domingo, 7 de maio de 2017

“Lula locuta est; causa finita est”


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Milton Pires

“Pelotas exporta veado”...

Associações de gays, lésbicas, travestis, pedófilos, pessoas que transam com cadáveres, árvores, lagartixas ou seja lá o que for em silêncio absoluto.

“Cadê as mulher de grelo duro?”

Feministas histéricas, nazi-sexistas, psicopatas do aborto, mulher que come placenta ou bebe seu próprio leite em silêncio absoluto.

“Eles que enfiem o processo no cu”...

Associações de juízes alternativos, advogados da maconha, procuradores-cheiradores ou seja lá o que for em silêncio absoluto

“Se eu voltar, vou mandar prender os jornalistas”

Associação Brasileira de Imprensa, Repórteres, locutores de rádio, jornalistas de ONGS, repórteres livres ou seja lá o que for em silêncio absoluto.

“Lula locuta est, Causa finita est”


Milton Simon Pires é Médico. Editor do Ataque Aberto.

3 comentários:

Anônimo disse...

Uma revelação da História (I)

Em vídeo difundido pelas redes sociais [veja-o aqui], um sacerdote católico espanhol, Pe. Santiago Martin, [foto abaixo] relata e ilustra com trechos de filmagens e fotos a espantosa violência do regime chavista de Maduro contra a população esfomeada da Venezuela.

Apesar da tirânica repressão do governo Maduro contra as manifestações populares, multidões continuam saindo às ruas para protestar contra o governoEssa violência contra a parte mais indefesa da população não é apenas passiva (as crianças e idosos que morrem por falta de assistência, falta de remédios, vítimas de doenças, fome ou inanição). É uma violência também ativa, como ilustra o mencionado vídeo, que transmite o espancamento de menores por soldados bolivarianos da ditadura de Maduro.

Esses fatos mais ou menos chegam ao conhecimento de todos os brasileiros que lhes deem um mínimo de atenção. Mas o sacerdote que difundiu esse vídeo-denúncia ressalta um fato irretorquível, satânico: a cumplicidade silenciosa de todos os poderes da Terra com a ditadura de Maduro, como ocorreu também em relação à ditadura de Fidel Castro em Cuba e à de Chavez também na Venezuela. O sanguinário Castro morreu celebrado pelas mídias como um herói. Foi visitado por três Papas, prestigiado pela maioria dos governos ocidentais, e jamais foi seriamente incomodado pelos Estados Unidos depois da crise dos mísseis, em 1962.

O sacerdote que comenta os fatos é muito cauteloso ao perguntar por que os episcopados (ao menos os latino-americanos…!) não se pronunciam, nem outras instâncias da Igreja.

Sejamos claros: o que fez a mais alta instância da Igreja? Esse silêncio clamoroso, injusto, aberrante é uma vergonha que ficará para todo o sempre na História como sinal da conivência dos mais altos representantes de Nosso Senhor Jesus Cristo em relação a um regime ateu, marxista, despótico, arrogante e assassino.
Apesar da tirânica repressão do governo Maduro contra as manifestações populares, multidões continuam saindo às ruas para protestar contra o governo

Apesar da tirânica repressão do governo Maduro contra
as manifestações populares, multidões continuam saindo às ruas para protestar contra o governo

A cumplicidade, entretanto, não é apenas dos governos nem da grande maioria dos bispos latino-americanos. É também de uma sociedade ocidental toda voltada para a busca desenfreada dos prazeres. O vício da televisão serve-lhe de anestésico para ver com olhos de otimismo e inalar como banquetes as mentiras e distorções da mídia conivente com as esquerdas de todos os matizes. Claro, em tudo isso sempre existem as honrosas exceções que desde já é preciso ressalvar…

Durante cerca de meio século, uma associação cívica constituída por leigos católicos percorreu o Brasil — “do Prata ao Amazonas, do mar às cordilheiras”, como proclamava o hino das Congregações Marianas. Trata-se da conhecida TFP — Tradição, Família e Propriedade. Por infiltrações dos poderes acima citados, essa sociedade foi silenciada no Brasil logo após o falecimento de seu ilustre fundador, o Prof. Plinio Corrêa de Oliveira.

Não é o momento de tratar desse tema triste e doloroso, mas é bem o caso de apontar as responsabilidades: quem golpeou a TFP silenciou o mais eficaz instrumento de denúncia do avanço comuno-progressista no Brasil e na América Latina. Os responsáveis haverão de prestar contas a Deus das consequências desses atos tanto na sociedade civil como na história da Igreja.

A podridão da classe política brasileira já está exposta como um cadáver. A operação Lava-jato é o palco onde desfilam os gigantes da corrupção. Dia virá em que a podridão do progressismo que tomou conta da Igreja também terá seu fim. E este será ainda muitíssimo mais exemplar e inglório.

Fonte:
http://www.abim.inf.br/uma-revelacao-da-historia/

Anônimo disse...

Uma revelação da História (II)


Em vídeo difundido pelas redes sociais , um sacerdote católico espanhol, Pe. Santiago Martin, relata e ilustra com trechos de filmagens e fotos a espantosa violência do regime chavista de Maduro contra a população esfomeada da Venezuela.

Veja o vídeo aqui:
http://blogdafamiliacatolica.blogspot.com.br/2017/05/uma-revelacao-da-historia.html

PS: A tvs, rádios, jornais, revistas e outros meios trabalham para comunistas (que se dizem socialistas), escondem a verdade de todos, e, apenas mostram as maravilhas do tal "Paraiso comunista", A "Globo-Gay", faz isso, e, não apenas, faz propaganda de turismo, para "locais árabes", que matam alguém apenas por possuir uma bíblia (isso dentro da lei, isto é, legalmente).
Note que essas violações de direitos (de todos os tipos), ocorre diante desses "reportecos", que nada fazem, nada dizem... os mesmos, que fazem um carnaval "danado", quando um coitadinho terrorista vai preso (não sem motivo), pois o motivo (da prisão), e aquilo que fez, a tv (maldita comunista) não mostra, omitindo-se da verdade e da justiça.

Anônimo disse...

"Essa conversa de que os padres que colaboram com o comunismo não estão mais excomungados é uma FARSA MONSTRUOSA. O novo Código de Direito Canônico reserva essa excomunhão aos que 'professam o marxismo'. Que é 'marxismo'? Que é 'professar'? 1. O marxismo é TODA A TRADIÇÃO MARXISTA, desde seus pais fundadores até os seus mais recentes desenvolvimentos, incluindo o 'marxismo cultural' com todas as suas nuances e variantes. 2. A essência de TODO marxismo é a PRAXIS, não uma mera formulação verbal. Se o sujeito está participando da praxis marxista em qualquer das suas modalidades e em qualquer das suas esferas de ação, está professando o marxismo. 3.É inadmissível tomar a palavra 'professar' no sentido de mera propaganda externa ou 'declaração de fé'. Se fosse assim, nenhum agente da KGB poderia jamais ser acusado de 'professar o marxismo'. O padre que professa o marxismo por dentro, fazendo-se de outra coisa por fora, está obviamente incluído na excomunhão."(Olavo de Carval ho)