sábado, 19 de maio de 2018

Manda quem pode; obedece quem não tem alternativa



Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Sabe por que a Rainha da Inglaterra manda muito além dos meros domínios dos territórios britânicos? Primeiro, porque a família dela desenvolveu, ao longo da História, a tecnologia para o exercício do Poder Real Mundial. Segundo, porque ela tem os controladores globalitários da Oligarquia Financeira Transnacional trabalhando para ela. Terceiro, porque o resto do planeta aceita ser súdito dela - que comanda os protetorados britânicos, onde ficam os paraísos fiscais...

Neste sábado, o Reino Unido exerce todo o seu poder simbólico na transmissão televisiva, ao vivo, do popular filho da falecida Princesa Daiana com uma bela plebéia afrodescendente. Não foi à toa o toque simbólico da expressão do poder como o Príncipe Harry se vestiu para o casamento: com traje de gala militar – e não como uma elegante roupinha de príncipe ou na indumentária civil.  

A chegada de Meghan Markle à família real é a confirmação de todo o esforço da realeza britânica em se alinhar aos novos tempos. A avaliação é da idealizadora e coordenadora do curso de Formação Executiva em Moda da Fundação Getulio Vargas (FGV), Paula Acioli. A especialista avalia que a realeza procura diálogo com as novas gerações, que, certamente serão as futuras apoiadoras da continuidade do sistema monárquico no Reino Unido, um dos mais prestigiados e longevos do mundo.

Paula Acioli lembra que desde o casamento de Elizabeth II, o primeiro enlace real a ser televisionado para o mundo, os casamentos da realeza britânica passaram a ser acontecimentos aguardados mundialmente, uma espécie de "Oscar Real", onde as atenções se voltam para o que os noivos e convidados estão vestindo ou como estão se comportando.

A professora Paula Acioli destaca: "No casamento de Diana e Charles, nos anos 80, houve uma audiência mundial incrível, e essa audiência só aumenta com o passar do tempo, e é claro, com a ajuda da Internet. Serão bilhões de pessoas assistindo à transmissão, ávidos por todas as informações acerca do evento: do vestido de Meghan à presença dos convidados. A curiosidade é grande sobre, por exemplo, o que Meghan e sua mãe estarão vestindo, se Kate, mesmo recém-saída da maternidade, aparecerá no casamento com os três filhos".

A coordenadora da FGV ressalta ainda que apesar de suas poucas chances de chegar ao trono, Harry é um dos nomes mais famosos da família real, e o público britânico acompanhou sua trajetória desde seus primeiros minutos de vida. Segundo Paula Acioli, um dos motivos que o fazem essa figura tão atraente para os súditos da família real é a percepção da aparente mudança de comportamento do ex-"bad boy real."

Paula explica: "Harry era, a seu modo, o "bad boy" da família real, vivia se metendo em confusões e escândalos típicos de jovens rebeldes. O público parecia gostar pois ele ia contra os padrões de comportamento, mas certamente era uma fonte de preocupações para a realeza. O casamento com Meghan Markle, mesmo sendo ela ativista e extremamente moderna para os padrões reais, parece ter sido uma espécie de alívio para a Casa Real. Para eles, o rebelde finalmente parece que tomará jeito e se aquietará com o casamento, que como sabemos, é uma instituição sagrada para as realezas, pois dele nascem os herdeiros que irão reinar".

Em homenagem à festança britânica, nosso lendário Negão da Chatuba já avisou que comerá enroladinho de salsicha. Acompanham o repasto britânico muitos goles de Samanaú – para matar o Presodentro Lula de inveja com gole de sua cachaça preferida, lá de Caicó, no Rio Grande do Norte. O Afrodescendente de New Iguaçu lamenta que não tenha sido convidado para o casamento do príncipe que lembra o velho boneco Falcon. Fica para a próxima...

Quebrando o protocolo, como irônico súdito forçado, só me resta mandar mil beijos para a Rainha Elisabeth. Assim cumpro meu doloroso papel de Bobo da Corte... Enfim, manda quem pode... Obedece quem não tem alternativa... E a gente segue agüentando, por aqui, o reinado do crime institucionalizado, com o consolo da estrela do Presodentro brilhando na gelada cadeia curitibana...

Como diria o imortal Ibrahim Sued: “Sorry, Periferia”...

Dilma nos Três Neurônios éinacreditável...


Até a Presidenta tem uma aparição inesperada no 12º programa dos Três Neurônios. Como dizem que ela só tem dois, você pode rir com 5 neurônios, já que um dos nossos não conta. Entendeu? Não... Então, vá ensacar vento e comer mandioca. Porém, antes, assista ao vídeo. Clique no link e viralize: https://youtu.be/tLElU1oWtcg





Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 
A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 19 de Maio de 2018.

2 comentários:

EASY LISTENING AND OTHER DELIGHTS disse...

God Save The Queen.
Vida longa para "Zé Caroco", Lularápio e Palocci. O inverno de Curitiba dará as melhores qualidades de uma vida longa.

Anônimo disse...

O artigo do jornal francês de autoria do "Lula", foi escrito com a ajuda da Dilma? hehehe.