domingo, 12 de novembro de 2017

Apartheid Brasileiro


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Henrique Abrão e Laércio Laurelli

O Brasil vive uma tempestade perfeita de um Apartheid em todos os campos, notadamente político, econômico e social. A falta de governo gerou um sério e grave problema no setor de energia. Carecemos de políticas públicas na área de petróleo, eletricidade e gas. Não foi sem
razão que os preços sobem vertiginosamente e contaminam toda a espiral inflacionária.

A gasolina nos últimos 12 meses subiu mais do que a inflação, o gas dobrou de preço(GLP) e a eletricidade deu saltos impressionantes pelas bandeiras inseridas, e as privatizações as quais não deram um bom exemplo para o consumidor brasileiro. Na linha diagramada, portanto, temos um estado de apartheid no qual a inflação empurra a classe de menor renda para o buraco da ansiedade e angustia, oprimida pela falta de emprego, afora o político de uma classe que nos desgoverna.

Eis o cenário que se descortina para o ano de 2018 sem bons candidatos, ausente interesse público e notadamente as boas práticas de levar o Brasil em direção ao crescimento e desenvolvimento. Interrompemos o modelo de produção e de ganhos em escala há mais de uma década, e fomos feridos por erros que sacrificam a sociedade e mortificam os sonhos da população.

Conseguiremos sair dessa separação que também é ideológica e do certo e do errado? Não haverá espaço sem não houver determinação, vontade de acertar e arrumar a casa totalmente bagunçada e desarrumada por governos apenas populistas e demagogos que consumiram bilhões para manter um esquema de corrupção e propina livre .Na conjuntura atual o melhor caminho tem sido deixar o Brasil e viver no exterior, mais de
500 mil brasileiro já se foram nos últimos 5 anos e a tendência é aumentar se o País piorar.

Custa a crer que chegamos com tanta riqueza natural ao fundo do poço e sem esperanças para as futuras gerações. Tudo é caro e o nosso empresário ao menor sinal eleva preços, não ha consumo interno e o resultado prático é a exportação para melhorar a balança. Convivemos com um tecido social esgarçado e problemas de ordem plural, quem será capaz de resolver tudo em pouco tempo. Absolutamente ninguém... Eis que demoraremos ao menos 5 anos para atingirmos uma meta de balizamento em torno da reconstrução do Brasil.

O principal a fazer é uma nova ordem constitucional por intermédio de uma assembléia nacional constituinte descolada da classe política com representatividade e que objetive implantar a democracia
sem segregação ou sectarismo. O nosso jornalismo é de péssima qualidade, a internet sofrível e o desprezo pela coisa pública inimaginável. As cidades abandonadas e os Estados falidos,fruto de um surrupio que se aloja desde o descobrimento,atravessando todas as etapas e fases da República que no dia 15 proximo comemorara mais um ano.

Temos algo a festejar? Verdadeiramente nada, pois que somos uma Republica de bananas estragada e extremamente dividida pelo fruto do capital que leva o trabalho na contramão e sem pessoas que tenham
idéias boas para o amanhã. Triste República solapada por uma crise e cujos sonhos foram engavetados nos quais os serviços públicos são de péssima qualidade e a população não tem atendimento,pagando preços de primeiro mundo para uma assistência de qualidade inferior.

Que tenhamos ao menos vontade de romper com esse estado de coisa e rumar para um País sem separação econômica e política governando pela razão e bom senso em prol do cidadão.


Carlos Henrique Abrão (ativa) e Laércio Laurelli (aposentado) são Desembargadores do Tribunal de Justiça de São Paulo.

Um comentário:

Anônimo disse...

SE O NOSSO JUDICIARIO NÃO PASSASSE DE UM PODER PARALELO QUE ALÉM DE PRATICAR TODOS OS TIPOS DE CRIMES E SABOTAGENS AINDA RECEBEM ALGUM POR FORA A COISA JAMAIS SERIA ASSIM ... UM PODER CORRUPTO E INCOMPETENTE ESSE É O NOSSO JUDICIARIO, AS CONCESSIONARIAS DE ENERGIA, TELEFONIA, E OUTROS SERVIÇOS SABEM QUE QUALQUER PROCESSO QUE O CIDADÃO ABRA CONTRA ELAS NUNCA VAI DAR EM NADA POIS ELAS TEM AS COSTAS QUENTES POR UM JUIZ OU UM DESEMBARGADOR PREVARICADOR E LADRÃO E OS MESMOS COMANDAM E PROTEGEN, TRAFICANTES, CONTRABANDISTAS, BIGHEIROS E OUTROS BANDIDOS DA MAÇONARIS...