sábado, 14 de abril de 2018

Tudo é Efêmero

“País Canalha é o que não paga precatórios”

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira

A frenética época em que vivemos (da informação instantânea, da vertigem emocional, dos “curtir” ou “não gostei) torna tudo efêmero.

Hoje em dia, os afetos não duram (os ódios talvez durem um pouco mais), os objetos são descartáveis e os relacionamentos são superficiais.

A discussão da moda é sobre as “fake news”.

Lana caprina.

Nada dura mais que uma semana.

O ídolo de ontem é o anônimo de hoje.

Os amáveis leitores foram alertados tempos atrás sobre o perigo da superexposição nas redes sociais.

O escândalo do Facebook com a Cambridge Analytica está apenas começando.

No Brasil parece que há mais de quatrocentos mil afetados.

Num tempo em que os atentados contra ex-espiões indesejáveis é feito com material radioativo, onde poderemos ter segura nossa breve e frágil vida.

Quem não acredita na existência do anjo da guarda está, ainda, em pior situação.

Só a Divina Providência pode nos salvar.

Manet immota fides.

Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

Nenhum comentário: