quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Por que Alckmin não tem chance presidencial

       
Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Talvez de maneira nunca antes vista na História deste País, os donos do poder nunca estiveram tão fragilizados na capacidade de influenciar no resultado eleitoral. O temor deles tem dois motivos. O primeiro é o crescimento consolidado da candidatura de Jair Bolsonaro. O segundo é o alto risco de Lula da Silva não conseguir disputar a eleição de 2018. Por motivo de saúde e, sobretudo, por falta de condições morais, se for condenado novamente e tiver sentença confirmada em segunda instância judicial por crimes ligados à corrupção.

Os controladores do sistema de poder no Brasil podem não ter condições de manipulação no Judiciário para salvar Lula. Pior ainda, têm tudo para falhar na previsível tentativa de sabotagem contra Jair Bolsonaro. O tal “Fator Honestidade” parece tão consolidado quanto à candidatura do “mito”. Além dele, o grande tema popular para a eleição de 2018 será a “Segurança”, em seus aspectos policial, econômico e jurídico. O quesito favorece, claramente, Bolsonaro. O discurso dele incorpora o anseio popular. É muito improvável que outro candidato consiga fazer o mesmo. Por mais bem representar o anseio popular por segurança, Bolsonaro tende a crescer.

O “sistema” tem algumas dificuldades para assimilar o eventual retorno de Lula ao Palácio do Planalto. Primeiro, porque se tem a certeza de que ele e os seguidores da seita petralha jogarão todas as fichas em um projeto bolivariano que atrapalha meganegócios. Segundo, porque Lula no poder promoveria um violento ataque contra a Lava Jato e afins, no compromisso de salvar os parceiros na corrupção do próprio PT e do PMDB, PP, PSDB e afins, e a corrupção descontrolada também afetaria negativamente os negócios. Resumindo: os deuses do mercado rejeitam Lula.

O inverso acontece com Bolsonaro. Embora alguns ainda alimentem dúvidas sobre a visão estatizante, desenvolvimentista e interventora do candidato, a maioria avalia que Bolsonaro não atrapalhará os grandes negócios. Já se consolida a imagem de Bolsonaro como um “Trump dos pobres”. O discurso moralista-conservador, principalmente contra a corrupção, sinaliza um ambiente de liberdade e segurança para a retomada de investimentos em empreendimentos fundamentais, principalmente em infraestrutura, que não podem nem devem ser atrapalhados pela ação da corrupta máquina estatal e seus agentes operacionais ou pelos sabotadores ideológicos.

Lula prejudicado. Bolsonaro consolidado e crescendo. Então, o que torna a candidatura de Geraldo Alckmin sem chances de vitória? Primeiro, o seu estilo “Picolé de Chuchu”. Ele é muito fraco – já demonstrou isto na eleição que perdeu feio para Lula – no discurso ofensivo. O estilo “moderador” é ineficaz na campanha programada para uma polarização radical e imagética entre “honestos e bandidos”. O segundo motivo é que ele concorre pelo desgastado PSDB – fatalmente enterrado pelas denúncias contra Aécio Neves. O tal "orgulho tucano" nunca esteve tão abalado...

O terceiro motivo contra Alckmin é o desgaste natural de mais de 20 anos no Governo do Estado de São Paulo. Ele não está preparado para agüentar o volume da pancadaria que tomará dos adversários, inimigos e, sobretudo, do “fogo amigo” tucano. O nome de Alckmin só une o PSDB na base da força. A trituração promovida (por ele) contra João Dória é a prova de que nenhuma candidatura resiste a um movimento de assassinato de reputação. Alckmin será alvo de graves denúncias de corrupção contra a gestão dele no Palácio dos Bandeirantes. O negócio ficará feio quando surgir e se consolidar o candidato anti-PSDB ao governo paulista.

Apenas parece, desenha-se uma falsa impressão, de que o momento atual se parece com 1989 – naquela campanha que elegeu o fenômeno Fernando Collor de Mello, com a violenta sabotagem que impediu a candidatura (imbatível e surpreendente) do showman e empresário Sílvio Santos. Tudo não passa de ilusão, porque Bolsonaro não é Collor. Do mesmo jeito como Luciano Huck ou (o já detonado) João Dória nem chegam perto do que simbolizava, no final da década de 80, o Homem do Baú da Felicidade. Além disso, o descontrole econômico da Era Sarney nem se compara com a crise estrutural de agora – que impede até o mais banal vôo de galinha.

Com o agravamento da descontrolada insegurança com requintes de violência, a presente conjuntura política e econômica está gerando as pré-condições para uma inédita mudança estrutural no Brasil. Curiosamente, a figura hedionda de Lula – se puder disputar a eleição – contribuirá para consolidar a rejeição da maioria dos brasileiros contra os políticos corruptos. Para completar, a quase certa tentativa de sabotagem contra Bolsonaro pode gerar uma revolta inédita da maioria contra o “sistema” (“o verdadeiro inimigo” – conforme prega o Capitão Nascimento de Tropa de Elite I e II).

Independentemente do resultado que tenha, a eleição de 2018 tem tudo para consolidar as pré-condições para as inevitáveis mudanças estruturais que acontecerão, em breve, pela via de uma inédita Intervenção Institucional (ou Constitucional).

Desenhando, para facilitar o entendimento: O Brasil tem de mudar e romper com seu modelo Capimunista meramente rentista, sem compromisso com a produção, emprego e renda, porém aliada aos agentes do Estado-Ladrão. Se a mudança não acontecer, pode ter certeza que “a porrada vai comer”, e o resultado é imprevisível.

Vavá é Lula amanhã


Colabore com o Alerta Total

Os leitores, amigos e admiradores que quiserem colaborar financeiramente com o Alerta Total poderão fazê-lo de várias formas, com qualquer quantia, e com uma periodicidade compatível com suas possibilidades.

Nos botões do lado direito deste site, temos as seguintes opções:

I) Depósito em Conta Corrente no Banco do Brasil.
Agência 4209-9, C/C: 9042-5, em favor de Jorge Serrão.

II) Depósito em Conta Poupança da Caixa Econômica Federal ou em agências lotéricas: 2995 013 00008261-7, em favor de Jorge Serrão.

OBS) Valores até R$ 9.999,00 não precisam identificar quem faz o depósito; R$ 10 mil ou mais, sim.

III) Depósito no sistema PagSeguro, da UOL, utilizando-se diferentes formas (débito automático ou cartão de crédito).

IV) Depósito no sistema PayPal, para doações feitas no Brasil ou no exterior.

Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!


O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 8 de Novembro de 2017.

7 comentários:

Anônimo disse...

quarta-feira, novembro 08, 2017
http://aluizioamorim.blogspot.com.br/
OS VERMES COMUNISTAS ESTÃO AGITADOS
Uma cena que não tem preço é ver um comunista esperneando. É o caso do chefete do PPS -Partido Popular Socialista a sigla mais asséptica que os canalhas comunistas encontraram para enganar os trouxas. Afinal, o PPS é o antigo PCB - Partido Comunista Brasileiro. Aqui mesmo em Florianópolis há uma penca desses psicopatas. Alguns já andam trôpegos urinando na ponta do dedão do pé mas continuam firmes na sua luta contra a "burguesia". Por certo muitos desses tipos foram aquinhoados pela "bolsa ditadura', e ainda têm a cara e a coragem de posar de "vítimas da ditadura".

O chefete desses trastes é o velho comunista Roberto Freire, o presidente do PPS, que costuma aparecer em véspera de eleição. Desta feita os comunistas que dominam as redações da grande mídia sempre que há uma eleição o convocam para conceder entrevista. É nesses momentos que Freire vira uma espécie de ventríloquo e passa a desfiar aquele velho e surrado palavrório das ditas "esquerdas". Eles falam no plural - esquerdas - conceito que envolve desde Fernando Henrique Cardoso até Luciano Huck.

Nesta terça-feira, o indigitado líder comunista Roberto Freire foi 'ouvido'- ou fez-se ouvir... - pelo site O Antagonista e resolveu desancar o deputado presidenciável Jair Messias Bolsonaro. Nesse caso, para tornar seu palavrório palatável, usou o Lula nivelando-o a Bolsonaro. O Roberto Freire pensa que todos - menos ele e seus asseclas, é claro - são idiotas.

É por causa de fake news desse nível que toda a grande mídia já foi para o vinagre. Não é à toa que lutam desesperadamente para manipular a opinião pública de sorte a garantir que os comunistas hoje aliados de primeira hora com os globalistas da diversidade bundalelê continuem no poder. É a tábua de salvação para essas empresas e, por via de consequência, da própria sobrevivência política do esquerdismo.

Não contavam, entretanto, com as redes sociais, blogs e sites independentes. Como também não contavam com o fenômeno Jair Bolsonaro. Seja como for, não tem preço ver esses vermes vermelhos se contorcendo, estrebuchando e babando raivosos.
Postado por Aluizio Amorim às 11/08/2017 02:33:00 AM

Anônimo disse...

Há dificuldade em separar interesse privado do interesse público | Marco...
https://youtu.be/r2LwZDWWoA8

http://libertatum.blogspot.com.br/

Anônimo disse...

quarta-feira, 8 de novembro de 2017
http://poncheverde.blogspot.com.br/
Após ameaça de "ovada", Luciano Huck cancela visita a Curitiba

O apresentador de TV e empresário bilionário janota Luciano Huck, amigão de Aécio Neves, que vem sendo apontado como possível candidato à presidência da República nas eleições de 2018, cancelou nesta terça-feira hoje uma visita que faria a Curitiba nesta quinta-feira (09), para a inauguração de uma hamburgueria no shopping Estação. O motivo foi a notícia de que um grupo estava organizando uma manifestação para jogar ovos no presidenciável. Intitulado de “Ovada no Luciano Huck”, o evento criado no Facebook no último dia 2 tinha até a tarde desta terça-feira 224 pessoas “confirmadas” virtualmente e outros 1,7 mil “interessados”.
“Luciano Huck vem para a festa de inauguração da sua birosca de lanches, vamos lá abrilhantar este dia tão especial. Partiu X-Egg de playboy!”, diz o texto de apresentação do evento, cujos criadores não são identificados. A página exibe ainda reproduções de notícias sobre o apresentador, como a que aponta que ele teria retirado de suas redes sociais fotos com o senador Aécio Neves (PSDB/MG) – acusado de pedir R$ 2 milhões do grupo JBS para pagar advogados nas ações que responde na operação Lava Jato, por suposta obstrução da justiça e recebimento de propina para caixa dois de campanha.
As intenções dos opositores curitibanos de Huck, porém, foram frustradas por um comunicado do restaurante Jeronimo – que o apresentador iria inaugurar – cancelando a visita. A nota afirma que Julio Dursk e Huck, sócios no restaurante, “sabem de sua responsabilidade perante a sociedade, os seus clientes e o público que frequenta o Shopping Estação, por isso não querem causar tumulto ou qualquer desconforto com as atividades de seu empreendimento”, e assim cancelaram a visita.
Postado por Vitor Vieira às 09:10:00

Anônimo disse...

POLÍTICA - OPINIÕES PESSOAIS
https://jurema-cappelletti.blogspot.com

PUTEIRO NACIONAL – A CASA DA MAE JOANA
terça-feira, 7 de novembro de 2017
Reformas
Reformas, reajustes e acertos. Nada será resolvido pela Previdência no comando de Temer, vice na chapa do ex-metalúgico.
Temer é o que sobrou do governo (chapa PMDB e PT) e sairá derrotado, segundo ele mesmo já admitiu, quando parlamentares votarem pela Reforma Previdenciária.
http://www.gazetadopovo.com.br/politica/republica/temer-ja-admite-derrota-da-reforma-da-previdencia-e-poe-a-culpa-em-janot-bvrpx21bm87ome8dioynqsnu0
Segundo disse o próprio Temer :
"Pretendem derrotá-la (a reforma da previdência)
supondo que derrotam o governo.
Não é verdade.
Derrotam o Brasil."
"Engano" do nosso presidente. O Brasil já está derrotado pelas diversas votações que jamais estão voltadas aos interesses dos brasileiros e do país.

OBS.: Salário mínimo será diminuído em R$ 10,00, mas o salário dessa gentalha voltada à política está sempre aumentando, com ou sem crise. Parece até que "eles" vivem num mundo à parte de quem os sustenta!

Postado por Jurema Cappelletti às 04:29

Anônimo disse...

ANONIMO DIZ...
ENQUANTO NAO TERMINAR O TRABALHO DOS EXCELENTES JUIZES MORO E BRETAS. ENQUANTO O BRASIL NAO FECHAR PARA BALANÇO PARA SABER O MONTANTE REAL DO PREJUIZO. ENQUANTO NAO HOUVER A IMPLANTAÇAO DE UMA CONSTITUIÇAO CIDADA EQUIVALENTE A CONSTITUIÇAO DE UNCLE SAM COM MAIS DE DUZENTOS ANOS E MUITO POUCO TOCADA POR VICIADOS EM TOMAR DINHEIRO DO PUBLICO. ENQUANTO NAO RECHAR PARA BALANÇO. ACABAR COM QUARENTA PARTIDINHOS MEIA BOCA CRIANDO SOMENTE TRES. DIREITA CENTO E ESQUERDA QUEM QUIZER QUE SE FILIE A UM DELES. ENQUANTO NAO ACABAR COM INIMPUTABILIDADES DE MERDA. ONDE JA SE VIU UM LADRAO FAZER SEU PROPRIO JULGAMENTO E FAZER SUAS PROPRIAS LEIS MUDANDO TUDO EM VINTE E QUATRO HORAS PARA BENEFICIAR BANDIDOS. EM QUE CONSTITUIÇAO DE MERDA EXISTE ESTA LEI? SO PODE SER LEI IMPORTADA DE MERDA SUL, MERDA EUROPA E MERDA AFRICA QUE NAO FIZERAM SEUS DEVERES DE CASA. ENQUANTO NAO PASSAR A LIMPO TODA ESSA EVOLUÇAO INFERNAL DE SUPREMOS ISTO E AQUILO E A DESPEITO DE CHECHEL E CIA LIMITADA, MINISTRO DA JUSTIÇA E COMPANHIA LIMITADA E OUTROS SONEGADORES DE INFORMAÇOES DO REAL DELITO QUE NOSSO PAIS SOFREU. ENQUANTO NAO RESTABELECER NOSSAS FORÇAS ARMADAS NAS MESAS DE NEGOCIAÇOES AFASTANDO MINISTRECOS DE BOSTA EGRESSOS DE POLITICAGEM RASTEIRA E PASSAR A LIMPO TODA A AVACALHAÇAO SOFRIDA PELO POVO BRASILEIRO. ENQUANTO FICARMOS NESTA PASMACEIRA ASSISTINDO NOVELAS GLOBAIS JORNALISMO MARRON INTERESSADO EM CONTINUAR COM SEU STATUS QUO FORA DA REALIDADE BRASILEIRA USANDO PSEUDO ANALISTAS, PSEUDO INTELECTUAIS DE PORTA DE BORDEU PARA DISSEMINAR ESTAS NOVELAS DE ARAQUE REBENTANDO NOSSA RELIGIAO, CIDANIA E RESPEITO AO CIDADA. PREMIANDO A HONESTIDA, PREMIANDO A SABEDORIA, PREMIANDO O ESTUDO REAL E NAO ESTA HIPOCRISIA INFILTRADA DE CUBA, VENEZUELA E BOLIVIA QUE ENTRARAM NAS PORTEIRAS DO PAIS GRAÇAS A SINDICATOS DE BOSTA, ONGS DE BOSTAS, DIREITO DOS DESUMADOS PORQUE NA REALIDADE SO TEM DIREITOS QUEM TRABALHA. O BRASIL JA MOSTROU QUE NAO PRECISA DE TRES PODERES DE MERDA PARA SOBREVIVER. PORTANTO TEMOS QUE ANULAR O QUE ESTA AI. ZERAR TUDO E FAZER UM NOVO BRASIL. SE NAO HOUVER RESTABELECIMENTO DA LEI IREMOS PARA O BELELEU AFRICA II ENTENDERAM OU QUEREM QUE SE DESENHE. GENERAL HELENO EM CIMA DA PUTADA. ELES NAO GOSTAM DE LEIS SO USAM AS LEIS PARA SE SAFAR DO DELITO. TEMOS QUE MOSTRAR AS VICERAS DO ILICITO ATE O FIM A DESPEITO DE CHECHEU E DO MINISTRO DA JUSTIÇA OU ELES ESTAO CONOSCO OU VAO PARA O VALAO COM O RESTO. FALEI.

jomabastos disse...

.".. a figura hedionda de Lula – se puder disputar a eleição – contribuirá para consolidar a rejeição da maioria dos brasileiros contra os políticos corruptos.". Porque não queremos o Lula, jamais devemos desconsiderar a enorme força que ele tem nas classes mais pobres, nomeadamente no Bolsa Família, onde lá estão mais de 20 milhões de votos. Se o Lula não puder disputar as eleições de 2018, que é provavelmente o que acontecerá, o Bolsonaro não terá candidato opositor à altura, mas este terá sempre que trabalhar com muita solidez a sua campanha eleitoral.

A pobreza, a falta de cultura, a falta de democracia, a violência, o isolamento em que este Brasil vive, etc., são elementos que alimentam e que por vezes podem revigorar o perigoso mundo vermelho do Foro de São Paulo e sua nociva influência na América Latina.
Porque todos nós sabemos que Lula defende descaradamente o comunismo pró-soviético do bolivariano Maduro, e como não queremos nada disso para este país, o Bolsonaro em sua campanha eleitoral, deveria trabalhar com muito cuidado uma boa solução social e econômica para as classes menos favorecidas, pois é aí que reside o cerne das eleições.
Se o Lula for candidato, essa do Bolsonaro se considerar o "Trump" dos pobres, poderá resultar negativo para o próprio Bolsonaro, visto o Trump ser aquele político sobranceiro e algo imprudente em sua política externa, posição essa que poderá acarretar dissabores aos Estados Unidos. O Trump, neste momento, só tem um apoio de cerca de 37% dos eleitores americanos, o pior de sempre em presidentes dos EUA.
O Bolsonaro tem que apresentar em sua campanha boas soluções anti-corruptivas, anti-violência, de segurança pública, políticas, econômicas e sociais que alavanquem o desenvolvimento sócio-econômico do país.

O Governo, o Congresso, os Supremos Tribunais e os rentistas vivem ignorando o maior drama que o nosso país enfrenta atualmente, a catástrofe da corrupção. A nação está completamente desestruturada e por essa razão há que formular uma nova Constituição, a qual não deve ser executada por políticos profissionais, nem ter a sua interferência.
Necessitamos de uma Intervenção Constitucional, para que todas as instituições possam vir a trabalhar com normalidade política, econômica e Social

Anônimo disse...

Enfim um pouco de clareza!! Continuem assim, por meio de aproximações logarítmicas...

A compreensão de quem vos lê tem que ser facilitada. Não dá para ficar só nos esforços do dedicado presidente do Club Nacional e nos divertidos vídeos do youtube do J. Márcio.