terça-feira, 18 de julho de 2017

Braço engessado, Mão Boba


“País Canalha é o que não paga precatórios”

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira

Um macaco velho, codinome efecagácê, vem tentando bolinar dona Onça.

Vender-lhe-á, por fim, as ilusões de que estão funcionando as instituicâes.

Mais Seu objetivo é desmoralizá-la perante os outros habitantes da floresta.

Aplicar-lhe-á o manjado golpe Boa Noite Cinderela?

Duvido; a felina tem mau hálito, mas bom ouvido.

Prevenida por um grupo de rinocerontes, sabe dos ardis do ramapiteco de maneiras gentis.

Primeiro, tentará convencê-la a deixar entrar em nossas matas um bando de gambás.

Depois buscará acalmá-la sobre a porcada das mamatas.

difícil será explicar que é melhor comer somente pães.

Já pensaram a desmoralização sacana de tornar a dita vegana?

Aviso aos amáveis leitores que, não podendo ser mais enfático, recolher-me-ei a um tempo onçabático.

Falarei de outras obviedades, sem piedades.

Irmãos, oremos!

Nada é real naquilo que vemos.

No reino animal, a Cãorrupção é infernal.

Repetindo: É tempo de murici; cada um cuide de si.


Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

8 comentários:

Loumari disse...

Revenez-nous vite cher librettiste. D'ici là soyez sage.

Loumari disse...

Los aterrizajes mas extremos de aviones de pasajeros 2016. ENFORZA

https://youtu.be/BqkBnh3yvbs


Os pilotos de aviões de linha só podem ser verdadeiros anjos.

Les pilotes d'avions de ligne ne peuvent être que des vrais anges.

Los pilotos de aviones de línea sólo pueden ser verdaderos ángeles.

Airline pilots can only be true angels.

Loumari disse...

CAMINANTE NO HAY CAMINO

https://youtu.be/QBdCLizaSiw

Loumari disse...

Macron accepte la démission du chef d'état-major des armées Pierre de Villiers

https://youtu.be/wxMNGYAG_r0


Este é mesmo o princípio do fim da nação francesa. Um chefe do Estado Maior demitir de suas funções, porque na sua mais intima convicção e crença estima ele:

"Já não estar em condições de assegurar a perenidade do modelo das forças armadas que acredito que consiste em garantir a protecção da França e dos Franceses, hoje e amanhã, e apoiar as ambições de nosso País. (General Pierre de Villier)


APOCALIPSE 18:4-8 E ouvi outra voz do céu, que dizia: Sai dela, povo meu, para que não sejas participante dos seus pecados, e para que não incorras nas suas pragas.
Porque já os seus pecados se acumularam até ao céu, e Deus se lembrou das iniquidades dela.
Tornai-lhe a dar como ela vos tem dado, e retribuí-lhe em dobro conforme as suas obras; no cálice em que vos deu de beber, dai-lhe a ela em dobro.
Quanto ela se glorificou, e em delícias esteve, foi-lhe outro tanto de tormento e pranto; porque diz em seu coração: Estou assentada como rainha, e não sou viúva, e não verei o pranto.
Portanto, num dia virão as suas pragas, a morte, e o pranto, e a fome; e será queimada no fogo; porque é forte o Senhor Deus que a julga.


EZEQUIEL 16:54 para que sofras a tua vergonha, e sejas envergonhada por causa de tudo o que fizeste, dando-lhes tu consolação.
55 Quanto a tuas irmãs, Sodoma e suas filhas, tornarão ao seu primeiro estado; e Samária e suas filhas tornarão ao seu primeiro estado; também tu e tuas filhas tornareis ao vosso primeiro estado.
56 Não foi Sodoma, tua irmã, um provérbio na tua boca, no dia da tua soberba,
57 antes que fosse descoberta a tua maldade? Agora, de igual modo, te fizeste objecto de opróbrio das filhas da Síria, e de todos os que estão ao redor dela, e para as filhas dos filisteus, que te desprezam em redor. 58 Pela tua perversidade e as tuas abominações estás sofrendo, diz o Senhor.

59 Pois assim diz o Senhor JEOVÁ: Eu te farei como fizeste, tu que desprezaste o juramento, quebrantando o pacto.

Anônimo disse...

Carta do Pe. Boulad ao Papa Francisco

Na mencionada entrevista ao “National Catholic Reporter” o Pe. Henrique Boulad comentou a carta que enviou em agosto último ao Papa Francisco, sobre a sua posição tolerante em relação a esse inimigo da Civilização Cristã:

“Parece-me que sob o pretexto de abertura, tolerância e caridade cristã, a Igreja Católica caiu na armadilha da ideologia esquerdista liberal que está destruindo o Ocidente. Qualquer coisa que não se compagine com essa ideologia é imediatamente estigmatizada em nome do ‘politicamente correto’. Muitos pensam que algumas de vossas posições estão alinhadas com essa ideologia e que vós ides, por complacência, de concessões em concessões, de compromissos em compromissos, às expensas da verdade.”

Prossegue o Pe. Boulad em sua advertência: “O Ocidente está num total fracasso ético e moral, religioso e espiritual. E não é relativizando a dolorosa realidade que se ajudará essas sociedades a emergirem de sua confusão. Defendendo o Islã a todo custo e procurando exonerá-lo dos horrores cometidos em seu nome todos os dias, se acabará por trair a verdade.”

Argumenta ainda o jesuíta: “Jesus nos disse: ‘a Verdade vos tornará livres’. Foi porque Ele recusou qualquer compromisso a esse respeito que sofreu o destino que O aguardava. Seguindo-O, um sem-número de cristãos preferiu o martírio ao compromisso. É o caso até hoje, no Egito e em muitos outros lugares.”

O Pe. Boulad insiste: “Com extrema fragilidade, os cristãos — tanto do Leste quanto do Oeste — estão esperando de vós algo mais que declarações vagas e inócuas que podem obscurecer a realidade. Vosso predecessor, o Papa Bento XVI, teve a coragem de tomar uma posição clara e sem ambiguidade. Sua atitude levantou [contra ele] uma grande oposição e conquistou-lhe muitos inimigos. Mas a confrontação franca não é mais salutar que um diálogo baseado no compromisso?”.

O arguto jesuíta, fazendo a distinção entre “promotores da paz” e “pacifistas”, diz estas severas palavras ao Sucessor de Pedro: “Já é hora de emergir de um silêncio vergonhoso e embaraçado em face desse Islamismo que ataca o Ocidente e o resto do mundo. Uma atitude sistemática e conciliatória nossa é interpretada pela maioria dos muçulmanos como sinal de medo e fraqueza. Jesus nos disse: Bem-aventurados os que promovem a paz, e não: Bem-aventurados os pacifistas. Paz a qualquer preço é pura e simplesmente uma traição à verdade.”



http://www.abim.inf.br/procurar-defender-o-isla-a-qualquer-preco-e-trair-a-verdade/

Loumari disse...

Mateus 5

Ouvir

1 E Jesus, vendo a multidão, subiu a um monte, e, assentando-se, aproximaram-se dele os seus discípulos;
2 E, abrindo a sua boca, os ensinava, dizendo:
3 Bem-aventurados os pobres de espírito, porque deles é o reino dos céus;
4 Bem-aventurados os que choram, porque eles serão consolados;
5 Bem-aventurados os mansos, porque eles herdarão a terra;
6 Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque eles serão fartos;
7 Bem-aventurados os misericordiosos, porque eles alcançarão misericórdia;
8 Bem-aventurados os limpos de coração, porque eles verão a Deus;
9 Bem-aventurados os pacificadores, porque eles serão chamados filhos de Deus;
10 Bem-aventurados os que sofrem perseguição por causa da justiça, porque deles é o reino dos céus;
11 Bem-aventurados sois vós, quando vos injuriarem e perseguirem e, mentindo, disserem todo o mal contra vós por minha causa.
12 Exultai e alegrai-vos, porque é grande o vosso galardão nos céus; porque assim perseguiram os profetas que foram antes de vós.
13 Vós sois o sal da terra; e se o sal for insípido, com que se há de salgar? Para nada mais presta senão para se lançar fora, e ser pisado pelos homens.
14 Vós sois a luz do mundo; não se pode esconder uma cidade edificada sobre um monte;
15 Nem se acende a candeia e se coloca debaixo do alqueire, mas no velador, e dá luz a todos que estão na casa.
16 Assim resplandeça a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai, que está nos céus.
17 Não cuideis que vim destruir a lei ou os profetas: não vim abrogar, mas cumprir.
18 Porque em verdade vos digo que, até que o céu e a terra passem, nem um jota ou um til jamais passará da lei, sem que tudo seja cumprido.
19 Qualquer, pois, que violar um destes mandamentos, por menor que seja, e assim ensinar aos homens, será chamado o menor no reino dos céus; aquele, porém, que os cumprir e ensinar será chamado grande no reino dos céus.
20 Porque vos digo que, se a vossa justiça não exceder a dos escribas e fariseus, de modo nenhum entrareis no reino dos céus.
21 Ouvistes que foi dito aos antigos: Não matarás; mas qualquer que matar será réu de juízo.
22 Eu, porém, vos digo que qualquer que, sem motivo, se encolerizar contra seu irmão, será réu de juízo; e qualquer que disser a seu irmão: Raca, será réu do sinédrio; e qualquer que lhe disser: Louco, será réu do fogo do inferno.
23 Portanto, se trouxeres a tua oferta ao altar, e aí te lembrares de que teu irmão tem alguma coisa contra ti,
24 Deixa ali diante do altar a tua oferta, e vai reconciliar-te primeiro com teu irmão e, depois, vem e apresenta a tua oferta.
25 Concilia-te depressa com o teu adversário, enquanto estás no caminho com ele, para que não aconteça que o adversário te entregue ao juiz, e o juiz te entregue ao oficial, e te encerrem na prisão.
26 Em verdade te digo que de maneira nenhuma sairás dali enquanto não pagares o último ceitil.
27 Ouvistes que foi dito aos antigos: Não cometerás adultério.
28 Eu, porém, vos digo, que qualquer que atentar numa mulher para a cobiçar, já em seu coração cometeu adultério com ela.
29 Portanto, se o teu olho direito te escandalizar, arranca-o e atira-o para longe de ti; pois te é melhor que se perca um dos teus membros do que seja todo o teu corpo lançado no inferno.
30 E, se a tua mão direita te escandalizar, corta-a e atira-a para longe de ti, porque te é melhor que um dos teus membros se perca do que seja todo o teu corpo lançado no inferno.
31 Também foi dito: Qualquer que deixar sua mulher, dê-lhe carta de divórcio.
32 Eu, porém, vos digo que qualquer que repudiar sua mulher, a não ser por causa de fornicação, faz que ela cometa adultério, e qualquer que casar com a repudiada comete adultério.
33 Outrossim, ouvistes que foi dito aos antigos: Não perjurarás, mas cumprirás os teus juramentos ao Senhor.

Loumari disse...

Mateus 5

Ouvir

34 Eu, porém, vos digo que de maneira nenhuma jureis; nem pelo céu, porque é o trono de Deus;
35 Nem pela terra, porque é o escabelo de seus pés; nem por Jerusalém, porque é a cidade do grande Rei;
36 Nem jurarás pela tua cabeça, porque não podes tornar um cabelo branco ou preto.
37 Seja, porém, o vosso falar: Sim, sim; Não, não; porque o que passa disto é de procedência maligna.
38 Ouvistes que foi dito: Olho por olho, e dente por dente.
39 Eu, porém, vos digo que não resistais ao mau; mas, se qualquer te bater na face direita, oferece-lhe também a outra;
40 E, ao que quiser pleitear contigo, e tirar-te a túnica, larga-lhe também a capa;
41 E, se qualquer te obrigar a caminhar uma milha, vai com ele duas.
42 Dá a quem te pedir, e não te desvies daquele que quiser que lhe emprestes.
43 Ouvistes que foi dito: Amarás o teu próximo, e odiarás o teu inimigo.
44 Eu, porém, vos digo: Amai a vossos inimigos, bendizei os que vos maldizem, fazei bem aos que vos odeiam, e orai pelos que vos maltratam e vos perseguem; para que sejais filhos do vosso Pai que está nos céus;
45 Porque faz que o seu sol se levante sobre maus e bons, e a chuva desça sobre justos e injustos.
46 Pois, se amardes os que vos amam, que galardão tereis? Não fazem os publicanos também o mesmo?
47 E, se saudardes unicamente os vossos irmãos, que fazeis de mais? Não fazem os publicanos também assim?
48 Sede vós pois perfeitos, como é perfeito o vosso Pai que está nos céus.

Loumari disse...

O amor é a asa veloz que Deus deu à alma para que ela voe até ao céu.
(Michelangelo Buonarroti)