quarta-feira, 31 de maio de 2017

Tucanalhices fatiarão carne fraca de Temer?


Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Quem será o supremo-ministro sorteado para cuidar do processo contra o senador afastado Aécio Neves? A torcida máxima do tucanato é que o caso (considerado perdido) caia no colo de Gilmar Mendes. A avaliação geral é que o quase certo fim de Aécio seja antecipado se a bomba ficar sob os cuidados dos ministros José Dias Toffoli ou Ricardo Lewandowski. O destino de Aécio também depende de novidades que podem ser reveladas por delações premiadas (a serem feitas ou homologadas). Aécio é cabra para ser lavado a jato, para delírio da petelândia.

Michel Temer não ficou muito feliz ao saber que seu caso com o deputado afastado Rodrigo Rocha Loures (popularmente conhecido nas redes sociais como o “Homem da Mala”) ficará aos cuidados do ministro Luiz Edson Fachin no foro privilegiado do Supremo Tribunal Federal. Temer só respira aliviado porque Loures não perderá o foro, justamente porque fazr companha ao Presidente da República no processo. Assim, mesmo que o parlamentar perca o mandato, ambos seguirão juntos e misturados. Quem não pode cair é Temer...

O Presidente está muito preocupado (e pt da vida) com um movimento dentro do PSDB para derrubá-lo. Os tucanos rachados em relação ao governo. Também se dividem sobre o que fazer na hipótese de Temer ser afastado pelo TSE. Por isso, para efeito externo, Temer tenta vender a idéia de que o objetivo maior da aliança com os tucanos é a aprovação das reformas. Não é: o objetivo real é sua salvação política imediata. Temer sabe que sua situação é insustentável. Mas não pretende largar o osso.

Os tucanos estão no muro de Temer, prontinhos para pular dele. O PSDB não terá como ficar ao lado de Michel Temer (PMDB) caso o presidente recorra de uma eventual cassação da chapa de 2014 pelo TSE. Também saem se Temer fizer uso de medidas protelatórias no julgamento enquanto a crise política segue aguda. Tucanos avaliam que qualquer um dos cenários ameaça a retomada econômica –e, consequentemente, as chances eleitorais governistas em 2018.

Outra preocupação temerária é a demora de Rodrigo Maia em Maia deliberar  sobre os 14 pedidos de impeachment protocolados contra Temer na Câmara. Parlamentares desconfiam que Maia poderia estar segurando os despachos propositalmente, já que se trata de uma decisão mais política do que técnica. Aliados de Temer no Congresso acreditam que Maia, ao segurar os pedidos, esteja “se valorizando”, esperando o posicionamento do Tribunal Superior Eleitoral. Maia sonha com o lugar de Temer, imediatamente e em 2018.

Outra infidelidade que preocupa Temer é a de Renan Calheiros. Dezessete senadores hipotecaram apoio ao presidente da República e às reformas previdenciária e trabalhista. A conversa fiada de Renan assusta os aliados mais próximos de Temer. O alagoano Renan não passa confiança ao Palácio do Planalto, quando afirma que: “As reformas são exageradas. Hoje, no entanto, a bancada reunida demonstrou que há uma evidente maioria a favor da reforma trabalhista, mas não há unanimidade. O que é o líder? É o que interpreta a posição da maioria da bancada”.

A proximidade das eleições de 2018 também pode dificultar que parlamentares que pretendem se candidatar apoiem textos impopulares como a reforma da Previdência. Temer ainda tem como moeda de troca a liberação das famosas emendas de parlamentares, para obras em redutos eleitorais. No entanto, nada garante a fidelidade de uma base clientelista e cinicamente pragmática. Tudo agora depende de 6 de junho. Se o julgamento do TSE for adiado por pedido de vista, o governo tentará votar em primeiro turno a reforma ainda em junho, O objetivo é mostrar força política e garantir a permanência de Temer.

Missão quase impossível, já que Temer, desde que assumiu o lugar da “incompetenta” Dilma, tem a imagem desgastadíssima perante a opinião pública. A situação dele piorou ainda mais com a gravação clandestina feita por Joesley Batista com aquele papo nada republicano. Temer fará de tudo para se manter no cargo. Partirá para a ofensiva contra inimigos. E vai usar e abusar do clientelismo da caneta que assina o que vai para o Diário Oficial, em benefício da inconfiável base parlamentar. Como bem resumiu o tucano Tasso Jereissati, “a crise pode ser amenizada, porém continua”...

Enquanto isso, quem se dana é o brasileiro, que segue lutando pela sobrevivência, com dificuldades em arranjar esse manter no emprego, pagando impostos absurdos e sendo roubado por uma classe política que merece os adjetivos de canalha e corrupta. Não é à toa que, nas redes sociais, cresce o apoio para a tese da Intervenção Institucional – única solução capaz de mudar a estrutura estatal e passar o Brasil a limpo, de verdade.



Colabore com o Alerta Total

Os leitores, amigos e admiradores que quiserem colaborar financeiramente com o Alerta Total poderão fazê-lo de várias formas, com qualquer quantia, e com uma periodicidade compatível com suas possibilidades.

Nos botões do lado direito deste site, temos as seguintes opções:

I) Depósito em Conta Corrente no Banco do Brasil.
Agência 4209-9, C/C: 9042-5, em favor de Jorge Serrão.

II) Depósito em Conta Poupança da Caixa Econômica Federal ou em agências lotéricas: 2995 013 00008261-7, em favor de Jorge Serrão.

OBS) Valores até R$ 9.999,00 não precisam identificar quem faz o depósito; R$ 10 mil ou mais, sim.

III) Depósito no sistema PagSeguro, da UOL, utilizando-se diferentes formas (débito automático ou cartão de crédito).

IV) Depósito no sistema PayPal, para doações feitas no Brasil ou no exterior.

Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 31 de Maio de 2017.

25 comentários:

Anônimo disse...

http://www.implicante.org/noticias/gilmar-mendes-compara-prisao-provisoria-comum-na-lava-jato-a-meio-de-tortura/
Como integrante de tal turma do Supremo, Gilmar votou em favor do habeas corpus de José Dirceu sob fundamento semelhante, embora não tão direto. A esquerda também faz comparativos similares, porém, e por óbvio, eles não prosperam.
Uma prisão provisória pode ser fundamentada no risco de o acusado prejudicar as investigações, ou oferecer perigo à sociedade, entre outras hipóteses. E há precedentes, inclusive na Lava Jato, de tentativas do tipo.
Quanto ao prazo, de fato longo, as decisões foram mantidas nas demais instâncias. A 2ª Turma do STF que reverteu.
PS – O IDIOTA INUTIL AO POVO BRASILEIRO, INUTIL A DEFESA DE NOSSA PATRIA, INUTIL NA DEFESA DE NOSSA SOBERANIA, MAS MUITO UTIL PARA A BANCADA DE SUA ESPOSA, GOSTA MUITO DE APARECER DE GRANDE CELEBRIDADE MAS NAO PASSA DE UM MEQUETREFE PAU MANDADO QUE SE TIVESSE CORAGEM, CULHOES JA TERIA DADO UMA OPINIAO DENTRO DOS PROPRIOS SUPREMOS ELEITORAL E FEDERAL DE QUE DEVERIA TERMINAR AS SEGUNDAS, TERCEIRAS E QUARTA TURMAS DOS EGREGIOS SUPREMOS PARA ACABAR COM A PUTARIA DE RECORRER, RECORRER E RECORRER PARA JUSTIFICAR O INJUSTIFICAVEL. COMO TODO O MINISTRO RABO SENTADO SEM TER QUE COMPETIR COM NADA E COM NINGUEM PROVAVELMENTE DEVE MUITOS FAVORES A QUEM O INDICOU PARA SENTAR O RABO LA E TODOS OS PRIVILEGIOS QUE RECEBEU ATE HOJE E OS QUE RECEBERA QUANDO SE APOSENTAR, FORA A ESPOSA QUE QUANDO ELE MORRER VAI FICAR MONTADA NA MUFUNFA. ASSIM E FACIL DEFECAR SENTENÇAS PELA BOCA E DEFENDER TUDO QUANTO E IMUNDO INTELECTUAL, MENTAL, ESPIRITUAL. ELE E EXATAMENTE IGUAL A SEUS PARES NO SUPREMO FEDERAL E ELEITORAL ONDE A PROMISCUIDADE E MAIS DO QUE JUSTIFICADA DESDE QUE SEJA PARA BENEFICIAR PARENTES E PESSOAS QUE OS AJUDARAM A CRESCER NA ESCALA DA VIDA. ESTA E A REAL RAÇAO DOS IMUNDOS DOS SUPREMOS BESTEIROL. ELES VIVEM QUE NEM BARCO VAO PARA O LADO QUE VAI DAR VANTAGENS AGORA E NO FUTURO. TEM QUE MUDAR ESTA FORMA DE SENTAR JUIZES NOS SUPREMOS. AS ESCOLHAS DEVEM SER POR ESCRUTINIO DOS JUIZES QUE ENTRARAM PARA A JUSTIÇA PELA PORTA DA FRENTE E NAO POR MEROS MEQUETREFES INQUILINOS PROVISORIOS DO PLANALTO E MUITO MENOS PELAS CASAS DE TOLERANCIA DO SENADO E ASSEMBLEIA GERAL DOS CINQUENTA PARTIDINHOS DE ALUGUEL MEIA BOCA. NOSSO PAIS ESTA UMA BOSTA GRAÇAS A ELES. CARTAO VERMELHO PARA TODOS.

Anônimo disse...

http://pontoetvirgula.blogspot.com.br/
30 de maio de 2017
Troca-troca de ministros demonstra haver um ‘jogo de compadres’
A repentina troca entre os ministros da Justiça e da Transparência feita ontem pelo presidente Michel Temer é mais uma demonstração de que o chefe do Executivo busca de todos os modos conseguir uma blindagem para si e para os políticos que estão, como ele, às voltas com investigações sobre falcatruas que cometeram, no caso de Temer as reveladas pelas delações dos irmãos Joesley e Wesley Batista, donos da empresa JBS. Já não era lógico que Osmar Serraglio, denunciado pelos irmãos Batista, fosse titular do Ministério da Justiça, e ficou mais nublada a intenção do presidente ao substitui-lo por alguém que é conhecido como um crítico à Operação Lava-Jato, Torquato Jardim, que passa a ser o superior hierárquico do diretor da Polícia Federal (PF), órgão que tem importante participação nas investigações dos casos de corrupção apurados pela operação comandada pelo juiz Sérgio Moro. Também aconteceram manifestações de funcionários do Ministério da Transparência contra a nomeação de um ministro investigado pela Lava-Jato;
Estranha-se, portanto, desejarem os implicados na Lava-Jato que Torquato Jardim ‘controle’ a PF, quando é notório que o órgão não tenha nenhum descontrole no que vem fazendo até agora. Daí, na se justificar que o novo ministro da Justiça diga que vai avaliar a necessidade de trocar o titular da PF. Convém ressaltar as reações contrárias aos dois ministros, como a da Federação Nacional dos Policiais Federais e da Associação Nacional dos Delegados da Polícia Federal (ADPF). Como se recorda, há um diálogo entre os senadores do PSDB Aécio Neves e José Serra investigados pela Lava-Jato, articulando a saída de Serraglio da Justiça, porque ele não estava ‘segurando’ a PF. Também traz preocupação um vídeo de Torquato, logo após sua posse no Ministério da Transparência, pedindo aos ocupantes de cargos em comissão permaneçam nos seus postos, ressalvando, no entanto, que estejam ideologicamente alinhados com Temer, destacando que quem não pensasse dessa forma tivesse a dignidade de pedir exoneração. Diante disso tudo, só nos resta esperar a confirmação do lado sombrio desse troca-troca e qual será a reação do povo ante tal demonstração de um ‘jogo de compadres’ envolvendo gente de amplo leque partidário.
PS – ESTA JOGADA SO NOS MOSTRA O TREMENDO PUTEIRO EM QUE SE TRANSFORMOU OS SUPREMOS E O SENADO, SEGUIDO MAIS DO QUE DE PERTO PELA ASSEMBLEIA COM GENTE DE TERCEIRO MUNDO QUE NAO SE RESPONSABILIZA POR NADA E NAO FAZ NADA, SOMENTE DEFECA DOIS DIAS EM BRASILIA E NOS CUSTA OS OLHOS DA CARA HOJE E QUANDO SE APOSENTEREM CHEIOS DE BENESSES E RAPA PES PELO DISSERVIÇO QUE PRATICARAM.

Anônimo disse...

quarta-feira, 31 de maio de 2017
Da Suíça para Curitiba
Por Merval Pereira
O Globo
A decisão do relator da Lava-Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luis Edson Fachin, de enviar para o Juiz Sérgio Moro, em Curitiba, as partes da delação de Joesley Batista que se referem ao ex-presidente Lula, especialmente a conta na Suíça que recebeu U$ 150 milhões destinados a ele e à ex-presidente Dilma, gerará talvez a mais importante investigação sobre o ex-presidente dentro da Operação Lava-Jato.

Não é à toa, portanto, que o advogado Cristiano Zanin apresentou imediatamente um agravo regimental no STF contra essa decisão. Alegando que Joesley "fez duas referências genéricas ao nome de Lula em sua delação, sem qualquer base mínima que possa indicar a ocorrência dos fatos ou, ainda, a pratica de qualquer ato ilícito".

Não é o que acha o Procurador-Geral da República Rodrigo Janot que, ao justificar o que muitos consideram uma excessiva benevolência do Ministério Público no acordo de delação premiada com a JBS, ressaltou que pela primeira vez há informações sobre contas no exterior para o ex-presidente Lula e sua sucessora.

“Que juízo faria a sociedade do MPF se os demais fatos delituosos apresentados, como a conta-corrente no exterior que atendia a dois ex-presidentes, fossem simplesmente ignorados?”, escreveu Janot, justificando o perdão judicial que concedeu a Joesley e aos executivos da JBS que fizeram a delação premiada.

O controlador da JBS revelou no depoimento que de tempos em tempos levava para o ex-ministro Guido Mantega o extrato das duas contas, para fazer o acompanhamento dos saques. O dinheiro representava porcentagens de negócios do grupo feitos com o beneplácito de Mantega, e ficava depositado na Suíça à disposição dos dois ex-presidentes e seus prepostos, sempre sob orientação de Mantega.CONTINUA...

Anônimo disse...



Por Merval Pereira
O Globo CONTINUA II
Era uma conta-corrente que funcionava à exemplo da que a empreiteira Odebrecht mantinha para Lula e outros dirigentes do PT. Assim como a Odebrecht, também Joesley Batista e seu grupo tinham a planilha com os dias dos saques e dos depósitos e a identificação de quem fazia a retirada.

Através de acordos internacionais mantidos com o governo da Suíça será possível rastrear o dinheiro e cruzar os depósitos e retiradas com os acontecimentos econômicos e políticos do país. Mesmo a conta estando em nome de Joesley Batista, será possível identificar laranjas e destinatários, especialmente quando as remessas saíram da Suíça diretamente para outras contas no exterior.

O ex-ministro Guido Mantega, por exemplo, diante de tantas revelações, resolveu confessar ontem que tem uma conta não declarada no exterior de U$ 600 mil. Joesley, além de revelar ao Ministério Público que os saques das contas na Suíça para Lula e Dilma eram controlados por Mantega, contou também que certa vez fez um favor pessoal ao ex-ministro: a seu pedido comprou 5 milhões (não está claro se em euros ou reais) em títulos de dívida da empresa Pedala Equipamentos Esportivos, empresa pertencente a um sócio do filho do ex-ministro, Leonardo Mantega.

Em outra ocasião, disse que transferiu para uma conta no exterior, a mando de Mantega, outros 20 milhões de euros. Esse dinheiro poderá ser rastreado pelas autoridades suíças, e conexões com possíveis fornecedores de campanhas políticas ou pessoas relacionadas a Lula e Dilma poderão ser identificadas. CONTINUA...

Anônimo disse...


Por Merval Pereira
O Globo CONTINUA III E TERMINA

Um caso insólito que Joesley revelou ao Ministério Público foi a utilização de uma conta sua em Nova York para receber depósitos e fazer pagamentos para o ex-tesoureiro do PT João Vaccari. A conta corrente era administrada por um funcionário dele, de nome Denilson, e por um emissário de Vaccari: João Guilherme Gushiken, filho do ex-ministro Luiz Gushiken.

O controlador da JBS apresentou ao Ministério Público extratos dessa conta que indicam retiradas em nome de “Luís Carlos, da Petros”, ou Luís Carlos Fernandes Afonso, que presidiu o fundo de pensão da Petrobras de 2011 a 2014.

O fato de ter usado o sistema bancário americano para fazer algumas transações com dinheiro de origem ilegal certamente trará muitos problemas para Joesley Batista. Os executivos da Odebrecht, por exemplo, evitavam usar bancos nos Estados Unidos justamente pelo rigor da legislação.

As conexões internacionais dos investigadores brasileiros certamente ajudarão a rastrear o dinheiro na Suíça e nos Estados Unidos. E aqui no Brasil esses pagamentos e recebimentos poderão terminar por definir a responsabilidade de cada um no esquema de corrupção montado durante os governos Lula e Dilma.
30/05/2017
PS - SEM CONTAR QUE OS IRMAOS BATISTA NAO INFORMARAM QUAL E O SOCIO OCULTO. PODE SER QUE NO EMBROLIO O SOCIO OCULTO SEJA O RONALDINHO DAS FINANÇAS OU SEJA FERNANDINHO BEIRA MAR DO ERARIO PUBLICO OU TROCADO EM MIUDOS O FILHOTE DO NOVE DEDOS. SERA?

Anônimo disse...

CRÔNICA ANTAGONISTA: Quem deve teme Moro
TV 31.05.17 09:06

Assista à análise de Felipe Moura Brasil sobre as manobras de Lula, Michel Temer e Aécio Neves para salvar a própria pele.

https://youtu.be/rKQH-ukVQto


Assista aos outros vídeos de Felipe Moura Brasil para O Antagonista clicando na playlist Crônica Antagonista.
O ANTAGONISTA

Anônimo disse...

O Brasil vai levar 42 anos para pagar a conta do PT
Brasil 31.05.17 08:35

Segundo Joesley Batista, Lula e Dilma Rousseff levavam 1% de propina nos empréstimos dados pelo BNDES à JBS.

Esse é o verdadeiro escândalo que tem de ser investigado.

O Globo publicou uma nota importante sobre o assunto. Leia aqui:

O caso JBS-Temer está levando parlamentares a realizar uma exumação nos empréstimos do BNDES, entre 2008 e 2014, quando o banco injetou dinheiro barato em empresas selecionadas pelos governos Lula e Dilma (os “campeões nacionais”) para que pudessem comprar outras empresas no exterior. Ontem, o senador Álvaro Dias (PV-PR) apresentou no plenário resultados de uma análise preliminar: em um período de seis anos, a União emprestou ao BNDES um total de R$ 716 bilhões. Como o Tesouro Nacional não dispunha do dinheiro, o governo foi ao mercado privado. Tomou recursos pagando juros de mercado, a 14,25% ao ano pela taxa Selic, e repassou à JBS, Odebrecht e outras empresas ao custo entre 5%e 6%, pela TJLP. Negócio de mãe para filho. O resultado, lembrou, é um subsídio sem precedentes, de R$184 bilhões. “A sociedade vai pagar por isso até o ano de 2060”, disse Dias. Faltam 42 anos para liquidar a conta.
O ANTAGONISTA

Anônimo disse...




Os vinte mil privilegiados
Brasil 31.05.17 09:14

O STF, hoje, tem a chance de restringir o foro privilegiado.

Diz Merval Pereira, em O Globo:

Essa vergonhosa saga do presidente Michel Temer atrás de foro privilegiado para tentar evitar que o deputado afastado Rodrigo Rocha Loures faça uma delação premiada, repetindo, mesmo que em outras circunstâncias, o episódio da então presidente Dilma, que nomeou o ex-presidente Lula para a chefia de sua Casa Civil apenas para dar-lhe a proteção do foro, colocou na ordem do dia a necessidade de regulamentar com mais rigor essa proteção que abrange cerca de 20 mil autoridades no país…

A emenda constitucional aprovada no Senado é bem mais ampla que a decisão que o STF poderá tomar, pois o caso em pauta apenas restringe o foro privilegiado, mas não o extingue no processo em que o relator, ministro Luís Roberto Barroso, aproveitando o caso de um prefeito de Cabo Frio, defendeu a interpretação restritiva do foro privilegiado.

Para ele, “é preciso acabar ou reduzir o foro privilegiado, ou reservá-lo apenas a um número pequeno de autoridades. É uma herança aristocrática”. Se a tese for vitoriosa no plenário, muitos dos casos hoje no Supremo devem ser encaminhados pelo ministro Edson Fachin para instâncias inferiores, mas a decisão só atinge os parlamentares.
O ANTAGONISTA
PS - NAO SE JUSTIFICA ESTE TIPO DE AGRADO PARA FUNCIONARIOS PUBLICOS QUE EM ELEIÇOES FUTURAS PODERAM SER CONFIRMADOS OU NAO. NINGUEM ESTA ACIMA DA LEI E MUITO SERIO O CARGO DE FUNCIONARIO PUBLICO E ESTAO DELINQUINDO A CEU ABERTO POR CASA DA TAL INIMPUTABILIDADE. O POVO QUE PAGA A CONTA DEVERIA EXIGIR QUE FOSSE RETIRADO ESTE REQUISITO DE TODOS. ESTA E A FORMA DE ESCONDER A CRIMINALIDADE ALTA NO PAIS POR PARTE DAS OTORIDADES DE MERDA.

Anônimo disse...


Anúncio






Anúncio




Mais um delator contra Lula
Brasil 31.05.17 08:22

Mais um delator da Odebrecht entregou Lula.

Diz a Veja:

“O Ministério Público Federal acaba de fechar um acordo com João Alberto Lovera, ex-gerente administrativo e financeiro da Odebrecht.

Lovera diz que a empreiteira comprou um terreno para que fosse construída a nova sede do Instituto Lula. A ordem teria partido do presidente da empresa, Marcelo Odebrecht”.

A reportagem cita trechos dos autos:

“… firmando o compromisso de dizer a verdade, passa a detalhar o que se segue: que no segundo semestre de 2010, teve conhecimento de que houve solicitação de Marcelo Odebrecht a Paulo Ricardo Baqueiro de Melo, para que adquirisse imóvel destinado à construção da futura sede do Instituto Lula”;

“…. algum tempo depois, soube por Paulo Melo que o referido imóvel seria adquirido pela empresa DAG…”;

“… em julho de 2011, juntamente com Paulo Melo, acompanhou uma visita ao terreno da qual participaram o ex-presidente Lula, bem como sua esposa, Marisa Letícia, Paulo Okamotto….”;

“… algum tempo depois dessa visita, soube que o cliente desistiu da aquisição do terreno….”;

“por conta disso, soube que a OR pesquisou uma série de outros imóveis para o Instituto Lula. Que, com relação ao imóvel da Rua Haberbeck Brandão, esse foi posteriormente adquirido pela OR….”
O ANTAGONISTA
PS - ESTE E O MOTIVO QUE O VAGABUNDO NOVE DEDOS ESTA PULANDO MAIS DO QUE PIPOCA VENCIDA COM MERDAO DE JUIZ MORO. PIOR E QUE ELE ESTA ASSESSORADO PELAS BANCADAS DOS MINISTROS DOS SUPREMOS BESTEIROL QUE SE BENEFICIAM DE SUAS BANCADAS, AS BANCADAS DE SUAS ESPOSAS, AS BANCADAS DAS FILHAS TODOS PENDURADOS NO ERARIO DO PAIS SEM FAZER CONCURSO DE NADA. COMO SABEMOS DEPOIS VEM AS BENESSES VITALICIA. ESTE E O MOTIVO DE QUEREREM SEMPRE MODIFICAR AS APOSENTADORIAS. AS APOSENTADORIAS DOS CIVIS QUE SEMPRE E AUMENTADA EM CINCO POR CENTO DESDE QUE A POSTE CANCEROSAS DOS PARTIDINHOS MEIA BOCA DO AMEM AMEM ENTRARAM PARA FUNRUNFAR EM CIMA DO POVAO. PARA ELES APOSTO QUE DEVE SER O PERCENTUAL DOS VAGABUNDOS FUNCIONARIOS PUBLICOS DA ATIVA. AGORA O VAGABUNDO VERMELHO CHEIO DE PRIVILEGIOS E COM POUCA VERGONHA NA PUTA DA CARA, QUE ESTA MARQUETEANDO NO ESCONDIDINHO DO CINEMA PARA LIVRAR A SUA PROPRIA BUNDA E A BUNDA DO PARTIDO E ASSESSORADO PELA MEDIOCRIDADE DO VAGABUNDO JOBIM QUE VIVIA FANTASIADO DE MILITAR PELOS CORREDORES MAS NAO PASSA DE UM ESPERTALHAO QUE ESTA NA ENCOLHA MEXENDO OS PAUSINHOS PARA LIVRAR A CORJA DO DEDO FIRME E SOLIDO DO MINISTRO DE CARREIRA MORO O MINISTRO DE CARREIRA DO RIO DE JANEIRO. A LEI PELA PRIMEIRA VEZ ESTA COMEÇANDO A SER TEMIDA PELOS TERRORISTAS VERMELHOS QUE SENTARAM O RABO NO PLANALTO, ESCROTIZARAM AS FFAA COM A COMISSAO DA INVERDADE E INFELIZMENTE COM A FALTA DE PULSO DOS MILITARES QUE ENTREGARAM AS ARMAS DE DEFENDER O POVO BRASILEIRO E O PAIS NA MAO DOS ASSALTANTES DE BANCO DE 64. SOMENTE UNCLE SAM COM SEU EXERCITO E CONSTITUIÇAO DE DUZENTOS E TANTOS ANOS PARA NOS LIVRAR NO PUTEIRO EM QUE ESTA ENFIADO O PAIS. CERCADO DE MERDA SUL, MERDA EUROPA, MERDA AFRICA E OUTROS MENOS VOTADOS POR TODOS OS LADOS. UNCLE SAM POR FAVOR MANDE AJUDA PARA TODOS OS MOROS DE TODOS OS ESTADOS BRASILEIROS. ESTAMOS PRECISANDO DE SOS.

Anônimo disse...


Tucano do revólver de ouro vira assessor de Temer

Publicado em 30 de maio de 2017 por Editor em ReaçaBlog com 0 Comentários


O presidente Michel Temer está recompondo o seu núcleo de assessores próximos. Após perder Sandro Mabel, Geddel Vieira Lima, José Yunes, Rocha Loures e Tadeu Filippelli, o presidente nomeou o tucano Elton Rohnelt, ex-deputado federal e ex-vice líder do governo FHC, para o cargo de assessor especial no gabinete da presidência.

Diz a revista Época: “Em 1995, o jornal Folha de S.Paulo publicou reportagem na qual afirma que Rohnelt tinha o apelido de “Homem de Revólver de Ouro” na Amazônia. De acordo com o jornal, uma arma em posse de Rohnelt fora apreendida pelo Exército porque era de uso exclusivo das Forças Armadas.”
http://reaconaria.org/blog/reacablog/tucano-do-revolver-de-ouro-vira-assessor-de-temer/

Anônimo disse...


Até agora, nada de Juninho Friboi

Publicado em 30 de maio de 2017 por Editor em ReaçaBlog com 0 Comentários


Até agora, Juninho Friboi, o político e irmão mais velho dos dois ésleys, não apareceu no escândalo da JBS. Júnior Friboi comandou o grupo por 25 anos e foi pré-candidato ao governo de Goiás, pelo PMDB, em 2014.

Impressionante.

Júnior Friboi, o político e irmão mais velho dos dois ésleys
http://reaconaria.org/blog/reacablog/ate-agora-nada-de-juninho-friboi/

Anônimo disse...

28.5.17
http://fuscabrasil.blogspot.com.br/

Acórdão ou conspiração?

Fracassada a tentativa de golpe na Constituição empurrando projeto inconstitucional de "Diretas" moldadas especialmente para livrar Lula da cadeia, a Organização Criminosa comandada por Lula e que por sua vez comanda o Brasil estaria articulando um acórdão.

Ele faria um acordo com os ex-presidentes Fernando Henrique Cardoso e José Sarney para a eleição indireta constitucional. Esta elegeria o substituto de Temer através de um colegiado de políticos cuja maioria atualmente está envolvida com os escândalos do Mensalão, Petrolão e/ou da JBS.
Lula, no comando do Brasil desde 2003, indicaria Nelson Jobim para "ser eleito" pelos seus súditos com a promessa de barrar a Lava Jato e no STF, "contaria" com uma repentina "mudança de posicionamento" de Gilmar Mendes, que subitamente passaria a contradizer seu próprio voto registrado sobre a prisão em segunda instância.

Assim, conspira-se contra o Brasil para garantir a blindagem total do Chefão Lula contra a Lava Jato e qualquer Operação, investigação ou condenação na Justiça.
O projeto criminoso do poder de Lula e do PT (incluindo aí quase todos os partidos, hoje meras siglas compradas pelo lulopetismo corrupto) inclui ainda:

•a lei do "Abuso de Poder" (que garantirá os abusadores contra qualquer investigação ou punição, condenando juízes, promotores, agentes da Lei que tentarem aplicar a lei nos Donos do Poder associados a Lula),
•o Voto em Lista Fechada (voto cego no qual o eleitor não sabe em quem está votando pois o partido escolherá os candidatos após as eleições), tornando as eleições no Brasil uma farsa ridícula,
•financiamento público de campanhas (além dos impostos perversos já cobrados pelo governo, o trabalhador brasileiro terá que pagar as campanhas bilionárias dos partidos),
•implantação do chavismo, lavagem cerebral esquerdista nas escolas, universidades e quartéis, para que o Brasil se torne uma Venezuela o quanto antes.

Agora mais do que nunca os brasileiros não comprometidos com o projeto criminoso de poder de Lula precisam se unir e pressionar o governo, os parlamentares, a Justiça e a mídia através das redes sociais e manifestações de verdade (não o vandalismo e terrorismo financiados pelo PT, sindicatos pelegos e facções vermelhas financiadas com dinheiro roubado pelos governos Lula e Dilma).

Anônimo disse...

Joaquim Barbosa, Carmem Lúcia e FHC são os preferidos do povo para o caso de eleição indireta.
O Estadão publica hoje o resultado da pesquisa que mandou fazer para saber quais os nomes que o eleitorado escolheria para suceder Michel Temer em caso de eleição indireta.

Os rês primeiros da lista:

- Joaquim Barbosa, ex-presidente do STF, 24,4%
- Carmem Lúcia, atual presidente do STF, 13,2%
- FHC, 11,9%

Os outros nomes, todos na casa de um dígito, são o ex-prefeIto petista Fernando Haddad, o deputado Rodrigo Maia, Henrique Meirelles, Nelson Jobim e Pedro Parente (presidente da Petrobrás)

A pesquisa é do Instituto Paraná Pesquisas, que submeteu a lista ao crivo dos eleitores.

A maior parte dos nomes alinhados também integram a lista dos preferidos dos próprios congressistas, menos Joaquim Barbosa, Haddad e Pedro Parente.
às 5/31/2017 09:13:00 AM
PS – COMO NOSSO PAIS AINDA E ESTUPIDO EM RELAÇAO A POLITICA. COMO FHC PODE ESTAR ENTRE PREFERIDOS. O HOMEM QUE VIVIA DE QUATRO PERANTE O FMI. O HOMEM CUJO O PERCENTUAL DE INFLAÇAO ESTAVA EM DOIS DIGITOS. PIOR AINDA O HOMEM QUE SEMPRE FOI UM MEQUETREFE ADULADOR DE LULA LADRAO E TAMBEM ESTAVA ENVOLVIDO ATE OS BAGOS COM A TCHURMA DE 64. REALMENTE TEMOS MUITAS PESSOAS QUE NAO SE INTERESSAM PELO DESENVOLVIMENTO DO PAIS. QUANTO AOS OUTROS DOIS PELO MENOS DO EXCELENTISSIMO JOAQUIM BARBOSA SABEMOS QUANTO ELE TRABALHOU E INCLUSIVE FICOU SERIAMENTE DOENTE POR CAUSA DOS CORRUPTOS DO PODER. AGORA CARMEN LUCIA AINDA TEM MUITO A PROVAR PARA SAIR DO RESTO DA GANG DOS SUPREMOS BESTEIROL. A FORMA DE CONDUÇAO DE PESSOAS PARA O SUPREMO TEM QUE SER MUDADA PARA ONTEM. INQUILINOS PROVISORIOS DE NOSSO PAIS NAO PODEM COLOCAR NINGUEM PARA TOMAR CONTA DAS LEIS SEM TER CACIFE PARA TAL.

Anônimo disse...

Senadores suspeitos têm forte presença no Conselho de Ética do Senado
Senadores suspeitos têm forte presença no Conselho de Ética do Senado
Jonas Pereira/Agência Senado
Dez por centro dos membros do Conselho de Ética sob investigação são do PMDB
Nove entre 30 membros da nova composição do Conselho de Ética do Senado são alvos de ao menos um processo criminal no Supremo Tribunal Federal (STF). Segundo a nova formação aprovada nesta terça-feira (30) em plenário veja (os nomes abaixo), por parte do PMDB os senadores Eduardo Braga (PMDB-AM), Jader Barbalho (PMDB-PA) e o líder do governo na Casa, Romero Jucá (PMDB-RR), estarão com a responsabilidade de julgar seus pares no biênio 2017-2019. Apenas Jader responde a sete inquéritos (leia mais abaixo).
Os três são alvos da Operação Lava Jato e, como primeira missão, podem julgar se o senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG) – gravado ao pedir R$ 2 milhões para um dos principais delatores do petrolão, que também o acusou de receber propina de R$ 60 milhões – quebrou o decoro parlamentar. O tucano é o campeão de inquéritos abertos para investigar se ele se beneficiou do esquema de corrupção descoberto pela Polícia Federal na Petrobras: seis procedimentos judiciais. A Rede Sustentabilidade já pediu abertura de processo contra Aécio.
Além dos peemedebistas, Acir Gurgacz (PDT-RO), Davi Alcolumbre (DEM-AP), Eduardo Amorim (PSDB-SE), José Pimentel (PT-CE), Telmário Mota (PTB-RR), Wellington Fagundes (PR-MT) também respondem a um ou mais inquéritos no Supremo. Nenhum desses seis está sob investigação no petrolão. Ainda falta a indicação de três nomes para vagas de titulares e sete para vagas de suplentes. Veja abaixo o que pesa sobre cada um deles e as respostas encaminhadas ao Congresso em Foco.
Mesmo com a divulgação da lista do ministro Edson Fachin, relator na Lava Jato no STF, em 11 de abril, o Senado permanecia com o Conselho de Ética desativado. Questionado sobre a razão desse não funcionamento, o presidente do colegiado nos últimos anos, João Alberto Souza (PMDB-MA), dizia que os partidos ainda não haviam indicado seus respectivos membro CONTINUA...

Anônimo disse...


Jonas Pereira/Agência Senado CONTINUA II
Apenas depois da divulgação de parte do conjunto probatório reunido pelos donos e executivos da JBS (Friboi), que levaram à investigação formal do presidente Miche Temer no STF, os senadores se movimentaram para reativar o Conselho. Quatro meses depois do início do ano legislativo, o colegiado ainda não foi instalado.
Recorde negativo
Como este site mostrou no início do mês, as delações da Odebrecht levaram o Senado a bater um recorde negativo. Pela primeira vez na história, mais da metade dos senadores (53% dos 81 integrantes da Casa) está na mira do Supremo. Os números podem ser ainda maiores, já que o STF mantém sob absoluto sigilo algumas investigações contra autoridades com foro privilegiado.
Ao todo, 44 senadores são suspeitos de crimes. Só cinco dos 17 partidos com assento na Casa não têm parlamentares com pendências criminais. Coincidentemente, todos com apenas um representante – casos do PPS, de Cristovam Buarque (DF); do PRB, de Eduardo Lopes (RJ); do PSC, de Pedro Chaves (MS); do PV, de Alvaro Dias (PR); e da Rede Sustentabilidade, de Randolfe Rodrigues (AP).
Próximos passos
Dos três investigados do PMDB, apenas Jucá é membro titular do Conselho de Ética. Jader e Braga, por óbvio, são membros suplentes, mas podem vir a se tornar titulares com apenas uma assinatura do líder do partido no Senado, Renan Calheiros (AL). Ao indicarem seus correligionários para as vagas, líderes de blocos partidários tiveram de seguir a regra de proporcionalidade, que prioriza os mais numerosos agrupamentos partidários. PMDB é maior bancada da Casa, com 22 nomes. Aprovada a composição em plenário, senadores têm de realizar uma reunião de instalação do colegiado, ainda sem data. CONTINUA...

Anônimo disse...

Jonas Pereira/Agência Senado CONTINUA III
Além de Jucá, os membros titulares aprovados em plenário são Airton Sandoval (PMDB-SP), João Alberto Souza (PMDB-MA), Davi Alcolumbre (DEM-AP), Flexa Ribeiro (PSDB-PA), Eduardo Amorim (PSDB-SE), José Pimentel (PT-CE), Acir Gurgacz (PDT-RO), João Capiberibe (PSB-AP), Antonio Carlos Valadares (PSB-SE), Wellington Fagundes (PR-MT) e Pedro Chaves (PSC-MS).
Já os membros suplentes, além de Jader e Braga, são os senadores Hélio José (PMDB-DF), Ataídes de Oliveira (PSDB-TO), Paulo Bauer (PSDB-SC), Regina Souza (PT-PI), Fátima Bezerra (PT-RN) e Telmário Mota (PTB-RR).
O bloco formado por PP e PSD ainda tem que indicar dois nomes. PMDB também ainda definirá quem será seu quarto membro no colegiado. Todos eles também têm que ser anunciados em plenário e, em seguida, aprovados por maioria simples.
O que dizem os senadores:
EDUARDO AMORIM (PSDB-SE)
É investigado no Inquérito 2867,que apura a prática de crimes contra a Lei de Licitações e improbidade administrativa. De acordo com o senador, a denúncia foi instaurada após ele ter acionado uma licitação para compra de medicamentos para o hospital público de Sergipe quando ocupou o cargo de Secretário de Saúde no Estado.
O senador também afirmou que tanto o Ministério Público quanto o Tribunal de Contas do Estado já arquivaram o processo. “Como médico, tive que escolher entre fazer as licitações com urgência ou deixar os pacientes morrerem. Eu escolhi pela vida”, declarou. CONTINUA...

Anônimo disse...

Jonas Pereira/Agência Senado CONTINUA IV
EDUARDO BRAGA (PMDB-AM)
Inquérito 4429
O senador nega as acusações.
JADER BARBALHO (PMDB-PA)
Desde 2015, Jader entrou na mira da Operação Lava Jato. O ex-diretor da área Internacional da Petrobras Nestor Cerveró – preso desde janeiro daquele ano – afirmou em delação premiada que pagou propina de US$ 6 milhões aos senadores Renan Calheiros (AL) e Jader Barbalho (PA), ambos do PMDB, em 2006. A suspeita resultou na abertura de inquéritos contra o ex-governador paraense. Jader Barbalho responde a sete inquéritos (2909, 3993, 4034, 4171, 4172, 4267 e 4326) no Supremo Tribunal Federal. Os crimes são diversos, e vão desde crime contra a ordem tributária até corrupção passiva, calúnia e difamação, formação de quadrilha e lavagem de dinheiro.
Jonas Pereira/Agência Senado
Leia mais:
STF abre inquéritos contra Renan, Jader e Delcídio
JOSÉ PIMENTEL (PT-CE)
Inquérito 4346, por prevaricação e corrupção passiva.
ROMERO JUCÁ (PMDB-RR)
O atual segundo-vice-presidente do Senado e líder do governo no Congresso é alvo de oito investigações. No Inquérito 3989, da Lava Jato, Jucá responde pelos crimes de lavagem de dinheiro, formação de quadrilha e corrupção passiva. Também é investigado nos inquéritos 3297, 2116, 2963 por crimes eleitorais, de responsabilidade e contra a ordem tributária, apropriação indébita previdenciária e falsidade ideológica.
Apenas em 2016, mais quatro inquéritos (4211, 4267, 4326 e 4347) foram instaurados na Corte contra o senador. Em ampla maioria, as investigações são por crimes de corrupção passiva e ativa, ocultação de bens e formação de quadrilha.
Um dos procedimentos diz respeito à origem e ao destino de R$ 100 mil jogados para fora de um carro por um de seus auxiliares momentos antes de ser abordado pela polícia. O ato ocorreu durante a campanha eleitoral de 2010. O assessor disse que o dinheiro seria usado na campanha de Jucá. CONTINUA...

Anônimo disse...


Jonas Pereira/Agência Senado CONTINUA V E TERMINA
TELMÁRIO MOTA (PDT-RR)
O senador licenciado responde ao inquérito 4296 por violência doméstica contra a mulher. A denúncia de agressão foi feita por uma jovem de 19 anos. Ela registrou boletim de ocorrência contra o senador no dia 31 de dezembro de 2015, e disse que o episódio de violência ocorreu no dia 26 do mesmo mês – ela teria sido agredida até desmaiar. O exame de corpo de delito verificou a existência de lesões na cabeça, boca, orelha, dorso, braço e joelho.
A vítima disse em depoimento à polícia que mantinha relacionamento com o senador há três anos e meio, e que as agressões físicas e ameaças eram recorrentes. Porém, pouco tempo depois ela se retratou e negou a existência das supostas agressões e ameaças.
Jonas Pereira/Agência Senado
Na época da abertura do inquérito, a assessoria de Telmário Mota informou que tem o maior interesse em que esse caso seja apurado o mais rápido possível para que ele possa provar que não cometeu crime algum. Afirmou ainda que o senador está “tranquilo” e quer celeridade na apuração do caso.
WELLINGTON FAGUNDES (PR-MT)
O senador Wellington Fagundes responde ao Inquérito 2340. De acordo com a assessoria do parlamentar, ele também “aguarda a decisão pelo arquivamento”. Leia a íntegra da resposta de Wellington Fagundes:
“Em atenção à solicitação desse veículo de comunicação, informo que o senador Wellington Fagundes, líder do Partido da República no Senado, aguarda a decisão pelo arquivamento do citado procedimento apuratório, visto que não se confirmou – como já era esperado desde o início – qualquer envolvimento de sua parte na questão investigada. Como integrante da Frente Parlamentar pelo Aperfeiçoamento do Judiciário, lamenta que situações como essa – em que não há absolutamente qualquer suposta prática criminosa – perdurem tanto tempo para um desfecho, causando prejuízos a imagem parlamentar.”

Anônimo disse...

terça-feira, 30 de maio de 2017
Temer pode entregar o poder aos militares após renuncia

Temer está em constante contato com os comandantes das Forças Armadas nos últimos dias. Durante as manifestações em Brasília os atos de vandalismos mostraram ao Brasil o que podem vir a ser os dias após o impeachment.

Acossado por denúncias de delatores da J&F na Lava Jato, o presidente Michel Temer manteve uma reunião com o ministro da Defesa, Raul Jungmann, e os três comandantes das Forças Armadas: Aeronáutica, Marinha e Exército.

Muitos assessores do presidente se questionaram sobre o porquê do encontro de Temer com os militares num instante em que a crise era política, sobretudo. Dada a desconfiança em relação ao encontro, uma manifestação oficial sobre a reunião só veio a público bem mais tarde. O comandante do Exército, general Villas Bôas, tentou transmitir, por meio de nota, um clima de normalidade. Afirmou, na ocasião, que a “conjuntura atual” foi discutida e que a atuação do Exército tem por base os “pilares da estabilidade, legalidade e legitimidade…”.

Cinco dias após o encontro, Temer decidiu convocar as tropas federais para conter as manifestações contra seu governo. Estas ações estão sendo interpretadas por analistas políticos como o início de uma transição de poder. Diante do caótico quadro político, econômico e social que o Brasil está vivendo o presidente Michel Temer está preocupado com o que poderia vir a acontecer com a realização de mais um impeachment.

Com um cenário de polarização política entre extrema direita e extrema esquerda o Brasil pode viver uma verdadeira guerra civil. Constitucionalmente a deposição de Temer deveria ser seguida por uma eleição indireta que elegeria um novo presidente para comandar o Brasil até 31 de dezembro de 2018. No entanto os militantes de esquerda já tentam emplacar um golpe constitucional ao irem as ruas pedir eleições diretas.

O desespero da esquerda por eleições diretas em 2017 está intimamente relacionado com o crescimento de Lula nas pesquisas eleitorais nos últimos meses. A mídia conseguiu o transformar o réu em vítima e a população está comovida pelo fato dele ter perdido a esposa e ter que prestar longo depoimento na Lava Jato. De fato, hoje o Brasil corre sério risco de eleger Lula pela terceira vez.

Com uma condenação em segunda instância Lula estaria fora do jogo político de 2018 e sua militância pode ir ainda mais armada para as ruas para promover depredações e violências. Aí está a possível missão das Forças Armadas. Assumir o poder antes que o caos se estabeleça de vez no Brasil. Ao contrário de 1964 desta vez os militares não irão tirar o presidente a força. A Justiça fará isso de forma democrática e as Forças Armadas farão a transição contendo os possíveis excessos de militantes da extrema esquerda e/ou direita.

afolhabrasil

Anônimo disse...

terça-feira, 30 de maio de 2017
http://poncheverde.blogspot.com.br/
Faculdade de Gilmar Mendes anuncia Temer em evento patrocinado pelo governo

Uma faculdade que tem como sócio o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, anuncia a presença do presidente Michel Temer em um seminário patrocinado pelo governo. Gilmar é presidente do Tribunal Superior Eleitoral, corte que começa a julgar no dia 6 uma ação que pode cassar Temer. De acordo com a programação do Instituto Brasiliense de Direito Público (IDP), Temer participará da cerimônia de abertura do seminário, marcado para os dias 20 e 21 de junho, pouco mais de dez dias após a retomada do julgamento do TSE. O evento é chamado de "7º Seminário Internacional de Direito Administrativo e Administração Pública - Segurança Pública a Partir do Sistema Prisional". O anúncio no site da faculdade de Gilmar estampa propaganda da Caixa Econômica Federal e o logo oficial do governo federal. O banco informou que vai repassar R$ 90 mil de patrocínio. Além de Temer, os ministros Torquato Jardim (Justiça) e Raul Jungmann (Defesa) aparecem como participantes da mesa de abertura do seminário, assim como o próprio Gilmar Mendes. Torquato tomará posse no cargo nesta quarta (31), às 10 h, em cerimônia para sacramentar a substituição do ministro Osmar Serraglio, que foi demitido e voltou ao mandato de deputado. Na lista de palestrantes também estão a presidente do STF, Carmen Lúcia, o ministro da corte Alexandre de Moraes, o governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg, o diretor-geral da Polícia Federal, Leandro Daiello, e o general Sergio Etchegoyen, ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI). CONTINUA...

Anônimo disse...


http://poncheverde.blogspot.com.br/ CONTINUA II E TERMINA

Para acompanhar o seminário, alunos e ex-alunos da escola precisam levar cinco quilos de alimento não perecíveis - exceto sal -, estudantes de outros locais têm de pagar R$ 50,00 e profissionais em geral são cobrados no valor de R$ 300,00. Gilmar Mendes tem refutado nos últimos meses que sua relação com Temer terá influência no julgamento do tribunal. O ministro já esteve em reuniões privadas com o presidente no Palácio do Jaburu e chegou a pegar carona num avião presidencial para Lisboa para participar de um evento em janeiro. Na ocasião, negou conflito de interesse, afirmando que "se fosse para combinar uma coisa espúria, obviamente, pode fazer isso em qualquer lugar. Não precisa ir a Portugal". Sete ministros do TSE vão participar do julgamento da ação que pede a cassação da chapa Dilma Rousseff-Michel Temer por abuso de poder político e econômico na eleição de 2014. Como presidente, Mendes é quem comanda a sessão. Na segunda (29), o ministro afirmou que "o TSE não é joguete nas mãos do governo". A declaração foi dada em meio às informações de que Temer escalou Torquato Jardim para o Ministério da Justiça para ser um interlocutor do governo no Supremo e no tribunal eleitoral.
Postado por Vitor Vieira às 23:29:00

Anônimo disse...

ATE O MUNDO MINERAL SABE QUE A DIVISAO DE TAREFAS DOS SUPREMOS BESTEIROL NA BASE DE SORTEIO E UMA PIADA DE MAU GOSTO. SORTEIO QUA,QUA,QUA,? TODOS OS MEQUETREFES DO ANDAR DE CIMA TEM BANCAS JURIDICAS PARA PROTEGER E DEFENDER OS ESGOTOS A CEU ABERTO DE POLITICOS DE MERDA QUE NOS COLOCARAM NO VALAO. SE ELES NAO FAZEM PARTE DE BANCAS TEM SUAS MULHERES, FILHAS OU ASSEMELHADOS NO GRANDE CIRCO EM QUE SE TRANSFORMOU A JUSIÇA DO ANDAR DE CIMA. O PROCESSO DE ESCOLHA DOS MINISTROS E SORDIDO ASSIM COMO TODAS AS BENESSES QUE RECEBEM QUE VEM JUNTO COM O CARGO. NOSSO PAIS E UMA PIADA, UMA PIADA DE MAU GOSTO. OS SUPREMOS BESTEIROL RESOLVERAM SERVIR DE ARBITROS EM FUTRICAS PALACIANAS, FUTRICAS DE FUNCIONARIOS PUBLICOS QUE NAO HONRAM O PAIS, AS PESSOAS QUE PAGAM SEUS SALARIOS E MUITO MENOS HONRAM A JUSTIÇA. NAO ME INTERESSA O PARTIDO QUE SAO EGRESSOS. SAO TODOS FARINHA DO MESMO SACO, QUEM FEZ E QUEM DEIXOU FAZER. PERGUNTA QUE NAO QUER CALAR? POR QUE QUARENTA PARTIDINHOS MEIA BOCA DO AMEM AMEM, FILIADOS A NOSSA CONTA BANCARIA. QUANDO FALO CONTA BANCARIA E A CONTA DE IMPOSTOS DO POVO BRASILEIRO?POR QUE TANTOS SINDICATOS, POR QUE TANTO DISPERDICIO DE DINHEIRO COM BENESSES QUE SAO USUFRUIDAS PELAS AUTORIDADE SE EM PAISES SERIOS ESSAS MESMAS AUTORIDADES NAO RECEBEM OS AGRADO QUE OS CONGRESSOS E O SUPREMO FEDERAL E ELEITORAL RECEBEM. QUE TIPO DE TRABALHO ELES NOS EFERECEM? PARA QUE TANTOS MINISTROS E MINISTERIOS QUE NAO FAZEM NADA E NAO VERIFICAM NADA? PARA QUE TANTO ASPONE PARA ESCREVER OS QUE SUAS EXCRESCENCIAS MAL SABEM LER? PARA QUE AJUDA A EMPRESARIOS FALIDOS PRINCIPALMENTE DA MERDIA HIPOCRITA QUE NAO DEFENDE SEU PROPRIO PAIS E AINDA FALA MAL DOS PAISES ONDE ESTAO SITIADOS? POR QUE TANTAS BENESSES E AGRADOS PARA UM TRABALHO PIFIO QUE NAO DEVERIA NEM UM POUCO ORGULHAR A QUEM O FAZ. QUAL E O SENTIDO DE SER SENADOR DA REPUBLICA DE BANANAS? CAPITANIAS HEREDITARIAS DE FRAUDULENTOS QUE AGORA QUEREM NO APAGAR DAS LUZES FICAR MEXENDO EM LEIS E FICAREM CHANTAGEANDO OS SUPREMOS BESTEIROL NA CALADA DA NOITE. ONDE ESTA NOSSAQ BANDEIRA? ONDE ESTA NOSSO HINO NACIONAL? ONDE ESTAO NOSSAS CORES SE ATE POUCO TEMPO AS CORES QUE ERAM EMPREGADAS NOS TRES PODERES ERA VERMELHA? ONDE ESTAO NOSSAS FORÇAS ARMADAS ESCONDIDAS? ONDE ESTAO ACORDOS COM OUTROS PAISES ESCONDIDOS DE QUEM PAGA A CONTA? ONDE ESTAO PASSAGENS, CARTOES CORPORATIVOS ESCONDIDOS NO SOTAO DO ALVORADA. ONDE ESTA MERDELES QUE NAO FOI ATRAZ DE QUEM ASSALTOU O PAIS. ESTA E A MERDA CALAMITOSA ONDE ESTA ENFIADO NOSSO PAIS. QUEM VAI AJUDAR O JUIZ MORO E TODOS OS MOROS JUIZES DE CARREIRA A TIRAR O PAIS DA MERDA? OS PALHAÇOS QUE ENFEITAM O ANDAR DE CIMA TEM QUE SER INSINERADOS PORQUE ATE AGORA NAO DISSERAM A QUE VIERAM. QUEM REALMENTE O ANDAR DE CIMA MANDOU PARA A CADEIA. PORQUE SEGUNDA, TERCEIRA E QUARTA INSTANCIA E QUEREM AINDA CRIAR UMA QUINTA PARA ALIVIAR OS VAGABUNDOS LADROES. EM QUE CONSTITUIÇAO PERNETA ELES SE BASEIAM PARA DAR SEUS LAUDOS? CARTAO VERMELHO PARA TODOS OS PODERES DA REPUBLICA FALIDA CHAMADA BRASIL.

Anônimo disse...

ÓH INOCENTE, A FICHA DO ANONIMO DAS 10.41 AINDA NÃO CAIU... O PAIS SÓ SAIR DA MÉRDA QUANDO MANDARMOS TODOS OS MOUROS PRA MÉRDA... O JUDICIARIO DO MOURO NÃO TRABALHA MAS PRATICA TODOS OS TIPOS DE CRIMES E CAMBALACHOS QUE NÃO CONSEGUIMOS IMAGINAR,CONSIGA REGISTROS DE TODOS OS GOVERNOS E VAI VER QUE GOVERNO DE NEM UM PARTIDO CONSEGUIU GOVERNAR ESSE PAIS, ISTO MESMO AQUI JÁ PASSARAM, MILITARES DITADORES, COMUNISTAS, ANARQUISTAS, SOCIALISTA E ATÉ O CAPETA DAS FFAA E TODOS JOGARAM A TOALHA LARGANDO SEMPRE PIÓR DO QUE PEGARAM, A UNICA EXPLICAÇÃO É ESSA, O JUDICIARIO SEMPRE FOI O MESMO EM TODOS OS GOVERNOS E POR ISSO SE VESTE DE MORTO PARA COMER O CÚ DO COVEIRO, ESSA RAÇA MALDITA NÃO TEM HONRA, CIVISMO NEM DIGNIDADE E FAZEM APENAS O QUE LHES CONVÉM... NO DIA QUE VOCÊ PRECISAR DESSE PODRE PODER VAI DESCOBRIR QUE FORAM SEMPRE OS UNICOS BANDIDOS DESSA PORRA LOCA CHAMADA BRASIL... CUIDANDO SEMPRE PARA QUE O NARCOTRAFICO, CONTRABANDO, JOGOS ILEGAIS VENDAS DE SENTENÇAS, VENDAS DE TITULOS DE POSSES DE TERRAS DA UNIÃO PARA ENGORDAR AINDA MAIS SEUS SALARIOS E PREVILÉGIOS MILIONARIOS SE ESQUECEM DE TRABALHAR POR ISTO PROCESSOS CHEGAM A DURAR ATÉ 30 ANOS DE MARTIRIO PARA O RECLAMANTE...

Anônimo disse...

FALOU A BESTA QUADRADA DE 2:41 QUE NAO SEGUE NADA NAO SABE DE NADA E NASCEU HOJE. SE ACOMPANHASSE REALMENTE O QUE ESTA ACONTECENDO NATURALMENTE JA TERIA SACADO QUE EXISTE UM CLIMA SUPER CONFLITANTE ENTRE O JUIZ SERGIO MORO JUIZ DE CARREIRA OU SEJA ENTROU PARA A JUSTIÇA ESTUDANDO E RALANDO E O ANDAR DE CIMA DA JUSTIÇA OS SUPREMOS BESTEIROL. O JUIZ MORO CONDENA E OS SUPREMOS BESTEIROL SOLTAM. OS SUPREMOS BESTEIROL SAO OS PAPAGAIOS DE PIRATA DOS MANDRIOES DO CONGRESSO. ELES ENTRARAM PARA JUSTIÇA COM O CONHECIMENTO QUE TINHAM COM PESSOAS DA FAMILIA OU DO PROPRIO PRESIDENTE DA OCASIAO. NESTE EXATO MOMENTO TEMOS DOIS MAGISTRADOS QUE FORAM INDICADOS POR ANTIGOS EX PRESIDENTES, UM INDICADO PELO TEMER, OITO INDICADOS POR NOVE DEDOS E A P PORCA. COMO VEMOS OS ONZE DO SUPREMO FEDERAL DEVEM SEUS EMPREGOS A POLITICOS QUE SAO VISITANTES PROVISORIOS DO PLANALTO. NAO TIVERAM QUE RALAR PARA ENTRAR NESTE GRUPELHO SEM SABER JURIDICO ALGUM E COM CONFLITO DE INTERESSES COM O BRASIL E O POVO BRASILEIRO. NOSSA CONSTITUIÇAO E MODIFICADA DIARIAMENTE PELOS SABUGOS DO PODER QUE TAMBEM SAO TRANSITORIOS E PIOR E MODIFICADA DIARIAMENTE. COMO O SENHOR DEVE NAO SABER O QUE ESTA FALANDO E NEM SABE MINHAS RAZOES TALVEZ O SENHOR DEVESSE EM VEZ DE SE METER NO QUE EU DIGO PORQUE ASSISTI TODA AS SESSOES DO SUPREMO ELEITORAL NA 470 QUE FOI O INICIO DESTA PARAFERNALIA CRIADA PELA PROPRIA JUSTIÇA O ANDAR DE CIMA DOS QUEM INDICA PORQUE NAO PRECISARAM RALAR BASTAVA CONHECER O PRESIDENTE OU PESSOAS DA FAMILIA OU AMIGOS E O ANDAR DO DR. SERGIO MORO DE TEVE QUE RALAR PARA CHEGAR ONDE CHEGOU. O BRASIL ESTA PRECISANDO SER PASSADO A LIMPO MAS O DR SERGIO MORO ESTA SENDO IMPEDIDO PELA VAGABUNDAGEM VERMELHA DOS TRES PODERES. OS TRES PODERES NOS COLOCAMOS OS RABOS DOS VAGABUNDOS LA. ELES SAO TRANSITORIOS MAS ESTAO NOS SABOTANDO E SABOTANDO O JUIZ MORO. NATURALMENTE O SR. DEVE PERTENCER AOS QUADROS DE QUEM ESTA INTERESSADO EM DIMINUIR O TRABALHO DE NOSSO UNICO SALVADOR NO MOMENTO. SE FOR ESSE O CASO OU ENTAO O SR E DESINFORMADO. EU NAO ME METO COM NINGUEM ENTAO FAÇA ME O FAVOR VE SE ME ESQUECE E CUIDE DE SUA VIDA EM VEZ DE FALAR ASNEIRAS. EU SEI O QUE DIGO E PORQUE DIGO E NUNCA ME METI COM NINGUEM NESTA PAGINA SO DIGO O QUE VEJO E NAO ME INTERESSA O QUE AS PESSOAS PENSEM DO QUE EU DIGO.

Anônimo disse...

O OTARIO DAS 434 QUEM PROTEGE BANDIDO É BANDIDO TAMBÉM... VOCÊ ESTÁ PROTEGENDO O VIZINHO QUE COME A SUA NEGA... CADÊ A PRIVATARIA DO FHC??? NÃO FALE MÉRDA QUE ELE TODO DIA SE FAZ DE CEGO E PROTEGE UM BANDIDO...