sábado, 10 de fevereiro de 2018

Medo e desterro


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Renato Sant’Ana

Parecia que era só uma tirada espirituosa do senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA): com tantos venezuelanos fugindo para o Brasil, ele propôs que se mudassem para a Venezuela aqueles que defendem o cruel regime de Nicolás Maduro e, "em troca, receberíamos aqui as vítimas daquela ditadura". Mas ele não queria fazer graça.

Pouco a pouco, a omissa imprensa brasileira vai desvelando os fatos: a Venezuela vive uma crise humanitária sem precedentes. Aos milhares, todos os dias, venezuelanos atravessam a fronteira do Brasil, fugindo da fome, da falta de remédios, do desemprego, de uma inflação de quatro dígitos e da perseguição estatal. Apenas na cidade de Boa Vista, RR, há mais de 40 mil deles, desde pessoas com baixa instrução até profissionais de diferentes carreiras universitárias.

A maioria concentra-se nas diversas praças da cidade, sendo escassos os abrigos improvisados pelo poder público. Quem vê aquela multidão de miseráveis (famílias inteiras dormindo ao relento, sem um teto, sem um lar), não imagina que, em seu país, boa parte já teve casa própria e uma vida estável.

Tangidos pelo desespero, sem dinheiro para uma passagem de ônibus, a maioria aventurou-se por centenas e até milhares de quilômetros em território pátrio antes de alcançar a fronteira. E os 218 km da BR-174, da fronteira até Boa Vista, foram vencidos a pé ou, com sorte, de carona.

Por trás de tanto sofrimento, está o sórdido governo de Nicolás Maduro, que destruiu a economia do país, acabou com a liberdade de imprensa e cassou direitos individuais; que instituiu um Estado policial, multiplicando milicianos a seu serviço, praticando a "política do medo", prendendo e torturando opositores do regime.

E é vergonhoso e muito triste saber que, em tudo isso, há impressões digitais brasileiras. Lula e Dilma ajudaram o "projeto de poder" do chavismo, garantindo Nicolás Maduro no comando, um desqualificado em todos os aspectos imagináveis.

É horripilante pensar que a Venezuela está assim porque "avançou" na execução do projeto proposto pelo nefasto Foro de S. Paulo, exatamente o mesmo que o PT quis impor ao Brasil. Sim, não fosse o mensalão e, depois, a Lava Jato, a venezuelização do Brasil teria sido completa. O senador Flexa Ribeiro não estava caçoando.

Veja a louvação petista à ditadura bolivariana:


Renato Sant'Ana é Psicólogo e Bacharel em Direito

Nenhum comentário: