quarta-feira, 19 de julho de 2017

O crime que Lula dificilmente cometeria


Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Putocratas do Brasil, uni-vos! O termo “putocratas”, um neologismo, tem dois significados adaptáveis à realidade tupiniquim. Putocratas pode ser traduzido como “governo dos prostitutos ou prostituídos” – o que bem retrata a realidade de um País desgovernado pelo Estado Ladrão em torno do qual se organiza o Crime Institucionalizado. Putocratas também serve para definir governo desejável por aqueles que estão muito putos da vida com a roubalheira, e por isso desejam mudanças estruturais na máquina estatal dos nos poderes (nada republicanos).

A canalhice tem força e vigor em Bruzundanga. As “negociações” para manter Michel Temer na Presidência trarão conseqüências gravíssimas para o futuro próximo de “Roubolândia” – designação ideal do nosso amado e desalmado País. Se não for derrubado (o que não deve ocorrer), o desgoverno ilegítimo de Michel – eleito pela petelândia e seus velhos comparsas – terá poderio para aprovar, como rolo compressor, tudo que interessa aos que desejam explorar e vender o Brazil. Até o final de 2018, os bandidos ficarão ainda mais ricos. A previsão inclui até os poucos punidos ou puníveis pela nossa fábrica de injustiças e impunidades.

Exemplo mais vergonhoso é o Rio de Janeiro – estado falido pela macrocriminalidade (políticos e empresários e outros bandidos associados) e aterrorizado pela microcriminalidade (narcotraficantes que, além de matar e roubar cargas, também são especializados em ajudar políticos a se elegerem, na base da descarada compra de votos em currais eleitorais carentes). No RJ, parece normal que o sucessor e parceiro do encarcerado Serginho Cabral, governador licenciado Luiz Fernando Pezão, faça um tratamento em um spa cuja diária é R$ 7 mil, enquanto os servidores estatuais, sobrevivendo à base de cestas básicas doadas, sequer tenham recebido os salários de maio.

O Rio de Janeiro é apenas o exemplo mais gritando do caos de má gestão e explosão de violência em vários outros estados de “Roubolândia”. O fenômeno pode ser explicado por uma daquelas piadas ultracriativas, criadas por anônimos, que viralizam nos zap-zaps das redes sociais. O texto que nós roubamos do smartphone para reproduzir aqui no blog justifica, magistralmente, por que o Crime Institucionalizado tem hegemonia no Brasil da corrupção sistêmica. Se já leu, avance novos parágrafos adiante. Se for novidade, reflita seriamente sobre o que reproduzimos:

1. Um sujeito comprou uma geladeira nova e, para se livrar da velha, colocou-a em frente à casa com o aviso: "De graça. Se quiser, pode levar". A geladeira ficou três dias, sem receber um olhar dos passantes. Ele chegou à conclusão que as pessoas não acreditavam na oferta. Parecia bom demais pra ser verdade, e ele mudou o aviso: "Geladeira à venda por R$ 50,00". No dia seguinte, ela tinha sido roubada!

Cuidado! Esse tipo de gente vota!

2. Olhando uma casa para alugar, meu irmão perguntou à corretora de imóveis de que lado era o Norte, porque não queria que o sol o acordasse todas as manhãs. A corretora perguntou: "O sol nasce no norte?". Quando meu irmão explicou que o sol nasce no Leste (aliás, há um bom tempo isso acontece), ela disse: "Eu não me mantenho atualizada a respeito desse tipo de coisa".

Ela também vota!

3. Antigamente, eu trabalhava em suporte técnico num centro de atendimento a clientes em Manaus. Um dia, recebi um telefonema de um sujeito que perguntou em que horário o centro de atendimento estava aberto. Eu disse a ele: "O número que o senhor discou está disponível 24 horas por dia, 7 dias por semana. "Ele perguntou: "Pelo horário de Brasília ou pelo horário de Manaus?". Para acabar logo com o assunto, respondi: "Horário de Manaus".

Ele vota!

4. Meu colega e eu estávamos almoçando no restaurante self-service da empresa, quando ouvimos uma das assistentes administrativas falando a respeito das queimaduras de sol que ela havia tido, ao ir de carro ao litoral. Estava num conversível, por isso "não pensou que ficaria queimada, pois o carro estava em movimento".

Ela também vota!

5. Minha cunhada tem uma ferramenta salva-vidas no carro, projetada para cortar o cinto de segurança, se ela ficar presa nele. Ela guarda a ferramenta no porta malas!

Minha cunhada também vota!

6. Meus amigos e eu fomos comprar cerveja para uma festa, e notamos que os engradados tinham desconto de 10%. Como era uma festa grande, compramos 2 engradados. O caixa multiplicou 10% por 2 e nos deu um desconto de 20%.

Ele também vota!

7. Saí com um amigo e vimos uma mulher com um aro no nariz, atrelado à orelha por uma corrente, que terminava num brinco. Meu amigo disse: "Será que a corrente não dá um puxão a cada vez que ela vira a cabeça?". Expliquei que o nariz e a orelha de uma pessoa permanecem à mesma distância, independente da pessoa virar a cabeça ou não.

Meu amigo também vota!

8. Eu não conseguia achar minhas malas na área de bagagens do aeroporto. Fui então até o setor de bagagem extraviada e disse à mulher que minhas malas não tinham aparecido. Ela sorriu e me disse para não me preocupar, porque ela era uma profissional treinada e eu estava em boas mãos... "Apenas me informe: o seu avião já chegou?".

Ela também vota!

9. Esperando ser atendido numa pizzaria, observei um homem pedindo uma pizza para viagem. Ele estava sozinho e o pizzaiolo perguntou se ele preferia que a pizza fosse cortada em 4 pedaços ou em 6. Ele pensou algum tempo, antes de responder: "Corte em 4 pedaços... Acho que não estou com fome suficiente para comer 6 pedaços".

Adivinha???  Isso mesmo... Ele também vota!

Pronto! Agora você já sabe QUEM elege nossos políticos!

Para encerrar as breves reflexões sobre a “Putocracia”, nada melhor que narrar um crime que o “presidenciável” ou “presidiável” Luiz Inácio Lula da Silva dificilmente cometeria: o furto de livros. Um jovem de 18 anos de idade chegou a ser detido, segunda-feira passada, pelo furto de 379 livros da biblioteca de Itápolis, no interior de São Paulo. O rapaz responderá em liberdade pelo crime que não seria praticado por quem já declarou, publicamente, que não gosta de livros.

Em síntese: Os putos da vida devem apoiar a Intervenção Institucional que fechará as fábricas de burros e de ladrões...

Shit comparetion


Campanha Nacional de Desratização


Bela imagem viralizada pelo Marcelo Mahler no Facebook...

Piada séria


Outra piada mais séria ainda


Esquema em andamento


Colabore com o Alerta Total

Os leitores, amigos e admiradores que quiserem colaborar financeiramente com o Alerta Total poderão fazê-lo de várias formas, com qualquer quantia, e com uma periodicidade compatível com suas possibilidades.

Nos botões do lado direito deste site, temos as seguintes opções:

I) Depósito em Conta Corrente no Banco do Brasil.
Agência 4209-9, C/C: 9042-5, em favor de Jorge Serrão.

II) Depósito em Conta Poupança da Caixa Econômica Federal ou em agências lotéricas: 2995 013 00008261-7, em favor de Jorge Serrão.

OBS) Valores até R$ 9.999,00 não precisam identificar quem faz o depósito; R$ 10 mil ou mais, sim.

III) Depósito no sistema PagSeguro, da UOL, utilizando-se diferentes formas (débito automático ou cartão de crédito).

IV) Depósito no sistema PayPal, para doações feitas no Brasil ou no exterior.

Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!


O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 19 de Julho de 2017.

3 comentários:

Anônimo disse...

EU TAMBÉM VOTO E TENHO A CERTEZA DE QUE SE FOR REALIZADA UMA INTERVENÇÃO NO JUDICIARIO A COISA JÁ MELHORAVA... POIS TENTEM FAZER UMA DENUNCIA DE ALGUMA ATIVIDADE CRIMINOSA QUE TENHA O DEDO DA MAÇONARIA OU DO JUDICIARIO, VOCÊ MORRE DE RAIVA OU ASSASSINADO, POIS O MELIANTE FICA SABENDO QUEM É VOCÊ NO MESMO INSTANTE... DELEGADOS DE POLICIAS, PROMOTORES, JUIZES, DESEMBARGADORES, VEREADORES, PREFEITOS,GOVERNADORES... TIRANDO O NARCOTRAFICO, CONTRABANDO E JOGOS ILEGAIS, O CONTO DO VIGARIO É O DO USOCAPIÃO, LÁ VOU EU DE NOVO... O MAÇOM MUITO BEM INFORMADO POR FUNCIONARIOS PUBLICOS QUE POR ALGUNS FAVORES LHES FORNECEM O MAPA DAS PROPRIEDADES, ENTRAM COM O PEDIDO, O JUIZ CONCEDE O TITULO DE POSSE, AI VEM O PREFEITO E DESAPROPRIA E A INDENIZAÇÃO É RATEADA... AGORA JUIZES ESTÃO DANDO USUCAPIÃO PARA AREAS DE DOMINIO PUBLICO, PRAÇAS , AVENIDAS, RUAS, E ATÉ AÇUDES...

Anônimo disse...

Conheço uma turma grande que... VOTAM. Uma, ficou com medo de não receber a sua unidade no Minha Casa Minha Vida depois das ameaças de que acabaria, caso a Dilma perdesse e... VOTOU. Não recebeu nada até hoje e sem previsão. Outro, perdeu o emprego, continua mudando e fazendo bicos mas acredita na "Pátria Educadora", na Meta, no armazenamento de vento e adoração a mandioca e, principalmente, no homem mais "honesto"(ou Funesto) da história desse país.

Anônimo disse...

Quando o governo começa a ser bonzinho, pode colocar as barbas de molho que vem coisa ruim depois. Começaram com uma "bondade" de baixar preços da gasolina e diesel só para, agora, aumentarem os impostos desses produtos e retomarem a subida de preços aos poucos e arrecadarem mais. Nada nesse pais funciona como deveria. Acredito que até a Dilma queria armazenar vento para cobrar imposto depois. Lembro a propaganda do PROÁLCOOL e a realidade de hoje que, até, importamos. Tudo movido por ganância. E o povo que se vire e pague mais.