sábado, 24 de fevereiro de 2018

O Marechal Nascimento e os Golpes de Mestre


Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Não basta combater os bandidos do andar de baixo da periferia ou da cobertura triplex. A única salvação segura é exigir e promover mudanças na estrutura injusta e corrupta da máquina estatal brasileira. O Crime continuará dominando e desgovernando o Brasil, se não forem tomadas decisões duras para um efetivo aprimoramento institucional nos poderes Executivo, Legislativo, Judiciário e o Militar – este último o sustentáculo de todos os outros.

Queiram ou não queiram, os militares têm imensa responsabilidade política com as transformações estruturais que não podem mais ser adiadas no Brasil. Por isso, os Generais não podem cometer a ingenuidade de embarcar na falsa avaliação de que as mudanças ocorrerão nas atuais regras do jogo em vigor. Afinal, o regramento excessivo foi feito para o Crime deitar e rolar. Ora ajuda a punir e destruir os inimigos, ora permite salvar, juridicamente, a pele dos bandidos.

Se agirem e pensarem assim, os Generais perderão, de véspera, as batalhas e a grande guerra contra criminosos de toda espécie. Militares podem tudo, exceto terminarem como perdedores. A História costuma ser implacável com os derrotados por falta de visão estratégica da duríssima realidade. A desmoralização nem sempre consegue ser revertida no curto e médio prazos. No longo prazo, quase sempre, o derrotado encontrará mais dificuldades de sobrevivência em um ambiente hostil.

Os bandidos se reinventam em alta velocidade, criatividade e malandragem cínico-pragmática. Seus adversários e combatentes correm alto risco, sobretudo se agirem com lentidão e baseados em conceitos (e preconceitos) errados, fora da realidade e distantes da verdade. Geralmente, as grandes cagadas acontecem quando a solução de problemas parte de pressupostos errados, parcial ou inteiramente falsos. Os modelos de combate ao Crime, por exemplo, cometem tal pecado. Desconhecer o verdadeiro inimigo – e como ele opera – é um pecado capital.

Pouco importa classificar (ou não) a “Intervenção Federal” no Rio de Janeiro como um “Golpe de Mestre”. É altíssimo o risco do suposto “Mestre” sofrer um grande contragolpe. Os Comandantes das Forças Armadas serão obrigados a lidar com a corrupta malandragem de muitos “companheiros” das Forças Auxiliares de Segurança. Precisam saber que muitas regras vigentes no universos dos quartéis do Exército, Marinha e Aeronáutica não valem nada nos batalhões da PM, Bombeiros e na barbárie dos presídios.

Outro problemaço é a cultura malandra do Crime no teatro de operações – onde operações teatrais realmente só beneficiam os bandidos armados (fardados ou não). As ordens dos Generais podem ser facilmente sabotadas pelos oficiais das Forças Auxiliares. Nas “comunidades”, os jovens ignorantes e malandros têm plena capacidade de abalar e destruir o moral da tropa. Até porque a guerra é mais cultural do que simplesmente bélica. Dar porrada e tiro, em mera repressão, claramente não é a solução. Aliás, até agora, nada disso de certo, e tudo indica que não dará...

Militares precisam ganhar a confiança da população da periferia, agindo com rigor no estilo “prende e arrebenta”? Santa ingenuidade, Batman... Apesar de exploradas e escravizadas, elas são aliadas (culturais e operacionais) dos “narcos” – que atuam como comerciantes ilegais de drogas & outros serviços, mas também operam como guerrilheiros culturais, com fins políticos (ideológicos e eleitorais).

A saída? Só tem uma: Intervenção Institucional profunda. Primeiro, na máquina estatal e na sua Constituição Legal. Quase ao mesmo tempo, de imediato, na expressão Cultural-Educacional (formação familiar + ensino de qualidade). É prioridade máxima e urgentíssima fechar a fábrica de mão-de-obra para a bandidagem (seja do andar de baixo da periferia ou da cobertura triplex).

Firmado o novo pacto psicossocial (Cultural e Educacional), junto com o aprimoramento das instituições públicas, aí sim teremos chances reais e objetivas de mudanças para melhor. Sem a Intervenção Institucional ampla, geral e irrestrita, assistiremos (ou sofreremos) o mero processo de enxugamento de gelo na “guerra” contra o Crime Institucionalizado e sua Corrupção Sistêmica.

A Lição básica? O Inimigo é o Sistema Estatal e sua “cultura” criminosa. Contra tal inimigo, o Capitão Nascimento não faz milagre. Precisamos do General Nascimento – que tenha visão Estratégica capaz de definir e praticar a tática correta contra a ditadura do Estado-Ladrão e seu “exército” bandidos (repito, do andar de baixo da periferia ou da cobertura triplex).

General Nascimento, por favor, não queime o filme! Ajude o Brasil a ganhar o Oscar... E não vale o prêmio de melhores efeitos especiais, com o emprego exagerado e caro de “forças especiais”...

General Nascimento, por favor, seja estrategista. Do contrário, será mais um Peru de Natal. Morrerá de véspera... E o Crime vai comemorar mais um golpe de mestre contra o General – que tem o dever básico de saber como combater e vencer seu verdadeiro inimigo...

Marechal Nascimento, please, apóie a Intervenção Institucional. O resto é mera operação teatral no teatro de operações...

Cruzada Cristã contra o Comunismo

A  Cruzada Cristã Contra os Comunistas é convocada neste sábado 24/02/18, a partir das 8:00 da manhã, no evento "O BRASIL QUE NÃO  QUEREMOS",  que ocorrerá  em Natal – RN.

Será  transmitido  ao vivo e simultaneamente pela internet.

Link para divulgação:  Fanpage livretv.com





Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 
A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 24 de Fevereiro de 2018.

12 comentários:

Anônimo disse...

O ANTAGONISTA
Os ministros de Lula no STF
Brasil 24.02.18 07:04
A prisão de Lula pode ser o estopim para uma crise generalizada no país.
É o que “admitiram” ministros do Supremo em conversas recentes, segundo o Painel da Folha.
“De perfil pouco incisivo, Rosa Weber tornou-se o centro das atenções. Ela votou contra a prisão após a condenação em segunda instância no ano passado e, neste ano, quando o assunto voltou, fez mistério.”
ANONIMO DIZ....
ESTE MANTRA ELABORADO PELA CORJA VERMELHA DO PAIS ESTA MAIS DO QUE ESTRAGADO. ESTA PODRE.
O QUE CAUSA CRISE NO PAIS E A CONDUTA LESIVA, VAGABUNDA, SEM VERGONHA, OCULTADORA DO CADAVER AMBULANTE QUE E LULA DA SILVA.
NOSSO PAIS ESTA EM CRISE EXISTENCIAL. FALENCIA TOTAL DE TODOS OS ORGAOS. SIMANCOL DA CLASSE POLITICA, DOS SUPREMO ELEITORAL E FEDERAL, DOS MINISTERIOS TODOS, DOS CINQUENTA PARTIDINHOS MEIA BOCA, DE ORGAOS DA JUSTIÇA SUPERIOR QUE FICAM FAZENDO CHICANAS, RODEIOS E MAIS RODEIOS COMO SE TODOS FOSSEM AUTISTAS E COMO SE ZE POVAO FOSSEM TODOS RETARDADOS MENTAIS.
QUALQUER PESSOA BEM DOTADA FISICAMENTE, MORALMENTE, INTELECTUALMENTE SABE QUE ESTE MASSACRE GENERALIZADO PROVOCADO POR AUTORIDADES QUE DEVERIAM PURA E SIMPLESMENTE OCUPAR OS LUGARES QUE OCUPAM FAZENDO SOMENTE O MALDITO TRABALHO A QUE TEEM O DIREITO DE FAZER E SE NAO TEM CONDIÇOES PORQUE ESTAO MAIS DO QUE ENFIADOS DENTRO DO MESMO MANTRA DEVERIAM SE JULGAR IMPEDIDOS MAS PARA ISSO DEVERIAM SER HOMENS E MULHERES DIGNOS E NAO ESTAS PEÇAS VULGARES, ADULTERAS E SEM VERGONHAS QUE SE APOSSARAM DAS BATAS SOMENTE PARA SE ENGRANDECER FINANCEIRAMENTE SOMENTE PARA SE COLOCAR COM O BOI NA SOMBRA DEIXANDO PARA O RESTO DA NAÇAO ESTE DELIRIO DE QUE ESTAO FAZENDO UM PAPEL MAIS DO QUE INADEQUADO SENDO SOMENTE MAIS UMA PEÇA DE XADREZ MOVIMENTADA PELA MAFIA QUE OS COLOCOU NO LUGAR QUE ESTAO OCUPANDO.
ORA VEJAMOS QUE PAPEL ESSES CRETINOS ESTAO PENSANDO QUE ESTAO FAZENDO PERANTE A JUSTIÇA DO MUNDO QUE REALMENTE TRABALHA? QUE PAPEL ESTES VIGARISTAS ESTAO FAZENDO PERANTE O POVO BRASILEIRO QUE REALMENTE TRABALHA, QUE ESTA ATRAVANCADO DE IMPOSTOS E QUE FINALMENTE PARA NAO CANSAR ESTA CANSADO DA MERDIA PORCA DE CINCO MAMBEMBES QUE ESTAO COM OS COFRES CHEIOS DE PROPINAS DAS VACAS E BOIS GORDOS CHEIOS DE PRIVILEGIOS DESTES TRES PODERES DE MERDA.
ESTAO USANDO NOSSAS FFAA PARA CONTINUAR A LADAINHA DE LEVAR ESTA PODRIDAO ATE A HORA DAS NOVAS ELEIÇOES. QUANDO SERVIRAO COMO CARDAPIO A MESMA MERDA DE SEMPRE E TENDO COMO CHAVE DO COFRE AS MAQUININHAS FAJUTAS QUE O SUPREMO BESTEIROL ELEITORAL INVENTOU E QUE NAO PODE SER AUDITADA.
ESTAO SENDO MASSACRADORES DE NOSSA PACIENCIA, MASSACRADORES DE NOSSA VERGONHA E DE NOSSA INTELECTUALIDADE QUE NAO TEM MAIS ESPAÇO PARA CONTINUAR A OUVIR A MESMA HIPOCRISIA CRETINA DE SEMPRE.
CONTINUA...

Anônimo disse...



ANONIMO DIZ CONTINUA II

O QUE ESTRAÇALHA NOSSO PAIS E A POUCA VERGONHA, SIMANCOL E VIGARICE DE CINQUENTA PARTIDINHOS MEIA BOCA FAZENDO APOLOGIA AO CRIME.
NAO VEMOS NENHUM DESSES PARTIDOS SE JUNTANDO PARA ELOGIAR OS TRABALHOS DE JUIZ MORO, DO JUIZ BRETAS, DAS FFAA. NAO VEMOS NENHUM DELES CRITICANDO E PEDINDO PARA COLOCAR NA CADEIA QUEM ESTIVER PREVARICANDO EM VEZ DE TRABALHAR.
O QUE VEMOS E UM MUTIRAO DE SEISCENTOS DEPUTADOS FEDERAIS, FORA OS ESTADUAIS E MUNICIPAIS, OS SENADORES, GOVERNADORES E PREFEITOS E O GOVERNO CENTRAL FAZENDO UM MUTIRAO INCLUSIVE USANDO NOSSAS FFAA COMO PANO DE CHAO.
QUE SAUDADE DO BRASIL QUANDO AQUI TINHAMOS HOMENS REALMENTE HOMENS E MULHERES REALMENTE MULHERES.
FIZERAM DE NOSSO PAIS UM CHIQUEIRO. ESTAMOS CHEIOS E PORCOS. HOMENS E MULHERES SEM NAÇAO, SEM NOÇAO, SEM SABEREM SE SAO HOMENS, MULHERES QUE VIVEM FAZENDO APOLOGIA AO CRIME DEFENDENDO CADA UM SEU ESPAÇO. SAO OS PRETOS DEFENDENDO OS PRETOS E OS BRANCO DEFENDENDO OS BRANCOS, OS VIADOS DEFENDENDO VIADOS, AS LESBICAS DEFENDENDO LESBICAS, OS COMUNISTAS DEFENDENDO SUA TESE, OS RELIGIOSOS DEFENDENDO SEUS QUADRADOS EM VEZ DE TEREM UMA IDEIA GENIAL DE QUE TODOS SOMOS BRASILEIROS E QUE PRECISAMOS QUE DEFENDAM NOSSO PAIS PORQUE VIRAMOS UM LIXO MUNDIAL. VIRAMOS UMA PIADA MUNDIAL QUE DIVICILMENTE TRARA DE VOLTA CREDITOS DE PAISES COMO OS ESTADOS UNIDOS E OUTROS QUE NAO ESTEJAM FILIADOS A RAÇA HIPOCRITA E CONIVENTE DE MERDA SUL, MERDA EUROPA E MERDA AFRICA QUE NUNCA FIZERAM SEUS DEVERES DE CASA E AGORA VIVEM DESPEJANDO SUAS MAZELAS PELO MUNDO AFORA.
NOSSO PAIS QUE PODERIA SER REFERENCIA MUNDIAL NAO SO PELAS RIQUEZAS QUE PRODUZ ATRAVANCADO POR UMA RAÇA PODRE QUE SO ESTA INTERESSADA EM MANTER PRIVILEGIOS E PREVARICANDO, PREVARICANDO. TODOS ESTAO TRABALHANDO PARA MANTER SEUS PRIVILEGIOS DE MERDA.
JUIZES DO SUPREMO MAIS DO QUE MARCADOS COMO BOI E VACAS ESTAO EMBARGANDO NOSSA VIDA, EMBARGANDO NOSSA VITORIA E EMBARGANDO A CONSTITUIÇAO PERNETA DESTE PAIS QUE JA FOI GRANDE E AGORA E NADA MAIS NADA MENOS DO QUE UMA TREMENDA MASSA FECAL.CONTINUA....

Anônimo disse...



ANONIMO DIZ CONTINUA III E TERMINA

DEVEMOS QUASE UM QUADRILHAO EM DIVIDA EXTERNA FORA A INTERNA QUE VIVE SENDO ENTERRADA E NAO SO ISSO VIVE SENDO ROLADA AD AETERNUM.
O SEM CARATER DO MERDELLES JA ESTA DISTRIBUINDO A GARFADA QUE VAI DAR NO POVO BRASILEIRO SEM RETIFICAR NADA. O GASTO SEMPRE SOBRA PARA NOS E AINDA TEM A PAVONICE DE QUERER SE INSTALAR COMO PRESIDENTE DA REPUBLICA NAO BASTA O QUE FAZ QUE E SER UM CRETINO CONIVENTE COM O ERRO E O CRIME.
O QUE NOS RESTA REALMENTE? SO RESTA REZAR PARA DEUS TER PENA DE NOS PORQUE ESTAMOS NO FUNDO DO MAR DE MERDA E LAMA CRIADO POR AUTORIDADES DE MERDA QUE NAO REPRESENTAM NADA, NEM A PROPRIA INSTITUIÇAO CHAMADA CONSTITUIÇAO PERNETA DEFECADA DIARIAMENTE PELOS VAGABUNDOS CONSTITUINTES DE MERDA DE 88 O SEM VERGONHA DO PMDB TEMEROSO E SEU LUGAR TENENTE O VILAO JOBIM QUE VIVE NA ENCOLHA COM O MALANDRO DO GILMAR FEDES, LEVANDOWISKI E TOFFOLIS COM SUAS DIARREIAS MENTAIS E COM MEDO DE IR EM CANA.
VEJO CLARAMENTE QUE QUEM MANDA NESTA POCILGA E O ZE DIRÇA, O LULA LADRAO A PUTA PORCA E O VAGABUNDO SEM VERGONHA TEMER QUE GASTAONOSSO DINHEIRO PARA NOS MANTER PRESOS PARA SEMPRE E COM SEU RABO FEDIDO E VELHO ATRAZANDO NOSSAS VIDAS E ACARRETANDO MAIS PREJUIZOS AO SOFRIDO POVO BRASILEIRO. E ESTAMOS VENDO QUE ATE NOSSAS FORÇAS ARMADAS QUE JA FOREM REFERENCIA MUNDIAL E TAO AVILTADA PELA MALANDRAGEM VERMELHA ESTA OUTRA VEZ SERVINDO DE PANO DE CHAO PARA ESTA RAÇA MALEFICA E NAO CHIAM E NEM BOTAM A BOCA NO TROMBONE. PELO VISTO AS NOSSAS FFAA ESTAO SEGURANDO ESSES TRAZEIROS FEDIDOS NO PODER PARA SEMPRE.ESPERO QUE COM BONS MOTIVOS E NAO SOMENTE PARA SATISFAZER OS EGOS DOS MALANDROS DO PODER. PELO VISTO A MERDA SERA SEMPRE A MESMA O QUE MUDA SAO AS MOSCAS. VAMOS CONTINUAR NA MESMA DIARREIA MENTAL DE SEMPRE COM A MERDIA FAZENDO SEU PAPEL QUE E DE FINGIR QUE ESTA COBRINDO TUDO. QUANDO NA REALIDADE TAMBEM ESTAO PENDURADOS NOS RABOS DA HIPOCRISIA REINANTE NO PAIS QUE INFELIZMENTE SE TRANSFORMOU NESTE IMENSO BOLO FECAL.

Anônimo disse...


LOROTAS POLÍTICAS & VERDADES EFÊMERAS
sábado, 24 de fevereiro de 2018

A GUERRA MAIS IMPORTANTE
Ninguém nega que numa operação dessas há risco de abusos, ou que eles devem ser denunciados

Seja por oportunismo político, seja por convicção genuína, o fato é que a decisão do governo Temer de apelar para a intervenção federal no Rio suscitou intenso debate sobre a criminalidade no País. E poucas vezes ficou tão clara a divisão: de um lado estão aqueles que mascaram a defesa da impunidade com a preocupação com eventuais abusos dos militares, e do outro estão aqueles que simplesmente não aguentam mais o domínio escancarado dos bandidos.

A turma da extrema esquerda correu para tentar impedir a medida, sob o disfarce de ameaça aos “direitos humanos”. Ora, ninguém nega que numa operação dessas há risco de abusos, ou que eles devem ser denunciados. Tampouco se rejeita condições humanas para os marginais detidos. A questão é outra, e no fundo os socialistas sabem disso muito bem, mas tomam o partido dos bandidos, por afinidade ideológica (o roubo visto como um ato de “justiça social”).

Tampouco a medida improvisada está isenta de críticas legítimas. Ao contrário! A direita entende que colocar o Exército na rua é medida emergencial, e que sem outras mudanças estruturais será apenas como enxugar gelo. Não o quer a esquerda, como legalização de drogas, soltura de bandidos ou “investimento social”, mas sim seu oposto: endurecer com os marginais, construir mais prisões, reduzir a maioridade penal, permitir posse de armas aos cidadãos, acabar com as proteções descabidas de quem comete crimes.

Se a guerra contra o crime é necessária, ela representa apenas o começo. Mais importante é a guerra cultural, das narrativas. Ora, em qualquer situação de guerra, presume-se que haverá fatalidades, e que o inimigo não merece tratamento VIP. As baixas já temos, mas concentradas hoje na população trabalhadora. Os marginais já contam com muitas regalias também. É essa mentalidade que precisa mudar.

Quem anda nas favelas carregando um fuzil senão um perigoso assassino? A mesma esquerda que aplaude se o governo proíbe um cidadão honesto de ter uma simples pistola em casa, acha que o bandido com arma de guerra deve ser tratado com leniência? Se tem uma arma dessas na mão, então é alvo a ser eliminado, ponto. A vida do policial e a segurança do povo são as prioridades, não os “direitos” de quem declarou guerra ao sistema.

24 de fevereiro de 2018

Anônimo disse...

http://aluizioamorim.blogspot.com.br/

O EXÉRCITO ESTÁ PROIBIDO DE 
COMBATER OS CRIMINOSOS
 NO RIO DE JANEIRO
Por J.R. Guzzo
Está tudo perfeitamente correto com a intervenção do Exército no Rio de Janeiro, mesmo porque não há nada que os militares possam fazer a respeito ─ receberam ordens legais, aprovadas por vasta maioria de votos no Congresso, para patrulhar as ruas da cidade, e não poderiam recusar-se a cumpri-las. Mas está tudo errado com a desordem criada na segurança jurídica no Brasil pela ação conjunta de governo, deputados e senadores, juízes e procuradores, ministros dos tribunais superiores e quem mais tem alguma coisa a ver com a aplicação da lei neste país. Esta desordem, como é bem sabido por todos, é hoje o grande incentivo ao crime: transformou o direito de defesa num Código Nacional da Impunidade. Essa situação fornece tantos privilégios aos criminosos, e coloca obstáculos tão grandes à sua punição, que acabou por dissolver a autoridade pública, as leis penais e o sistema Judiciário, hoje humilhados diariamente pelo crime e impotentes para proteger os direitos do cidadão que os bandidos violam como bem entendem. Criou-se um estado de quase anarquia. Aí não há Exército que pode resolver ─ nem o brasileiro e nem o dos Estados Unidos, com o seu efetivo de 1,3 milhão de homens, o seu orçamento de 600 bilhões de dólares por ano e o seu arsenal inteirinho de bombas atômicas.
O Exército brasileiro não pode resolver o problema porque tem de respeitar as leis ─ e as leis criadas há anos pelos donos do poder impedem que a força armada cumpra a missão que recebeu. O resumo da história é o seguinte, para quem não quer passar o resto da vida discutindo o assunto: a tropa enviada ao Rio de Janeiro está legalmente proibida de combater o inimigo contra quem foi despachada. Muito simplesmente, não há no momento para o Exército enviado à frente de combate as “regras de engajamento”. Como uma força militar pode trabalhar desse jeito? Qualquer exército decente do mundo tem suas regras de engajamento ─ até uma tropa ONU em missão de paz. Do contrário, é um ajuntamento de homens com armas na mão. Essas regras são o conjunto de instruções precisas sobre o que os soldados e oficiais devem ou não devem fazer quando entram em ação. Uma das principais é atirar no inimigo. Não se trata de sair dando tiro por aí, mas também não é uma opção em aberto. Um sujeito que porta um fuzil automático no meio da Avenida Brasil para assaltar um caminhão de carga, por exemplo, ou desfila armado pelas favelas, é um inimigo ─ e, portanto, um alvo. Ou não é? Aqui, pela regra, não é. Pelas nossas leis, não há inimigo. Conclusão: o Exército está no meio de uma guerra no Rio, mas nossas leis e tribunais dizem que a tropa do outro lado encontra-se sob a sua benção.
CONTINUA...

Anônimo disse...


CONTINUA II E TERMINA

Nossos soldados, assim, se veem na extraordinária situação de não poder atirar no agressor ─ não têm, para tanto, a autorização da lei, nem sua proteção. É como se numa guerra o soldado que matasse o inimigo armado fosse depois levado ao tribunal de júri e processado por homicídio. Quer dizer: o Exército foi chamado para combater o crime, mas está impedido de combater os criminosos. Não tem “poder de polícia” ─ na verdade, tem menos liberdade que a PM do Rio. Não pode prender sem mandato judicial. Não pode revistar um prédio sem licença do juiz. Serve para ficar na rua, aparecer em fotos e fazer os bandidos tirarem umas férias, até a hora de ir embora e entregar o território de novo para eles. Enquanto isso, soldados e oficiais têm de rezar para não precisarem atirar em legitima defesa; vão dizer, aí, que o Exército matou “um civil”. É uma espécie de falência mental coletiva. Para a mídia, os ministros do Supremo, os pensadores políticos e por aí afora, não há assaltantes nos morros do Rio de Janeiro; há civis. É o triunfo do crime, para a tranquilidade dos defensores da nossa democracia.
ANONIMO DIZ...
ESTA ORQUESTRAÇAO FOI PROMOVIDA PELO TROMBADINHA TEMER E O JOBIM ASSOCIADOS A ALA PODRE DO SUPREMO BESTEIROL ELEITORAL GILMAR FEDES E SEUS CUMPADRES LEVANDOWISKI E TOFFOLIS E SUAS MAQUININHAS QUE NAO PODEM SER AUDITADAS. ESTA LEVANDO A TROLHA DE LIXO INCLUSIVE ENVOLVENDO AS FFAA. COM ELES ELES PENSAM E LEVAR O LIXAO ATE AS ELEIÇOES FAJUTAS. O MESMO DO MESMO.

Anônimo disse...

RVCHUDO
sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018

Na ausência de mídia, apelam pro vitimismo.
AS FOTOGRAFIAS ESTAO NO BLOG ACIMA

É a desempregada com cabeça de cogumelo que não arruma emprego por carregar uma floresta na cabeça,;

É a outra que acha que policial tem que ter bola de cristal para realizar uma abordagem!

Preconceito foi ela omitir a "cumunidade" onde mora, Cidade de Deus, se referindo só a Jacarepaguá. Talvez porque na "cumunidade" ela sofra o que todos os moradores e visitantes sofrem, ter que piscar o faro, acender luz interna e se identificar dizendo aonde vai, tudo isso sob a mira de fuzis. Bem que ela podia também fazer um videozinho denunciando o que os traficantes fazem com os moradores.

Vou dizer, gente chata do crl! Mimizentos até o inferno
anônimo diz...
ESSE E O FUTURO DO PAIS OS FAVELADOS, OS PRETOS, OS VIADOS, AS SAPATONAS, AS RELIGIOES CADA UM ACHA QUE ESTA ACIMA DA LEI.
JESUS CRISTO RESPONDEU A PILATOS QUE PERGUNTOU A JESUS SE OS JUDEUS DEVERIAM RECOLHER TRIBUTOS A CEZAS.
ELE QUE E O FILHO DE DEUS E E TAO MASSACRADO ATE HOJE DISSE.
ELES TEM QUE DAR A CEZAR O QUE E DE CEZAR.
E POR ESSAS E OUTRAS QUE TODOS ELES QUE ESCONDEM E CAMULHAM DE JESUS E O FILHO DE DEUS SAO OS QUE NAO GOSTAM DE PAGAR IMPOSTOS MAS QUEREM E FORÇAM OS DIZIMOS.
E E POR ESSAS E OUTRAS QUE ELES NAO GOSTAM DE CRISTO E O CRUCIFICAM OUTRA VEZ TUDO E EM RAZAO DO DINHEIRO.
E POR ISSO QUE NAO ACEITARAM CRISTO. ETA RAÇA QUE SO VISA O DINHEIRO.JESUS VAI VOLTAR OUTRA VEZ E VAI FAZER JUSTIÇA, E OS TRES MACAQUINHOS, NAO VEJO, NAO OUÇO E NAO FALO SERAO PUNIDOS OUTRA VEZ. QUEM VIVER VERA.

Loumari disse...

Jorge Serrão escreveu: Pouco importa classificar (ou não) a “Intervenção Federal” no Rio de Janeiro como um “Golpe de Mestre”. É altíssimo o risco do suposto “Mestre” sofrer um grande contragolpe.


OBS: Senhor Jorge Serrão, para todos nós que observamos a intervenção pragmática das forças militares no Rio de Janeiro, o nosso maior temor é de virmos a assistir um novo Mogadíscio.
"A queda do falcão preto"

Anônimo disse...

O que o presidente Temer, na qualidade de Comandante Supremo das Forças Armadas, jamais deveria esquecer, é que seus subordinados ou comandados, ganham ainda as migalhas deixadas pelo PT.Só lembrado a ele que a Policia Militar do Distrito Federal, que é paga pelos mesmos cofres, ou seja da União,ganham muito mais que os seus assemelhados das Forças Armadas.Quem garante a segurança nacional, ou local, como está ocorrendo no RJ?
Perguntar não ofende.

Nivio Ribera disse...

Conforme solicitado pelo Editor do Alerta total Jorge Serrão, comunicamos que estamos publicando na minha página do face book alguns artigos do Alerta Total que julgo interessantes de esclarecimento para a opinião pública. Nivio Ribera

nisof disse...

Todos os dias o mesmo blá, blá, blá, mas Lulaladrões estão livres!

Nivio Ribera disse...

Tem uma deputada aloprada que declarou que as FFAA só podem atirar depois de alvejadas confundindo alvejar com lavar com sabão OMO. rsrs...