segunda-feira, 9 de outubro de 2017

O Samba do Ariano Retardado


Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

No gigantesco manicômio judiciário em que se transformou o Brasil, Stanislaw Ponte Preta não poderia escrever o “Samba do Crioulo Doido”. O jeitinho brasileiro agora manda compor o “Samba do Ariano Retardado”. Afinal, o fascismo contamina boa parte da intelectualidade acadêmica, da mídia abestada, dos rentistas da jogatina e dos autoproclamados donos do poder. Os mantenedores do regime Capimunista, majoritariamente associados ou coniventes com o Crime Institucionalizado, simplesmente alopraram.

Quem sabe ler cenários e faz uma análise estratégica da conjuntura constata que a zelite podre no poder exala pavor por todos os buracos. Eles não conseguem responder a uma simples perguntinha: Se o Bolsonaro está com 30 milhões de eleitores, em segundo lugar nas “pesquisas”, se a Marina está em terceiro lugar e o fantástico Lula, sempre em primeiro, de onde vieram os eleitores do Bolsonaro? A resposta vale 50 barras de ouro – daquelas que ajudaram a premiar a corrupção olímpica.

A fascistada que ataca o Bolsonaro – e que só faz crescer a popularidade dele – armou mais uma daquelas inacreditáveis para induzir que existe alternativa ao nome dele... Os digitadores de aluguel espalharam uma nova pesquisa feita pelo Ibope para a Fundação Getúlio Vargas, revelando que 29,8% dos eleitores apóiam “um candidato novo, fora da política tradicional”. Só faltou escrever que o sujeito se chama Luciano Huck. A mesma pesquisa adverte que 29,3% dos entrevistados prometem anular o voto ou votar em branco na eleição presidencial de 2018...

O Bom Dia Brasil desta segunda-feira nos brindou com mais uma daquelas matérias com jeitinho de “patrocinadas pelos banqueiros”. A espetacular reportagem teve a cara de pau de culpar os 60 milhões de inadimplentes pelas altas taxas de juros... Rede Globo, você não deveria chamar as pessoas endividadas idiotas. Na verdade, a relação de causa e efeito é a contrária: temos 60 milhões de inadimplentes justamente porque as taxas de juros são altamente criminosas no Brasil. Por que os gênios globais não explicam que a usura é alta por dois motivos: 1) excesso de especulação promovida pelo sistema financeiro e 2) porque a rolagem da trilhonária dívida pública, financiada pelos bancos em troca dos juros altíssimos, ajuda a financiar os caríssimos donos do poder no Brasil?

Nas redes sociais, Negão da Chatuba roubou um texto que mandou eu copiar e colar aqui. Comenta que o Fantástico de domingo foi tão sensacional que já pode até mudar o nome pra Lacrástico! Nele aprendemos que: (abre aspas)


“1) Um casal de dois bizarros esquisitos de aparência suja, que criam os filhos homens brincando de bonecas, são mais modernos e corretos do que você, seu mauricinho retrógrado e cafona, que usa cabelo curto, faz a barba 3x por semana, usa camisa pólo de grife importada e que cria seu filho homem jogando futebol”.

“2) Chamar uma menina de princesa é uma ofensa, porque segundo a "especialista", toda princesa é loira de olhos verdes (a ignorante não sabe que há princesas de todas as etnias em desenhos animados e em bonecas)”.

“3) Segundo a outra especialista (entre aspas), não criar meninos como meninas pode gerar divisão desigual no trabalho no futuro, inclusive salarial (oi?). Porém, a ignorante esqueceu que mulheres não aguentam carregar sacos de 50 kg de cimento nas costas e, por isso, a divisão do trabalho é necessária. Foi justamente a divisão do trabalho entre trabalhos de homens e trabalhos de mulheres que possibilitou o desenvolvimento da humanidade”.

“4) 1700 assassinatos em atentados causados por psicopatas armados nos EUA, em toda a história, são muito mais relevantes do que os 60 mil assassinatos anuais ocorridos no Brasil. Mas só porque lá o acesso a armas legalizadas é facilitado, ok?” 

“5) Traficantes são intolerantes com umbandistas em comunidades dominadas por eles porque são religiosos cristãos, não porque são bandidos com ética e moral distorcidas. Fazem isso porque são crentes, entendeu?”

“6) Não há problema algum em avacalhar com símbolos do cristianismo, inclusive com Jesus Cristo, desde que você faça através de arte de gosto completamente duvidoso”.

“7) Obrigar uma criança a tocar um homem nu não fere o ECA. Só dar umas palmadas corretivas é que fere”. 

“8) Pedofilia, zoofilia e escárnio da fé alheia são totalmente toleráveis e saudáveis quando feitos dentro de um museu, em uma exposição de arte”.

“9) Marcelo Crivella é um ditador facínora porque proibiu a exposição Queermuseu no MAR, no Rio”. 

Só não dá para dar “parabéns” à Rede Globo porque a Rede Record também produziu uma reportagem digna de ganhar um verso na versão do Samba do Ariano Retartado”. A matéria senta o pau nos desempregados que ajudam a movimentar uma “máfia” de venda de passagens de bilhetes únicos, com preços subsidiados, no câmbio negro. O foco correto seria investigar como funciona, detalhadamente, este sistema de pagamento de transporte público de passageiros. Quem realmente ganha com ele? Certamente, não é o sem emprego que embolsa 10 centavos em cada viagem revendida para “espertalhões”.

“Lalau” – que era o apelido do Stanislaw e não sinônimo de “ladrão” – morreria 13 vezes do coração com um Brasil repleto de tanto “intelectual” que só tem dois defeitos: não usa corretamente o intelecto ou raciocina demais com o intestino... Haja Samba do Crioulo Doido ou sua inversão bipolar e radicalóide, o “Samba do Ariano Retartado”...

O negócio seria mudar para a Islândia – País que realizou em 2012/2013 uma inédita Intervenção Constitucional, tirou ladrões e incompetentes do poder e que agora deve até disputar a Copa do Mundo de Futebol da Rússia... Só não vou para “Iceland” porque detesto frio...

Releia o artigo desta segunda: “Petrobrás! Oh, Petrobras... Até quando continuarás sendo espoliada por suas sócias? Respondas...

Reveja o artigo de domingo: Fascistas e Rentistas contra Bolsonaro


Congresso do Avança Brasil

Nossos leitores estão convidados para o CONGRESSO ANUAL AVANÇA BRASIL – Belo Horizonte, 18/11/17

NÃO PERCA TEMPO! FAÇA JÁ A SUA INSCRIÇÃO CLICANDO AQUI: https://avancabrasil.vpeventos.com/SVN3d1lHQUtZQW89-nova-inscricao.html#/

Ouro Minas Palace Hotel

Endereço: Av. Cristiano Machado, 4001 - Ipiranga, Belo Horizonte - MG, 31160-342, Brasil / Telefone: +55 31 3429-4000

Agenda

08:00 - Credenciamento

08:30 - Abertura Oficial – Avança Brasil

Nilton Caccáos e Eduardo Resende

09:00 - Palestra de Abertura - Porque o Brasil é um país atrasado?

Luiz Phillipe de Orleans e Bragança

09:45 - Painel 1: Qual o compromisso da classe política? Quais as reformas políticas necessárias no Brasil? 

Álvaro Dias, Domingos Sávio, Jaime Martins, José Medeiros  - Moderadores: Luiz Phillipe e Nilton Caccáos


11:15 INTERVALO

11:45 - Painel 2: Precisamos Refundar o Brasil - Porque e como chegaremos lá

Thomas Korontai, Luiz Phillipe Orleans e Bragança, Fernando Francischini e Fabiano Tolentino - Moderadores: Jorge Serrão e Raphael Panichi

12:45 - ALMOÇO

14:00 - Painel 3: Transformação Cultural da Direita 

Joice Hasselmann, Allan dos Santos, Bia Kicis, Hélio Beltrão, Eder Borges – Moderadores: Leonardo Dias e Alexandre Moros

15:30 - Painel 4: Urna Eletrônica e Voto Impresso

Major Olímpio, Hugo Hoeschl, Claudio Tonelli, Dalmo Accorsini, Orlando José Leite de Castro  – Moderadores: Delair Gaspar e Willian Bull

16:30 - INTERVALO

17:00 - Painel 5: Educação para um novo Brasil

Miguel Nagib, Stavros Xanthopoulos, Izalci Lucas,  Marcel Van Hattem - Moderadores:  Bia Kicis e Willian Bull

18:00 - Encerramento

Colabore com o Alerta Total

Os leitores, amigos e admiradores que quiserem colaborar financeiramente com o Alerta Total poderão fazê-lo de várias formas, com qualquer quantia, e com uma periodicidade compatível com suas possibilidades.

Nos botões do lado direito deste site, temos as seguintes opções:

I) Depósito em Conta Corrente no Banco do Brasil.
Agência 4209-9, C/C: 9042-5, em favor de Jorge Serrão.

II) Depósito em Conta Poupança da Caixa Econômica Federal ou em agências lotéricas: 2995 013 00008261-7, em favor de Jorge Serrão.

OBS) Valores até R$ 9.999,00 não precisam identificar quem faz o depósito; R$ 10 mil ou mais, sim.

III) Depósito no sistema PagSeguro, da UOL, utilizando-se diferentes formas (débito automático ou cartão de crédito).

IV) Depósito no sistema PayPal, para doações feitas no Brasil ou no exterior.

Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 9 de Outubro de 2017.

Um comentário:

jomabastos disse...

É bem verdade. O Brasil virou um gigantesco manicômio.Tá todo mundo doido!
Até o Bolsonaro está todo feliz em sua loucura, porque nas "enquetes" da mídia lulista, está em segundo lugar com 30 milhões atrás do Lula ladrão. Até agradeceu a essa mídia, apoiante do "Foro de São Paulo", pelo seu segundo lugar no pódio. Tá tudo louco!
O Bolsonaro até já escolheu a arma(.50?) que será comercializada assim que for presidente, para que a população abata o inimigo(guerra civil declarada?) sem as balas que se confundam com as dos policiais.
Será este o seu único estilo de projetos para o país? A ver vamos.
Até prova em contrário, o Bolsonaro está acentuando que é um mal menor como candidato.

As taxas de juros são altamente criminosas no Brasil! Elas ajudam a manter o não-desenvolvimento.

Os programas televisivos também estão necessitando de uma intervenção.