quarta-feira, 4 de abril de 2018

STF entendeu recados do povo e dos militares?



Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão 5.2 - serrao@alertatotal.net

O povo na rua em manifestações expressivas e os recados diretos dos membros do Alto Comando do Exército, com a solidariedade de Oficiais-Generais na reserva, fortaleceram a pressão sobre os 11 ministros do Supremo Tribunal Federal para a decisão se Lula e outros menos votados podem ser presos ou ficarem soltos, após o fim de recursos judiciais por tribunal colegiado em segunda instância, antes de todo o (infindável) trânsito em julgado do processo. Lula tem um salvo conduto do STF.

Até o Jornal Nacional da Rede Globo se viu forçado a terminar a edição de ontem à noite com duas mensagem por escrito, via Twitter, do General Eduardo Villas-Bôas: “Nessa situação que vive o Brasil, resta perguntar às instituições e ao povo quem realmente está pensando no bem do País e das gerações futuras e quem está preocupado apenas com interesses pessoais”. Villas-Bôas reiterou: “Asseguro à Nação que o Exército Brasileiro julga compartilhar o anseio de todos os cidadãos de bem de repúdio à impunidade e de respeito à Constituição, à paz social e à Democracia, bem como se mantém atento às suas missões institucionais”.
  
Outros membros do Alto Comando comentaram a twittada de Villas-Bôas. O General de Exército José Dias Freitas escreveu: “Mais uma vez o Comandante do Exército expressa as preocupações e anseios dos cidadãos brasileiros que vestem fardas. Estamos juntos, Comandante”. O General Geraldo Miotto seguiu a mesma linha: “Comandante!!!!! Estamos juntos na mesma trincheira!!! Pensamos da mesma forma!!! Brasil Acima de Tudo!!!! Aço!!!”. Traduzindo os recados: os militares jogaram na ofensiva na guerra de comunicação. Os petistas na Rede Globo já reclamam que “o recado do General foi incompatível com sua função constitucional”...

O ministro interino da Defesa, o também General de Exército Joaquim Silva e Luna, tentou botar panos quentes no recado, alegando que “não há reprovação dentro do governo”. Silva e Luna ponderou: “O general Villas Boas tem mostrado coerência, é uma marca de sua gestão. Ele tem preocupação com preceitos constitucionais. E valoriza nossas bases, que são os anseios do povo, o legado em termos de valores para as gerações futuras. A mensagem é que a população pode ficar tranquila, pois as instituições estão aqui. Não é uma mensagem de uso da força. É o contrário”.

O Supremo Tribunal Federal parece ter entendido, direitinho, os recados das ruas e da caserna. Sob fortíssimo esquema de segurança para impedir protestos violentos na Praça dos Três Poderes, o STF começa a decidir, na tarde histórica deste 4 de abril de 2018, se concede ou não o Habeas Corpus em favor do condenado em segunda instância Luiz Inácio Lula da Silva. Os 11 ministros terão de eliminar a dúvida se a decisão a favor ou contra o ex-Presidente terá ou não repercussão geral. Mas isto pode não ser resolvido na apreciação do HC do $talinácio. Outros “onestos” mais votados ou menos aguardam, ansiosamente, pelo fim jurídico dessa polêmica.

Quando deve ser o começo do cumprimento efetivo da pena de condenados a prisão por órgão colegiado em segunda instância judicial? Eis a questão... O Alerta Total insiste: Qualquer decisão que o STF tome na quarta-feira será ruim, pois, certa ou errada, será baseada na Constituição-Vilã de 1988. Se libertar Lula, é porque a Carta Magna permite. Se mandar prender Lula – e tantos outros -, tudo também estará embasado na Lei Maior. Ou seja, na prática, vale tudo...

A desqualificada Constituição de 1988 é a fonte causadora dos grandes problemas brasileiros. Seu texto permite variadas interpretações, conforme a ocasião e os interesses. A única saída segura para o Brasil é uma Intervenção Institucional que permita a criação de um núcleo monolítico de poder para funcionar como um Moderador capaz de assegurar a Liberdade e a Democracia (a segurança jurídica, institucional e individual que nunca ou raramente tivemos no Brasil).

As mudanças estruturais são imprescindíveis e inadiáveis. Os brasileiros honestos estão no embalo do General Miotto: “Aço!!!”... Pacificamente, o povo esclarecido foi ontem à noite para as ruas. Justamente porque sabe que as Forças Armadas estão ao lado da cidadania e contra o regime totalitário do Crime Institucionalizado, limpando o Estado, reinventando-o e restabelecendo as instituições.

Botar Lula ou não na cadeia é apenas um mero detalhe. Como bem pergunta o jurista Antônio José Ribas Paiva, defensor da Intervenção Institucional: “A prisão do Lula vai limpar o Judiciário, o Legislativo e o Executivo? Ou os brasileiros continuarão escravos da Ditadura do Crime?”.

A resposta está com as forças patrióticas, civis e militares...

Liberdade ameaçada?

Pegou mal, em dia de povo na rua, que o ministro Marco Aurélio de Mello tenha pautado para julgamento neste 4 de abril, também, a apreciação suprema do Recurso Extraordinário 806.339-SE.

A medida judicial trata da Liberdade de Reunião e Manifestação Pública...

Será que o STF quer dar uma de Corte Suprema Bolivariana, para restringir a livre manifestação pública?

Telegrama ao Supremo

Enviado pelo Desembargador aposentado do TJ-SP à ministra Cármen Lúcia:

“Com a subida honra, a Associação de Juízes Anticorripção (AJA), com laços no Brasil e exterior, vem, na qualidade moral e ética, manifestar irrestrito e insuperável apoio à prisão depois da decisão em segundo grau. O mundo global e corporativo não mais nos permitem conjugar imunidade com impunidade. O Brasil tem pressa e aguarda julgamento sereno e condizente com a grave crise institucional que mergulha o país numa ebulição de vozes sem eco algum na cidadania e representatividade. Fraternalmente, Desembargador Laercio Laurelli, no exercício da função de direção da AJA”.

IBOPE x BOPE

Piadinha seríssima que circula nas redes sociais:

A professora pergunta na sala de aula:

- Quem sabe a diferente entre IBOPE e BOPE?

O estudioso Joãozinho levantou a mão rapidinho e respondeu:

- Essa é fácil, ‘fessora’. O IBOPE aumenta o número de eleitores de Lula. E o BOPE diminui...

Claro que o craque Joãozinho tirou nota 10, e ainda mandou parabéns para o Editor-chefe deste Alerta Total que faz 5.2 neste 4 de abril...






Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 
A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 4 de Abril de 2018.

7 comentários:

Loumari disse...

Feliz aniversário ao nosso correspondente permanente no Brasil, o editor em chefe do Alerta Total, JORGE SERRÃO.
Que a graça de Deus de Israel vele pelos seus caminhos. Que o Senhor Jesus Cristo lhe envolva com a sua esfera protectora.


Happy Birthday, Rio Salsa Style! Cumpleaños Feliz!

https://www.youtube.com/watch?v=F0YoyVuoS48

Anônimo disse...

Parabéns, Serrão. Muitos de vida e felicidade!

A nação espera ansiosamente que os militares tomem uma atitude para afastar o crime organizado do poder. O povo ta do lado das Forças Armadas. Aço, Selva! Que venham tirar o Brasil do poder do crime organizado.

Anônimo disse...

Jorge Serrão vc não passa de um vagabundo, um canalha que lava dinheiro com esse golpinho cínico de doações para esse blog lixeba. Vai trabalhar de verdade pilantra, viver na moleza é coisa bem típica de pessoas do seu tipo, que não tem moral alguma pra falar de corrupção, vc é um bandido e não é a toa que faz parte desse satanismo chamado maçonaria.

Kozel® disse...

Parabéns, muita saúde sucesso e paz nesse dia tão especial. Forte abraço e obrigado por manter esse espaço guerreiro sempre na vigília.

Anônimo disse...

O min. Fachin está deixando claro que a controvérsia em sede de “habeas corpus” se resume a examinar a legalidade e o eventual abuso de autoridade na determinação da prisão.
Fica claro que aquele min. que quiser envolver a discussão da questão da prisão em 2ª instância está envolvido em conchavo para salvar Lularápio da prisão.
ANTONIO AUGUSTO.

Anônimo disse...

É, o circo pode pegar fogo mais rápido do que imaginam. É melhor que o Renan, Sarney et caterva enveredem por outra via.

Anônimo disse...

Vc é um merda Serrão, por que não postas a verdade sobre a tua lavagem de dinheiro por meio dessas doações bandidas? Canalha, enricando sem trabalhar e sem prestar contas.