quinta-feira, 8 de março de 2018

Cartilha para a Onça


Já que o STF resolveu que grávidas ou mães de 
crianças até 12 anos não podem ficar na prisão...

“País Canalha é o que não paga precatórios”

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira                  

Como desratizar o ambiente, a felina sabe como ninguém. Não vamos ensinar o Padre Nosso ao vigário.

Pretendemos, no máximo, fazer sugestões úteis para o futuro.

A reforma tributária é a prioridade número um.

Os atuais quase cem impostos atravancam o progresso e punem quem gera riquezas.

Só com a adoção do Imposto Justo, com os mesmos softwares da CPMF, é que libertaremos os empreendedores do jugo da Receita (a mesma que exige CPF de criança de nove anos mas foi incapaz de coibir o roubo dos políticos traidores da Pátria).

Os técnicos de alto nível intelectual e profissional, deverão ser transferidos para a fiscalização dos Impostos de Importação e Exportação, que evitarão o dumping e o desabastecimento, sem foco meramente arrecadatório.

Antes não podiam atuar por imposição de chefes corruptos e/ou traidores.
Os jornais até noticiaram a existência de uma Lista VIP de intocáveis.

Depois de alguns fuzilamentos, restabelecida a boa conduta no serviço público, o país terá um surto de progresso inimaginável.

A recuperação da malha ferroviária (burra e criminosamente destruída) e a melhoria geral da infraestrutura, serão levadas a efeito, em novas bases; sem concorrências fraudulentas.

Com o crescimento econômico desaparece o flagelo do desemprego.

A renda do povo será dobrada ou triplicada; recupera-se o mercado interno.

A segunda providência deverá ser a reforma da educação, sem ideologias.

Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

3 comentários:

Loumari disse...

She by Charles Aznavour

https://www.youtube.com/watch?v=5sOb1lRnMRA


Bem aventurada a mulher que não desiste dos seus desígnios, que se levanta depois das quedas, que se fortalece diante dos problemas e que, com pequenos gestos e carisma consegue traçar caminhos de esperança, desfilar os melhores sorrisos e encantar a todos com sua alegria e determinação.

Parabéns a te e a todas mulheres, que Deus continue iluminando os seus passos e a sua vida ricamente.

Feliz dia das mulhere!

Rubens Silvio de Almeida disse...

Importa notar que a malha ferroviária mostrava problemas já na sua implantação.
Com o advento da economia cafeeira e a necessidade de escoar a produção para os portos (Santos, principalmente), foram implantadas a Mogiana, Sorocabana, Noroeste, Paulista e Central do Brasil desde meados do século dezenove. Com bitolas diferentes, não havia integração no modal ferroviário, como não há até hoje, no que resta de ferrovias em operação.
Naquela época, na Europa e Estados Unidos, as respectivas malhas ferroviárias já estavam. praticamente, definidas, com bitola única. Nos Estados Unidos, por exemplo, um vagão, com mercadorias ou uma mudança de alguma família, pode ser carregado na costa oeste e chegar, o mesmíssimo vagão, na costa leste.
Será que ninguém sabia disso, aqui no Brasil? Os investidores, a maioria externos, por certo, sabiam.
Por que cometeram esse crime de bitolas diferentes? Porque alguém, com a mão molhada, deixou.

Anônimo disse...

Loumari, o Dia internacional da Mulher é uma comemoração do calendário maçônico (como o Dia das Mães, dos Pais, da Criança etc.), criado para as pessoas esquecerem o calendário da Igreja Católica que celebra os santos.