de crack, acrescenta a reportagem.

Agora vai.
O ANTAGONISTA
PS - ESSE E O PLANO DELES CORTAR GASTOS E BENESSES DE SUAS EXCRESCENCIA NEVER. NEVER. NEVER. SE CORTAR ELES NAO VAO CONSEGUIR MAIS GOVERNAR. ESTA E A SITUAÇAO DA POLITITITCA BRASILEIRA.

Anônimo disse...

O Brasil é um trem descarrilhado
Economia 09.01.17 07:54
A Rumo ALL, empresa do Grupo Cosan que administra dois portos secos em Uruguaiana e Sant'Ana do Livramento, decidiu sair do negócio e devolver a permissão dada pelo governo federal para prestar o serviço.

As operações serão encerradas em 31 de janeiro, informa o Estadão.

O Ministério dos Transportes jogou o problema para a ANTT.

Em breve, aposta O Antagonista, alguma autoridade virá a público dizer que está "tudo sob controle".
O ANTAGONISTA

Anônimo disse...

http://rvchudo.blogspot.com.br/

As indenizações a assassinos.
domingo, 8 de janeiro de 2017

As indenizações a assassinos.

A família de Rafael Moreira Silva será indenizada pelo Estado do Amazonas. A família do senhor que ele matou em um assalto quando voltava da igreja não foi.

A família de Raijean Encarnação Medeiros Será indenizada pelo estado do Amazonas, As famílias dos menores que ele aliciou e das mulheres que ele estuprou não foram.

A família de Errailson Ramos Miranda será indenizada pelo estado do Amazonas. A fampilia da garotinha de 4 anos que ele estuprou e degolou não foi.

A família de Francisco Pereira Pessoa Filho será indenizada pelo Estado do Amazonas. A família da menina de 14 anos que ele estuprou e matou com 15 facadas não foi.

A família de Artur Gomes Peres Junior será indenizada pelo Estado do Amazonas. As suas 15 vitimas de estupro e contaminação com HIV não foram.

Esse é o retrato do nosso Brasil do século XXI. O retrato perfeito do ideal de Marcuse. Um País cartilhado pela escola de Frankfurt. Aqui nessa república de bananas, de povo sem voz e sem vez, ser bandido virou profissão.
SOMENTE PARTE DO ARTIGO

Anônimo disse...

domingo, 8 de janeiro de 2017
Igualdade entre civis e militares

É fácil dizer que todos têm de ser iguais
Luiz Eduardo da Rocha Paiva

Tenho visto na mídia muitos "entendidos " e "senhores da verdade" dizerem que as reformas da Previdência têm que ser iguais para todas as profissões.

Minha opinião é que o Tesouro Nacional não pode arcar com prejuízos acima dos que sejam sustentáveis e, assim, é possível que tenha de ser feito algo para atualizar descontos e/ou implantar outras medidas, em todas as carreiras, inclusive a militar. No entanto, carreiras distintas jamais poderão ser tratadas de forma igual, pois igualdade nunca foi sinônimo de justiça. Aliás, a legislação que ampara as pensões militares não é a da Previdência, portanto, os militares nunca poderíam ser incluídos nessa reforma previdenciária.

Porém, digamos que "entendidos" e "senhores da verdade" estejam certos e que todos devam ser tratados de forma igual para fins de "aposentadoria". CONTINUA...




Anônimo disse...

A CASA DA MAE JOANA CONTINUA II
Nesse caso, proponho igualar, não a profissão militar às civis,
mas sim estas à militar.
Dessa forma, a partir de hoje:
- as profissões civis não poderão mais se sindicalizar, nem fazer greve;
- os civis não receberão gratificações por horas extras;
- o horário de trabalho não será fixado em 8 horas diárias, podendo se estender de acordo com as determinações dos chefes ou a necessidade do serviço;
- haverá serviço de escala diário, inclusive nos finais de semana, sem remuneração e sem compensação de repouso;
o trabalho não terá mais uma cidade fixa, pois o Brasil será o "local de trabalho" de todos (se a família não puder ir, "dane-se" o prejudicado); CONTINUA..

Anônimo disse...

A CASA DA MAE JOANA CONTINUA III

- todos serão responsáveis diretos na defesa do Brasil, assim, os civis deverão cumprir algumas semanas durante o ano em atividades de instrução militar, sem direito à gratificação de risco de vida, mesmo em atividades com explosivos ou em terrenos como selva, montanha, etc;
- em casos de emergência, poderão ser utilizados, também, na segurança interna em missões de garantia da lei e da ordem, de segurança pública ou defesa civil;
- os civis deverão descontar para aposentadoria, mesmo depois de aposentados e pelo resto da vida;
- até completar 68 anos, os civis poderão ser chamados de volta ao trabalho, em caso de necessidade;
- todos terão um Regulamento Disciplinar com mais de uma centena de regras e, se deixarem de cumpri-las, poderão ser punidos com repreensão, detenção ou prisão disciplinar (a permanente reincidência poderá gerar expulsão da carreira, sem remuneração, após o devido julgamento em tribunal específico);
- a apresentação e a conduta individual, no trabalho e nas ruas, deverão primar pela sobriedade, portanto, cuidado com os traje, gestos e manifestações individuais;
- os estudantes que colarem ou fizerem greve serão expulsos dos estabelecimentos de ensino;
todos os civis estarão sujeitos ao "serviço civil obrigatório", após os cursos técnicos ou superiores que fizerem, de modo a diminuir a deficiência de pessoal nas áreas mais carentes do Brasil, inclusive, na Amazônia; CONTINUA...

Anônimo disse...

A CASA DA MAE JOANA CONTINUA IV

- se não fizerem cursos de aperfeiçoamneto, não serão promovidos aos cargos superiores, nem terão seus vencimentos corrigidos a maior do que os reajustes normais e não poderão acumular gratificações;
- no trato com superior hierárquico ou funcional, deverão chamá-los de "senhor", ceder-lhes assentos, prioridades em situações diversas e outras regalias e, estarão sujeitos a sanções disciplinares caso se exaltem com eles em eventuais atritos; e ...
... cansei.
Por outro lado, as lideranças, que foram tão celeres em exigir sacrifícios, primeiro deveríam dar o exemplo. Isso seria uma forma de minimizar um pouco a responsabilidade que têm por terem quebrado e afundado o país.
Os três Poderes da União, precisam saber que o exemplo vem de cima e que, sem ele, não convencerão a nação a aceitar sacrifícios. A sociedade tem consciência de que arcará com um pesado ônus para ajudar o Brasil a sair do abismo, mas exige que as lideranças apertem, e muito, os próprios cintos. Nos altos escalões do serviço público existem megassalários turbinados por benesses complementares, cuja legalidade sem legitimidade afronta a justiça e espolia o contribuinte.
Antes de modificar as regras da previdência ou aumentar impostos, cujas consequências mais pesadas recairão nas classes médias e inferiores, a liderança nacional tem que cortar na própria carne.
Congele, temporariamente, os reajustes salariais nos mais altos escalões, diminua a diferença de vencimentos entre os graus hierárquicos e busque a isonomia entre servidores de mesmo nível lotados em diferentes Poderes. Normatize a concessão de direitos especiais, mantendo apenas os justificáveis, pela necessidade e legitimidade. CONTINUA....

Anônimo disse...

CASA DA MAE JOANA CONTINUA V E TERMINA
Reestude a concessão e o valor desses direitos especiais como: passagem aérea gratuita; transporte em aeronave oficial; cota gratuita de combustível; transporte terrestre gratuito; indenização para pagamento de auxiliares de gabinete; indenização para remessa de correspondência; aposentadoria após dois mandatos de deputado; planos de saúde privilegiados; auxílios paletó, ensino e moradia, este último a quem tenha residência própria ou disponibilizada; e outras mordomias inexplicáveis.
São vencimentos indiretos para quem já se encontra no topo da pirâmide salarial, muitos deles pagos em todos os estados da Federação. A economia feita com a revisão desses megavencimentos e privilégios não resolverá a crise econômica do país, mas é a única forma de conferir base moral ao governo para pedir ou impor sacrifícios aos demais setores da sociedade, alguns sem reservas para cortar.
Isso é utopia, dirão muitos, pois a liderança pensa apenas em seus interesses e não no bem da nação. Têm razão em pensar assim. Não se espera espírito público em uma liderança patrimonialista e corrompida, que afronta a nação com mentiras ao explicar suas manobras para usurpar o tesouro nacional em benefício próprio.
Infelizmente, essa doença moral também contaminou a sociedade, que perdeu referenciais de dignidade ao ser submetida a uma sistemática orquestração contra os valores morais, sociais e cívicos. A cura não virá de partidos políticos desmoralizados e descompromissados ou de eleições incapazes de aperfeiçoar, por si só, a democracia como se tenta iludir a nação. Um choque de valores terá de vir da sociedade, ser aplicado nela própria, assimilado pelas famílias e por um sistema educacional moral e profissionalmente recuperado, capaz de formar cidadãos íntegros e cientes de suas responsabilidades cívicas.
Então, como ter esperança? Ora, essa liderança falida não tem mais certeza da impunidade e a sociedade, não mais omissa, exige que os envolvidos em corrupção e gestão populista predatória sejam punidos, estejam ou não no poder. Por singela que seja a explicação, a operação Lava Jato despertou a esperança de um país mais digno e justo no futuro. Não ousem pará-la.
Anação permaneça nas ruas e deixe bem clara a mensagem. Querem sacrifícios? Deem-nos exemplo e esperança.
Luiz Eduardo da Rocha Paiva é General de Brigada, na reserva.

Anônimo disse...

Puteiro Nacional
http://jurema-cappelletti.blogspot.com.br/

Como já virou moda, e entrando para os modismos, peço desculpas às putas, pois elas não são como nossos 'representantes" e não merecem ser comparadas a essa nojenta escória nacional.

Quanto aos "trabalhos", lamento muito por elas, pois é bastante parecido. Enquanto elas vendem o corpo, trocando o prazer por algumas migalhas, "eles" se vendem por diversas vantagens ... e são mais caros.

É tudo uma 'putaria' só!

E quem paga somos nós!

A partir de hoje haverá um novo layout do blog, mais de acordo com o que anda acontecendo em Brasília e que está nos levando a ficar cheios dessa enorme patifaria que está se disseminando pelo país afora, em todos os níveis.

O exemplo vem 'de cima'!

Anônimo disse...

https://4.bp.blogspot.com/-gielae_JDYQ/WHNtSMZifBI/AAAAAAAA-s4/bIqtX2jsCmw1nx6RQIDGA1xJaJsASpaJwCLcB/s1600/FANTASIAS%2BLULISTAS%2B%2528ROUPAS%2529.jpg
IMAGEM DO http://jurema-cappelletti.blogspot.com.br/

Anônimo disse...


domingo, 8 de janeiro de 2017
http://mundosujo-tikal.blogspot.com.br/

MORTE em Manaus - A verdade não contada!
https://youtu.be/gfwOKKMI6aU

Anônimo disse...

domingo, janeiro 08, 2017
http://aluizioamorim.blogspot.com.br/

DETONANDO AS MENTIRAS DA GRANDE MÍDIA: A VERGONHOSA DESORDEM E A INSEGURANÇA MANIPULADAS PELO ESQUERDISMO SALAFRÁRIO AMEAÇAM O BRASIL.

Os leitores mais atilados sabem que o ano de 2016 foi marcado pelo voo fatídico do passaralho sobre a redação da revista Veja. Sobrou apenas o blog do Felipe Moura Brasil. Posteriormente, deu-se a refrega eleitoral presidencial nos Estados Unidos quando Donald Trump foi o grande vencedor e será empossado no próximo dia 20 deste mês. Esse evento serviu para mostrar que dos "coleguinhas" da dita grande mídia, com exceção de Felipe Moura Brasil, não sobrou ninguém.

A vitória de Trump fez sumir os já pálidos traços do verniz de suposta honestidade jornalística que ainda segurava meia dúzia de faladores e escrevinhadores de televisões jornais e revistas. Todos - com exceção de Felipe Moura Brasil - continuam mentindo descaradamente em televisões, jornais e revistas e para isso contam com o concurso dos "universitários'', aqueles intelectualóides de latrina que mamam nas tetas das universidades brasileiras para promover a lavagem cerebral do alunado destinada a transformá-los em andróides a serviço da causa comunista do século XXI e embalada pela novilíngua do pensamento politicamente correto. Essa gente compõe a "esquerdalha" desesperada com a vitória de Donald Trump, sobretudo com a guinada conservadora nos Estados Unidos e na Europa. Ninguém suporta mais tanta iniquidade, violência e terrorismo, as bestiais táticas de guerrilha urbana levada a efeito pelo neocomunismo do século XXI por meio da "guerra cultural" operada pela grande mídia, escolas e universidades.

Há pouco ouvia pela rádio CBN/Globo aquele programa do William Waack promovendo um debate com os tais "pensadores" das universidades destinado a analisar aquilo que denominam "crise carcerária". E tome laudatória de viés esquerdista e portanto criminosa, quando se sabe que em questão de segurança pública o Brasil é uma indecência, mormente depois que a dita grande mídia e seus jornalistas amestrados passaram a ser arautos da deletéria engenharia social que eleva à categoria de vítimas os algozes do povo brasileiro. Me refiro àquele estrato que trabalha, estuda e defende a lei, a ordem e clama por segurança e continua à deriva vivendo no dia a dia uma verdadeira roleta russa.

O vídeo que ilustra este post é de autoria de Felipe Moura Brasil. Vale mais do que mil programas da Globonews. E não necessito escrever mais sobre isso. Não deixe de ver com atenção o vídeo e de compartilhar intensamente nas redes sociais.
https://youtu.be/1IGwlh8E8Wg
Aluizio Amorim às 1/08/2017 02:10:00 AM

Sérgio Alves de Oliveira disse...

Sem dúvida alguma o"Alerta Total" está sendo mais eficaz que a Polícia federal e o Ministério Público Federal na apuração de certos fatos ilícitos envolvendo corrupção na Petrobrás.

Anônimo disse...

Tem havido comentarios por aí que o TERROR VERMELHO ESTARIA ATUANDO NAS PRISÕES PARA DISTRAIR DA PRISÃO DE LULA...
Enquanto isso, ficariam ocupando tempo com outras coisas, será, AA?

Anônimo disse...

09 de Janeiro de 2017
http://www.diariodopoder.com.br/
O Congresso Nacional gastou, em 2016, R$ 230 milhões com a Cota Para o Exercício da Atividade Parlamentar (Ceap), a chamada verba indenizatória. Na Câmara, foram torrados R$ 209,38 milhões para bancar as atividades dos 513 deputados federais, como consultoria, assessoria, aluguel de escritório, passagem aérea, segurança, entre outros. No Senado, suas excelências gastaram R$ 21,21 milhões.

A dinheirama seria suficiente para comprar 2.875 casas do programa Minha Casa, Minha Vida ou 7.700 carros populares.

No Senado, Randolfe Rodrigues (RD-AP) gastou R$ 456 mil, Telmário Mota (PDT-RR), R$ 447 mil, e Paulo Rocha (PT-PA), R$ 446 mil.

Os deputados mais gastões: Rocha (PSDB-AC), R$ 561 mil; Hiran Gonçalves (PP-RR), R$ 544 mil; Silas Câmara (PRB-AM), R$ 518 mil.

O valor milionário é custeado com dinheiro público. O parlamentar apresenta nota fiscal dos serviços e é ressarcido pelo Congresso.

O ex-deputado cassado Eduardo Cunha começou 2017 ainda preso em Curitiba, mas deposita enorme esperança em conseguir liberdade com o pedido de habeas corpus em análise no Supremo Tribunal Federal (STF). Cunha sonha em deixar o Complexo Penitenciário de São José dos Pinhais já no próximo dia 8 de fevereiro, quando a presidente da Corte, ministra Cármen Lúcia, colocará o caso para análise do plenário.

As regalias no Congresso dão inveja a países ricos. De 81 senadores, apenas 15 não recebem auxílio-moradia ou imóvel funcional. Três são do Distrito Federal. Quem recebe auxílio ganha R$ 4.300 por mês.

Anônimo disse...

Não entendo a surpresa. Só agora as autoridades ficaram sabendo das condições das penitenciárias? Só agora deram créditos aos avisos dos setores de inteligência sobre as rebeliões? Só agora vão tomar uma medida - construir mais presídios - para ter mais rebeliões? Os valores pagos por preso em Manaus se fossem usados para uma educação de bom nível, não teria um resultado positivo e diminuição da criminalidade? A administração pública no Brasil só toma iniciativa depois do prejuízo. O importante é aparecer na TV com ar de todo poderoso, enriquecer e ter mais mordomias. O povo? Que se dane e pague o pato.

Anônimo disse...

FODAM-SE "SEUS" ABUTRES E PSICOPATAS DAS ESQUERDAS!
Naturalmente ALUCINADOS E HISTÉRICOS, os esquerdóides estão PUTÉRRIMOS DA VIDA, pois perderam o Paraguai, apesar do protestos dos PEÇONHENTOS daqui do PT e doutros!
Depois, em 2016 caem os ex otarios, Argentina e Brasil - DESGRAÇA TOTAL para o FORO DE SÃO PAULO, cujo titular foi prás "prefundas" e ficou suas fezes, o perturbado da cachola - o Mula!
Preparem-se "seus" FURIBUNDOS ESQUERDOIDOS para os próximos a rolarem: são Honduras, Chile, Equador, França, Alemanha para 2017 e Maduro já está preparando as malas - seu reinado chegou ao fim!
Basta só o hómi de cabelo vermeio entrar que o detergente à base de soda cáustica será liberado para a ASSEPSIA GERAL E IRRESTRITA!
Não dorme bem, Soros? Aumente os soníferos!
F Castro morreu DESESPERADO ao prever o fim do cãomunismo!

Anônimo disse...

Não demorará muito e vão querer que as Forças Armadas recebam presos em seus quartéis.