sexta-feira, 13 de abril de 2018

Estertores


“País Canalha é o que não paga precatórios”

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira

Gigantes polititicos, resfolegantes (como neste país nunca dantes), outrora circunspectos senhores (só na aparência) agora testemunham (ou tristemumunham ?) a própria decadência.

Em seus estertores rezarão para N. Sra. das Dores?

Apavorados por patrióticos clamores, sabem que seus fétidos odores, mais dia ou menos dia, atrairão a ira da nação.

De nada valer-lhes-ão os seus pertences ou amigos de fancaria, já que o povo não mais se ilude e alcançar-lhes-á como imparável avalanche não contida por precário talude.

Cobrarão antigos favores de urubus inconfiáveis ?

Para eles agora são um estorvo. Como hamletiano corvo, responderá o mais ingrato: Quem são vocês?

Como da Hydra de Lerna, há que cortar todas as cabeças.

Felizmente dona Onça bem conhece o inimigo.

Que não pereça como Hércules em razão do próprio veneno do monstro.

O melhor de sua atuação (da felina) será restaurar nossa dignidade e amor próprio.

Como no 19 de abril de 1.648, unamo-nos todos, os brasileiros de bem, para expulsar o invasor de nossas almas e de nossa juventude.

Atingirão o grau de beatitude os chefes de tão urgente e importante tarefa,
Que para sempre serão reverenciados como grandes Defensores do Brasil.

Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

Um comentário:

JESUS disse...

LULACÚ, LULAGINA