quarta-feira, 11 de abril de 2018

Lula gostaria de ficar preso em unidade da Marinha



Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

O PT é mesmo um partido que, se não pratica o crime, faz apologia dele. Mesmo sabendo que o pedido da candidatura presidencial do presidiário Lula será negado pelo Tribunal Superior Eleitoral, a direção do partido resolveu que ele, livre ou solto, fará pré-campanha até 15 de agosto – data limite para registro de candidaturas. Lula é fake. Fernando Haddad deve ser o cabra marcado para perder.

Na verdade, a prioridade petista será a campanha: #LulaLivre! O objetivo seria quase impossível, não fosse o Brasil o País da impunidade ampla, geral e irrestrita. Os caríssimos advogados de Lula entraram com o último recurso, em segunda instância, contra a condenação no caso triplex: os embargos dos embargos no ao Tribunal Regional Federal da 4ª Região. Uma nova derrota é previsível. A defesa de Lula joga para a galera dele.

A próxima armação é tentar que Lula seja transferido para uma unidade militar, preferencialmente da Marinha, bem distante de tudo e de todos, onde seria improvisada outra sala especial, mais confortável, para abrigar preso tão ilustre. O pedido pode ser aceito, já que a presença de Lula na salinha de 15 metros quadrados na Superintendência da Polícia Federal na República de Curitiba causa grande confusão e risco de conflito entre opositores e fanáticos seguidores do $talinácio da Silva. Só falta entrar com um pedido de “habeas copus”, porque a crise de abstinência não deve estar fácil para quem prefere uma água “mineiral” em vez da simples mineral...

Alvo de uma inédita ação movida pelo desembargador aposentado Laércio Laurelli, pelo advogado Luís Carlos Crema e pelo jurista Modesto Carvalhosa, o ministro Marco Aurélio de Mello suspendeu por cinco dias a liminar que poderia livrar da cadeia condenados em segunda instância – incluindo Lula. O ministro tinha embarcado na armação do advogado Antônio Carlos de Almeida Castro, o famoso Kakay, que usou o partido PEN (atual Patriotas) para mover uma ação declaratória de constitucionalidade (ADC) com a tese furada de que a prisão só pode ocorrer após esgotados os recursos em todas as instâncias do Judiciário.

Kakay queria fazer a alegria dos vários clientes que defende na Lava Jato. Acabou destituído ontem pelo Patriotas. A ação fora movida por ele em maio de 2016. Em outubro daquele ano, o STF indeferiu uma liminar do PEN, mantendo a decisão da prisão após esgotados os recursos em órgão colegiado da segunda instância judicial. Agora, o ministro Marco Aurélio, providencialmente, tentou recolocar a apreciação do caso na pauta do Supremo. Certamente, foi apenas uma coincidência com a proximidade da votação do habeas corpus e decretação de começo de cumprimento da pena de Lula...

O Patriotas foi o partido que quase conseguiu armar uma arapuca para o presidenciável Jair Bolsonaro. Ele quase se filiou ao partido para disputar a corrida maluca ao Palácio do Planalto em 2018. Nos bastidores, já estava armado um golpe baixo contra o pré-candidato. No momento derradeiro do registro de candidatura, o Patriotas faria uma convenção e decidiria se aliar a outro bloco de partidos. Bolsonaro ficaria sem legenda. Armação percebida, Bolsonaro se filiou ao PSL que aceitou dividir poder com a família do deputado federal.

As armações ilimitadas para libertar Lula continuam fortíssimas. O ministro Gilmar Mendes recebeu (em mãos para decidir) um habeas corpus coletivo, de um grupo de advogados do Ceará, que requer a liberdade de todos os que se encontrem presos com condenação em segunda instância. Na tarde desta quarta-feira, às 16 horas, o Senado receberá uma outra ação movida pelos advogados Laércio Laurelli, Luís Carlos Crema e Modesto Carvalhosa pedindo o impeachment de Gilmar Mendes.   

Ontem, a segunda turma do STF deu mais uma moleza para os condenados na Lava Jato. Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski e Dias Toffoli (com voto vencido de Edson Fachin) ordenaram a transferência de Serginho Cabral Filho co cárcere curitibano para um presídio no Rio de Janeiro – de onde o ex-governador havia sido acusado de usar e abusar de mordomias. É mais um golaço contra a Justiça. Viva Cabral, craque na roubalheira pública...

E assim vamos em frente, aguardando os próximos capítulos da novela Justiça, populismo judiciário ou impunidade – sucesso em Bruzundanga.

E sejamos humanitários: habeas copos para o onesto Lula! Cana nele! Em todos os sentidos... Muito embora #LulaLivre seja um bom nome para batizar um goró, mistura de cachaça vagabunda com suco de impunidade, sem o gelo curitibano... 

Mala perdida


Dilma não sabe onde pôs a mala e governou o Brasil. Continua a mesma.











Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 
A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 11 de Abril de 2018.

7 comentários:

Anônimo disse...

Por isso o almirante não abriu o bico? Tem treta com a Marinha? Um foi preso.
Vai ver quer ficar nos paraísos de bases da marinha praia, sol curtição.

Anônimo disse...

Carlinhos Vidente diz que Lula não é pessoa que aguenta ficar muito tempo preso e, deprimido, pode atentar contra a própria vida (que falta faz a disciplina de um pai na formação da personalidade equilibrada de um filho e a criação de um chantagista emocional que quer ameaçar permanentemente um país de "apertar o botão"!). Se Lula for transferido para uma unidade militar bem distante de tudo e de todos e tentar o que teme o vidente, quem será responsabilizado eternamente pela esquerda?

Anônimo disse...

NA MARINHA NAO!

Ecoovila Ecologia Cooperativa Vila Planalto disse...

O CISNE BRANCO NAO VAI RECEBER LULA AINDA QUE O RESPEITE PELO QUE DE BOM FEZ PELO BRASIL CUMPRIRA SUA PENA LONGE DE MACULAR A HAVA NAGILA

Anônimo disse...

Deixa ele preso em Fernando de Noronha.

Anônimo disse...

Depois que o Lulalá disse.“Eu não sei se cabe a esses militares gostarem ou não gostarem. Ela, Dilma, é a chefa (sic) suprema das Forças Armadas. Indicou o ministro e acabou. Não se discute. Estou cagando e andando para esses caras. Os militares, no meu governo, tiveram que me aguentar e viviam me enchendo o saco, pedindo migalhas de reajuste. Pediam uma coisa, eu enrolava e nunca dava o que eles pediam. Depois dava uma esmola qualquer e não me sacaneavam mais. Não tenho medo deles. Nunca tive".Se ele for para um quartel qualquer,das Forças Armadas,aí é que ele vai continuar cagando e andando para os militares.Por que ele não continua lá com os PFs?

Anônimo disse...

A Marinha tem um presídio militar na ilha das cobras, na baía da Guanabara!