terça-feira, 11 de julho de 2017

Aliados negociam para salvar Temer na CCJ, porque derrota já é previsível no plenário da Câmara


Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Está apenas começando o inferno gerado em torno da saída de Michel Temer – que tem tudo para não acontecer. A base governista adverte que juntará até 38 votos na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados para impedir que avance o pedido de autorização parlamentar da Procuradoria-Geral da República para que o Presidente da República seja processado por corrupção passiva no Supremo Tribunal Federal. Se Temer vencer, o Brasil vai mergulhar em um colapso político com graves repercussões econômicas e sociais.

Embora acredite que consegue reunir o mínimo de 172 votos no plenário da Câmara, para impedir que o pedido de processo vá adiante, Temer prefere, torce e conspira para barrar tudo imediatamente. O risco é gigantesco. Até agora, 174 parlamentares declaram que votariam pela saída de Temer. O sucessor da Dilma seria imediatamente afastado com a autorização para processo no STF. A quantidade basta para tirar Temer, por 180 dias. O “golpe” parlamentar coloca o presidente da Câmara interinamente na Presidência da República. Embora jure fidelidade a Temer, o genro sem sogro Rodrigo Maia está prontinho para sentar no trono palaciano, mesmo com a Lava Jato fungando em seu cangote.

Os partidos governistas – que vendem a alma a Temer e aos reais controladores econômicos dele – avaliam que chegam ao mínimo de 32 votantes, depois de uma providencial troca de 20 deputados na CCJ que é composta por 66 parlamentares. Abertamente, 16 votam contra Temer (aceitando que a denúncia de Rodrigo Janot vá adiante, para avaliação dos 513 deputados no plenário da Câmara. Também claramente, 21 votam a favor de Temer. Faltariam 11 votos para salvá-lo. Os 15 indecisos e os 14 que não respondem a enquetes são os fiéis da balança e alvos do programa “é dando que se recebe” do Palácio do Planalto.  

Não houve surpresa com a posição do “peemedebista independente” Sérgio Zveiter – relator do Caso Temer na CCJ. O maçom regular Zveiter (da família que tem hegemonia no comando da Grande Loja Maçônica do Estado do Rio de Janeiro) votou a favor de detonar o maçom irregular Michel Miguel Elias Temer Lulia (cadastro 213065 - afastado desde abril de 2015 da Loja Maçônica Colunas Paulistas 3333, de São Paulo). O “irmão” Sérgio Zveiter apresentou um voto demolidor contra o irmão Temer, pedindo que deputados votem pela admissibilidade da abertura de processo por corrupção passiva. Resumindo: “A denúncia não é inepta... Há indícios de autoria e de materialidade”.

Sabendo que a denúncia contra Temer tem mais da metade dos votos necessários para ser aceita, a base aliada corre contra o tempo e parte para todas as negociatas possíveis. Estão em jogo os votos de 110 indecisos e mais 160 parlamentares que preferem não falar do assunto publicamente. Ou seja, é gigantesca a margem para o velho e conhecido “é dando que se recebe”. Desesperados, os governistas tentarão apresentar um relatório alternativo ao apresentado pelo peemedebista Zveiter. A corrida é contra o tempo. O prazo fatal é o recesso parlamentar. Temer segue em ritmo de vida ou morte.

Temer acha que o “irmão” Zveiter “exagerou”. Experiente advogado, Zveiter admitiu que tomou conselhos jurídicos de seu pai, Waldemar Zveiter, ministro aposentado do Superior Tribunal de Justiça e Grão-Mestre da Grande Loja Maçônica do Estado do Rio de Janeiro. Além do protagonismo na Maçonaria, a família Zveiter é famosa por advogar, há décadas, para o Grupo Globo. O irmão de Sérgio, Luiz, é famoso no mundo esportivo, porque foi presidente do Superior Tribunal de Justiça Desportiva da empresa CBF – cargo do qual foi afastado por determinação do Conselho Nacional de Justiça, que julgou que tal função não poderia ser acumulada com a presidência do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro.

A tropa de choque do “irmão” Temer fará o diabo para desmoralizar Sérgio Zveiter – que está no PMDB desde março de 2016. Uns tentam queimá-lo alegando que foi secretário de Sérgio Cabral (ilustre preso). Outros repetem nas redes sociais que Sérgio teve sua campanha de deputado federal de 2014 abastecida pelo caixa das empreiteiras envolvidas na Lava Jato. Formalmente, Zveiter não é alvo de inquéritos na Lava Jato. Por isso, atacado pelos aliados temerários, Zveiter produziu um voto contundente e que pode ser fatal para Michel Temer.       

Horroroso é o comportamento duvidoso dos tucanos – mais perdidos que freiras no meio de um puteiro. Na reunião de ontem no Palácio dos Bandeirantes, sede do governo do Estado de São Paulo, líderes do PSDB decidiram nada resolver, de imediato, sobre o desembarque do governo Temer. Engraçado foi ouvir, do senador José Serra, que todos comeram “pizza” no jantar... Tudo bem... Ontem se celebrou o Dia Nacional da Pizza...

Nada de anormal, porque este é o prato predileto da politicagem tupiniquim – em ritmo de roubalheira sem fim, até a hora que o povo, pt da vida, promova o “juízo final” que pode não ser apenas uma “revolta” no voto, mas sim na base da porrada...

Assim prossegue a guerra de todos contra todos... Assim a vida segue no Brasil em ritmo de corrupção e de guerra civil não-declarada, na qual a população é alvo de balas perdidas, enquanto policiais e militares das forças armadas são alvos de balas achadas...

Já passou da hora de se reinventar o País dominado pelo Crime Institucionalizado e em ritmo de fragmentação... Mas já que isso não acontece por bem, quem sabe, não aconteça pelo mal, que se esfarela e se desmoraliza?

Todos em queda




Colabore com o Alerta Total

Os leitores, amigos e admiradores que quiserem colaborar financeiramente com o Alerta Total poderão fazê-lo de várias formas, com qualquer quantia, e com uma periodicidade compatível com suas possibilidades.

Nos botões do lado direito deste site, temos as seguintes opções:

I) Depósito em Conta Corrente no Banco do Brasil.
Agência 4209-9, C/C: 9042-5, em favor de Jorge Serrão.

II) Depósito em Conta Poupança da Caixa Econômica Federal ou em agências lotéricas: 2995 013 00008261-7, em favor de Jorge Serrão.

OBS) Valores até R$ 9.999,00 não precisam identificar quem faz o depósito; R$ 10 mil ou mais, sim.

III) Depósito no sistema PagSeguro, da UOL, utilizando-se diferentes formas (débito automático ou cartão de crédito).

IV) Depósito no sistema PayPal, para doações feitas no Brasil ou no exterior.

Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!


O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 11 de Julho de 2017.

4 comentários:

Estéfani JOSÉ Agoston disse...

NÃO PERCEBERAM AÇÃO DOLOSA DE MICHELLCORROUPTFF TEMER?

"Comprando"?

Aceitamos que um presidente da república aja subvertendo tudo, minando o processo, desmerecendo provas, ao invés de como é o certo e correto, provar que é inocente?

Já pensou, você é roubado, assaltado, então chama a polícia que vêm e leva para fazer um Boletim de Ocorrência, mas o bandidão vai lá e tenta "comprar" os policiais encarregados de investigar para desconsiderarem a provas, não funciona e o inquérito sobe e lá em cima, o bandidão consegue trocar o promotor durão por um outro "comprado (subornado) de alguma forma, que nem vai aceitar a denúncia, talvez considerando-a inepta e o caso morre lá nas gavetas, nem chegando nas mãos do Juiz. Já passou por isso ou pelo menos já pensou nisso?

Uma situação dessas é escandalosa, não é mesmo? Coisa gravíssima e ofensiva aos bons costumes.

Então temos a situação com o presidente da república tentando desconsiderar denuncias e até provas gravadas, testemunhos pessoais; pode isso? Não é escandaloso que tente impedir a investigação?

Mas não deu, então elle vai lá e conforme se supõe, "consegue" ("compra"?) de alguma forma com as chefias de políticos para substituir os "promotores" (deputados) com vantagens e cargos para que não aceitem as denúncias. Uma situação dessas é escandalosa, não é mesmo? Coisa gravíssima e ofensiva aos bons costumes.

Não aceitamos que um bandidão do PCC aja assim, mas aceitamos isso de um presidente da república? Aceitamos que um presidente da república aja subvertendo tudo, minando o processo, desmerecendo provas, ao invés de como é o certo e correto, provar que é inocente?

http://politica.estadao.com.br/noticias/geral,relator-da-ccj-da-parecer-favoravel-a-aceitacao-da-denuncia-contra-temer,70001884440

Loumari disse...

Brasil já está posto numa rampa escorregadio que lhe arrasta rumo ao fundo das piores das trevas. Desde 2014 que me empenhei em alertar-vos, mas me acolheram com tal violência, gente cujas bocas são verdadeiros sepulcros abertos. Nunca houve um povo cujo conjunto deles é de entranhas cheias de veneno de víboras. Só sabem proferir insultos a torta e a direita. Gentes que já não respeitam nada.
Portanto afirmei aqui já em 2014 quando me dirigi a todos estes que cujo cérebro não supera a do tamanho do cérebro do gafanhoto: Lhes dizia e lhe repetia: De nada serve de agitar-se, porque viremos a assistir muitos rostos a se despegar do resto da cabeça pelo peso da vergonha.
E agora? Quem aqui levanta o cabedal e ergue a cabeça e com o rosto sereno e se orgulhece da situação que assola a vossa sociedade?
Aos olhos do mundo inteiro já se tornaram o verdadeiro escárnio. Qual é outro país que pode igualar a calamidade que consome e destrói o Brasil?
E, a-propósito! não sois vós que dizeis deus é brasileiro? E qual é outra coisa que dizeis? Brasil acima de tudo? Wow, que PRETENSÃO! QUE ARROGÂNCIA! QUANTA SOBERBA!
Gostaria de ver a cara desta gente se o Lula retornasse triunfante para governar sobre este povo malcriado e diabólico. Lhes escovar bem o juízo até que aprendam o respeito e vos ajude a se reapropriar daquele sentimento que se chama VERGONHA.

Anônimo disse...

E, os últimos membros do governo moribundo petista estão sendo "decapitados". O presidente Temer ainda acha que o deputado Maia vai ser fiel a ele? Que nada, ele quer ser presidente, nem que seja por um mês.

Anônimo disse...

Lendo as coisas que escreve, e outras por aí...
Parece que é cada um por si, e "Deus contra todos".

Tenho uma sensação, se explodir uma bomba núclear no Brasil, niguém vai ligar, nem mesmo no noticiário das 8:00, não se dará nota do ocorrido...

Por favor, diga-me que estou errado !