segunda-feira, 6 de novembro de 2017

O Povo Brasileiro


Flash Mob da Banda da 1ª DE, em agosto de 2014, no Rio de Janeiro

“País Canalha é o que não paga precatórios”
              
Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira                      

Pela graça de Deus nasci no mais maravilhoso país que existe.

Descrever nossas grandezas é chover no molhado. Assim vamos para os finalmentes.

Nosso povo é o mais generoso, solidário e solícito, para ajudar quem necessite.

Na megalópolis, São Paulo, talvez não haja quem não seja descendente de italianos, já que aqui chegaram por volta de 1.870.

Mais cinquenta anos, seguramente os que nascerem terão pelo menos um antepassado japonês.

Libaneses, sírios e outros povos do oriente médio, já tem seu sangue correndo nas veias brasileiras. Idem os da Europa do leste.

Os de famílias mais antigas, descendem dos índios, de João Ramalho, dos guerreiros portugueses; hoje um deles feito santo. São Nuno de Santa Maria, no século, o fero Nuno Álvares Pereira, pilar da nacionalidade.

Não obstante, nós, o povo, ainda somos chucros.

Sugiro para os que em breve tomarão as rédeas do país, apliquem desde logo ,um choque de civilidade.

Música clássica a torto e a direito. O nosso glorioso Exército tem feito flash mobs em lugares públicos de todo o país. “O Guarani”de Carlos Gomes, óperas de Mozart,Verdi, Rossini, Donizetti e música popular.

A música acalma as feras. Ensinem-se, também, as palavras mágicas:

“Bom dia”, “Por favor”, “Muito obrigado(a)”


Flash Mob da Banda do Regimento Osório


Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

4 comentários:

jomabastos disse...

Um grande choque de civilidade é o que esta grande mas xucra nação necessita.
A violência política e social predominam. A educação social está a perder-se.
O povo está a tornar-se desculturado e com má qualidade na linguagem escrita.
A conjugação dos verbos está ficando esquecida e um deles é a do verbo ter(https://www.conjugacao.com.br/verbo-ter/).

Loumari disse...

A Serenidade

A serenidade não é feita nem de troça nem de narcisismo, é conhecimento supremo e amor, afirmação da realidade, atenção desperta junto à borda dos grandes fundos e de todos os abismos; é uma virtude dos santos e dos cavaleiros, é indestrutível e cresce com a idade e a aproximação da morte. É o segredo da beleza e a verdadeira substância de toda a arte.
O poeta que celebra, na dança dos seus versos, as magnificências e os terrores da vida, o músico que lhes dá os tons de duma pura presença, trazem-nos a luz; aumentam a alegria e a clareza sobre a Terra, mesmo se primeiro nos fazem passar por lágrimas e emoções dolorosas. Talvez o poeta cujos versos nos encantam tenha sido um triste solitário, e o músico um sonhador melancólico: isso não impede que as suas obras participem da serenidade dos deuses e das estrelas. O que eles nos dão, não são mais as suas trevas, a sua dor ou o seu medo, é uma gota de luz pura, de eterna serenidade. Mesmo quando povos inteiros, línguas inteiras, procuram explorar as profundezas cósmicas em mitos, cosmogonias, religiões, o último e supremo termo que poderão atingir é essa serenidade.

Hermann Hesse, in 'O Jogo das Contas de Vidro'

Loumari disse...

I saw the Light by Bill Anderson (with lyrics)

https://www.youtube.com/watch?v=inE1aVb_3tk&feature=youtu.be


I Saw the Light - Hank Williams

I wandered so aimless, life filled with sin
I wouldn't let my dear Saviour in
Then Jesus came like a stranger in the night
Praise the Lord - I saw the Light

I saw the Light, I saw the Light
No more a darkness, no more a night
Now I'm so happy, no sorrow in sight
Praise the Lord, I saw the Light

Just like a blind man I wandered alone
Worries and fears I claimed for my own
Then like the blind man that God gave back his sight
Praise the Lord - I saw the Light

I saw the Light, I saw the Light
No more darkness, no more night
Now I'm so happy, no sorrow in sight
Praise the Lord, I saw the Light

I was a fool to wander and stray
For straight is the gate and narrow the way
Now I have traded the wrong for the right
Praise the Lord - I saw the Light

I saw the Light, I saw the Light
No more darkness, no more night
Now I'm so happy, no sorrow in sight
Praise the Lord, I saw the Light
I saw the Light, I saw the Light
No more darkness, no more night
Now I'm so happy, no sorrow in sight
Praise the Lord, I saw the Light

Praise the Lord, I saw the Light

Loumari disse...

PERSPECTIVE

One day, the father of a very wealthy family took his son on a trip to the country with the express purpose of showing him how poor people live.

They spent a couple of days and nights on the farm of what would be considered a very poor family.

On their return from their trip, the father asked his son, "How was the trip?"

"It was great, Dad."

"Did you see how poor people live?" the father asked.

"Oh yeah," said the son.

"So, tell me, what did you learn from the trip?" asked the father.

The son answered:

"I saw that we have one dog and they had four.

We have a pool that reaches to the middle of our garden and they have a creek that has no end.

We have imported lanterns in our garden and they have the stars at night.

Our patio reaches to the front yard and they have the whole horizon.

We have a small piece of land to live on and they have fields that go beyond our sight.

We have servants who serve us, but they serve others.

We buy our food, but they grow theirs.

We have walls around our property to protect us, they have friends to protect them."

The boy's father was speechless.

Then his son added, "Thanks Dad for showing me how poor we are."

Isn't perspective a wonderful thing? Makes you wonder what would happen if we all gave thanks for everything we have, instead of worrying about what we don't have..

Appreciate every single thing you have, especially your family and friends!

Pass this on to friends and acquaintances and help them refresh their perspective and appreciation.

"Life is too short and friends are too few."

Thanks MIFI