sábado, 11 de novembro de 2017

O Brasil, William Waack e o Racismo

O vídeo foi vazado, um ano depois do ocorrido, por um ex-funcionário da Rede Globo: o operador de VT Diego Rocha Pereira, de 28 anos, com a ajuda do designer gráfico Robson Cordeiro Ramos, 29. Ambos alegam que o comentário de Waack foi feito com naturalidade e não gerou qualquer reação de protesto por parte de outros membros da equipe. A gravação ocorreu nos bastidores de uma cobertura das eleições presidenciais dos Estados Unidos, em novembro de 2016. Waack foi afastado de suas funções pelo Grupo Globo, e foi denunciado por “racismo” pelo Ministério Público.


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Lourenço Nisticó Sanches

Destarte a verdadeira “arapuca” armada contra o brilhante profissional do jornalismo – William Waack, com requintes de fria perversidade, há que se considerar:

O Sr. Waack pertence a uma geração cuja cultura é extremamente díspar da que ora singra – com vento a favor, em nossa sociedade, senão vejamos:
A identidade de gêneros, assim chamada intersexualidade, é a “bola da vez” em todos os noticiários, e em todos os meios de comunicação, sob a proteção das atuais leis que regem esse tema em nosso país.

Aliás, não será de todo errôneo dizer que aqueles que outrora eram “diferentes”, atualmente gozam de proteção e privilégios legais superiores aos que lhes são menos iguais. Até privilégios no ensino superior conquistaram com vagas que lhes são asseguradas, em demérito a muitos que lhes suplantam em conhecimento, formação e educação formal.

Será que nossa legislação, à guisa de compensação de um passado que remonta a séculos, estará se penitenciando extemporaneamente? Outros países com histórico semelhante também procedem com essas distinções?
Faz-me recordar do lendário “Procusto” e sua fatídica cama que inventou para tornar a todos iguais!

No que tange à etnia, verifica-se que nosso país, escravagista séculos passados, ainda carrega – infelizmente, “senões” quanto aos que se distanciam etnologicamente da população originária dos países de nossos descobridores, bem assim daqueles que nos colonizaram (inclusive daqueles que para cá vieram com o único fito de amealharem fortuna e após retornarem a seus países de origem – muitos dos quais engravidando as outrora “mucamas” dos senhores de engenho) e dos que tiveram o único intuito da exploração/pilhagem.

O noticiário retrata uma personalidade forte – às vezes até rude, ou mesmo soberba, do jornalista em tela, entretanto há absoluta unanimidade em afirmar que o Sr. W. Waack é extremamente brilhante em seu ofício e empresta com sua postura (incluso personalidade – em inglês dá-se o nome de “face”, ou seja, prestígio – algo que não se ganha, se conquista!) necessária e imprescindível credibilidade às matérias que a emissora, sua empregadora – Rede Globo, oferece em seus telejornais.

Inevitável, portanto, que tenha conseguido – quer por ciúme profissional, quer por outra razão menos honrosa, colecionar alguns desafetos em seu meio laboral; não será, pois, nesses escaninhos da maledicência que até a pouco se encontravam ocultas aspersonagens e, por isso mesmo demonstrando atitude covarde, que fizeram a divulgação da malfadada gravação televisiva de um ano atrás?

Não estamos buscando desculpas para procedimentos que contrariam a igualdade entre as pessoas, independentemente de suas origens étnicas, mas creio que não devemos alavancar possível deslize do Sr. W. Waack com a bílis destilada pela contrariedade daqueles que buscam apenas um átimo para se vingar de suas próprias idiossincrasias, estas que não têm mais razão de ser, nem lugar no Brasil atual – que de a muito já as superou.

Ponderemos, despidos de qualquer influência, e sejamos, acima de tudo justos para com o profissional jornalista – Sr. William Waack, com a devida equanimidade que tanto se propugna!

Não é isso o que se deseja?


Lourenço Nisticó Sanches é Livre Pensador.

Um comentário:

Anônimo disse...

ANONIMA DIZ...
ANONIMA DIZ...

NAO SOU DEFENSORA DE PAIS, NAO SOU DEFENSORA DE POLITICOS, NAO SOU DEFENSORA DE VAGABUNDOS, GAYS, SAPATONAS, PRETOS, POBRES, VAGABUNDOS SEM CEREBRO SEM VERGONHAS E SEM DIREITO ALGUM QUE QUEREM FAZER DE NOSSO PAIS ESTA FRATULENCIA MENTAL, INTELECTUAL E FAZER DAS QUALIDADES INTELECTUAIS DE UMA PESSOA UMA BAGABEM DE MERDA QUANDO NA REALIDADE O QUE VEM IMPERANDO NO MOMENTO SAO FACÇOES MINIMAS QUERENDO SE ASSENHORAR DE PRIVILEGIOS QUE NUNCA DEVERIAM TER. NAO TEM QUE TER RAÇAO DE DINHEIRO PARA POBRES, NAO TEM QUE TER RAÇAO EM UNIVERSIDADES PARA PRETOS, VIADOS, SAPATONAS, MULHERES E OUTROS BICHOS. A CONVERSA HOJE EM DIA E MERITO. QUANDO UM INDIVIDUO NAO TEM MERITO NAO TEM QUE TER AJUDA PELA FALTA DE MERITO, FALTA DE FIBRA E FALTA DE CORAGEM PARA AGIR. O FATO DO INDIVIDUO TER NASCIDO PRETO NAO DA A ELE O DIREITO DE TOMAR LUGAR DE OUTRO PRETO QUE NAO USA SUA COR PARA SE FAZER DE VITIMA DO MUNDO. O FATO DO INDIVIDUO SER VIADO NAO DA A ELE UM VALOR ESPECIAL PARA TER ESTA OU AQUELA LEI PARA ELE. O FATO DE SER MULHER NAO TEM QUE FICAR FAZENDO APOLOGIA A FRAQUEZA DAS MULHERES. BASTA DE HIPOCRISIA E SACANAGEM EM CIMA DE ZE POVAO. O JOGO AGORA NO SECULO VINTE E UM E INFORMATICA VIBRANDO E SOMENTE QUEM TEM GARRAFAS CHEIAS DE VONTADE DE VENCER, VONTADE DE TRABALHAR E VONTADE DE IR PARA A FRENTE QUEBRA TODOS OS OBSTACULOS. AS MULHERES QUIZERAM TER OS MESMOS LUGARES DOS HOMENS AGORA TEM QUE BRIGAR QUE NEM HOMEM NAO TEM QUE TER LEIS ESPECIAIS ISTO E UMA BRAVATA DE SACANAS VERMELHOS SABUDOS DO PODER QUEREREM ARRANJAR VOTOS. SE E MULHER E QUER SE HOMEM QUE BRIGUE QUE NEM ELES, SE E PRETO QUER SER PREFEITO QUE BRIGUE COM INTELIGENCIA PARA SUPERAR A COR. ESTA BURRICE DE QUERER TRATAMENTO ESPECIAL MOSTRA A FRAGILIDADE DE QUEM QUER SER OUVIDO. QUEM QUER SER OUVIDO, TRABALHA, PROGRIDE E VAI PARA A FRENTE E DA CONTA DE SUAS OBRIGAÇOES. NAO MORRO DE AMORES POR WILLIAM WACK NAO SEI SE ESCREVE ASSIM MAS TENHO CERTEZA QUE ESTARA EMPREGADO LOGO LOGO LONGE DA POCILGA QUE SE CHAMA REDE BOBO QUE ESCRAVISA O PESSOAL QUE TRABALHA LA COM APOLOGIA AO CRIME. E UM CRIME QUERER CALAR O CIDADAO NUMA HORA QUE ESTAVA FORA DO AR DE PENSAR E DIZER O QUE ELE QUIZER QUE PAIS DE MERDA E ESSE E A IDIOTICE ANDA A CEU ABERTO. O PAIS QUASE MORRENDO E NEGO SE IMPORTANDO COM CRETINICES. VA TRABALHAR EM VEZ DE COÇAR O SACO VAGABUNDOS VERMELHOS DE MERDA.